O CAMINHO DA ESPIRITUALIDADE PODE NOS ENSINAR MAIS DO QUE PENSAMOS…

caminho

5 Erros Comuns Que Algumas Pessoas Cometem em Sua Jornada Espiritual

post-09-14-1 (edited)

Por: Fransiska Dewi

 

“Eu ainda tenho um longo caminho a percorrer, mas já estou tão longe de onde eu comecei que estou orgulhoso disso”.
~Desconhecido

Assim como qualquer aluna, cometi erros ao longo da minha jornada espiritual.

Embora eu prefira ver os erros como oportunidades de aprendizagem, abaixo estão algumas coisas que aprendi a não fazer durante meus anos de meditação, desintoxicação de fins de semana e esforço constante para permanecer no lado divino da vida.

1. Procurando Respostas Externamente

Quando comecei a meditar regularmente, experimentei um aumento na intuição.

Incentivada por isto, sempre tentei encontrar sinais para guiar todas as decisões que tomei. Quando esperava ver 11:11, sentir uma borboleta no meu ombro, ou simplesmente encontrar um trevo de quatro folhas, eu estava buscando a resposta lá fora.

Fui de um professor espiritual para outro, tentando encontrar aquele que me daria a “resposta”.

Esta mentalidade “o Universo me deve uma explicação” paralisou-me de ser auto suficiente na determinação da direção de minha própria vida.

Você sabe o que realmente funciona? O trivial de sentar-se, fechar os olhos e se concentrar na respiração. Sim, a boa técnica antiga. Nosso coração sempre conhece a resposta, mas nossa mente muitas vezes está dispersa para escutar.

2. Pensando Estar Acima Dos “Não Iluminados”

Quando comecei no meu caminho espiritual, condenava aqueles que não meditavam.

Eu chegava a dar voltas para me afastar daqueles que não podiam manter conversas sobre energia positiva e a lei da atração. Pensava neles como infelizes mortais que nunca viveriam a vida completa que eu vivia.

Mas então conheci pessoas não espirituais que são mais positivas do que muitas pessoas espirituais que conheço. Embora nunca tenham um diário de gratidão, elas são felizes e contentes com sua vida.

Elas podem ter escolhido não caminhar conscientemente no caminho do amor, mas elas demonstram todos os aspectos de tê-lo em abundância.

Eu descobri que a espiritualidade não é sobre o quanto você sabe sobre chacras ou como sua dieta é livre da crueldade com os animais.

É sobre como você incorpora a positividade em sua vida, às vezes mesmo sem perceber.

3. Apego a Uma Prática Espiritual

Um ano atrás, comecei a participar de uma aula de meditação ambulante. Nós fomos convidados a praticar todos os dias, mas eu muitas vezes não conseguia fazer.

Então me sentia mal por mim mesma, finalmente deixei de fazer isto completamente porque eu não queria lembrar do meu fracasso.

Você já iniciou um ritual de meditação diária para reduzir sua ansiedade, e ficar ainda mais ansiosa nos dias em que não conseguia encontrar tempo para meditar? Comigo foi assim.

Quando confiamos em rituais para nos sentir melhor, às vezes nos tornamos demasiado apegadas a eles. Da próxima vez que você estiver fazendo sua meditação diária, pergunte a si mesmo, você está fazendo isso por amor próprio pelo medo de não fazê-lo?

Uma maneira fácil de responder a isto é observar se você está meditando como um ato de autocuidado ou então para se sentir bem em cumprir sua lista de tarefas.

A chave para práticas espirituais saudáveis é fazer para melhorar seu bem-estar, não como um senso de realização ou para elevar sua autoestima.

Você se lembra do clichê, mas que está dizendo uma verdade: “Quando você realmente ama alguém, você ama apesar de suas falhas, não só por causa de suas boas qualidades”?

Agora eu sinto o suficiente, apesar de não fazer meus rituais, não por causa dos meus rituais.

Então, se eu não dispor de trinta minutos para passar em silêncio hoje. Eu continuo sendo a criatura funcional e magnífica que sou.

Só que quando eu gasto os trinta minutos com o foco na minha respiração, ele aumenta o meu EU já maravilhoso.

4. Fazer Coisas Boas Apenas Para se Sentir Valorizada

Esta é apenas outra forma de anexo, embora de fora pareça muito positivo. Sim, seus arredores provavelmente se beneficiarão disto.

No entanto, você já ficou brava porque alguém rejeitou seu gesto agradável ? Se sim, então este é o seu problema.

Você se sentiu assim porque não estava fazendo isto por eles, você estava fazendo isto por você.

Talvez você esperasse que eles retribuíssem, ou talvez você estivesse usando eles como uma ferramenta para acumular um carma bom (dharma).

Eu também fui culpada nisso. Alguns meses depois do meu primeiro emprego fora da faculdade, eu realmente queria ser curada e queria “espalhar o amor”.

Eu enviava longos e agradáveis e-mails para meus colegas, o que acabou por ser ineficaz, já que demoravam muito para lê-los. Além disso, eu voluntariamente estava tentando ajudar as pessoas sem avaliar se a minha assistência iria beneficiar ou sobrecarregar.

No meu quarto mês, eu queria saber “Por que eu não sou amada por todos ?” Em retrospectiva, suspeitei que eles pudessem pressentir a minha falta de sinceridade e me senti desconfortável com isto.

A chave para fazer boas ações é lembrar que você está fazendo isto para os outros, portanto, seu foco deve ser sobre eles, não sobre você.

5. Pensando na Espiritualidade Como um Destino, Não Uma Jornada

Conheci muitos gurus espiritualmente iluminados, e nenhum deles afirmou que terminou de se melhorar. A espiritualidade é uma jornada longa e em constante mudança.

Eu costumava acreditar que, se eu fosse espiritualmente desperta, nunca mais me aconteceria alguma coisa ruim. Eu nunca me sentiria triste, só ficaria rodeada de pessoas agradáveis, e então a vida sempre seria positiva.

Eu não poderia estar mais errada. A espiritualidade não consiste em suprimir ou diminuir o seu lado escuro

A espiritualidade consiste em elevar sua atenção para um nível onde você sempre pode fazer a escolha consciente de fazer o que é certo, apesar do que acontece e do que está sentindo.

Ao longo da jornada espiritual, você finalmente aceita que sempre tem opções. E isto pessoal, é o verdadeiro significado da liberdade.


Origem: Humans Are Free
Fonte: Humans Are Free | 5 Common Mistakes People Make on Their Spiritual Journey
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

Via: 5 Erros Comuns Que Algumas Pessoas Cometem em Sua Jornada Espiritual | A Luz é Invencível

Anúncios

Um comentário em “O CAMINHO DA ESPIRITUALIDADE PODE NOS ENSINAR MAIS DO QUE PENSAMOS…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s