APRENDENDO A VIVER NO MUNDO SEM DEPENDER DO MUNDO…

Alexandra Nedzvetskaya

Se permitindo fluir nas ondas da consciência

resize-img (editado)

Mensagem canalizada por Maria Silvia P Orlovas

 

A medida em que você acorda, desperta para o seu caminho espiritual, você pode sentir algumas dores e muitas pessoas estão sentindo essas dores e reclamando do momento e se sentindo inadequadas com várias situações que estão na sua vida.

O desconforto meus amados, faz parte.
As energias angélicas, as energias espirituais elevadas, compreende a dor como um ajuste necessário.
Seria de se estranhar que vocês, aquelas almas que estão despertas buscassem um equilíbrio completo, sem dor no mundo material.

Vocês estão enfrentando as dores do crescimento espiritual e quando estiverem devidamente crescidos, aprumados no seu corpo de luz, a dor deixará de existir.

Os desentendimentos não serão mais importantes, as pessoas desalinhadas, às vezes cruéis deixaram de ter significado pra você. Então suporte as suas dores do crescimento. O desajuste com um mundo materialmente evoluído em muitas coisas e muito perdido e sofrido em outras, não precisa ser o seu mundo.
Uma vez já dissemos: aprenda a amar sem pertencer.
Agora explicamos a vocês: aprendam viver no mundo sem depender do mundo.
As coisas do mundo, trabalho, dinheiro, posição, pessoas, tudo que é ligado ao material, vivem sempre em flutuações. Momentos em que você tem mais e se sente mais feliz. Momentos em que você tem menos e pode se sentir triste.

Equilibre as suas necessidade e não pertença ao sofrimento. Deixe as decepções, expectativas; deixe que elas passem por você.
Não se alimente delas.
Não se alimente das injustiças, nem tampouco das frustrações.
Há na consciência dos homens despertos a capacidade de olhar o todo e ajustar os seus sonhos e expectativas.
Acalme o seu desejo.
Acalme os seus sentimentos.
E lide com as suas frustrações.
Frustrações mostram apenas que você desejou e apostou em coisas erradas.
Permita que as ondas de transformação passe por você.
Não se afogue nas ondas.
As coisas vem pra você e elas saem de você.
Elas passam por você e a turbulência só será maior se você não permitir que as experiências venham e passem.

O momento de transformação da terra, os carmas acelerados, as situações em aparente descontrole, só estão mostrando que as águas das praias estão mais perto.

Nós estamos vivendo o momento real de transformação. Aqueles que estão neste movimento estão abrindo mão do materialismo.
Isso não significa pobreza ou riqueza, isso significa apenas dar importância relativa as coisas.

Não se deixem dominar pelas ambições, nem pelo desejo de segurança total.
Simplesmente porque isso não existe.

.Lembrem se das ondas do mar, energias que vem, energias que vão.
Histórias que se formam, histórias que se dissolvem naturalmente.
Liberem as energias, liberem os sentimentos, liberem as vibrações.
Mergulhem na profunda luz da cura do Eu Sou.

.

Nesse momento se imaginem dentro de um pilar de luz.

Uma luz profunda verdadeira, inteira, que vem do céu e entra no alto da sua cabeça e alinha você no Eu sou.
Eu sou o que eu sou
Eu sou o que eu sou
Eu sou o que eu sou
Se alimente disso.
Se alimente da sua consciência de luz, é você se alimentando direto do pai criador.
Eu sou o que eu sou
Eu sou o que eu sou
Eu sou o que eu sou.

Respire, se alimente da luz do Eu Sou.
Eu sou o que eu sou
Eu sou o que eu sou
Eu sou o que eu sou

Vejam a luz da sua divina presença Eu Sou.

Alinhando todos os seus chakras, harmonizando a sua natureza, fortalecendo você em si mesmo.

Você se alimentando da força e da luz da sua divindade.
As curas, o equilíbrio, a segurança, a consciência estão servindo a esse alinhamento.

Eu sou Fé, energia complementar do arcanjo Miguel e estou a serviço junto com as hostes angélicas do movimento de ascensão deste mês de agosto.
Estamos trabalhando na consciência planetária, alinhando as vibrações para que haja evolução e não medo; sabedoria e não escuridão, amor e compaixão.

Recebam as nossas emanações de luz e amor.

Tenham paz.

 

 Áudio Para ouvir o áudio da canalização “Se permitindo fluir nas ondas da consciência” clique aqui

______________________________________________________________________________

Meditação para a cura na vibração do Ho´oponopono

 

 

 Áudio

Meditação para a cura na vibração do Ho´oponopono

 

Ouça no link acima a meditação realizada no Espaço Alpha Lux.
Vamos na luz!

 

Fonte: mariasilviaorlovas.com.br
Data: 02/08/2017
Canal: Maria Silvia P. Orlovas

 


Via: Um Canal de Luz por Maria Silvia Orlovas: Se permitindo fluir nas ondas da consciência

AS ENERGIAS DESTE ECLIPSE ESTÃO TRAZENDO MUITAS COISAS À TONA…

Depositphotos_74090109_original (editado)

O PORTAL DO ECLIPSE

SUA OPORTUNIDADE PARA AVANÇAR

Eclipse

Mensagem de Selacia
12 de Agosto de 2017

 

Há um portal interessante e potencialmente muito proveitoso para atravessar nestes momentos. Você já considerou o que isto significa para você enquanto nos aproximamos do Eclipse de 21 de Agosto? Enquanto estamos contemplando isto, saiba que há algo raro sobre este ciclo de eclipses, oferecendo-lhe mudanças e avanços quânticos que não foram possíveis no início deste ano. Continue a ler para entender melhor o significado e as aplicações práticas deste período.

O ECLIPSE SOLAR DE 21 DE AGOSTO

Com o Eclipse lunar de 7 de Agosto como um pré-lançamento, estamos nos dirigindo para o Eclipse Solar de 21 de Agosto – um evento incomum que cria um portal aberto para saltar. Este segundo eclipse é significativo por vários motivos, incluindo o seu caminho sobre os Estados Unidos, desestabilizados.

Como eu menciono em minhas “Previsões de 2017”, o Eclipse Solar Total de 21 de Agosto é O evento celestial de 2017 e todos os olhos estarão na América. Não é um tempo comum, na América ou em qualquer outro lugar agora. Embora eu não veja este eclipse anunciando o fim do mundo, como alguns sites do dia do juízo afirmam, é definitivamente um grande chamado de despertar para a humanidade.

Nas últimas semanas, vimos um aumento nas trocas públicas incorruptas entre superpoderes governados por líderes, com uma postura de guerra. Devido à energia do Eclipse de 21 de Agosto, poderíamos ver um aumento desta guerra de palavras.

ORAÇÕES PELA PAZ

Para todos nós interessados na paz, este é o momento para o aumento das orações por um mundo pacífico e para manter um espaço amoroso para que os líderes tenham sabedoria. Como parte disto, é importante manter uma visão de um mundo amoroso. Faça isto especialmente nestes dias em que o ódio parece estar vencendo. Volte continuamente ao amor em sua mente e em seu coração.

Lembre-se de que é este amor que estamos aqui para incorporar e experienciar pessoalmente. O amor é a energia infinita que surge do caos e da escuridão – é a única coisa que conserva ou sustenta a vida. Este amor é você, eu e todos os outros neste planeta – sim, mesmo aqueles que se esqueceram temporariamente.

ABRINDO-SE PARA BRILHAR

Não permita que a loucura deste mundo desvie o seu foco durante este portal do eclipse. Use este período com sabedoria, tendo momentos de auto-reflexão e convidando uma visão panorâmica de sua própria vida e potenciais. Convide um conhecimento da imagem expandida que o espírito tem de seu destino maior.

Considere que algo muito significativo poderia estar agora no horizonte – uma abertura ou mudança tão surpreendente que você nem mesmo pensou nisto. Seja como for, você pode começar a se conectar com os potenciais neste portal. Estes potenciais podem ajudá-lo a resplandecer a sua luz de formas expandidas.

DICAS PARA OS AGENTES DE MUDANÇAS DIVINOS

Como um agente de mudanças divino, você está aprendendo a estar em um fluxo com a vida, sentindo o tempo divino e se esforçando para estar presente para abrir os portais de oportunidade. Muitos destes portais estão se tornando disponíveis neste mês. Tenha a intenção de “vê-los” e tome as medidas apropriadas.

Estar presente o suficiente para agir de acordo com estes portais não é uma tarefa fácil nestes momentos em que a dança louca do mundo está no centro do palco. Só porque o mundo está inseguro, no entanto, não significa que você tenha que estar. Inspire paz, expire o stress.

Mude o seu foco para o seu rico ser interior. Dê-se a permissão para sonhar sobre a sua vida e como ela pode ser mais alegre. Considere o que você criaria, acrescentaria, ou removeria. À medida que você fizer esta contemplação, você irá coletar informações sobre a mudança de vida possível no portal de 21 de Agosto.

NAVEGANDO NA MONTANHA RUSSA DA ENERGIA

Pode parecer um pouco como uma montanha-russa com os dois eclipses e o Mercúrio retrógrado que começa no Sábado. Todas as energias combinadas aumentarão o volume nas mudanças sociais. É essencial permanecer presente, focado, e em seu coração, navegando nas ondas de Agosto com tranquilidade e graça.

A cada onda, é normal, às vezes, sentir-se tenso – afinal você não sabe o que vem a seguir.

Estando neste espaço intermediário – entre o antes e o depois – é geralmente desconfortável. Você pode se encontrar lá quando em uma mega transição na vida. Outros catalisadores incluem ciclos de energia como agora, quando acabamos de ter um Eclipse Lunar e o Eclipse Solar a seguir.

Ao estar neste espaço intermediário, faça o que puder para relaxar e deixar de lado noções preconcebidas sobre como a vida deveria ser. O Universo pode ter algumas surpresas maravilhosas para você!

As energias agora estão trazendo muitas coisas à tona. Para os sensíveis pode ser um desafio.

Aplique uma dose extra de amor próprio.

À medida que o nível de postulações sem sentido aumenta na sociedade, evite acompanhar o pacote. Encontre a paz obtendo as suas próprias respostas, acessando a visão mais elevada. Se você perceber que tem noites sem dormir sobre as incógnitas ou com o que vê nas notícias – reserve um momento e lembre-se de que não vale a pena perder o sono sobre o “E se…”

BOAS NOTÍCIAS SOBRE O MERCÚRIO RETRÓGRADO

Embora o Mercúrio retrógrado possa causar uma ruga ou duas em seus planos nas próximas três semanas, existem alguns bônus que descreverei aqui!

Em termos do seu progresso no resto deste ano, o Mercúrio Retrógrado poderia ser o seu período ideal para o trabalho interno, a auto-reflexão, e a atualização do seu plano de vida. Use-o sabiamente, tendo momentos para considerar melhorias grandes e pequenas que você poderia fazer – incluindo coisas novas que você nunca fez antes.

É claro que você desejará avaliar as precauções usuais que envolvem distorções do tempo e projetos. O que pode parecer alguns minutos, pode se transformar em horas. Além disto, os horários de voos podem mudar no seu caminho para o aeroporto.

Estes distúrbios, a revisão e a energia de rebobinamento de Mercúrio Retrógrado podem ajudá-lo com um reinício necessário de vida que, de outra forma, você não poderia instigar. Você pode ficar agradavelmente surpreendido com o resultado!

Embora o Retrógrado não seja o melhor momento para lançar um novo projeto, há muitas coisas que você pode fazer para adicionar um novo brilho a sua vida com o que já está em andamento!

Exemplo: Um projeto de livro aparentemente paralisado pode ter nova vida quando você usa este tempo – e a janela do eclipse – para desencadear de uma nova maneira o enredo ou a mensagem. Assim, não fique detido – O  céu é o limite.

……………………………………………………………………………………………………………………..

Direitos Autorais © Selacia – www.selacia.com

Você está convidado a compartilhar estas mensagens do Conselho dos 12 com outros, e colocá-los na Internet, na mídia social, em blogs e em sites. Por favor, inclua toda a mensagem, a fonte e o endereço do site. Que possam caminhar em um mundo cheio de amor e de bondade

Fonte: Selacia’s Blog | The Eclipse Doorway – Your Opportunity to Step Forward
Tradução: Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br

 


Via: Luz de Gaia | O Portal do Eclipse – Sua Oportunidade para Avançar – Selácia 12.08.17

O NOVO CICLO DE PURIFICAÇÃO É MAIS UMA OPORTUNIDADE DE MUDANÇA…

o planeta esta com febre

A Febre de Gaia

a febre de Gaia.JPG

Por: Prama Shanti

 

Amadas crianças!

Pena que vocês esqueceram de ser crianças, esqueceram quem são, perderam sua identidade.

Nesta busca frenética pela felicidade fora de vocês, não se lembram mais quem são.

Não se olham mais, não se sentem e não se amam.

Perderam-se completamente e não se dão conta disto.

Mas vocês não estão sozinhos, fazem parte de um grande organismo chamado Gaia, seu planeta.

Assim como seu corpo físico sobrevive apenas graças a uma população de bilhões de bactérias e outros seres, também Gaia sobrevive graças a bilhões de animais que a habitam, e você é um deles.

Vocês estão perdidos e não cumprem mais sua função, afastaram-se de sua essência e não colaboram mais com este grande organismo. E Gaia sofre, está com febre.

Assim como vocês contraem febre e aumentam seu metabolismo para acelerar as reações químicas e combater o que lhes causa dano, também Gaia fica com febre e aumenta seu metabolismo, aumenta sua pulsação, as ondas Schumann aceleram, aumentam sua frequência e fazem com que seus cérebros trabalhem também em frequências cada vez mais altas.

Seu tempo diminui ainda mais, os dias ficam menores, vocês se perdem e não conseguem mais fazer as coisas que faziam antes. Ficam mais estressados e estão sendo levados a extremos. É Gaia sacudindo vocês para que acordem.

Os que vivem no piloto automático, vivem como animais, tornam-se ainda mais selvagens e perdem o pouco discernimento que possuíam. Seu mundo fica mais louco.

Mesmo os que já despertaram são tentados a entrar neste frenesi. É preciso que vocês redobrem sua vigilância, meditem mais e pratiquem o que aprenderam.

Os despertos estão sendo testados mais uma vez para que definam logo para que lado vão.

A  separação entre os despertos e os que continuam dormindo se acentua.

É sua amada Gaia em um novo ciclo de purificação, levando-os a tomarem atitudes.

O que devia acontecer, acontece agora em uma velocidade maior, os eventos se precipitam e é necessário que vocês estejam mais vigilantes para que possam entrar neste novo portal.

É o portal da abundância que se abriu, relacionado ao número oito. Mas apenas aqueles que conseguirem controlar seus impulsos animais, que conseguirem manter-se conectados ao seu Deus interior, passarão por este portal.

Aparentemente seu mundo continuará o mesmo, mas aqueles que sabem enxergar verão que um grande passo foi dado. O Universo inteiro se configurou para este momento, pulsos galácticos e alinhamentos estelares estão acontecendo para dar suporte a este momento.

É mais uma oportunidade de mudança. Então, pegue este barco e venha conosco. Abandone esta vidinha da mesmice e do igual ao mesmo de antes e ouse!

Tenha coragem de ser feliz!
Se continuares fazendo o mesmo, continuarás na mesma mesmice infeliz.

Acordar é pouco !
Desperte, levante-se e abandone tudo que não te faz bem.
Aproveite este momento único, entre nesta onda que você será auxiliado.
Precisa ser agora, você não terá outro momento tão propício como este.

Comece agora seu projeto de mudança, não espere mais, a hora de ser feliz é agora !

Queremos que você seja Feliz, está é a sua única obrigação neste mundo.
Venha conosco, estamos todos mobilizados para recebê-lo nesta grande família.
Estamos aqui!

Prama Shanti
dia 22 da Lua Magnética
dia da Serpente Ressonante
16/08/2017

(sobre a autoria …)

 


Via: A Febre de Gaia | Prama Shanti

UMA VISÃO MAIS PROFUNDA DO POPULAR MANTRA “HARE KRISHNA”…

mahamantra_hare-krishna

O significado do Mahamantra Hare Krishna

Por: Luciano Giorgio

 

Maha-mantra, em sânscrito, significa “o grande mantra”. O “Hare Krshna” é um mantra muito conhecido usado nas práticas espirituais. Apesar de ele ser  popularmente conhecimento nessa forma:

“Hare Krishna Hare Krishna, Krishna Krishna Hare Hare
  Hare Rama Hare Rama, Rama Rama Hare Hare”

Ele vem de uma Upanishad, chamada Kali-Santarana, e neste texto o mantra aparece com em outra ordem, Hare Rama Hare Rama Rama Rama Hare Hare Hare Krishna Hare Krishna Krishna Krishna Hare Hare. Talvez por uma afeição especial pela figura de Krishna algumas pessoas possam ter invertido a ordem para falar Krishna primeiro. Tradicionalmente aprendemos que a ordem original tem uma razão de ser. Rama é uma encarnação do dharma, do dever e da ordem, e Krishna é uma encarnação de ananda, da felicidade e do prazer. Rama, o dharma, vem primeiro, e depois segue Krishna, a felicidade, o prazer. É a velha história: “primeiro a obrigação, depois a diversão”.

Esse mantra também é conhecido por ser o mais eficaz para Kali Yuga, o que também tem fundamento de acordo com a Upanishad. Nela existe o diálogo entre Brahma e Narada e nele Brahma fala para Narada que estes dezesseis nomes são os mais eficazes para cruzar “o oceano do samsara” durante a era de Kali. (Teoricamente correspondente a era que estamos vivendo)

Mas o que significa esta afirmação de Brahma? O que será necessário para que eu possa me ver livre no mundo, livre do sofrimento e de tudo?

Ao estudar vedanta descobrimos que cruzar o samsara significa conhecer o “eu” verdadeiro e que mudanças externas ou conquistas não podem nos deixar efetivamente livres. E conhecimento não pode ocorrer simplesmente pela repetição de um mantra, por mais poderoso que ele seja. Conhecimento necessita de um meio de conhecimento (pramana), e a repetição do mantra (mantra-japa) não é aceita como um meio direto para o conhecimento, contudo é a principal disciplina para preparar a mente para o conhecimento e por isso figurativamente os mantras são ditos como um meio para encontrar essa paz que é nossa natureza.

A era de Kali – esta mesmo que estamos vivendo de acordo com os Vedas – se caracteriza por uma diminuição da capacidade humana de conhecer propriamente as coisas. Nesta época, também, o próprio ensinamento de Vedanta é interpretado de muitas maneiras, de modo que mesmo se já estamos em contato de alguma forma com a tradição precisamos manter nossa mente alerta para validar o conhecimento que recebemos.

