SE VOCÊ OFERECE AO MUNDO O QUE LHE AGRADA, LHE DÁ ALEGRIA E INSPIRAÇÃO, VOCÊ ESTÁ NO CAMINHO CERTO…

Qual caminho seguir

ESTAR TRAVADO

5f4d7-yeshua_talit

Mensagem de Jeshua

Canalizada por Pamela Kribbe
em junho de 2019

.

Queridos amigos, Eu Sou Jeshua.

Estou aqui entre vocês para que nos conectemos e possamos compartilhar nossas energias. A energia que trago funde-se com a energia e a luz de vocês e com a sabedoria que acumularam em todas as vidas que viveram aqui na Terra. Deste modo, nós juntos formamos um canal para a exteriorização do conhecimento apropriado para o momento presente.

Estamos canalizando juntos. Peço a cada um de vocês que perceba sua participação nesta canalização e sinta que não é apenas um ouvinte, um estudante em busca de respostas, mas é também o professor que conhece e sente as respostas dentro de si mesmo, e que deseja transmitir este conhecimento a outros que o estão buscando.

Você desempenha estes dois papéis. Você é o buscador, aquele que está constantemente crescendo e ocupado renovando-se e expandindo-se. E, ao mesmo tempo, enquanto este processo está acontecendo, você também transmite sua energia a outras pessoas, que talvez não estejam tão adiantadas em seus processos de mudança; e que se beneficiam com suas descobertas e realizações internas, que você lhes transfere de maneira natural.

A arte de ser um professor espiritual não tem a ver com a capacidade de expor seu conhecimento de uma forma eloquente e perfeitamente formulada, mas de transmitir a essência desse conhecimento de modo natural, autêntico, que carregue a vibração da alegria de viver e da liberdade, com um sentimento de confiança e fé.

Há momentos em que você sente essa vibração muito claramente, e logo se percebe conectado com o âmago do seu ser. Seu ensinamento, então, não é algo que você faz ou dá para o mundo exterior, mas é algo que você é; é a sua vibração natural que se irradia espontaneamente para os outros.

Se estiver sempre se perguntando: “Qual é exatamente a intenção do trabalho espiritual que vim realizar na Terra?”, vá para as profundezas do seu ser onde reside a simplicidade – a verdade do seu ser único. Se você se conecta com esse centro e age a partir daí, não importa muito de que forma permite que sua energia flua para o mundo.

Tudo o que lhe agrada, que lhe dá alegria e inspiração, pertence a você; e, se oferecer isso ao mundo, você será recompensado, no devido tempo. Não busque sua segurança em formas e meios materiais, mas no seu próprio centro, onde reina paz, naturalidade e simplicidade.

Quero que saiba que, quando lhe digo estas coisas, é também o Uno em seu interior que está falando.

Quero expressar a sua voz nesta canalização, unida e combinada com a minha própria vibração. Juntos formamos um campo, e esta é a intenção. Não sou um professor que está acima de você e possui todas as respostas. É certo que toda alma expressa sua própria sabedoria de uma forma única, que se funde em um campo vasto e brilhante com todo tipo de sombras e facetas diferentes.

Orgulhe-se de quem você é e nunca tente imitar outra pessoa. Descubra quem você é e então estará na sua forma mais bela e mais pura. As respostas para todas as questões encontram-se no seu núcleo central, nas profundezas do seu ser; lá onde tudo flui com facilidade e você pode exclamar, “Sim, isto é realmente fácil! É isto que eu sou – um ser ilimitado e livre. Medo e carência não são reais; eles não podem tocar-me verdadeiramente.”

É claro que existem momentos na sua vida – assim como na de todo ser humano – em que você perde a conexão com seu centro e tudo se torna sombrio e escuro, e o medo e o desespero tomam conta de você – energia negativa, como costumam dizer.

Você se desconecta do seu centro e, então, tudo que antes parecia simples e claro, passa a parecer complexo e complicado, levando-o a pensar demais e a se preocupar profundamente com tudo. Você anda em círculos e fica preso, como uma agulha de fonógrafo que emperra numa ranhura do disco, enquanto este continua girando, sem que nada aconteça de fato. E esta situação lhe traz um desgaste energético e uma tristeza desesperadora, que podem levá-lo à depressão.

Caso esteja preso, duas coisas podem lhe acontecer: ou você se liberta ou acaba se enredando mais ainda, até chegar num ponto em que está tão travado, que algo tem que ser feito.