Sendo assim na Upanishad, Brahma propõe que a melhor disciplina é a repetição deste mantra, porque ela gerará a pureza mental e o mérito (punya) necessários para que a pessoa possa encontrar um bom professor e tenha a capacidade de entender seu ensinamento. E este é de fato o espírito do conselho de Brahma a Narada e o propósito do mantra “hare krshna”.

Assim como essa passagem, várias outras podem gerar duplas interpretações. Na Bhagavad-Gita, o senhor Krishna diz para Arjuna, depois de elogiar bastante o conhecimento, que a ação com a atitude correta é superior ao conhecimento. E por que ele diz isso? Porque Arjuna era um guerreiro tinha que lutar naquele momento, e não abandonar o mundo para se dedicar a vida espiritual em um ashram. O contexto nos ajuda a entender as afirmações.

O ensinamento de Vedanta dá ênfase diferentes em momentos diferentes, dependendo das características das pessoas que estão ouvindo, do que o aluno precisa. Infelizmente em Kali-Yuga é comum que a gente perca a capacidade de reflexão, e entendemos tudo ao pé da letra…

Em muitas outras passagens da Bhagavad-Gita, o senhor Krishna diz que ele é a causa do universo, e que todos os seres são sustentados por ele, e assim por diante. Mas quando Krishna diz “eu” ele não está se referindo ao seu corpo em particular chamado Krishna, amigo de Arjuna, nem a nenhum outro corpo, porque nenhum corpo específico pode ser a causa do universo, já que o corpo é um produto do universo. Ele está falando da consciência por detrás do corpo que em todo o universo é uma só e essa é a essência do ensinamento a ser entendida.

O nome Krishna significa “escuro”. Este nome deriva da raiz verbal “krsh” que tem o sentido de “atrair”. Krishna significa aquele que atrai, e faz alusão ao “eu”, ao atma que é ananda, felicidade, e para o qual todas as pessoas são atraídas. Pois não é um fato óbvio que todas as pessoas, em tudo o quanto fazem, estão atrás da felicidade, sendo atraídas por ela?

O nome Rama deriva da raiz “ram”, com o sentido de “deleitar”, “ter prazer”. Rama significa aquele no qual todas as pessoas se deleitam, isto é, o “eu” satisfeito que todas as pessoas querem encontrar nos momentos de prazer e felicidade.

Assim, Rama e Krishna são exatamente a mesma coisa, apenas duas perspectivas para a nossa natureza, a própria felicidade!

O Mahamantra Hare Krishna é uma linda oração, que sem dúvida sempre será a mais importante da nossa era, significa:

Ó você no qual todos encontram a felicidade! (Rama) Ó Você que atrai a todos! (Krishna) Leve embora, leve embora (Hare Hare) (o meu sofrimento).”


Via: O significado do Mahamantra Hare Krishna – Vedanta

O QUE VOCÊ VIVE HOJE É PARA LIBERAR O SEU EU INDIVIDUAL E AUTÊNTICO…

stelle-cadenti

Você está sendo sintonizado para receber enormes quantidades de energia cósmica

Por Kate Spreckley
27 de junho 2017

 

 Estamos vivendo em tempos muito interessantes. Esta mudança na consciência está trazendo à tona TUDO o que nós somos, como indivíduos e como um coletivo, a necessidade para mudar e transformar. Definitivamente, não é o que muitos esperavam, à medida que as energias cósmicas que chegam ficam cada vez mais fortes e o impulso de nossa alma para evoluir se intensifica. Nos últimos seis meses, um aumento dramático na intensidade da energia que varre o planeta, iniciou um salto radical em nossa consciência humana. Fomos despertados de nossas próprias ilusões autocriadas e, literalmente, é um show de mudança!

O Solstício de 21 de Junho trouxe à fruição tudo o que se apresentou para você ao longo dos últimos seis meses. Com um aumento definitivo da frequência da energia desde Dezembro, o ritmo não mostra sinais de desaceleração. O caos que ocorre em uma escala global é parte desta mudança evolutiva na consciência. A ruptura do mundo e da consciência de unidade para a qual você está evoluindo, é parte e parcela deste tempo. Enquanto um se dissolve, o outro se desenvolve.

Se quisermos estabelecer uma nova maneira de ser e uma nova realidade, as antigas estruturas e programas que mantêm o velho mundo precisam ser desmantelados. Como resultado, uma profunda purificação está ocorrendo e todos os aspectos da realidade estão sendo purgados. Simultaneamente, um novo plano energético está sendo ativado, que contém novas estruturas e novos sistemas que você deve criar no mundo. Mudanças práticas e reais, que ancoram e que apoiam a nova consciência emergente, devem agora ser feitas.

O caos e o drama do mundo é somente parte do que está surgindo para cura e liberação. Você está sendo impulsionado pelo fluxo evolutivo da vida, que está dissolvendo os aspectos fragmentados deste mundo e a sua percepção pessoal da realidade. Tudo o que você está experienciando atualmente está ajudando a liberar o seu eu individual, áurico e autêntico. Velhos padrões e programas que não mais lhe servem ou ao coletivo, estão sendo desencadeados e desvendados. Os apegos e distrações que o seduziram, estão sendo liberados, e a sua divindade inata e sua autenticidade estão sendo expostos.

Enquanto este processo se revela, você perceberá que não pode construir sobre o que está se dissolvendo. A instabilidade deste tempo está lhe ensinando como se estabilizar e se ancorar, enquanto navega nas súbitas mudanças e transformações na realidade. Ao se assegurar em seu centro cardíaco, você é capaz de se sintonizar e confiar na orientação de sua alma. Você é capaz de observar o drama do mundo com compaixão desapegada, o que o apoia a dominar os seus medos, curar velhas emoções dolorosas, eliminar detritos Kármicos e ver as bênçãos mantidas em cada situação de vida.

Seu coração está imbuído de energia, o que magnifica e magnetiza o seu campo energético. Quando você permite que esta energia se funda com a sua mente, você cria o espaço para uma resposta autêntica ao mundo. Você começa a pensar com o seu coração, tornando o inconsciente, consciente, o que permite que surja um maior senso de totalidade e de unidade. Sua consciência é convertida e você muda para estados expandidos de unidade, de compaixão, amor e aceitação. Assegurar-se nesta energia irá impulsioná-lo e irá garantir que você esteja física, mental e emocionalmente preparado para a manifestação do seu eu maior.

Lembre-se de que você está atualmente sendo sintonizado para receber enormes quantidades de energia cósmica. À medida que você dominar estas vastas energias multidimensionais, você descobrirá uma nova perspectiva e uma nova visão para a sua vida. Você verá e compreenderá mais o seu propósito divino e como está sendo chamado para ajudar a criar a nova Terra e uma nova realidade. A sabedoria do seu coração e a verdade de sua alma irão emergir, permitindo a plena expressão do seu eu autêntico.

Você pode perceber que velhos padrões e programas emocionais e mentais estão surgindo para serem curados e purificados. Permita que eles se manifestem e se dissolvam. Seja receptivo e deliberado neste processo. Não entre no drama da emoção ou do sentimento. Ouça as mensagens destas emoções, padrões e programas que estão presos. Concentre-se em libertar-se de qualquer coisa que o mantenha em um estado de sobrevivência. Afaste-se do caos do mundo. Remova todos os obstáculos para a consciência expandida. Reflita sobre as possibilidades ilimitadas que estão disponíveis para você agora, restabeleça a sua confiança no fluxo da vida e você ouvirá a sua verdadeira voz intuitiva.

 


Fonte: Spirit Pathways | Energy Report – June / July 2017
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

Via: Trabalhadores da Luz | Você está sendo sintonizado para receber enormes quantidades de energia cósmica

A IMPECABILIDADE NECESSÁRIA PARA SE ALCANÇAR A ASCENSÃO…

vale-jiuzhaigou-china-thinkstockphotos-475524533

IMPECABILIDADE CRISTALINA: DANÇANDO COM AS ESTRELAS

Metatron_Claudio GianfardoniUma mensagem de Metatron

Canalizada por James Tyberonn ,
em 16 de abril de 2011

 

Saudações, Queridos! Eu sou Metatron, Senhor da Luz, e saúdo todos e cada um de vocês respeitosa e intencionalmente. Saúdo cada um individualmente no momento exato em que lê estas palavras vivas, na essência vibratória do eterno AGORA e o abraço em amor.

À medida que a anunciada Ascensão se aproxima, tudo está se abrindo ao seu redor. A natureza da sua Semente Estelar se expande nos reinos da Terra; na verdade você está dançando com as Estrelas; as Estrelas da esperança, do amor e da impecabilidade.

Querido, nós do Reino Angélico estamos aqui para apoiá-lo, para lhe oferecer intuições orientadoras, mas cabe a você, na sua jornada de polaridade e dualidade, superar seus desafios. Estes são os caminhos da sua aprendizagem e é sua tarefa enfrentar e resolver os seus problemas. Nós o ajudamos colocando-o em contato com seu próprio poder. Nosso propósito não é resolver nada por você, nem de nos colocarmos entre você e sua própria liberdade de discernimento e escolha, oferecendo-lhe “respostas”, nem mesmo para os desafios mais complexos.

Nosso propósito é reforçar sua própria força, pois, afinal, a vasta divindade do seu Ser não só está bem preparada para ajudá-lo a encontrar satisfação, como também está totalmente desejosa de fazer isso. E nesse processo, Querido Ser Humano, você descobrirá sua natureza superior de sabedoria, entendimento, exuberância e paz. Ninguém, nem mesmo um Anjo, pode fazer isto por você. Na impecabilidade você realizará todas as tarefas auto-designadas que se apresentarem a você.

Querido, neste momento, nós lhe oferecemos a energia integral da nossa Existência de Luz, da nossa essência cristalina. Nós lhe oferecemos, em puro amor, a orientação da nossa sabedoria para o seu discernimento. E lhe pedimos apenas, Mestre, que se mantenha plenamente presente em seu coração e mente. Compreenda o que lhe dizemos, pois você é um Deus em processo. Do que lhe oferecemos, tome o que ressoar consigo, pois lhe é apresentado no mais profundo respeito e amor.

DANÇA ESTELAR: EXPANDINDO-SE EM AMOR

A dança estelar da sua vida é expandir-se em amor. Mas o amor do qual falamos não é meramente a emoção que os seres humanos consideram amor, mas a energia e ciência magníficas e extraordinárias do que pode ser chamado de amor incondicional expansivo. Neste contexto, o amor é realmente uma ciência, um vasto campo composto de uma ressonância vibratória muito complexa.

Então, permita que definamos melhor um componente-chave da ressonância do amor, já que ele se relaciona com o seu crescimento… Este é a impecabilidade da vontade divina ativada. Quando a vontade é traduzida em ação, ela é a propulsora da sua busca por crescimento espiritual. Então a impecabilidade é a transformação das suas experiências e conhecimentos presentes na sabedoria da ação.

ACEITANDO O DESAFIO

Embora seja verdade que os seus pensamentos criam a realidade que você vivencia na dualidade, você mesmo, num aspecto mais elevado, compõe e cria, ponderada e cuidadosamente, os desafios que enfrenta. Estes têm um grande propósito. Quer realmente acredite ou não, você escreve seus próprios testes. Então, embora “pensamento positivo” seja uma frequência importante, o pensamento positivo tem a intenção de ajudá-lo a lidar com suas lições de vida e não evita o processo de aprendizagem em si. Você não pode simplesmente ignorar ou eliminar por um passe de mágica as lições de crescimento que programou para si mesmo com o fim de se expandir. Isto porque, na maioria dos casos, as situações que você escolheu estão fora, além da capacidade do aspecto dual do seu cérebro-ego de removê-las ou eliminá-las. Você as enfrentará, porque, no seu Eu Divino, você as desejou a partir de uma perspectiva mais elevada.

Nós lhe asseguramos que não há nada mais estimulante, mais digno de realização do que o seu desejo manifestado de evoluir, de mudar para melhor. Na verdade, esta é a missão de cada uma das suas encarnações. Não é suficiente meditar e visualizar a meta desejada sendo atingida, se não agir de acordo com sua voz interior, a energia da qual suas meditações e visualizações surgem.

Intenção, foco e meditação devem se unir totalmente à ação. Tornar-se impecável e finalmente alcançar a Iluminação não quer dizer – como algumas religiões sugerem indiretamente – que de repente você se encontre num abençoado estado de esquecimento, ou em algum distante estado de Nirvana. Mestre, nós lhe dizemos que você faz parte do Nirvana hoje, como sempre fará; basta descobri-lo dentro de si mesmo.

Realmente haverá ciclos no seu estado emocional, que fazem parte de ser um humano. Haverá momentos em que se sentirá apático e deprimido. Estes estados poderão ser causados não só por problemas que você enfrenta, mas até por certos aspectos astronômicos. Tudo isso deve ser enfrentado e pode ser superado. Então, saiba que o “Nirvana” é alcançado através da atitude – não através de rejeição, ignorância ou fuga, mas através da avaliação impecável da projeção da realidade que o envolve.

A experiência terrena – a maestria da dualidade – é difícil. Esta é uma grande verdade, uma das maiores verdades da dualidade, e geralmente é mal compreendida. O estudo e maestria da vida requerem trabalho. Você não pode simplesmente colocar o livro debaixo do travesseiro e dormir sobre ele; é preciso que ele seja lido e entendido uma página de cada vez, momento a momento.

Portanto, é preciso entender e aceitar que sua vida é uma construção de situações que você planejou a fim de possibilitar seu crescimento espiritual. Quando aceitar esta nobre verdade, você terá a oportunidade de transcendê-la. Aquilo que você chama de “destino” é, na verdade, uma série de situações que você pré-planejou para sua lição de vida. E, meu Querido, esse mesmo “destino” escrito por você vai ajudá-lo a enfrentar seus desafios e depois manifestar seus desejos, mas não porque você reclamou daquilo que não gosta. Para vivenciar a luz do seu desejo, você deve acender a paixão que vai libertá-lo da fortaleza onde ele esteve rigorosamente guardado. O melhor caminho é aceitar o desafio da auto-purificação, sendo um exemplo vivo da sua própria luz, em vez de protestar contra as trevas que ainda existem no mundo na terceira dimensão e escolher isolar-se dele.

ACEITAÇÃO

Mestre, ao aceitar que está aqui para enfrentar desafios, você poderá criar mais firmemente a energia necessária para enfrentá-los. Porque, a partir do momento em que aceitar isso, o fato de que a vida pode ser difícil não mais o assustará e sim motivará o seu guerreiro espiritual interior a resolvê-la.

O maior problema que você tem em aceitar o controle e responsabilidade pelas suas ações está no desejo essencial de evitar a dor das consequências desse comportamento. Mas lhe dizemos que a coragem confrontadora de resolver impecavelmente os problemas é que provê e realmente alimenta significativamente o crescimento na sua vida. Enfrentar os problemas é o que distingue sucesso de fracasso, ou melhor, crescimento de estagnação. Os problemas trazem à tona os seus melhores esforços para resolvê-los e aprimoram a coragem e a sabedoria do buscador impecável.

É justamente por causa de situações difíceis e obstáculos estressantes que você cresce mental e espiritualmente. É através da dor de enfrentar e solucionar os quebra-cabeças da vida e as situações pré-programadas, que você aprende o significado maior da ciência do amor. Meu Querido, o fato é que suas realizações mais difíceis, e certamente seu maior crescimento, são gerados quando você se encontra nas inquietantes encruzilhadas do problema. Suas maiores provas e revelações acontecem em momentos em que você se encontra fora da sua “zona de conforto”, sentindo-se desnorteado, insatisfeito, ou até num estado de angustiante desespero. Pois é nesses momentos, impulsionado pelo desconforto, que você é levado a arrombar a jaula confinadora e procurar um modo de vida melhor e espiritualmente mais satisfatório.

IMPECABILIDADE – O ESTADO DE GRAÇA

O que é impecabilidade, então? Não estamos subestimando a premissa básica quando definimos impecabilidade simplesmente como “sempre tentar fazer o melhor”. Mas manter-se impecável exige mais esforço, à medida que a extensão da sabedoria e consciência que você adquiriu se expande. Quanto maior a sua consciência, mais você “sabe”. Quanto mais você sabe, maior é a sua responsabilidade de viver em conformidade.

Você está no processo de expansão da sua consciência vibratória, tornando-se um participante consciente com a alma. Você está se tornando o que sua alma é, descobrindo sua identidade maior. Querido, quando você cresce espiritualmente, é porque se abriu para a busca do crescimento e está agindo, trabalhando para consegui-lo.

A impecabilidade envolve a expansão deliberada do seu Ser em evolução. A impecabilidade coloca-o em estado de graça. Impecabilidade não significa que você tenha alcançado a iluminação ou aprendido tudo o que precisa aprender, mas que você está no único caminho, no caminho certo para chegar lá.

Então vamos definir a impecabilidade em dois níveis, dois formatos de fase:

1) IMPECABILIDADE CONDICIONAL – É quando o indivíduo não é muito adiantado, mas está trabalhando para atingir a maestria; está fazendo o melhor; utilizando o conhecimento, na medida da sua capacidade, para fazer a coisa certa, mesmo quando há ignorância e concepção errada e inocente. Isto é, quando ele acredita realmente que o que está fazendo é o caminho certo, mesmo que esta não seja a verdade plena e expansiva. Todo mundo passa por esta fase. Nesta fase, se você comete um engano, é um engano honesto, no qual você acredita genuinamente que está fazendo o que sentiu que era correto.

2) IMPECABILIDADE DE MAESTRIA – Esta é a fase da alma na existência humana, que é o ápice da Maestria. É quando o indivíduo é muito adiantado e está vivendo de acordo com o que prega, sem ter nenhum conflito interno entre o que ele acredita ser o caminho certo e como ele age.

As duas fases ativam o que poderíamos chamar de estado de graça acelerado. A graça é a ajuda do Eu Divino no resultado das situações, quando a pessoa está tentando fazer o melhor. Você pode pensar nela como um “Anjo da Guarda”, porque em muitos casos um Anjo da Guarda é isso – o seu Eu Divino intervindo providencialmente nas situações para ajudá-lo em seu caminho.

Se fôssemos redefinir o que os seus textos religiosos consideram pecado, não o faríamos em termos de mandamentos, mas como “conhecimento não utilizado” – tomar atitudes que você sabe que são incorretas, atitudes que estão em conflito com suas crenças mais elevadas.

A SABEDORIA ESTÁ NO INTERIOR

A maioria das pessoas deseja uma sabedoria maior do que a sua própria. Procure e encontrá-la-á. Você pode encontrá-la “escondida” dentro de si mesmo, Mestre. Infelizmente, esse é o último lugar onde a procura, pois dá trabalho. O divino ponto de contato entre Deus e o ser humano está naquilo que os acadêmicos chamam de subconsciente.

Até mesmo os seus textos religiosos lhe dizem que Deus está no seu interior, que você é uma centelha do Divino. A mente subconsciente, ou “cérebro posterior”, nos seus termos, é a parte de você que é Deus; a porção do seu Eu Maior que contém o conhecimento de “Tudo O Que É”, a parte de você que contém os Registros Akáshicos, a memória da sua alma.

Como o subconsciente é a Mente Divina em você, a meta do crescimento espiritual é alcançada entrando-se no sagrado “Jardim da Sabedoria”. Isto se consegue aquietando-se a mente do ego. A meditação sempre foi o portal; ela é a chave para aquietar a conversa do ego-personalidade e permitir que a “Voz da Alma Divina” seja ouvida. Repetimos que é necessário esforço. Não existe nenhum atalho.

Reconquistar a condição Divina é o propósito da sua existência individual no plano da polaridade. Você nasceu para poder se transformar, como consciência individual, numa expressão física de Deus; uma expressão divina em estado de Ser.

Este desafio é o objetivo da sua alma, seu verdadeiro propósito e, nas jornadas físicas, o relógio está sempre correndo. A conquista da qualidade Divina na fisicalidade é conseguida com o tempo, através do desejo imaculado que é acionado no reino físico por meio da fusão com a sabedoria do não-físico. O tempo importa.

Na polaridade, a atual mudança de paradigmas e energias pode tirá-lo do centro com muita facilidade nestes tempos acelerados. Muitas vezes, o seu propósito verdadeiro é difícil de ser definido subjetivamente e o seu entendimento e lastro ficam justapostos entre a ilusão e a realidade percebida. Você pode sentir que está vivendo numa distorção e que nada é exatamente como parece ser. Neste processo, você pode ficar confuso e complacente. E pode perder a noção do tempo.

Querido, sua vida… cada instante da sua vida física é precioso, muito mais do que você pode imaginar; muito mais do que você aproveita. O tempo é um bem precioso, e é finito na sua dualidade. Todas as pessoas, em algum ponto do futuro, farão a transição para fora do físico. Ou, de acordo com a sua linguagem, todos experienciarão a morte, todos morrerão. Esta é uma condição da fisicalidade, você sabe. Entretanto, muitos agem como se fossem viver para sempre. É verdade que a alma é eterna, mas você não será sempre a mesma pessoa, a mesma personalidade ou expressão que é agora, em qualquer outra vida, em qualquer outro aspecto da sua existência.

Você está aqui para aprender, Querido; está aqui para aprender as expressões da sua própria Divindade dentro da dualidade. E realmente, a dualidade é uma dádiva. A vida é uma dádiva. Você está aqui para aprender a cocriar, pois, na verdade, você e todos os seres humanos são cocriadores do Universo, do Cosmos e estão aqui para alcançarem a Maestria. E muitos já estão bem perto dessa conquista.

APROVEITE O DIA

Mestre, enquanto não se valorizar verdadeiramente, você não estará na graça da impecabilidade e, portanto, não estará motivado para realmente valorizar e otimizar o seu tempo. A menos que dê grande valor ao tempo que lhe cabe, você não “fará o melhor” com ele. “Carpe Diem” é traduzido como “Aproveite o Dia” e é muito apropriado. Você precisa aproveitar cada momento! Muitos indivíduos, apesar de suas boas intenções, se permitem ficar tranqüilos no comodismo, em certas fases ou em certas condições da jornada que escolheram. Muitos perdem tempo, utilizam mal o tempo e, assim, encarnações e encarnações podem ser desperdiçadas. Aquilo que você não enfrenta, aquilo que você não resolve em qualquer momento ou vida, acabará voltando à tona; você repetirá a situação até que consiga solucioná-la com sucesso. Isto com certeza é uma grande verdade.

Mestre, utilizar bem o seu tempo na dualidade é essencial, e isto é um empreendimento complexo, porque requer que você busque a impecabilidade; requer que você ame a si mesmo, pois enquanto não se valorizar genuinamente, você não valorizará verdadeiramente a sua vida e o seu tempo. E enquanto não valorizar seu tempo, você não será motivado a maximizar a forma de utilizá-lo.

Isto é a Disciplina natural, é a ferramenta básica para resolver os problemas da vida. Sem disciplina é difícil você ter o estímulo necessário para se concentrar no trabalho de solucionar seus problemas. Em poucas palavras, você pode se tornar imobilizado… apático, acomodado ou preguiçoso. Na “Escada da Ascensão”, ou você se move para cima, ou fica parado, ou se move para baixo.

Na física tridimensional, existe uma lei que afirma que uma energia altamente organizada naturalmente se degradará se não estiver em estado dinâmico. Pela lei natural, é mais fácil permanecer em estado de acomodação no plano físico, do que numa condição de movimento ascendente. Isto é claramente lógico. A Lei do Amor é que motiva todas as almas a ascenderem para maior consciência, e isto requer dinâmica… trabalho! Na verdade, a preguiça é um dos seus maiores obstáculos, porque trabalhar significa nadar contra a maré. Aproveite o Dia!

ORDEM PERFEITA

Algumas pessoas dizem e sentem que “Tudo funciona como devia, tudo está em perfeita ordem”. Mas isto é um paradoxo, Mestre. E, como numa carta de baralho, uma das figuras está sempre de cabeça para baixo, de qualquer jeito que se olhe para ela, entende? Do ponto de vista superior, tudo está em perfeita ordem, mas da perspectiva da dualidade, não está! Se estivesse, não haveria nenhuma necessidade de lição, nenhuma necessidade de reencarnação. Basta dar uma olhada ao seu redor para saber que a situação da humanidade no planeta Terra está longe de ser perfeita. Na verdade, NÃO vai funcionar como devia, até que os seres humanos façam com que funcione!

Isto se aplica ao micro e ao macro. Há muito a ser trabalhado, muito a ser revisto. E tudo ocorrerá no tempo apropriado, Mestre. Nós lhe oferecemos algumas questões ligadas à perda de tempo, para sua análise e discernimento:

EGO OCULTO – ARROGÂNCIA ESPIRITUAL

Muitos são líderes e professores e trabalharam bastante e durante muito tempo para chegar a um nível avançado de conhecimento das verdades espirituais. Isto é admirável, mas leva a uma encruzilhada decisiva.

Um ser humano no caminho da Maestria deve evitar as armadilhas do ego ou cairá na atrocidade. Um líder deve sempre respeitar a voz da sua alma e seguir o caminho que lhe é indicado internamente, de modo a ascender em vez de decair. Esta é uma orientação essencial para todos que estão no curso avançado de Maestria. Sem a “avaliação e calibração internas da alma” não é possível enxergar a verdadeira direção do lar.

Entenda que com o progresso contínuo vem a necessidade da humildade. Quantos já participaram de reuniões metafísicas onde acabaram quase humilhados por alguém que fez questão de lhes contar como conseguiu ir longe em seus sonhos, quantas visões grandiosas já teve e quantos mestres celestiais ele enxerga nos reinos superiores, insinuando que é um ser avançado na maestria e quer ter certeza de que todo mundo saiba disto.

Esta é uma armadilha compreensível, mas não é o caminho da integridade. A Arrogância Espiritual é muito comum nos círculos da Nova Era, embora muitos que a praticam não tenham sequer consciência de que estão se apresentando de um modo tão pomposo. Existem muitas ciladas secretas do ego nos círculos espirituais. Ninguém está isento disto. Líderes e professores que progrediram até certo nível são especialmente suscetíveis de cair nesta cilada do ego, quando começam a conquistar seguidores. A maioria dos que caíram não o reconhece. Você é um deles? Acontece com a maioria, em algum momento, Querido. A humildade é o caminho do verdadeiro líder espiritual, entretanto é muito fácil cair cegamente no auto-engrandecimento.

Dizemos-lhe com amor, Querido, que isto acontece com todos. Acontece em todas as suas encarnações: o movimento e a mudança, dia a dia, para dentro e para fora da integridade. Na dualidade, seja um professor ou seja um aluno (na verdade, todos são ambos!), ninguém está acima disso, e é por isto que é necessário  se re-calibrar através do espelho infinito da verdade, através da auto-análise feita pelo observador distanciado interno. Existe uma linha muito tênue entre amor por si mesmo e ego. O paradoxo é que o primeiro é uma necessidade da impecabilidade e o segundo é um obstáculo a ela.

No caminho para a Maestria, muitas vezes você será forçado a escolher entre o amor e o poder; e o poder é muito sedutor e, geralmente, muito bem disfarçado. O orgulho vem antes da queda. Muitos se elevaram a grandes alturas na conquista espiritual, mas acabaram perdendo tudo isto por se deixarem cegar pelo ego.

Existem duas formas de poder, uma é usada para controlar, é o poder político; a outra é o poder verdadeiro, o poder benevolente do Amor. Mas, à medida que progride em consciência, você verá essa distinção menos como uma questão de bem e mal, e mais como uma questão entre amor e conceitos enganadores de poder. São energias mais sutis. Existem energias que desejam um movimento ou direção e há energias que precisariam de uma compreensão mais aprimorada. O desafio se encontra em juntar todas as peças, e esta não é uma tarefa fácil.

INTEGRIDADE SEXUAL

O verdadeiro amor é uma frequência. Não é paixão emocional, não é romance e não é sexual, nos seus termos. Acima da dualidade, na sua verdadeira essência, você é andrógino, integral, inteiro e sem gênero. Só no plano da polaridade do reino físico é que ocorre a orientação de gênero. Neste momento e no seu plano atual de existência, a atração física para fertilização sexual está no modelo atual do DNA, para preservar a sobrevivência das espécies. Isto não é preciso nem está presente no seu Eu Superior, acima da dualidade.

A sexualidade é outra área que é muito complexa, muito confusa para muitas pessoas. É uma área que requer impecabilidade.

Através dos tempos, nas diversas culturas em todo o planeta, existiram muitos sistemas de crenças, expressões variadas, experimentos e modalidades da expressão sexual na biologia. Alguns foram muito moderados, outros extremamente liberais. Os laços mais profundos do amor biológico e espiritual encontram-se na base de todos os relacionamentos pessoais e culturais, mas existe um amor mais elevado que transcende a sua programação cultural e religiosa de sexualidade.

Padrões morais, impressos pela religião e cultura no seu paradigma atual, têm uma influência considerável na opressão em termos de expressão sexual. A consequente orientação sexual extremamente específica reflete, então, uma firme divisão na consciência. Não apenas separa o masculino dos impulsos emocionais alentadores, mas também separa o feminino da sua própria liberdade de projetar força e intelecto. Isto efetivamente formula uma cultura restritiva, na qual mente e coração, força e alento estão separados em polaridades através do gênero.

Intimidade e expressão sexual são veículos para a expressão da energia não-física de maneira física. A sexualidade pode ser sagrada ou pode ser simples luxúria. Quando é uma expressão espiritual da união de almas de um modo físico, ela é vivenciada como muito mais do que um ato físico e é feita a partir da intenção e manifestação dos chacras superiores. Neste caso, a energia vital despendida é amplificada, santificada e retorna ao campo energético dos participantes, aumentando a vitalidade e equilíbrio de ambos. Cada um registra a impressão da alma do outro.

Entretanto, este não é o caso quando ela se expressa apenas pelo impulso físico, com o único propósito de satisfação sexual. Quando o ato sexual ocorre apenas para satisfação física, a energia vital é simplesmente despendida, gasta, e não retorna ao campo de energia humano. Na realidade, em alguns casos, quando o ato se baseia apenas no egoísmo e gratificação, ele rompe um pouco o campo eletromagnético e pode ocorrer vazamento de energia.

A maioria dos seres humanos, na sua sociedade atual, tem problemas conflitantes a respeito da sua própria sexualidade e expressão sexual. A sexualidade é algo que pode fundir duas almas em bem-aventurada unidade, mas também pode expressar cada um como Um. O aspecto qualitativo da intenção dos participantes é que determina o nível do fluxo do chacra específico, se é ou não feito com lucidez superior, entende?

Não é irônico que muitos de vocês alcancem o maior equilíbrio em suas vidas, só depois que seus corpos cessam de produzir hormônios sexuais? Entretanto, a liberação do chi através da kundalini, por meio do ato sexual, está entre as energias mais poderosas disponíveis para a humanidade. Ela foi usada exageradamente e caiu no mau uso e desperdício. A chave é a intenção.

Quando existe uma atração consensual, unida ao carinho e respeito mútuo, ela pode ser maravilhosamente sensual, bonita e sagrada. É capaz de transportar o espírito a reinos superiores, combinando a trindade do corpo, mente e alma. Quando isto acontece, especialmente entre membros da mesma família de almas, dá-se a transmissão de uma impressão energética e um efeito sinergético que é extremamente benéfico em muitos níveis.

A sexualidade é a expressão natural do amor que floresce entre as almas. Pode ser a expressão mais elevada do amor entre as pessoas, independente de gênero. Entretanto, pode se tornar uma fonte de culpa, uma fonte de controle, e uma fonte de preconceito e julgamento. Pode se tornar uma fonte de auto-engrandecimento e dependência, principalmente entre aqueles do gênero masculino, porque o impulso masculino para a reprodução está fisicamente conectado ao corpóreo, por assim dizer. Assim, ela é frequentemente mal compreendida e mal utilizada.

Os relacionamentos deveriam ser baseados em consenso, e a liberdade desta expressão deveria ser respeitada, mas perfeitamente alinhada com os chacras superiores. A dominação de um sobre o outro não é compatível com o verdadeiro amor nos relacionamentos de qualquer natureza.

A intenção elevada, na sexualidade, é extremamente benéfica em todos os níveis – físico, mental e espiritual. Ela pode ser uma fonte de rejuvenescimento e regeneração. No entanto, muitos escolhem expressões sexuais que chegam às raias do deboche, manipulação, ganância, conquista e infeliz dependência do orgasmo físico.

Sem julgamento, lhes dizemos que a energia sexual é uma dádiva de energia maravilhosa, e quando usada com intenção mais elevada, oferece um vislumbre da felicidade orgástica sagrada dos reinos celestiais. Ela é a força vital e deveria ser usada sabiamente, envolvendo o corpo, a mente e o espírito.

Quando a expressão sexual é devidamente escolhida, seu desenvolvimento responsável com intenção mais elevada, através da associação dos corações e do amor, é um aspecto da impecabilidade cristalina.

BLOQUEIO ENERGÉTICO NÃO RESOLVIDO

Mestre, na caminhada final para a Maestria, a maior parte dos seus problemas principais já foi trabalhada, e nós o respeitamos por isto. Entretanto, o que falta pode ser desconcertante de ser confrontado. Mas é importante enfrentar todo e qualquer problema ou energia não resolvidos.

Dizemos isto sem julgamento. Nós chamamos sua atenção para isto para ajudá-lo. Pois, com o tempo, tudo terá que ser enfrentado. Quanto mais adiantado você se torna, mais dificuldade pode ter para remover as pequenas questões não resolvidas, porque geralmente elas estão bem escondidas. A energia não resolvida… as questões finais podem tornar-se polarizadas e serem afastadas do seu campo mental, ficando esquecidas nos resíduos de muitas encarnações. Querido, tome um tempo para se auto-analisar no aspecto multidimensional, na Mer-Ka-Na. Por favor, determine o que falta ser trabalhado.

FÍSICA DA POLARIDADE

Veja, Mestre, quanto mais você se aproxima da luz, mais fortemente atrai as trevas. A luz atrai insetos! Quanto mais adiantado você for, mais crítica atrairá, e para lidar com isto, você precisa de sabedoria.

O aspecto polar da “Lei da Atração dos Opostos” entra em cena aqui. Olhando de um ponto de vista mais afastado, o que acontece é eletromagnetismo. A energia positiva pura tem maior atração “magnética” para a energia negativa. Então, à medida que a sua luz brilha mais, a atração magnética em relação ao pólo oposto aumenta. Isto pode ser administrado, mas você precisa ter luz, humildade, força e disciplina para defleti-lo.

Então, lidar com afrontas, com a energia pesada do ciúme, ódio e raiva, é uma peça importante do enigma para alcançar o nível de Mestre da Impecabilidade.

Como você lida com isso? Não tomar nada como pessoal talvez seja mais fácil de dizer do que de fazer, mas é uma grande verdade. Sua Bíblia fala de oferecer a outra face. Mas isto não significa que você deva pedir desculpas quando alguém pisa no seu pé. Parte do paradoxo é realmente defender a sua verdade. Mas significa, sim, que você não pisa no pé dos outros, intencionalmente ou não. Entende?

Permanecer na sua verdade é uma ação pacífica. É uma expressão benevolente da agressão que permite manter a graça e a dignidade em ambas as partes de qualquer conflito ou ataque, enviando a energia agressora de volta à sua fonte, mas sem maldade e com amor.

Todos os seres humanos têm a oportunidade de se manterem na impecabilidade dentro de qualquer conflito, sem se envolverem com ele. Entende? Lide com o conflito, encare-o a partir de uma posição de distanciamento emocional, como um observador. Isto não é fácil, entretanto é o caminho do Mestre. É assim que você “não toma nada como pessoal”, você afasta a reação emocional.

Todos os dias você tem a oportunidade de ser impecável. A situação na qual reconhece suas próprias falhas, seu próprio conflito com a integridade, é o momento em que você alcança o nível de Mestre em Impecabilidade. E esta realmente é uma jornada e taanto! Da mesma forma, no momento em que se mantém na sua verdade com disposição para reconhecer a verdade de outra pessoa, você alcança a integridade.

A mente divina só é alcançada, só é acessada através da ressonância da Mer-Ka-Na cristalina, com ondas de pensamento cristalino. O pensamento cristalino está acima da emoção, acima de sentimentos mesquinhos. É alcançada no distanciamento. É o lago cristalino de Shamballa, do verdadeiro Nirvana, liso como vidro, sem ondas que distorçam a imagem nele refletida.

ENCERRANDO:

Para encerrar, nós lhe oferecemos nossas bênçãos e gratidão pela sua busca.

O que há de mais precioso além da sua vida e seu propósito divino?