Energeticamente, a vida nunca para – ela não pode ficar parada – portanto você atrairá um acontecimento, ou ocorrerá uma erupção interna, que o forçará a mudar de direção. A nova direção será sempre mais intensa do que a antiga, mas lhe oferecerá novas oportunidades e a chance de seguir novos caminhos.

Sob uma perspectiva cósmica, ninguém pode realmente ficar travado – a vida continua a fluir por você, mas, mesmo assim, você ainda pode ter a sensação de estar preso, bloqueado.

O que isto significa, de fato, é que você anseia por algo com o qual já tem uma ligação emocional, mas que ainda não chegou à sua vista e alcance; algo que permanece além do seu horizonte particular. E então tem a sensação de estar preso, e isto lhe traz frustração e desapontamento, que parecem confirmar que você está travado.

Como sair de tal situação?

A primeira coisa a fazer é abandonar o julgamento de que algo deu errado. Provavelmente você pensa consigo mesmo: “Eu já deveria ter chegado lá, minha meta era já ter conseguido isto ou aquilo… e eu falhei!” Este julgamento empurra-o para baixo e o mantém mais fortemente preso no lugar.

Se você olhasse para si mais objetivamente, de um ponto de vista ligeiramente mais elevado, poderia dizer: “Aparentemente existe algo que acho muito preocupante e com o qual tenho dificuldade de lidar, e por isto ainda não estou na situação que desejo estar.”

Se conseguir olhar desta maneira para a sensação de estar preso, isto poderá ser um incentivo para você se analisar e investigar o que deseja ser visto. O que você encontrará serão emoções contraditórias: uma parte sua ansiando pelo novo, pelo que o realiza e lhe traz maior criatividade e inspiração; enquanto outra parte está se agarrando ao antigo, por medo de liberá-lo e, com isto, abandonar a segurança.

Como lidar com esse medo?

Se estiver tentando dar um grande passo em direção à renovação, o ideal é desapegar-se da sua velha identidade e tornar-se uma nova pessoa. É a isto que se refere a literatura espiritual quando fala de um novo nascimento, ou um segundo nascimento. Entretanto, pode estar certo de que você não vai desapegar-se tão facilmente da sua velha identidade!

Ela foi construída cuidadosamente e consiste, em grande parte, de uma mistura complexa de mecanismos e padrões de sobrevivência, comportamentos que você usava para evitar e escapar de emoções difíceis. Você começa a fazer isto quando criança.

Para uma criança, esta é, geralmente, sua única estratégia de sobrevivência, pois as emoções que ela experimenta podem ser avassaladoras demais para serem compreendidas pelo seu espírito. Inclusive, as crianças, em especial as mais sensíveis, têm a tendência a viver os problemas e energias pesadas de seus pais como se fossem delas… problemas que elas sentem que devem resolver, o que absolutamente não é tarefa para uma criança.

Assim, a partir da primeira infância, surgem padrões comportamentais profundos para fugir da dor, do medo e do trauma, de modo que a criança encontre meios de contorná-los e sobreviver. É importante que você entenda isto em si mesmo.

Até este ponto, estive falando apenas de uma identidade que se formou na sua infância, nesta vida. Mas você também carrega impressões de outras vidas, energias residuais que agora, nesta vida, querem ser vistas e liberadas.

Portanto, ao mesmo tempo em que você deseja entrar em uma nova realidade para se aproximar mais da sua própria alma, realizar-se plenamente e ter relacionamentos profundos com outras pessoas, tente também olhar com o maior carinho e compaixão para a parte sua que está tendo dificuldade para liberar o que é antigo.

Sinta sua própria resistência, medo e desconfiança, procurando enxergá-los através dos olhos da criança que enfrentou tantas questões difíceis com as quais não conseguiu lidar. De certa forma, todo ser humano foi traumatizado emocionalmente, pelo simples fato de ter sido criado na Terra, envolvido por tantos medos, ideias de carência e crenças negativas. Então não é de se estranhar que perca uma parte de si mesmo.

Quero lhe dizer que não é realista travar uma “batalha espiritual” com as injustiças externas a você, ou tentar mudar o mundo ao seu redor, ou tentar forçar a manifestação de um mundo novo.

O verdadeiro guerreiro, que luta pela luz, incorpora qualidades masculinas e femininas, e analisa a criança interior, observa-a em suas lutas e, com grande ternura, abraça essa criança, compadece-se dela e tranquiliza-a. Aqui você vê como é importante fazer uso tanto da sua força masculina quanto da feminina, na cura de si mesmo.