Seu papel agora e amanhã é sempre buscar realização, entendimento e desenvolvimento impecável. Sua missão divina pode e vai criar uma linda fusão da realidade experimental proposital… da dança na alegre luz das estrelas e da projeção de raios dessa beleza cristalina para tudo ao seu redor.

Não existe nenhum êxtase mais supremo do que alcançar a mente Divina. É por isto que todos vocês estão aqui. Vocês são do reino da Criação, da Maestria, e estão muito mais perto do que pensam da manifestação física disso. Queridos, VOCÊS criaram a Ascensão e ela está surgindo agora. Nós os honramos. O momento anunciado, com o qual tanto sonharam, os espera, Queridos.

Eu sou Metatron, e vocês são amados.

E assim é

.……………………………………………………………………………………………………………………….

Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br

Os direitos autorais desta canalização pertencem a www.Earth-Keeper.com. A publicação em websites é permitida, desde que as informações não sejam alteradas e os créditos do autor e seu site sejam incluídos. Este material não pode ser publicado em jornais, revistas e nem re-impresso sem a permissão do autor. Para pedir permissão, escreva para EarthKeeper@consolidated.net.

Fonte¹: Spirit Library | Earth Keeper | Earth Keeper Chronicles | Crystalline Impeccability: Dancing with Stars

Fonte²: The Fractal Wanderer | Crystalline Impeccability ~ The State of Grace (Metatron)


Via: Impecabilidade Cristalina: Dançando Com as Estrelas – Metatron canalizada por Tyberonn – 16 de abril de 2011

ABRINDO AS PORTAS PARA O DESPERTAR DA PAZ INTERIOR…

paz interior

As 8 Chaves da Paz

evo66 (editado)

Por: Sri Prem Baba

 

A paz é a mais elevada das virtudes. É o anseio secreto de todos os seres. Ela é uma profunda aceitação daquilo que é. É não se opor a nada ou ninguém. A paz brota da entrega: você entrega todos os seus problemas ao Universo e deixa que o fluxo da vida a leve. Entregar significa não pensar mais a respeito. Você relaxa e sente autoconfiança. Para isso, é preciso abrir mão do controle. A paz, portanto, nasce de um profundo confiar.

Olhando para trás, revendo a minha história pessoal, vejo que a minha busca pela paz começou quando ainda era muito jovem. Antes mesmo da adolescência entrei numa escola de conhecimentos espirituais. Certa vez, um professor disse: “As pessoas se autodenominam humanas, mas na verdade, são humanóides – criaturas com cérebro grande e duas pernas que se passam por seres humanos. Na condição atual as pessoas são incapazes de perceber o que realmente precisam. Acreditam que serão felizes se obtiverem este ou aquele objeto ou título, mas toda essa ganância somente mostra que são ainda muito imaturos para entenderem que a verdadeira felicidade somente nasce da paz no coração e na mente.” Quando eu ouvi isso, pensei: “Será que ele está se referindo a mim?”

Até aquele ponto, tudo indicava que a paz poderia ser atingida somente através do domínio sobre a matéria. E, de repente, ouvir essa devastadora crítica sobre a humanidade, e perceber nas profundezas do meu coração que isso era verdade, foi como um nocaute. Mas esse ensinamento abriu as portas da verdade para mim.

Eu pude perceber que a vida frequentemente se resumia em uma eterna tentativa de forçar o outro a nos amar, e que podemos desperdiçar uma vida inteira nessa busca inútil. Uma vez que, no mais profundo, você sabe que amor forçado não é amor, facilmente você encontra razões para lamentar que não é amado. Com isso, você se distrai e se desvia ainda mais do objetivo de atingir a paz interior.

Eu compreendi que a paz duradoura somente pode ser alcançada quando você se liberta da necessidade de receber amor exclusivo, pois esta é a fonte de todo o sofrimento. Eu diria que essa é a principal doença da humanidade. Daí nasce o pensar compulsivo e todos os outros desdobramentos. O sofrimento é o principal enigma da humanidade. Este é o principal desafio: como superar o sofrimento? Como superar a dor em todas as suas manifestações? Em outras palavras, como alcançar a paz?

Através da minha experiência, no trilhar do Caminho do Coração, eu descobri algumas chaves que abrem as portas para o despertar da paz interior, as quais eu compartilho com você agora:

Primeira chave: Silêncio.

O silêncio é uma forma de bater na porta do salão da verdade. Ele é a base que te prepara para qualquer prática; é o alicerce do edifício da consciência. Tudo que é belo e verdadeiro nasce do silêncio.

Um instante de silêncio é suficiente para exorcizar todos os demônios, porque os demônios são os pensamentos. Se existe um pensamento compulsivo constantemente assombrando a sua mente, é porque você deu muita atenção a ele, ou seja, você o alimentou acreditando nele. Mas, ao aquietar a mente, todos os fantasmas desaparecem. Não importa quão antiga seja a escuridão, uma pequena fresta de luz dissipa toda escuridão porque ela é somente a ausência de luz. O silêncio invoca a luz. Quando a mente se acalma, tudo se acalma.

O preço para a realização espiritual é a solidão. Em algum momento você vai ter que encarar a si próprio. Por isso é fundamental aprender a ficar sozinho e em silêncio. Você também pode chamar esta prática de meditação. Mas, eu não quero que você se perca no labirinto das ideias e conceitos, na ginástica do intelecto. Permita-se apenas ficar retirado e em silêncio, observando a grama crescer. Abandone toda a pressa e todo o desejo de chegar a algum lugar. Feche os olhos e focalize no ponto entre as sobrancelhas. Brinque de cultivar o silêncio.

Segunda chave: Verdade.

Falar a verdade não quer dizer que você vai sair por aí dizendo aos outros tudo o que pensa ser verdade, desconsiderando o fato do outro não estar pronto para ouvi-la, o que pode gerar mais conflito, mais guerra. Seguir a verdade significa ouvir o chamado do seu coração.

Se ainda há desconforto e sofrimento na sua vida, significa que ainda há uma camada de mentira te envolvendo. Seja corajoso para encarar suas mentiras. Sem coragem você não será capaz de encarar a verdade. Procure identificar quando você ainda não pode ser honesto com você mesmo e com a vida; quando você tem que usar uma máscara e não pode ser autêntico e espontâneo; quando você tem que fingir que é diferente do que é. Dê uma olhada nas diversas áreas da sua vida. Você terá algum trabalho, mas é um bom trabalho. Lembre-se que “a verdade vos libertará”.

Terceira chave: Ação Correta.

Isso não tem nada a ver com moralismo. A ação correta, ou ação consciente, não se baseia no que está fora, ou seja, não depende da aprovação do mundo externo. Não é seguir um manual com regras sobre o que está certo ou errado. É uma ação determinada pela intuição, que é a voz do silêncio. É ter coragem de ser você mesmo, autêntico e espontâneo. Agir conscientemente significa colocar o amor em movimento, ou seja, trilhar o Caminho do Coração.

Quarta chave: Não Violência.

A não violência é a ação sem ego. É a atitude não contaminada pela vingança e pelo ódio. É não dar passagem para a maldade que provoca sofrimento no outro, não importa em qual nível.

A não violência ou ahimsa, como é conhecida na tradição do hinduísmo, não é cruzar os braços e ficar esperando que as coisas aconteçam. Ela, muitas vezes, envolve ação, atitude. Mas, é uma ação que nasce do coração – é espontânea e sempre vem com sabedoria e compaixão. Não é o ódio ou o medo se manifestando.

Eu mesmo já questionei o poder de ahimsa. Parece que só deu certo com Gandhi, na Índia. Mas, não é verdade. Ahimsa é o remédio que esse planeta precisa. A compaixão é o remédio e ahimsa é compaixão.

Quinta chave: Amor Consciente

Eu uso esta palavra ‘consciente’, porque a palavra amor foi degenerada. Nós demos a ela tantos outros significados que não têm nada a ver com a sua essência. Para o senso comum, o amor está ligado ao egoísmo, a uma satisfação pessoal. Ele é confundido com a paixão, com o sexo e até mesmo com o ódio. Isso acontece de uma forma inconsciente: a entidade acredita estar amando porque não tem consciência do que é amor.

Não é possível definir o amor com palavras, mas eu posso dizer que amar inclui um desejo sincero de que o outro seja feliz. Inclui ver o potencial adormecido no outro e dar força para ele acordar. É querer ver o outro feliz sem querer absolutamente nada em troca. Em última instância, amar conscientemente significa amar desinteressadamente.

Mas, para que possa utilizar essa chave se faz necessário que você reconheça o seu desamor. Procure identificar em quais situações e com quem você ainda não pode ser amoroso. Aonde e com quem o seu amor não flui livremente? Em que situações o seu coração se fecha? Aí há uma pista para você. Vá atrás dessa pista e você descobrirá muito sobre si mesmo. Essa é uma forma de trazer paz para esse mundo: aprendendo a ser amigo do seu irmão; amigo do seu vizinho. Aprender a não julgar os erros do outro. Antes de levantar o seu dedo para acusar o outro, olhe para si mesmo, e pergunte: “Será que eu não tenho um defeito igual, ou outros até piores?” “Será que o meu vizinho não tem nada de bom para eu focar a minha atenção?” Comece a focar no bom que o outro tem. Essa é sua grande missão.

Sexta chave: Presença.

Estar presente significa estar total na ação. É lembrar-se de si mesmo a cada instante. Quando você pode experienciar a presença, a sua energia cresce e você percebe o amor passando por você. Se puder sustentar esse estado de alerta, você terá a percepção de que tudo é sagrado, e a partir dessa percepção, poderá expandir sua energia conscientemente na direção do outro.

Eu sugiro uma prática bem simples para o seu dia a dia. Habitue-se a perguntar: Onde estou? O que estou fazendo? Permita-se parar, apenas por alguns segundos, absolutamente tudo o que você está fazendo. No meio da ação, pare e pergunte-se: Quem está fazendo? Assim você interrompe a imaginação e volta para o seu corpo, para a presença, para a totalidade na ação. Esse é o caminho.

A presença é a chave mestra. Mas, porque não vamos diretamente para ela? Porque nem todos estão prontos para usufruir dela. Poucos estão maduros para abandonar o pensar compulsivo, já que isso lhes dá um senso de identidade. Então, em muitos casos, é necessário um trabalho de purificação, que é este trabalho de transformação do “eu inferior”, para que você esteja pronto para ancorar a presença. Para isso, o corpo é o portal. Sinta-se ocupando o corpo. Sinta seu campo de energia e mova-se a partir dessa percepção.

Sétima chave: Serviço Desinteressado.

Servir desinteressadamente significa colocar seus dons e talentos a serviço do amor. É quando você pode se doar verdadeiramente ao outro, sem máscaras, sem necessidade de agradar ou fazer o que é certo com a intenção de ser recompensado. O único objetivo é ver o outro bilhar. Você se torna o amor que se move em direção à construção.

Acordar pela manhã, consciente de que está acordando para servir, ilumina a alegria de viver. Naturalmente, a consciência do serviço aumenta a conexão com o divino, porque, por mais que cada um tenha seus talentos e dons individuais, ou seja, uma forma particular na qual o amor se expressa através de você – é o próprio amor que está se expressando. No serviço, você se torna um canal do amor. Por isso, eu digo que o serviço é uma forma de manter a chama da conexão acesa. O amor e a felicidade passam por você para chegar ao outro, não importa o que você esteja fazendo, se está cuidando do jardim, construindo uma casa, cozinhando, cuidando de uma empresa ou de uma pessoa.

Oitava chave: Lembrança Constante de Deus.

Lembre-se de que Deus está em tudo: dentro, acima, abaixo, dos lados – em todos os lugares. Ele é a vida única que age em todos os corpos e é o seu Eu Real. Essa percepção de que tudo é Um e de que a energia espiritual se manifesta em todas as formas de vida, promove um profundo contentamento. Não há palavras para descrever essa experiência, ela só pode ser vivida. A sua vida se transforma numa prece, numa oferenda a Deus. Pode passar um tsunami, mas você não se esquece de Deus. Pouco a pouco, a sua fé se torna constante e inabalável, até que possa sustentar a eterna conexão com Deus.

A partir dessa conexão, você olha para o outro e enxerga além das aparências, porque você vê somente Deus e assim pode reverenciá-lo. Este é um sincero namastê: “a divindade que está em mim saúda a divindade que está em ti.”

Se verdadeiramente utilizar essas oito chaves na sua vida, inevitavelmente você irá experienciar a paz. Essa é a minha experiência.

Durante a fase do desenvolvimento da consciência que eu chamo de “ABC da Espiritualidade” ou purificação do “eu inferior”, muitas vezes, descobrimos verdades pouco agradáveis sobre nós mesmos. Durante esse processo, enfrentamos obstáculos que precisam ser removidos. Aos poucos, nós aprendemos a identificá-los e removê-los e, ao removermos aquilo que não nos serve mais, podemos nos tornar canais do amor divino, para que ele flua livremente através de nós.

(Trecho extraído do livro “Transitando do Sofrimento para a Alegria” de Sri Prem Baba)


Via: DESPERTAR COLETIVO | As 8 Chaves da Paz

AME INCONDICIONALMENTE! VOCÊ É APENAS AMOR…

Magic_Colorful_Wallpapers_laba.ws

AMOR

10941865_10202672661852249_2922601385172899124_n.jpg

Por: Prama Shanti

Sua estadia neste planeta não é para ser nem agradável, nem monótona. Os dias não serão iguais, você estará constantemente recebendo influências externas, naturais e inteligentes.

Mesmo que você se estabilize, estará sendo tentado por outras inteligências que são contrárias ao seu desenvolvimento.

Deixamos que isso aconteça porque isto o fortifica. Da mesma forma as dificuldades materiais tem um propósito. Você está aqui para aprender a superar estes obstáculos, precisa entender que eles são Maya, não são o que realmente interessa. São apenas pequenas distrações interpostas para os que não acreditam em seu poder.

Na medida em que você se apoderar de seu Eu verdadeiro, terá consciência do que realmente interessa. Quando isto ocorre, as dificuldades materiais se desfazem como a fumaça que são.

Os apegos precisam ser desfeitos e isto só pode ser feito pela dificuldade. Entendemos o quão difícil é para vocês desapegarem de certas coisas.

Não existe uma ordem correta de desapego, por isto as dificuldades ocorrem em todos os campos, materiais e emocionais.

Para que o desapego ocorra é necessário que ele esteja no centro de sua mente, precisa ser um problema para que seja trabalhado. Pegue o problema e entre nele como um bom Vipassana, penetre o seu núcleo, analise-o, separe cada pedaço, enfrente o pior pedaço e novamente refaça sua análise até não sobrar nada.

É como seus cientistas fazem com a análise da matéria, chegam até o átomo, às suas partículas elementares, ao núcleo de uma pequena partícula, aos seus pedaços e enfim chegam à energia pura. E se soubessem ir adiante, chegariam à consciência.

Da mesma forma é preciso que você chegue à consciência do problema, ao seu propósito. Entenda-o, decifre-o e ele deixará de existir.

Assim ocorre com tudo em seu mundo, porque nada existe, e quando você penetra no âmago, você desfaz. Você se entrega, se dissolve e assimila. E passa a ser um com Ele.

Então, silencie seu coração e ame incondicionalmente cada coisa, e pelo amor você se torna um com Ele e o compreende.

Ame incondicionalmente, pois você é apenas Amor.

Através de Prama Shanti, em 04/02/2016

(sobre a autoria …)

 


Via: Amor | Prama Shanti

TRANSFORMANDO VIDAS A PARTIR DA FÍSICA QUÂNTICA…

fisica-quantica_em-sua-vida

AMIT GOSWAMI – “DEUS NÃO ESTÁ MORTO”

Por: Victória Álvares

 

O físico indiano Amit Goswami foi, dos 14 aos 45 anos, materialista. Renomado na academia pelos seus trabalhos científicos e PhD em Física Nuclear, ele ensinou durante 32 anos na Universidade de Oregon, nos Estados Unidos, e é professor emérito da instituição.

Mas, na metade da sua carreira, o cientista viveu um momento epifânico que o fez redirecionar todo o seu trabalho de pesquisa. Desde então, Goswami está envolvido em estudos que buscam conciliar ciência e religião.

A sua teoria de uma nova ciência contraria a ideia de que a origem de todas as coisas é a matéria e afirma que a consciência é a base de tudo que conhecemos e percebemos. Considerado um dos mais originais pensadores contemporâneos nessa área, Amit Goswami tornou-se mais conhecido no mundo a partir de 2004 ao participar e expor suas ideias no filme Quem somos nós?, mas também já causou polêmica nos meios acadêmicos e foi criticado.

Muitos o consideram como um cientista transformado por seu próprio trabalho. Atualmente, Amit Goswani faz palestras pelo mundo e dá aulas sobre ciência e vida espiritual em entidades e institutos dedicados a estudos religiosos e filosóficos nos EUA, Portugal e no Brasil.

Em visita ao Recife para participar do II Simpósio Internacional de Saúde Quântica e Qualidade de Vida, concedeu esta entrevista ao Diario.

“A consciência é a base de tudo”

O que é a Física Quântica e o que fez o senhor se interessar por ela?

Um dia eu estava numa conferência de onde eu saí muito chateado comigo mesmo, porque eu achava que a minha palestra não tinha sido boa o suficiente. Eu tinha a impressão de que as pessoas davam palestras melhor do que eu e ficava com uma certa inveja, e esse sentimento ruim ficava me incomodando. Em certo momento, deixei a conferência e, quando saí, senti o vento do mar batendo no meu rosto. Foi neste exato momento que eu pensei ‘Por que eu estou vivendo assim?’ Eu me dei conta de que a minha pesquisa e a minha vida estavam completamente separadas, que meus estudos não contribuíam em nada com a minha vida, e vice-versa. Então, decidi que queria integrar a minha vida e o meu trabalho. Este foi o início de uma longa pesquisa sobre a integração, que nos levou a um novo paradigma que pode integrar a ciência com a vida de todos os dias a partir da Física Quântica.

Como nós podemos identificar os princípios da Física Quântica no nosso dia a dia?

Os princípios quânticos estão muito mais presentes na vida das pessoas do que elas podem imaginar. Quando nós pensamos, ou temos uma intuição, por exemplo. A Física Quântica mostra que, diferentemente do que é afirmado pela ciência tradicional, a matéria não é a base de tudo, mas a consciência. A consciência é que é o fundamento de tudo o que vemos e percebemos e, portanto, nós podemos decidir as nossas próprias escolhas. A partir dos conceitos da Física Quântica nesta nova ciência, nós aprendemos como desenvolver a nossa criatividade e assim podemos trabalhar numa mudança de mentalidade da sociedade como um todo.

Todos nós podemos ser criadores do novo mundo porque a Física Quântica afirma que sempre existem várias possibilidades e nós podemos escolher aquilo que queremos para nós, assim como influir no nosso entorno. Nós podemos transformar as coisas na nossa vida, com sentimentos como o amor, e não precisamos nos destruir com emoções negativas. A nova ciência diz que, apesar dessas emoções negativas, nós podemos transformar as coisas. E nosso cérebro é capaz de criar novos circuitos na mente para superar esta negatividade. É isso o que eu ensino.

Como o senhor poderia resumir o paradigma desta nova ciência que o senhor vem difundindo?

Cada um de nós tem uma consciência e nossas mentes podem se comunicar se nossos cérebros estiverem num estado específico de concentração. A consciência diz que o mundo é cheio de possibilidades e que nós temos liberdade de escolha. Se nós aprendermos a escolher com criatividade, acessando esta interconectividade não-local que cada um de nós tem, que é um estado de consciência não-local, se nós aprendermos a dar um salto do nosso ego individual para essa interconectividade não-local, então nós podemos acessar essas ideias de criatividade e mudar as nossas vidas. Assim, se acessarmos esse estado, seremos mais responsáveis pelas nossas ações. E quando assumimos essa responsabilidade, podemos enfrentar todos os problemas que vêm nos perseguindo. Então “escolha” e “responsabilidade” são as palavras chaves desta nova ciência. Neste sentido, a nova ciência nos ensina a exercitar a criatividade.

Na sua teoria, o senhor também fala muito em espiritualidade. Qual é a sua opinião sobre o papel das religiões na sociedade?

Eu acho que a religião tem um papel importante, que é a consciência de que nós temos espiritualidade em nossas mentes e não devemos ter vergonha, pois tudo está integrado. Mas eu não acredito que Deus seja propriedade de nenhuma religião. Na minha opinião, Deus está em cada um de nós, é a nossa consciência individual. Neste sentido, a propriedade de uma religião é tirar Deus de dentro de nós mesmos. Para mim, a religião nos ensina como acessar Deus, a nossa consciência, mas Ele está disponível para qualquer um de nós, independentemente de religião, pela meditação, pela criatividade, etc.

O senhor ficou muito conhecido pelo filme Quem somos nós, que é inspirado no seu livro A física da alma. O que o senhor acha deste filme e do filme O Segredo, que aborda o mesmo tema?

A proposta do filme Quem somos nós? foi mostrar os fundamentos básicos da Física Quântica, que são as ideias de base da nova ciência. Este é um assunto que interessa muito às pessoas, por isso o filme se tornou muito popular. Quanto ao filme O Segredo, eu não acho que seja um filme ruim, ele tem uma boa mensagem. O problema é que ele não a desenvolve o suficiente. Faltam no filme as outras etapas do processo criativo, “fazer” e “ser” também são importantes. A Física Quântica é justamente baseada nesta combinação “fazer-ser”. E o filme pode dar a impressão errada de que basta desejar profundamente algo que isso vai se realizar, mas não é assim, isso não é suficiente. O processo criativo é que ativa esta consciência não-ordinária. Se você quer ser bem-sucedido, pense de maneira quântica e seja criativo.

A comunidade científica é conhecida por ser um espaço de confronto de ideias e debates. Mas, há anos, o senhor vem difundindo a sua teoria e nós não ouvimos muitos comentários da parte dos cientistas tradicionais sobre os estudos do senhor. Como o senhor explica isso?

Faz tanto tempo que a ciência tradicional é cética no que diz respeito a questões espirituais que o novo paradigma é, de certa forma, assustador para eles. Demora muito tempo para mudar um paradigma que é considerado verdadeiro e muitas pessoas, simplesmente, ainda não estão preparadas para fazê-lo. Eu entendo isso e respeito as dificuldades delas, mas eu tenho certeza de que, mais cedo ou mais tarde, a nova ciência vai prevalecer, porque ela é verdadeira. A teoria heliocêntrica de Copérnico, por exemplo, levou mais de 100 anos para ser levada a sério. Esta nova ciência, que vê a consciência como a base do ser, só surgiu em 1993. Eu tenho certeza de que a ciência vai um dia vencer seus preconceitos e reconhecer o novo paradigma.

Os seus livros fazem muito sucesso no Brasil e o senhor vem cada vez mais aqui? Como o senhor explica esta relação?

A primeira vez que eu vim ao Brasil foi em 1996 para uma conferência de psicologia em Manaus. Os brasileiros eram tão receptivos à nossa teoria de que a consciência é a base do ser que isso me tocou muito. Em 2007, o meu livro O universo autoconsciente foi lançado no Brasil e eu comecei a vir cada vez mais frequentemente para dar workshops e conferências. Foi assim que a minha relação com o Brasil foi se tornando cada vez mais próxima. Eu sou muito grato pela receptividade e pelo entusiasmo dos brasileiros com as minhas teorias e acho que o Brasil é um terreno muito fértil para a nova ciência. Eu sempre observei que os brasileiros são muito expressivos com relação ao que eles sentem, não apenas ao que pensam. Esta forma de ser é muito importante para entender a visão integralista entre pensamento e emoção, que é o caminho do futuro. Eu acredito que o Hemisfério Norte esteja talvez perdendo esta essência da integração e os brasileiros têm muito a contribuir com isso.

Saiba mais

Amit Goswami doutorou-se pela Universidade de Calcutá em 1964, mudando-se em seguida para os EUA, onde mora até hoje.

Após ensinar durante 32 anos no Departamento de Física da Universidade de Oregon, nos EUA, ele é hoje professor emérito da instituição.

Aposentado da vida acadêmica desde 2003, Amit Goswami dedica-se atualmente a realizar palestras pelo mundo divulgando suas teorias e o ativismo quântico.

O ativismo quântico acredita que o ser humano é capaz de mudar o mundo e a si mesmo a partir dos princípios da física quântica.

8 Livros traduzidos para o português

Em 2010:
– O ativista quântico

Em 2009:
– Evolução criativa das espécies

Em 2008:
– O universo autoconsciente
– Criatividade quântica
– Deus não está morto
– O médico quântico

Em 2005:
– A física da alma

Em 2003:
– A janela visionária

Em 2004, o filme Quem somos nós? (“What a bleep do we know?”) abordou as teorias do físico indiano e, desde então, Amit Goswami se tornou ainda mais conhecido.

Por Victória Álvares, especial para o DIÁRIO/RECIFE


Postado por Miguel Galli O Terapeuta Quântico

Via: O Terapeuta Quântico: AMIT GOSWAMI – “DEUS NÃO ESTA MORTO”

QUANTO MAIS SE AVANÇA, MAIOR A DEPENDÊNCIA DA PRESENÇA DIVINA…

Nirvana_Vrindavan Das

GIGANTES GENTIS

Por: Maria Chambers

 

Os seres humanos estão tão ocupados em se melhorar. Tornando-se mais fortes, mais atraentes, mais ricos, mais saudáveis, mais inteligentes, mais educados, mais apreciados, mais bem-sucedidos, mais espiritualizados, mais dignos… e, no entanto, isso tudo é uma total perda de tempo.

Porque, se eles não estão reconhecendo a existência de sua alma, todas as tentativas, ações e correções os levam… a lugar nenhum.

As pessoas estão começando a reconhecer essa verdade. Estão se tornando mais perturbadas. Mesmo que cheguem mais perto de atingir seus objetivos, ainda parece que algo está faltando. E, então, se culpam. Pensam que não fizeram o suficiente, ou que fizeram a coisa errada. Ou põem a culpa no destino, na economia, no governo, ou nos genes.

Ou apenas na má sorte.

Não é interessante que tendamos a fazer a mesma coisa quando sentimos que essa iluminação encarnada não está funcionando do jeito que esperávamos. Assumimos a culpa ou a posição de vítimas.

Mas, na verdade, é muito mais difícil a transformação do que qualquer um de nós imaginou. Não fizemos nada de errado. Ninguém é culpado. Mas, podemos começar a achar que não estamos destinados a isso nesta existência. Pode parecer um sonho impossível.

Aqueles dentre nós que estão na vanguarda dessa transformação para o humano divino são um grupo consideravelmente resistente. Poderíamos ser chamados de gigantes gentis. Somos gentis por natureza, cheios de amor, mas também somos gigantes em nosso campo.

Passamos das conversas animadoras da nova era ou dos contos etéreos sobre a iluminação.

Não estamos interessados em amenizar esta experiência. Passamos pela mais densa escuridão. Nossas vidas desmoronaram-se. Fizemos o que parece ser um processo interminável e vimos permitindo que o espírito chegue cada vez mais perto. Todavia, parece, às vezes, que temos muito pouco para mostrar. Pelo menos no tangível.

Mas, realmente sabemos que algo está acontecendo e a prova é que estamos nos sentindo cada vez mais distanciados de nossos antigos eus e deste mundo em que vivemos. Estamos começando a reconhecer que temos um parceiro que vive conosco  que não sente dúvida ou medo.

Sabemos que algo está acontecendo porque confiamos em nossa sabedoria em detrimento dos outros, mesmo daqueles que certa vez reverenciamos. E definitivamente confiamos em nossa voz em detrimento daqueles que considerávamos amigos íntimos ou outros relacionamentos semelhantes.

E estamos cada vez menos preocupados com o que os outros pensam de nós, de maneira geral.

Não somos influenciados pela culpa. Ou por outras formas de manipulação. Nós percebemos isso a milhas de distância. Bem, nem sempre. Às vezes se esgueiram sobre nós. Gastamos algum tempo com alguém, e mais tarde dizemos para nós mesmos: “Que ** foi essa?”

Mas, não estamos tão interessados em dissecar nossos problemas. Porque sabemos agora que eles não são de fato nossos problemas. Que alívio! Imaginam todo o tempo, energia e dinheiro que estamos poupando nesse projeto?

Muitos de nós somos adeptos disso, ou não somos? Provavelmente podemos recitar todas as condições corporais e suas origens emocionais, à maneira de Louise Hay, em relação a nós e aos outros.

Todavia, notamos que nem mesmo conhecendo as causas ou as origens desses problemas emocionais ou físicos não faz muito para que desapareçam?

E isso é porque não se trata de uma transformação mental. Não estamos tentando nos psicologizar ou mudar nossas crenças ou nossos velhos padrões como humanos.

E é exatamente por isso que ficamos tão frustrados, às vezes. Continuamos pulando de volta para a ação, mesmo que seja uma ação mental. E, infelizmente, esse processo não funciona dessa forma.

A parte mais difícil desse processo é a mente querer manter o controle. Ela ama dançar com o medo, a dúvida e a desesperança, porque são emoções com que está familiarizada. E essas emoções têm persistido em nós e permanecido em nossas células por muito tempo.

Nenhum de nós, que esteja passando por esta iluminação encarnada, poderia dizer com convicção que funcionaria da maneira que esperávamos. De fato, não estamos cem por cento certos para onde deveríamos ir. Ao longo do caminho, mudamos nossas expectativas. Principalmente à medida que mergulhamos mais profundamente na experiência e começamos a rasgar o próprio tecido de nossas vidas.

SOMOS ÍNTEGROS E COMPLETOS

E quanto mais avançamos, com menos pessoas em nossas vidas diárias conseguimos nos relacionar. Podemos tentar explicar-lhes quem somos e pelo que estamos passando, mas vemos os seus olhos vidrados. Para cada desconforto físico e emocional por que estamos passando, eles têm uma explicação ‘lógica’ ou médica.

Assim, percebemos que não podemos obter a espécie de apoio que desejamos de alguém que não esteja passando pelo mesmo processo. Começa a parecer que estamos cercados por crianças do ensino fundamental, em termos de crescimento da alma ou grau de conscientização.

Deste modo, pode ser bastante solitário. Mas, para ser gigantes em nosso campo, utilizamos isso também, para aproveitar a nossa resolução interior. É a oportunidade perfeita para depender ainda mais da própria Presença Divina.

Porque, aquilo que nos distingue também de outros seres humanos, é que reconhecemos a nossa alma, e, nesse reconhecimento, nos sentimos íntegros e completos. Não estamos buscando amor e aprovação do lado de fora. Isso é profundo.

E isso nos torna até mais sensíveis àqueles que ainda estão querendo extrair esse amor e aceitação dos outros. E se eles não estão reconhecendo que também são almas, eles estarão definitivamente fazendo isso.

Percebemos que não precisamos ou queremos ser a fonte para que os outros se sintam melhor acerca de si mesmos. Não podemos nos dar ao luxo de ser salva-vidas para alguém. Sabemos, bem no íntimo, o que se exige para ser um humano em ascensão. Sabemos que os outros vão ter que passar pelas próprias transformações, no próprio tempo.

Estamos no processo de descobrir o modo mais profundo e mais autêntico em que um ser humano pode amar-se. É preciso um gigante em seu campo para passar por isso.

 


Direitos Autorais:

Copyright © 2017, Maria Chambers. Todos os direitos reservados. Por favor, sintam-se livres para compartilhar este conteúdo com os outros, publiquem em seus blogs, página do Facebook, etc., mas mantenham a integridade deste artigo por incluir o autor, o tradutor e o link do site: Maria Chambers – https://soulsoothinsounds.wordpress.com

Fonte: SOULSOOTHINSOUNDS | Gentle Giants
Tradução de Ivete Brito – adavai@me.comwww.adavai.wordpress.com

Via: ADAVAI | GIGANTES GENTIS – 24/06/17

SER CONSCIENTE É DEIXAR DE VIVER UMA FALSA NOÇÃO DE “EU”…

ser consciente

QUEM VOCÊ REALMENTE É | ECKHART TOLLE

Compilado do Livro “O Poder do Silêncio” de Eckhart Tolle
por: Misticismo Natural

 

Quem você realmente é

O Agora é inseparável da pessoa que você é no nível mais profundo.

Muitas coisas podem ser importantes na sua vida, mas apenas uma tem importância absoluta.

É importante vencer ou fracassar aos olhos dos outros.

É importante ter ou não ter saúde, estudar ou não estudar.

É importante ser rico ou pobre – certamente isso faz diferença na sua vida.

Sim, tudo isso tem uma importância relativa, mas não absoluta. […]
Existe algo mais importante do que todas essas coisas: é encontrar a essência do que você é para além dessa entidade de curta duração que é a noção personalizada do “eu”.

Você não encontra a paz reorganizando os fatos da sua vida, mas descobrindo quem você é no nível mais profundo.

A reencarnação não ajuda se na próxima encarnação você continuar sem saber quem é.

Toda a desgraça do mundo vem de uma noção personalizada do “eu” ou do “nós”.

Essa noção encobre a essência de quem você é.

Quando você não se dá conta dessa essência interior, acaba sempre causando algum tipo de desgraça.

É muito simples.

Quando não sabe quem é, você cria um “eu” na mente para substituir o seu lindo e divino ser e se agarra a esse “eu” amedrontado e carente.

A partir do momento em que faz isso, sua grande força motivadora passa a se proteger e valorizar essa falsa noção do “eu”.

Há muitas expressões usadas frequentemente que mostram que as pessoas não sabem quem são.

O mesmo acontece às vezes com a estrutura da língua.

Dizemos: “Ele perdeu a vida num acidente de carro” ou “A minha vida”, como se a vida fosse alguma coisa que se possa possuir ou perder.

A verdade é: você não possui uma vida, você é a vida.

Você é a vida única, a consciência única que permeia todo o universo e assume temporariamente a forma de pedra, folha, animal, pessoa, estrela ou galáxia.

Consegue perceber que, lá no fundo, você já sabe disso?

Consegue perceber que você já é isso?

Você precisa de tempo para a maioria das coisas na vida: é preciso tempo para aprender uma nova atividade, para construir uma casa, para se especializar em alguma profissão, para preparar um chá.

Mas o tempo é inútil para a coisa mais valiosa da vida, a única que realmente importa: a realização pessoal, o que significa saber quem você é essencialmente além da superfície do “eu” – além do nome, do tipo físico, da sua história.

Você não pode encontrar a si mesmo no passado ou no futuro.

O único lugar onde você pode se encontrar é no Agora.

Os que buscam uma dimensão espiritual querem a auto-realização ou a iluminação no futuro.

Ser uma pessoa que está em busca significa que você precisa do futuro.

Se é nisso que você acredita, isso se torna verdade para você: precisará de tempo até perceber que não precisa de tempo para ser quem você é.

Quando olha para uma árvore, você toma consciência da existência da árvore.

Quando pensa ou sente alguma coisa, toma consciência do pensamento ou da sensação.

Quando passa por uma experiência boa ou ruim, toma consciência dessa experiência.

Essas afirmações parecem verdadeiras e óbvias, mas, se você examiná-las atentamente, perceberá que, de uma forma sutil, elas contêm uma ilusão básica que se torna inevitável quando se usa a linguagem.

O pensamento e a linguagem criam uma aparente dualidade, como se houvesse uma pessoa e uma consciência separadas.

Isso não existe.

A verdade é que você não é uma pessoa que toma consciência da árvore, do pensamento, do sentimento ou da experiência.

Você é a consciência na qual e através da qual essas coisas existem.

Você se percebe como a consciência na qual todo o conteúdo de sua vida se desdobra?

Quando você diz “Eu quero conhecer a mim mesmo”, você é o “eu”.

Você é o conhecimento.

Você é a consciência através da qual tudo é conhecido.

E que não pode conhecer a si mesmo.

Porque você é a própria consciência.

Não existe nada a ser conhecido além disso.

O “eu” não pode se transformar num objeto de conhecimento, de consciência.

O “eu” é a própria consciência.

Assim, você não pode se tornar um objeto para si mesmo.

Quando isso acontece, surge a ilusão do “eu” auto-centrado – porque mentalmente você fez de si mesmo um objeto.

“Este sou eu”, você diz.

A partir dessa afirmação, você passa a ter uma relação com você mesmo e a contar para os outros e para si mesmo a sua história.

Quando você sabe que é a consciência na qual a vida externa acontece, torna-se independente do que existe externamente e perde a necessidade de buscar sua identidade nos fatos, nos lugares e nas situações.

Em outras palavras: as coisas que acontecem ou deixam de acontecer perdem a importância, perdem o peso e a gravidade.

Sua vida passa a ter outra graça e leveza.

O mundo é então visto como uma dança cósmica, a dança da forma – só isso.

Quando você sabe quem realmente é, tem uma enorme e intensa sensação de paz.

Essa sensação poderia ser chamada de alegria, porque alegria é isto: uma paz vibrante e intensa.