O poder feminino acalma o seu aspecto mais ansioso e desconfiado, que talvez nem queira estar aqui na Terra. Sua parte feminina estende a mão, é afável e amparadora como uma mãe… sem restrições e acolhedora, criando receptividade. Tente experimentar isto, permitindo que a energia feminina em você flua especialmente para aqueles padrões que lhe oferecem tanta resistência e dificuldade.

Você também precisa utilizar sua energia masculina, que simboliza determinadas forças. Às vezes é importante tomar decisões difíceis, estabelecer limites, dizer adeus a situações ou pessoas que conservam padrões antigos. Ter compaixão e compreensão inabaláveis por padrões negativos em si mesmo ou nos outros não significa ser espiritualizado.

Em certas ocasiões, a energia masculina diz claramente: “Chega! Despegue-se disso!” Ela o leva a um novo caminho, onde você pode sobreviver por si mesmo e atrever-se a mostrar quem você realmente é. Este é o aspecto da energia masculina essencial para a sua libertação.

É claro que com seu lado feminino você pode vivenciar – tanto em relação a si mesmo quanto aos outros – um entendimento muito profundo do que está acontecendo, que pode incluir negatividade, violência e até vandalismo.

Mas seu eu masculino faz você perceber que está aqui nesta vida por si mesmo, e que precisa fazer escolhas que sirvam à sua luz, à sua alma. Isto pode significar tomar decisões claras e definitivas, e até afastar-se do que não é essencial para você e não mais lhe convenha.

Agora imagine que você vê essa energia masculina em si, na forma de uma espada que você segura com sua mão direita. E que sua mão esquerda segura uma taça ou cálice magnifico, que representa a energia feminina receptiva e curadora.

Ambos são instrumentos que você pode usar para amparar a si mesmo. Às vezes, numa situação onde padrões estão sempre se repetindo e não há nenhum fluxo de renovação, é necessário empunhar a espada, falar com clareza e não se deixar levar por padrões com os quais você não se sente mais à vontade.

Em outros momentos, quando você tem que lidar com emoções intensas de medo ou tristeza, é necessário ser muito compreensivo e carinhoso consigo mesmo, estar aberto e receptivo às suas emoções. Neste caso, você pode visualizar à sua frente um cálice de vidro, numa cor curativa, no qual as emoções com as quais você está lutando podem ser colocadas e acolhidas.

E se não souber o que fazer em determinada situação, ou em relação a certas emoções, pergunte a si mesmo intuitivamente: “O que é necessário aqui? A espada? Preciso dar passos decisivos, estabelecer limites, separar-me…? Ou é necessário voltar-me para meu interior e receber minhas emoções mais profundas que estão vindo à superfície?… Ou preciso de ambos?”

A espada masculina e o cálice feminino são as duas ferramentas que você tem à sua disposição.

Finalmente peço a cada um de vocês que sinta a conexão entre todos nós que estamos neste círculo. Concentre seu olhar interior no professor que você já incorpora, em vez de nos problemas e lutas que tem compartilhado com os outros. Sinta a grande força que você tem – esse seu núcleo central poderoso e único, que está à sua disposição e que já é tão perceptível em você.

Intua como nós, que nos encontramos neste círculo, formamos juntos um canal e agora recebemos a energia que flui de todos nós. Sinta quanta alegria, sabedoria e esperança estão presentes nesta energia!

E quando estiver sentindo-se travado, não se ofusque fixando o olhar no que não funciona, mas, por favor, esteja ciente também de tudo que realmente vai bem, de tudo o que está fluindo para a sua vida, e de tudo o que você já tem para dar e compartilhar com outros – isto já é bastante!

Agradeço a todos vocês por terem me permitido sentar-me em seu meio e misturar minha energia com as suas. Sim!

Jeshua

………………………………………………………………………………………………………………………………………

Compartilhe com Ética mantendo todos os créditos
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO
https://www.decoracaoacoracao.blog.br/
https://lecocq.wordpress.com
© Pamela Kribbe; www.jeshua.net

Fonte: Being Stuck – Jeshua Channelings
Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@gmail.comwww.jeshua.net/por

Via:  ESTAR TRAVADO – De Coração a Coração


Ouça também a mensagem através deste vídeo:

MENSAGEM DE JESHUA – ESTAR TRAVADO

Publicado por Sol de Alcyon em 5 de agosto de 2019.

Via: MENSAGEM DE JESHUA – ESTAR TRAVADO – YouTube


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.