E a alegria de saber que seu ser é a própria essência da vida, antes de a vida assumir uma forma.

É a alegria de Ser – de ser quem você realmente é.

Assim como a água pode assumir a forma sólida, líquida ou gasosa, a consciência pode ser considerada “sólida” como matéria física, “líquida” como mente e pensamento, ou sem qualquer forma como consciência pura.

A consciência pura é a Vida antes de se manifestar, e essa Vida olha para o mundo da forma através dos seus olhos, porque a consciência é quem você é.

Quando você se vê assim, então se reconhece em todas as coisas.

É um estado de total clareza de percepção.

Você deixa de ser alguém com um passado que pesa e através do qual todas as experiências são interpretadas.

Quando você percebe sem interpretar, pode sentir o que está percebendo.

O máximo que podemos dizer usando palavras é que há um campo de calma-alerta em que a percepção acontece.

Através de “você”, a consciência sem forma torna-se consciente de si mesma.

A vida da maioria das pessoas é conduzida pelo desejo e pelo medo.

O desejo é a necessidade de acrescentar algo a você para ser mais plenamente você mesmo.

Todos os medos são medo de perder alguma coisa e, portanto, tornar-se menor, ser menos.

Esses dois movimentos nos impedem de perceber que Ser não é algo que possa ser dado ou tirado.

O Ser em sua plenitude já está dentro de você.

Agora.

Eckhart Tolle
O Poder do Silêncio


Via: MISTICISMO NATURAL | Quem Você Realmente É | Eckhart Tolle

A UNICIDADE NOS RELACIONAMENTOS, COM A ALMA COMO GUIA, E NÃO O EGO…

best friends forever

OS RELACIONAMENTOS E A SUA UNIÃO SAGRADA

Arcanjo Miguel_Claudio Gianfardoni

Arcanjo Miguel

Canalizado por Ronna/Escriba Sagrada

 

Amados mestres, as frequências refinadas da Nova Era estão tendo um efeito profundo sobre como vocês se veem. À medida que aprendem a recuperar o seu poder, estabelecer limites e reivindicar um sentido de autoestima, isso também terá um efeito intenso em seus relacionamentos com os outros, principalmente nos relacionamentos românticos.

No passado, vocês tiveram muitas questões não resolvidas, que criaram aquilo que se poderia chamar de “manchas desequilibradas ou vulneráveis”, em seu corpo emocional e no sistema de chacra, principalmente nos primeiros quatro chacras. Vocês tiveram muitas questões não resolvidas internamente, sob a forma de culpa, medo, raiva, uma sensação de abandono, e de não serem amados. Todas essas formas-pensamento possuem uma frequência vibratória, e vocês irradiaram essas frequências de desmerecimento para o mundo. Vejam essas frequências se irradiando em sua frente e ao seu redor, em um Sinal do Infinito, em que elas são captadas por aqueles que estão ressoando com os mesmos níveis de frequência, e, assim, são atraídos para a sua vida de uma maneira ou de outra. Inconscientemente, vocês atraíram também aqueles que vieram sob uma perspectiva de “necessidade”. Vocês esperavam que eles pudessem consertar tudo para vocês e fazê-los felizes, mas, na realidade, toda essa espécie de relacionamento cria mais fricção, por meio dos sentimentos de carência e de uma sensação interna de desmerecimento. No passado, a maioria dos relacionamentos era baseada na atração física, o que normalmente se desvanece um tanto rapidamente se não houver maior profundidade na atração.

Havia outros componentes incapacitantes, tais como dependência, um desejo por segurança ou uma tentativa de encontrar validação da autoestima fora de si mesmos. Questões não resolvidas e problemas são ampliados, quando alguém que entra em sua vida reflete essas situações negativas de volta para vocês. Essas questões e esses problemas invariavelmente criam fricção, o que não é necessariamente algo ruim, se vocês os reconhecem, se estão dispostos a reconhecê-los e concordam em fazer um esforço combinado para mudá-los para melhor.

A ênfase agora está no retorno à totalidade interna, ao assumir responsabilidade pessoal por suas ações, e pela construção da autoestima e de um sentido de dignidade, por meio do centro do seu coração solar, em cooperação com o Eu da Alma e o Eu Superior. A verdade e a integridade serão as bases de qualquer relacionamento do futuro. Primeiramente, devem aceitar quem vocês são no momento presente, enquanto se esforçam para se tornar as melhores pessoas que possam ser, por examinar suas atitudes, crenças, hábitos e fraquezas. Vocês aprenderão que a base de um relacionamento duradouro com outras pessoas é, em primeiro lugar, ter um “caso de amor” consigo mesmos, em que vocês se esforçam para se tornar mais amorosos e amáveis. Finalmente, percebem que “vocês são o amor personificado”, e que não precisam de mais ninguém para validar essa verdade, porque vocês, bem lá no fundo, reivindicaram isso. Vocês conectam o seu Coração Sagrado e essa fonte de amor incondicional à própria Centelha Divina, e se lembram de que existe um suprimento infinito de Amor/Luz à disposição de vocês, através da sua conexão com a Fonte. Essa é a sua Herança Divina, queridos corações. Por que não a reivindicam?

Requer um compromisso forte e mútuo, sem culpa, julgamento ou acusações egoicas para se trabalhar diferenças pessoais, e chegar a conclusões que sejam mutuamente benéficas, que sejam justas para todas as partes envolvidas. Em um relacionamento que cresce, e evolui não haverá mais ênfase em quem está “certo” ou em quem está “errado”, mas no compromisso, e em um desejo de satisfazer as necessidades de todos os envolvidos de uma maneira mais equitativa.

Nenhuma área de sua vida pode ficar estagnada, principalmente para aqueles que estão dedicados ao caminho espiritual e à evolução da Alma. Nem sempre é possível, para os que estão em um relacionamento, crescer ou evoluir no mesmo ritmo. Todavia, é possível não se sentir ameaçado, permanecer em um papel coadjuvante e deixar que aqueles ao redor se desenvolvam no próprio ritmo, se vocês hão de estabelecer uma “união sagrada” internamente. Essa “união sagrada” está retornando ao equilíbrio e à harmonia os seus corpos físico, mental, emocional e espiritual, assim como recuperando os atributos e virtudes da sua natureza masculina e feminina. Os papéis estritamente definidos de machos e fêmeas estão, aos poucos, sendo alterados, por meio de que uma combinação de papéis sexualmente definidos está se tornando mais a norma. Mais uma vez, o poderoso brilho da Deusa está sendo emanado sobre a Terra e sobre a humanidade. O status das mulheres está mudando rapidamente, e a igualdade masculina/feminina se tornará a norma, quando, tanto os homens quanto as mulheres reivindicarem sua natureza intrínseca masculina/feminina. A batalha entre os sexos tem suas origens internamente, porque a humanidade lutou durante eons para reunir o deus e a deusa internos. As mulheres estão aprendendo a resgatar o seu poder; no entanto, elas sabem que precisam utilizar essa dádiva com amor e compaixão como envoltórios. Os que estão em um corpo masculino estão, paulatinamente, aprendendo a permitir que o amor incondicional da Deusa “Ilumine o fogo da compaixão e da gentileza internas”. Estão aprendendo que existe força na criatividade, na intuição e na disposição de se permitir ser gentil e franco.

Conforme vocês se empenham em obter a maturidade espiritual, muitos aspectos de sua vida mudarão. Haverá um forte desejo de apoiar-se mutuamente, juntamente a um intenso anseio de crescer e expandir-se, mesmo que às vezes os seus caminhos possam tomar direções diferentes. Vocês vão reivindicar a verdade de que estão ligados em um nível de Alma, e que nunca podem realmente estar separados.

A verdadeira união sexual é e pode ser uma experiência espiritual incrível, não apenas a junção de dois corpos. A sexualidade divina exige uma total abertura do coração, uma combinação dos aspectos mental, emocional e físico do seu Ser, o que resulta em uma experiência profunda e duradoura. Esse tipo de união pode redundar em um verdadeiro sentido de unidade, se vocês estiverem harmonizados em um profundo nível de Alma um com o outro.

Vocês devem remover as barreiras ou filtros etéricos que colocaram ao redor do seu coração e das suas emoções, se hão de conseguir receber e irradiar amor incondicional. Devem confrontar seus medos acerca de perder aqueles a quem amam, e das decepções e traições do passado, que muitas vezes se manifestam como um medo da intimidade ou de assumir um compromisso com o outro. À medida que aprendem a acreditar e a confiar em si mesmos, vocês desenvolverão uma confiança fundamental nos demais, e os outros colocarão sua fé e confiança em vocês, porque confiança gera confiança.

Não é apropriado sacrificar os seus sonhos e desejos pelo outro – ou que as pessoas em sua vida façam sacrifícios por vocês. Deve haver um objetivo comum entre todos os envolvidos, ao participarem da maneira combinada – compartilhando a carga e colhendo as recompensas.

Cada um de vocês pertence a uma enorme e complexa família de Alma, e vocês certamente desempenharam muitos e diversos papéis uns com os outros, através das eras. As pessoas com quem vocês estão envolvidos nesta existência, ou que entraram em sua vida, de modo que vocês pudessem aprender as “lições da vida”, fazem parte de um drama cósmico maior em progresso. Quando julgarem o outro, vocês precisam se conscientizar de que, na verdade, estão apenas julgando a si mesmos. Vocês desempenharam todos os papéis durante a sua jornada através deste universo: amantes, amigos, mãe, pai, irmã, irmão, filho e filha. Vocês estão integrando todos os atributos dos múltiplos papéis que desempenharam: a força e a sabedoria de um pai; o acolhimento suave e o cuidado amoroso de uma mãe; a paixão, o compromisso e o companheirismo de um amante; a lealdade firme de um amigo; e as interações alegres e joviais entre uma irmã, um irmão, um filho ou uma filha.

É o momento de reunir-se, de se juntarem – o início do retorno à UNICIDADE. Vocês não podem mais se esconder atrás de um manto de medo ou isolamento, amados. Chegou a hora de assumir um compromisso consciente, em primeiro lugar, com consigo mesmos e com o seu Eu Divino, e, em seguida, com aqueles ao seu redor com quem vocês estão destinados a experimentar a “dança da nova vida”. Vocês devem fazer um acordo detalhado consigo mesmos acerca do que desejam e esperam dos que os cercam, e, então, devem abrir-se para examinar seus desejos e expectativas com todas as pessoas com quem interagem.  No futuro, à medida que os relacionamentos se revelarem, níveis cada vez mais profundos de compreensão e de compromisso florescerão, porque todos estarão dispostos a falar a partir do coração, com o Espírito como o seu guia, e não o ego.

Conforme muitos de vocês sabem, fui honrado em dar-lhes muitas “leituras galácticas” pessoais durante anos. Foi um grande prazer e devo afirmar que também foi uma benção e uma dádiva da minha amada mensageira, porque isso tomou muito do seu tempo e energia, para lhes trazer essas mensagens. Durante estes momentos de grande mudança e de grandes oportunidades, estou enviando uma leitura galáctica aberta para todos vocês, de modo que possam saber como são especiais, e as maravilhosas dádivas que os aguardam.

Bem-amado: É maravilhoso observar, à medida que você se lembra e traz à tona todos os dons e sabedoria que guardou em sua estrutura cerebral. Você possui uma experiência tão vasta para utilizar, querido, não apenas provinda das suas residências provisórias nos reinos superiores, mas das suas experiências terrenas, também. Chegou a hora de você se lembrar de que a Terra não é o seu lar. Você planou por todo este Universo, e você sempre se adiantou avidamente para se voluntariar para uma nova tarefa, independentemente de quão difícil fosse. Suas experiências terrenas têm sido uma maravilhosa variedade de empreendimentos cocriativos, e você fez progressos lentos, porém firmes, em direção à sua verdadeira identidade como um Ser de Luz. Chegou o momento de perceber que você é muito mais do que apenas a identidade que você escolheu nesta existência. Você e aqueles semelhantes a você estão recebendo a oportunidade de integrar as múltiplas Facetas de si mesmos, e, ao assim fazer, você começará a ver como você é verdadeiramente poderoso e sábio. Todas as provas, testes e aparentes fracassos fizeram-lhe o Ser humano/Espírito brilhante e belo que é hoje. Quando você ensina, o faz a partir da experiência, e você demonstrará, pelo seu exemplo, como quaisquer obstáculos podem ser superados – que outros, como você, podem triunfar sobre a adversidade.

Este é o momento em que a sua Alma alcançou o ponto mais distante da sua jornada de separação, e está agora pronta para começar a jornada da “Reunião e Integração”, mais uma vez. A sua Alma, aos poucos, foi infundida com um descontentamento divino, que lentamente se infiltra em sua mente consciente e em suas emoções, e você começa a voltar-se para dentro, a fim de domesticar o ego e reconectar-se à Alma, à  Superalma e às múltiplas Facetas do Eu Superior. Você agora tem o potencial de conectar-se às muitas Facetas da sua família de Alma, seu Eu Superior, suas muitas Superalmas, e finalmente, o seu Átomo-Semente Divino (Presença Eu Sou). Em um nível cósmico, o Criador Supremo está agora enviando o seu brilho via o Grande Sol Central. Essa energia está sendo infundida na Terra em grandes rajadas da Chama Viva da Vida, via o Sol de seu sistema.

O seu maior desejo para esta existência foi integrar as muitas Facetas da seu Ser; contudo, primeiramente, elas precisam ser curadas e harmonizadas, de modo que possam ser preenchidas com Luz. Dessa forma, você não terá que enfrentar o desconforto, os desafios ou as interações cármicas da experiência da terceira e quarta dimensões, porque essa é a forma antiga. À medida que você permite que o seu Eu Divino o ilumine intensamente e o oriente, cada vez mais pensamentos inspirados virão até você. Existem muitas maneiras de permitir que o Espírito se manifeste por seu intermédio; apenas deixe que isso aconteça naturalmente, meu querido.

O que lhe traz alegria e satisfação? Como você deseja servir? Existem muitas maneiras e você possui muitos talentos (mais do que poderá reconhecer), mas a escolha é sua. Apenas se lembre de que isso deve trazer-lhe alegria e fazer com que o seu coração cante, enquanto você oferece aos outros as dádivas que você recebeu. Sua recompensa será a Luz nos olhos deles, e a alegria que eles expressam, à medida que também permitem a integração do Espírito para criar os milagres em suas vidas.

Chegou a hora de abrir mão do passado doloroso. Chegou a hora de reivindicar a sua mestria, criar a própria versão do paraíso, e, então, ensinar aos outros a fazer o mesmo. Ajude aqueles que vêm a você para curar suas feridas emocionais e seus corpos físicos, e, em seguida, eles estarão prontos para escutar as advertências do Espírito. Nós todos estamos nos tempos da grande mudança, que foi predita por milhares de anos. Você carrega internamente as frequências vibratórias refinadas do futuro, e você PODE fazer a diferença. Atraia o Amor/Luz da Criação do seu Eu Divino, utilize o que você precisar para trazer para si harmonia e saúde vibrante, e, então, permita que o seu gentil coração irradie o belo brilho da energia amorosa aos demais.

Concentre-se no que está certo em seu mundo, olhe para o melhor naqueles ao seu redor, e isso é o que você reforçará e ajudará a criar. Você pode mudar o mundo que o rodeia, um pensamento de cada vez.

Você tem guias angélicos maravilhosos, apenas esperando-o para ajudá-lo. Invoque-os e, juntos, vocês podem criar milagres para compartilhar com as outras pessoas. Permita que o ajudemos a realizar sua missão e acolhê-lo com o nosso amor.

EU SOU ARCANJO MIGUEL.


Direitos Autorais:

Transmitida por Ronna /Escriba Sagrada * Como a pessoa que transmite este artigo, eu, Ronna, reivindico os direitos autorais universais em nome do Arcanjo Miguel. A publicação em sites é permitida, contanto que a informação não seja alterada, suprimida ou acrescentada, e o crédito da autoria, o meu e-mail e o endereço do site sejam incluídos. Pode ser publicado em jornais, revistas ou impressão pública com a permissão de: RonnaStar@earthlink.net.

N.T.: O mesmo procedimento deve ser seguido no caso de se publicar a presente tradução, isto é, dar os créditos à tradutora.

Texto em inglês: StarQuest Archangel Michael Through Ronna | RELATIONSHIPS AND YOUR SACRED UNION
Tradução: Ivete Adavaí Brito adavai@me.com  /  www.adavai.wordpress.com

Via: ADAVAI | ARCANJO MIGUEL – junho de 2017

SOBRE OS PRIMEIROS ENSINAMENTOS DE BUDHA…

Budha e os cinco monges

O PRIMEIRO SERMÃO DE BUDHA

Publicado por Nilza Garcia

INTRODUÇÃO AO BUDISMO

“Uma visão da doutrina budista através dos textos
Este é um trabalho de seleção e ordenação de textos
de vários autores e mestres budistas”

Karma Tenpa Darghye.

 

O primeiro sermão de Budha Shakyamuni foi dado aos cinco ascetas que estavam no Parque das Gazelas em Sarnath, Benares. Nesse sermão, Budha expôs os ensinamentos fundamentais do budismo: as quatro verdades nobres (sânsc. chatu-arya-satya).

Depois da Iluminação, Budha resolveu ensinar a Lei (Dharma).

Decidiu fazê-lo primeiramente a seus cinco antigos companheiros de ascetismo: Kyojinno, Makanama, Haba, Ashabajitto e Batara. Estes se encontravam então no Parque das Gazelas, em Benares. Para lá se dirigiu então o Perfeito, encontrando-os sempre entregues à prática do ascetismo. Quando Budha abandonara as mortificações, eles tinham tomado sua decisão por uma fraqueza e agora só se lembravam dele com desprezo.

Ao ver que Budha se aproximava, combinaram não se levantar para cumprimentá-lo e só falar com ele no caso de serem interpelados.

Budha aproximou-se deles calmamente. Embora fingindo indiferença, os cinco examinaram-lhe o semblante. Não viram nele quaisquer sinais de frustração ou arrependimento. O antigo companheiro mostrava-se calmo e solene.

Quando Budha chegou bem perto dos cinco, estes automaticamente se levantaram e o saudaram.

Budha então perguntou-lhes:

Porque vos levantais para me cumprimentar? Não tínheis combinado ficar indiferentes?

Os cinco começaram a se sentir pouco à vontade.

Estais cansado, Gautama? – perguntou um deles.

De agora em diante, não me chameis mais pelo nome. Eu agora sou Bhuda, o Desperto, o Pai de todos os seres.

Kyojinnyo, muito admirado disse:

Quando vos transformastes em Budha? Se abandosnaste o ascetismo por não consegui-lo, como tereis alcançado a Iluminação?

Kyojinnyo, não podeis julgar minha iluminação com espírito acanhado. O sofrimento físico traz perturbação à mente. O conforto físico traz apego às paixões. Nem ascetismo nem prazer permitem realizar o Caminho. É preciso abandonar esses dois extremos e seguir o Caminho do Meio. Este é o Óctuplo Caminho, composto de: Visão Correta, Pensamento Correto, Palavra Correta, Ação Correta, Esforço Correto, Intenção Correta e Meditação Correta. Aquele que praticar isso alcançará a paz espiritual e se livrará dos tormentos dos nascimento, da velhice e da morte. Eu pratiquei o Caminho do Meio e obtive a Iluminação.

As palavras de Budha encheram os cinco de grande alegria. Vendo que eles já estavam preparados para ouvir a Verdade, o Perfeito prosseguiu:

Como sabeis, a vida é plena de sofrimento: sofrimento de nascer, de envelhecer, de adoecer e sofrimento de morrer. Há ainda o sofrimento da separação dos entes queridos, o sofrimento de ser obrigado a permanecer ligado a algo que se detesta, o sofrimento de não se obter o que se deseja e o sofrimento de perder glórias e prazeres. Muitos outros há ainda. Os seres que têm forma e os que não têm forma, os de uma, duas, quatro ou mais pernas, todos os seres vivos, enfim, estão sujeitos ao sofrimento.

Esta é a Nobre Verdade da Origem do Sofrimento.

Os cinco concordaram com as palavras de Budha, que prosseguiu:

A fonte desse sofrimento é a idéia de existência de um “eu” substancial.

Todos os seres que se deixam prender à idéia de um “eu” tornam-se sujeitos a tais sofrimentos. O desejo, a cólera e a ignorância são também causados pelo “eu”. Estes três venenos são a origem de todos os sofrimentos. Todos os seres vivos que são presas desses três venenos estão entregues ao sofrimento. Tal é a Nobre verdade da Origem do Sofrimento. O sofrimento deve ser extraído. Se eliminares a idéia de “eu”, o desejo, a cólera e a ignorância e os sofrimentos cessarão. Esta é a Nobre verdade da Cessação do Sofrimento. Para se obter a cessação, é necessária a prática do Óctuplo Caminho. Esta é a Nobre Verdade do Caminho da Cessação do Sofrimento.

Os cinco não puderam deixar de concordar com o ensinamento do Perfeito, que continuou:

Amigos, prestai bastante atenção: primeiramente, é preciso conhecer a existência do sofrimento. Deve-se depois destruir a sua origem. Para isso, deve-se compreender que a cessação do sofrimento é possível. Para consegui-la, deve-se então praticar o Caminho. Eu conheci a existência do sofrimento, destruí a sua origem, compreendi sua cessação e pratiquei o Caminho. Assim obtive a Suprema Iluminação.

A Existência, a Origem, a Cessação e o caminho da Cessação do Sofrimento são as Quatro Nobres verdades. Sem conhecê-las, ninguém pode conseguir a Iluminação. Quem as compreender perfeitamente, pode-se libertar de todos os sofrimentos.

Após ouvir estas palavras, os cinco decidiram tornar-se discípulos de Budha. Para certificar-se de que eles realmente compreenderam as verdades que lhes haviam sido explicadas, o Perfeito perguntou-lhes:

Ó monges! Os fenômenos materiais, a percepção, as idéias, a vontade e a consciência são estáveis ou impermanentes? São ou não são sofrimentos? São ou não são vazios Têm ou não têm um “eu”?

Os cinco responderam:

Ó Venerável! Os fenômenos materiais, a percepção, as idéias, a vontade e a consciência são impermanentes, são sofrimento, são vazios e não têm um “eu”.

Budha então disse:

Já vos libertaste, já destruístes aquilo que dá origem ao sofrimento. Jamais voltareis a sofrer. Agora, em verdade, temos reunidos os Três Tesouros: O Budha, o Dharma, ou a lei ensinada pelo Budha, e o Sangha, ou a Comunidade dos discípulos que praticam a Lei (Dharma). Graças a esses Três Tesouros, meu ensinamento espalhar-se-á por todo o mundo e as pessoas lograrão obter a Libertação.

Os cinco discípulos, satisfeitos por ouvir tais palavras do Mestre, agradeceram e saudaram-no.

TEXTOS BUDISTAS E ZEN-BUDISTAS – Ricardo M. Gonçalves

 


Via: O PRIMEIRO SERMÃO DE BUDHA – Espirit book

O BUDISMO E O CRISTIANISMO SOB UMA VISÃO DE COMPLEMENTARIEDADE…

Buda-e-Jesus

DESPERTANDO O CONHECIMENTO – Buddhismo e Cristianismo

 

image

Por: Samael Aun Weor

Sem dúvida, os dois maiores líderes espirituais que surgiram na história do mundo foram Buddha e o Cristo.

Certa ocasião tive que me apresentar num Mosteiro Buddhista, no Japão [em corpo astral].

Então me ocorreu de dizer algo a favor do Cristo, mesmo estando num templo buddhista. Isso gerou, entre os presentes, uma espécie de “escândalo”.

Aos presentes, isso soou como “atrevimento” de minha parte, e levaram a questão ao Mestre Reitor do templo.

Este veio a mim e me convidou a me sentar num banquinho, e de frente para mim, perguntou:

– Por que falaste a favor do Cristo, sendo este um templo buddhista?

Respondi:

– Com profundo respeito a esta sagrada instituição tenho que afirmar que o Buddha e o Cristo se complementam…

Aguardava uma reação da parte do Mestre, mas, com grande surpresa, ele concordou, dizendo:

Em verdade, Buddha e Cristo se completam. É assim mesmo!

Em seguida pediu que alguém trouxesse um fio de linha. Dirigindo-se a mim, pediu:

– Alcança-me tua mão direita.

Assim o fiz. Então, ele amarrou o meu dedo polegar direito com o fio e em seguida fez o mesmo com o esquerdo. E concluiu falando em linguagem zen:

– O Buddha e o Cristo se completam.

Retirei-me do templo havendo compreendido perfeitamente o Koan do Mestre… De fato, este Koan é muito sábio. Buddha e o Cristo estão ligados dentro de nós mesmos. O polegar direito representa o Cristo; o esquerdo, Buddha.

Buddha Gautama Sakyamuni, trouxe ao mundo a doutrina do Buddha íntimo. Quem é nosso Buddha Íntimo? É nosso Atman-Buddhi, nosso Íntimo. Por isso foi escrito no Testamento da Sabedoria Antiga: “Antes que a falsa aurora amanhecesse sobre a terra, aqueles que sobreviveram ao furacão e à tormenta, abençoaram o Íntimo e a eles apareceram os Heraldos da Aurora”.

O Íntimo é o Buddha Interior de cada um. Que os seres humanos ainda não O tenham encarnado em si, é verdade! Que o Buddha ainda esteja vivendo na Via Láctea, perfeitamente de acordo! Mas, cada ser humano possui o seu Buddha Íntimo vivendo nos céus estrelados do cosmo.

Já em relação ao Cristo, a história é outra. Jesus de Nazareth, um dos mais elevados membros da Ordem dos Essênios, que viveu há dois mil anos nas margens do mar Morto, trouxe a Doutrina do Cristo Íntimo. O grande equívoco das pessoas de hoje é crerem que o Cristo tenha sido exclusivamente o Grande Mestre Jeshuá Ben Pandirá.

Porém o Cristo é uma Força Cósmica, é o Segundo Logos, é a Unidade Múltipla Perfeita. O Cristo é uma força como a eletricidade, como a força gravitacional, uma força como o fogo, a água, o ar. O Cristo é uma Força ou um Poder Cósmico que se expressa ou pode se manifestar em qualquer pessoa [homem ou mulher] devidamente preparados para isso através dos processos iniciáticos.

A Força Cristo um dia se manifestou em Moisés, no Monte Nebo; em Krishna, na Índia; em Mitra, na Pérsia; em Ketzalcoatl, no México antigo, etc.

O Cristo não é uma pessoa, não é um indivíduo, não é um Eu. O Cristo é uma Força Cósmica, latente em todo o universo; é o “Fogo Universal de Vida” – e isso é preciso que seja devidamente entendido. Portanto, observem todos agora como o Buddha e o Cristo se completam dentro de nós mesmos.

Na vida prática todos sabemos que alguns dizem que Buddha é maior que Jesus; outros dizem o contrário, que Jesus é superior a Buddha. Cada um pode pensar como quiser ou achar melhor.

Particularmente, prefiro situar tudo isso dentro do terreno vivo da ciência esotérica. Creio que todos sabem perfeitamente o que seja Atman-Buddhi dentro de nós. Também creio que todos saibam que o Cristo é o Segundo Logos, o mesmo Vishnu da trimurti hindu. Portanto, tanto Vishnu quanto Atman-Buddhi ocupam respectivamente seu correspondente Grau Hierárquico dentro de nosso Ser, aqui e agora, no qual se nota claramente que Vishnu está além de Atman-Buddhi. Mas, ambos se harmonizam e se completam dentro do Ser Superlativo.

Quando o Cristo Cósmico quer vir para dentro de um corpo humano, obviamente precisa descer da sua correspondente elevada Esfera, penetrar no ventre materno da Divina Mãe Kundalini e, mais tarde, nascer como Logos Humanizado no íntimo de uma pessoa, durante a Iniciação de Tipheret [a Iniciação Venusta – não confundir com a mera quinta Iniciação de Fogo]. Portanto, o Cristo Cósmico nasce do ventre materno de nossa Mãe Kundalini individual quando e após Esta estar devidamente cristalizada ou encarnada em nós. Por isso se diz que a Mãe do Cristo é Virgem antes, durante e após o parto”. É um simbolismo que poucos compreendem…

Após nascer num estábulo em meio aos animais [quando o Cristo nasce no ser humano, este ainda possui muitos egos], através do tempo vai crescendo, se educando e fortalecendo em nosso Egito Interior. Todo esse Drama Cósmico está descrito nos quatro evangelhos. Esta é a Doutrina do Salvador do Mundo. Não sendo humano, vive como humano; não tendo pecados, parece um pecador aos olhos do mundo; sendo perfeito é perseguido e odiado pelo mundo; por fim, após provar todas as humilhações dos poderes constituídos da sociedade, acaba sendo crucificado, acusado de crimes jamais cometidos ou pensados em sua santíssima natureza. Encerra seu périplo humano quando com a morte mata a própria morte: é enterrado e ressuscita ao terceiro dia, totalmente imortalizado.

Jesus não é o único Imortal Ressurrecto. Muitos são os Mestres Glorificados na história do mundo: Morya, Kut-Humi, Seraphis, Hermes, Moisés, Saint Germain, Paracelso, Cagliostro, etc.

Portanto, queridos amigos, a crua realidade dos fatos é que o Cristo é uma realidade profunda e íntima, tal qual o surgimento e manifestação de Buddha. Gautama Buddha trouxe ao mundo a Doutrina do Buddha Íntimo; Jeshuá Ben Pandirá trouxe ao mundo a Doutrina do Cristo Cósmico – e ambas se completam entre si.

Há duas classes de Buddhas: Buddhas Transitórios e Buddhas Permanentes.

Os Buddhas Transitórios são aqueles que não conseguiram encarnar em si mesmos o Cristo Íntimo. Os Buddhas Permanentes ou Buddhas de Contemplação são aqueles que se cristificaram, que receberam em sua natureza interior o Cristo Íntimo.

BUDDHA MAITREYA é todo Buddha que encarnou o Cristo Íntimo – assim deve ser entendido. O Buddha Maitreya não é uma pessoa, não é um título. Buddha Maitreya é simplesmente um Grau Esotérico de todo aquele que haja se cristificado.

Em algum momento no futuro terei que ir à Ásia, para cumprir uma grande missão, qual seja, a de fundir os ensinamentos buddhistas e cristãos – porque o futuro espiritual da humanidade será formado com o melhor do esoterismo buddhista e do esoterismo cristão.

Em resumo: a GNOSE é o próprio esoterismo cristão e buddhista perfeitamente integrados. Por isso, o Movimento Gnóstico está destinado a fazer uma grande revolução espiritual no futuro.

Traduzido e adaptado de uma conferência do Mestre Samael Aun Weor

Postado por Jose Carlos Medeiros de Araujo


Via Holisticocromocaio: DESPERTANDO O CONHECIMENTO – Buddhismo e Cristianismo

PARA OS MOSTRADORES DO CAMINHO, A MAIOR BATALHA É A INTERNA…

luta pela paz interior

Logo tudo será Paz / Nada que venha a tentar vos desviar do caminho será mais poderoso do que o que carregais em vosso coração

 

SaLusa

SaLuSa

Canalizado por: Gabriel RL

 

Por favor, queridos, leiam na sintonia dessa música:

Gabriel
————————————————————————————-

Como estais em maior contato com o vosso EU, tendes a ver como as situações do cotidiano são propensas a ser mais suaves e com menos, ou nenhum, cansaço. Isso, como podeis perceber, é devido à energia natural em vós que dá sustentação e força constantes, já que a vossa natureza inata é de equilíbrio, paz e harmonia. É essa energia que os Mestres que caminharam no vosso meio se referem. A energia posta em movimento que facilita a vida, tornando-a mais leve e gratificante. A energia que flui de dentro e abraça o exterior. É essa a vida que estais começando a experimentar: uma vida onde as vicissitudes pertencentes aos mundos de dualidade não vos atingem tanto como antes e, quanto mais avanceis, mais controle tereis sobre as vossas emoções e nada exterior vos afetará, pois estais sendo erguidos para as dimensões mais altas onde o equilíbrio é constante.

Em nossa mensagem de hoje, gostaríamos de enfatizar como essa energia vos dará mais equilíbrio e força, de modo que não sereis mais envolvidos nas energias mais baixas. Como mencionamos em nossas mensagens anteriores, cuidai para estardes sempre em paz e harmonia. Como mostradores do caminho, sempre estareis rodeados por pessoas e muitas delas são envolvidas no vosso campo magnético e podem ser curadas apenas com a vossa presença pacífica e amorosa.

Nós sabemos o quanto para muitos de vós é difícil ver situações conflitantes à vossa volta, porém gostaríamos de vos convidar a serdes mais eficientes dentro do campo que podeis agir – se beneficiando e beneficiando outros com a vossa energia de Luz, sem perder essa oportunidade por meio de estresse e descontentamentos. Em outras palavras, vós sois os sustentadores e curadores de vós mesmos e do mundo ao vosso redor. Permiti que as situações que precisam se desenrolar tomem o seu curso natural e, quando não puderdes agir diretamente em algum meio, agi mesmo de onde estais enviando as vossas energias de amor e paz. Em todo caso, somente o amor será a força de mudança.

Muitas almas acreditam que só conseguirão a paz e a harmonia enfrentando com ódio e fúria aqueles que são os causadores dos problemas. Agindo assim, esquecem-se que apenas estão a dar mais poder para que a negatividade geradora do caos e corrupção continuem. Nós não estamos vos convidando a abandonar as vossas causas, estamos tentando mostrar que podeis ser mais eficientes quando a vossa ação é cheia de amor. Tal ação gera um resultado mais rápido e eficaz. Como diz o ditado: “Cortareis o mal pela raiz”; o amor é o remédio.

Os das trevas que movimentam a energia da corrupção e caos na Mãe Terra sabem que estão perdendo poder rapidamente. Com a vossa ajuda, podemos criar ondas mais poderosas de energias de Luz e acelerar o processo de limpeza das áreas afetadas com maior índice de corrupção. Como sabeis, vós sois aqueles seres poderosos que tem nas mãos a cura para a Mãe Terra. Quando colocais o amor nas vossas ações, eliminareis o ódio e a violência geradores de caos e dor.

Como porta-voz da Federação Galáctica, em nome de todos os membros que compõem a Federação, nós estamos convosco e nenhuma palavra daqueles que não nos aceitam, ou simplesmente não acreditam em nós, é suficiente para mudar o que sentimos por vós: Amor. Podereis sentir em vós próprios o nosso amor e carinho e o quanto gostaríamos de andar no meio de vós sem causar transtornos. Esse tempo se aproxima. Estarão muito orgulhosos aqueles que se mantiveram erguidos e confiantes de que nós estamos presentes e, durante todo o caminho, os olhamos e os apoiamos.

Nada que venha a tentar vos desviar do caminho será mais poderoso do que o que carregais em vosso coração, que é a certeza sobre a vossa família do espaço estar presente agora mais do que nunca. A certeza de que os causadores dos distúrbios neste sistema solar estão sendo removidos e tendo as suas bases de sustentação desmanteladas por um trabalho em conjunto. Trabalho este que vós, os aliados em Terra, sois as ferramentas principais no desmantelamento dessas estruturas negativas, quando não entrais na onda da desinformação; quando vos mantendes centrados e serenos; quando não vos deixeis abater; quando, por mais que recebais críticas e afrontas, mantende-vos amorosos e irredutíveis. No momento em que percebemos uma postura dessas, sabemos que neste ou naquele há uma usina de Luz poderosa, onde nenhuma estrutura negativa pode se alojar.

Quanto mais caminhais em direção à Luz, mais vos deparareis com desinformação tentando vos trazer de volta para o caos. Heis a prova final para vós: Não olheis para os lados, mas segui centrados no vosso coração para que nada vos detenha. Em breve, os ruídos exteriores silenciarão e somente a paz interior reinará em vosso ser. Ainda assim, percebereis em vossa volta a imagem do aparente caos, pois, durante a transição vigente, estareis imersos simultaneamente em dois mundos. Esta é a oportunidade para mostrardes a vossa mestria: manter-vos equilibrados entre ambos os mundos. Um mundo é aquele do vosso interior, onde não mais sois confundidos e atribulados; o outro é o mundo do exterior, onde sustentareis a Luz por aqueles que ainda não usaram as suas chaves. Mais uma vez, vós sereis os mostradores do caminho.

Mantende-vos em paz, quando verdes aparente injustiça. Mantende-vos em paz, quando verdes corrupção. Mantende-vos em paz se verdes mares subindo. Em qualquer situação, mantende-vos em paz, porque somente assim podereis trabalhar eficientemente pela Justiça. Somente em paz podereis trabalhar de forma justa e apresentar provas irredutíveis contra os seres corruptos, provas sem manifestação de ódio, provas reais elaboradas por mentes tranqüilas e corações cheios de amor.

Crede, queridos, um coração em paz e com amor é um poderoso aliado das forças angelicais e galácticas que estão em volta da Terra neste momento. Aceitai também, queridos, que um corrupto não é sustentado pela Luz, é sustentado pelo ódio. Onde houver ódio, haverá caos e desamor; onde houver paz e amor, haverá justiça e bonança. Não confundais paz com negligência. Nós apenas pedimos para que mantende-vos em paz aonde fordes agir, pois sereis bem sucedidos na Luz do vosso coração. Tende certeza que nossa ajuda é constante àqueles que abrem os seus corações e não permitem que o ódio e desejo de vingança dominem, mas compreendem que somente o amor é o caminho. Esses recebem constantemente informações nossas de onde e como poderiam agir da melhor maneira em beneficio de todos.

Eu Sou SaLuSa de Sírius, e a todos amados trabalhadores da Luz, eu deixo as minhas bênçãos, lembrando que eu mesmo, em eras passadas, estive imerso em guerras e conflitos. Com determinação, recebi a honra de ser o porta-voz da Federação Galáctica. Neste breve relato pessoal, digo que eu vi guerras galácticas, igualmente a muitos dos que lêem essa mensagem agora ou a ouvem em áudio. Digo que nenhum ser que transcende a dualidade o faz sem dedicação e esforço, nenhum ser que alcança a sua paz interior o faz sem esforço, porque sempre, queridos, sempre a maior batalha não é a externa, mas é a interna. Eu não estive somente em Sirius, eu já estive em outros mundos e em todos eu pude adquirir um pouco mais do que estava dentro de mim. Adquiri o que estava dentro de mim, porque, em muitos casos, nos despedaçamos ou nos deixamos despedaçar pelos conflitos que nos acabam por envolver e vamos perdendo um pouco de nós. E sabei, queridos, estais imersos no maior caos do sistema solar e, por ser assim, a maior paz podereis obter. Através de um longo caminho e trabalho, eu cheguei onde estou e não vos vejo diferentes de mim. Vós sois, sem dúvida, seres poderosos de força e determinação, portanto crede em vós próprios e caminhai para vossa Vitória na Luz. Um dia contar-vos-ei a minha história…

Que vós estejais sempre em paz, sempre banhados de Luz.

Gabriel: Grato, amado SaLuSa.

————————————————————————————-

Via: Sementes das Estrelas: SaLuSa – “Logo tudo será Paz / Nada que venha a tentar vos desviar do caminho será mais poderoso do que o que carregais em vosso coração” – 02.05.2015

 


Você também pode ouvir a mensagem narrada através deste vídeo:

SaLuSa – “Logo tudo será Paz”

(Narração de Gabriel Raio Lunar)

Publicado por: Gabriel Raio Lunar

 

————————————————————————————-

Via: SaLuSa – “Logo tudo será Paz” – 02.05.2015 (Narração de Gabriel Raio Lunar) – YouTube

 


ENTENDENDO MELHOR A IMPORTÂNCIA MILENAR DOS MUDRAS…

dharma chakra mudra

O que são Mudras?

mudras (editado)

Por: Joseph e Lilian Le Page

 

Mudras são gestos feitos com as mãos ou com o corpo, que nos permitem entrar em sintonia com frequências energéticas específicas dentro do nosso ser. A palavra Mudra é geralmente traduzida como gesto ou selo, e estes dois significados vão de encontro com a propriedade essencial dos mudras. Eles são gestos que selam ou captam uma frequência energética específica. A raiz da palavra Mudra deriva de duas palavras em sânscrito. A primeira é mud, que significa encanto ou prazer. A segunda é dru, que significa produzir, gerar. Os mudras, portanto, trazem à superfície o estado inato de felicidade sempre presente dentro de nós, esperando para ser descoberta.

Os mudras que serão explorados neste capítulo são aqueles usados tradicionalmente em práticas espirituais, mas os mudras também fazem parte da comunicação e da linguagem cotidianas. Usamos mudras todos os dias na forma de gestos feitos com as mãos, com o corpo e expressão facial, que transmitem significados e atitudes além das palavras. Esses mudras cotidianos apreendem uma modulação energética ou emocional e a transmitem aos outros. Exemplos disto são os gestos de cruzar os braços ou as pernas, que dão a impressão de defesa ou de proteção. Estas práticas intrínsecas de mudra são provavelmente a origem e a base da arte e da ciência do mudra.

A ORIGEM DOS MUDRAS

A prática de mudras num contexto espiritual tem suas raízes em antigas práticas do xamanismo no subcontinente indiano e também por todo o mundo. Muitas religiões apresentam mudras de alguma forma, como pode ser visto em estátuas e pinturas de Jesus, que normalmente o representam fazendo um determinado gesto com as mãos, ou seja, um mudra. O que torna a prática dos mudras ímpar no subcontinente indiano é o quanto foi desenvolvida e com que precisão “científica” tem sido elaborada e praticada.Os mudras fazem parte da religião e da cultura Védica na Índia desde os primeiros registros da história. As cerimônias religiosas descritas nos Vedas há 5.000 anos incluem gestos das mãos juntamente com a entoação de mantras. Sons (mantra) e gestos (mudra) eram usados pelos sacerdotes (Brahmins) para conectarem-se à terra e ao cosmos, e então canalizarem estas energias para o benefício temporal e espiritual da primitiva civilização Védica. Ainda hoje, os rituais Védicos na Índia continuam a usar o mudra em suas cerimônias religiosas. O mudra também é amplamente usado na dança clássica indiana chamada Bharata Natyam, que pode ser traduzida como o Teatro da Índia. Estátuas da primitiva civilização do vale do rio Indo, de 5.000 anos atrás, mostram dançarinos fazendo gestos com as mãos, como parte integrante da dança clássica. A dança clássica indiana requer anos de treino, não só dos movimentos e gestos da dança, mas também dos princípios psicocósmicos que a dança manifesta. A dança é uma metáfora da dança e do drama da vida, assim como da busca espiritual. Os mudras utilizados na dança permitem ao dançarino canalizar determinadas energias da vida e da espiritualidade e transmiti-las aos espectadores.

A ciência do mudra foi desenvolvida plenamente durante o período Tântrico, que atingiu seu ápice cerca de mil anos atrás. Assim como o primitivo xamanismo, no qual os mudras tiveram sua origem e evolução, o Tantra é matriarcal, com enfoque na deusa Shakti, um símbolo das poderosas energias psicoespirituais do Universo. Os mudras são veículos e portais para a conexão com estas energias do universo num nível mais profundo.

MUDRAS – CANAIS DE COMUNICAÇÃO COM A ENERGIA UNIVERSAL

Embora haja apenas uma energia-fonte, esta assume muitas formas e facetas, e através da prática de mudra, entramos em sintonia com as diferentes energias que compõem o universo. São estas energias que exploramos através da prática de mudra. Como analogia, podemos tomar as ondas de rádio. Todas as ondas se originam de uma mesma fonte da natureza, mas podem ser usadas para a comunicação com uma série de canais de informação diferentes, que acessamos pelo ajuste da frequência na qual sintonizamos estas ondas. Os mudras permitem que entremos em sintonia e que depois nos conectemos com todos os diferentes canais de energia que compõem o universo. As mãos funcionam como antenas que direcionam e canalizam as energias do universo para dentro do nosso ser, e o corpo torna-se um receptor para todos os diversos aspectos da energia universal. À medida que praticamos os mudras, nossos corpos tornam-se um microcosmo daquele aspecto do universo que cada mudra evoca.

SIMBOLISMO DOS MUDRAS

A prática do Mudra faz parte do Tantra, que é incrivelmente rico em simbolismo. Na verdade, há toda uma “linguagem secreta” usada para descrever e dar instruções sobre as práticas de Tantra, incluindo o mudra. Um exemplo disto é o conceito básico de polaridade. As correntes de energia têm um polo positivo e um negativo. No simbolismo Tântrico, estes polos são descritos na forma das divindades Shiva e Shakti. Shiva representa a consciência pura, ou a energia pura, em uma forma latente. Shakti representa a energia da natureza ou matéria em uma forma manifesta. A união dessas duas divindades, ou desses dois pólos, nos dá uma imagem completa da vida como uma dança ininterrupta da consciência e da natureza.

Os mudras que passaremos a explorar são ricos neste tipo de simbolismo. Seus nomes em sânscrito contêm indícios importantes dos efeitos de cada um deles. Muitos dos mudras são dedicados a vários deuses ou divindades. Estas divindades são, na verdade, a incorporação de várias energias do universo. Elas representam propriedades e potencialidades do universo dentro e além de nós mesmos. As várias divindades da tradição Védica são normalmente representadas ao se praticar os mudras. Estas divindades são as energias que animam todos os aspectos da vida, da mente e da consciência. Os mudras são canais de comunicação com essas energias.

MUDRA – PRÉ-REQUISITOS PARA SUA PRÁTICA

Como as energias despertadas pela prática de mudra são ao mesmo tempo sutis e poderosas, a prática precisa ser conduzida com respeito e cautela, assim como todas as outras práticas do Yoga. O veículo que recebe estas energias, o corpo, deve estar preparado através do Hatha Yoga, para que possa desenvolver a sensibilidade necessária para perceber os efeitos dos mudras, assim como a força para vivenciá-los e integrá-los adequadamente. Precisamos também escolher os mudras mais apropriados para o início de nossa exploração. Estes são, normalmente, os mudras que ativam e direcionam a respiração, e são os primeiros grupos de mudras apresentados neste capítulo.

À medida que nossa prática se desenvolve, descobrimos que o mudra, assim como asana ou pranayama, é uma ciência completa, que requer estudos em profundidade. Muitos dos mudras têm potencial para nos abrir para canais de energia desconhecidos, como se estivéssemos explorando planetas novos e ainda não descobertos, cada um deles com sua atmosfera e paisagem próprias. Devemos sempre nos aproximar destes novos ambientes energéticos com calma e cautela, deixando que nosso corpo seja o guia. Nos sentimos confortáveis ao praticar este mudra em particular? A prática deve ser sempre como uma chuva fina, que nos refresca e nos alimenta, e não como um temporal assustador, com relâmpagos e trovões, que nos faz ter vontade de correr para um abrigo.

TIPOS DE MUDRAS

Há vários tipos de mudras. Os mais comuns são os mudras com as mãos, e são estes que serão enfocados neste capítulo. Há também mudras que são executados com a cabeça e com os olhos e outros que são executados com o corpo todo. Algumas das posturas do Hatha Yoga também são consideradas mudras. Um exemplo disto é a Meia Postura sobre os Ombros, que é chamada de Viparita Karani Mudra. Este nome se refere ao estado energético especial que o praticante alcança quando permanece nesta postura por um longo período. Embora algumas posturas prestem- se melhor para a conexão com estes estados energéticos, quase toda postura do Yoga torna-se um mudra quando a vivenciamos tão profundamente a ponto de sentir sua qualidade energética inerente. Estas qualidades são como marcas próprias de energia, identidades energéticas, que cada postura possui. Cada uma delas é única e nos abre para uma faceta ou um aspecto diferente da vida.

Os mudras com as mãos são inigualáveis porque permitem uma exploração totalmente abrangente de um vasto espectro de energias do universo dentro do microcosmo do corpo. Ao nos conectarmos com essas energias durante a prática de mudra, nos tornamos muito mais habilitados a senti-las e a integrá-las na prática de asana, de meditação e na rotina diária.


Via: YOGA INTEGRATIVA | O que são Mudras?

UMA MENSAGEM ESPECIAL DO SEU EU DIVINO PARA VOCÊ…

Heart Salutation1_Daniel B. Holeman

MEU CORAÇÃO DIVINO E SEU CORAÇÃO HUMANO

NOSSO EU DIVINO

Mensagem transmitida por Ute Posegga-Rudel

 

Meus amados!

Entre seus ensinamentos esotéricos, há mal entendidos que criam muitas falsas suposições sobre Minha Transcendental Divina Realidade.

Um GRANDE número desses ensinamentos não incluem Minha Verdadeira Natureza. Porque eles se baseiam apenas na estrutura psicofísica de seu corpo-mente humano.

Ou seja, você entende seu físico humano e seu veículo sutil, como sendo o fundamento e a medição para descrever e definir o Processo Espiritual Final. Como se o condicional corpo-mente pudesse “alcançar” ou “criar”-Me, a Fonte Incondicional.

Portanto, nesses processos, incluindo fenômenos visionários, Eu Não Estou Presente Como Eu Mesmo. Como se o corpo-mente, aparentemente separado, em sua separação imaginada de Mim, pudesse gerar – através de forças cósmicas – um verdadeiro desdobramento espiritual enquanto Eu não estou presente.

Por exemplo, você adora experiências e em seu coração humano, físico e sutil, você acha que é sua essência espiritual final, como absoluta em si mesma, embora seja um ser finito, e como um ser separado não exista ao mesmo tempo Comigo.

Sim, você pode experimentar beleza e Luz, profundidade e paz em seu coração, em seu Chacra Cardíaco. Essas experiências ocorrem para você “dentro” de seu corpo, como se estivesse em um vaso, uma sensação separada, pertencente a você sozinho.

Mas Eu não Estou nem “dentro” nem “fora” de você.

Sem dúvida, esses sentimentos podem ser belos e inspiradores, enquanto você está acostumado a se apontar como um grande ser divino em sua separada auto iluminação.

É verdade que o coração humano pode ser iluminado por energias cósmicas para gerar sensações e imagens possivelmente extraordinárias, mas são todas condicionais e, portanto, vêm e vão de acordo com a lei universal em que nada persiste para sempre.

Você tem curtos episódios de prazer à medida que sua mente é entretida com visões talvez gloriosas, como se você olhasse para um caleidoscópio de maravilhas desconhecidas, cheias de “ah e ah” de espanto e satisfação.

E assim você persiste sempre nestes fenômenos, que parece dar-lhe valor espiritual, aparecendo aqui e agora, ou aparentemente se expandindo para o lugar e alguma profundidade imaginada, até o show acabar. E você volta ao seu dia habitual, enquanto a lembrança da jornada faz com que você anseie por mais.

Mas digam-me, amados: você já chegou à Verdade ao imaginar a importância espiritual e talvez até a superioridade acima de todas as outras e coisas, ao você ter essas experiências oníricas e voláteis? Você já se perguntou sobre a natureza de tudo isso? E o que tem a ver com a sua Verdadeira Natureza Divina Que Sou Eu?

Você já explorou a Realidade da Vida, a Essência do Ser Verdadeiro, e se esses episódios voláteis realmente o satisfazem, se tem uma visão curta e aparentemente um conteúdo com alguns fenômenos que o enganam em mundos questionáveis sem a Substância Verdadeira?

Mesmo que seus sentimentos de coração em “você” pareçam ser verdadeiros e profundos: eles ainda são movimentos não necessários nos mundos de maravilhas e milagres, aparecendo como uma miragem para o seu Coração que Busca. Mas seu coração separado nunca pode, por sua própria experiência de esforço, conhecer-Me.

Suas visões cósmicas nunca podem localizar o Meu Divino Estado Glorioso. Eu Sou aquele que se Entrega e Quem Está Transformando Você – do “Outro Lado”.

De Lá, Eu Sou e Eu Sou A Minha Força De Luz Radiante. Não é cósmica ou deste mundo. Minha Força de Bênção transmuta a sua cegueira da Realidade da Minha Verdade Autêntica, é a Realidade da Minha não conhecida Felicidade, e não pode ser comparada com experiências eventuais, nem mesmo com as mais elevadas nos reinos espirituais da existência cósmica.

Com o imaculado, e a Beleza do Meu Amor do outro mundo, Eu preencho sua mente e coração humano e, assim, seu integral corpo-mente que está Acima. E assim você é convertido por Mim em Meu Encantador Coração, Minha Esfera sempre nova e Radiante, em que todas as experiências espirituais eventuais desaparecem em última instância até que você nem se lembre delas, porque todas elas ainda carregam a dor do condicional.

Sim, o que uma vez na sua Separação de Mim conheceu como magníficas experiências espirituais, ainda é impuro em Minha Pureza! Portanto, Minha Única Final Divindade é a realização mais profunda do desejo de seus corações humanos.

Convertido e transformado por Mim, você percebe que não está mais Separado de Mim, porque Eu Estou Presente em seu coração como Eu, o “você oculto no coração”, enquanto altero toda experiência espiritual da sua mente corporal em Minha Glória.

Com você, não está apenas fora da sua caixa do corpo-mente, sempre físico e sutil, sempre LIMITADO, mas você está em Mim, no Outro Lado do que você já conheceu, desfrutando da Minha Perfeição Primordial e Deliciosa, conforme Eu Sou você – porque eu o peguei, você entregou-se a Mim, em Meu Pleno Abraço no Manto da Pureza Sublime dissolvendo sua experiência separada do coração humano em Minha Suprema Sabedoria do Coração.

Por isso, Minha Luz Superior é como Água de resfriamento que facilita tudo e todos, alisando e embelezando todos vocês em Mim, embelezando e dissolvendo todas os seus chacras em Meu Divino Estado. Uma vez que você tenha saboreado o Meu Estado Divino, nunca mais encontrará satisfação em seu coração e mente meramente humanos. Eu estou no “Outro Lado” do cosmos, vindo para você, se você Render-se a Mim.

“Você” não pode fazê-lo, Eu Faço Isso Sozinho. A Minha Graça e a Radiância, abraçando-te com Primoroso Amor. Quando eu fundir você em você, eu levo você em Minha Realidade Final do Eu, a Autêntica Bem-Aventurança, Amor Autêntico, total, e o término da Minha separação.

Eu Sou a sua Resplandecência, eterna, seu Libertador Desaparecimento, na verdadeira Liberdade, além de tudo o que você “conhece” da Felicidade, da Beleza e da Perfeição. Nunca há perfeição na ilusória separação do eu. E mesmo as cores do arco-íris desaparecem em Mim, em Minha Esfera Luminosa Radiante.

Eu Sou seu Eu Divino, o Eu de todos e tudo.

Mensagem transmitida por Ute
http://RadiantlyHappy.blogspot.com
© 2017. Todos os direitos reservados


Por favor, respeite os créditos ao compartilhar

DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – https://lecocq.wordpress.com

Fonte: Radiantly Happy | OUR GOD-SELF: MY DIVINE HEART & YOUR HUMAN HEART
Tradução Vilma Capuano – vilmacapuano@yahoo.com.br

Via: ♥ De Coração a Coração ♥: MEU CORAÇÃO DIVINO E SEU CORAÇÃO HUMANO

UNIFICANDO A ATIVAÇÃO DO CORONÁRIO DA TERRA E DA HUMANIDADE…

unification

A ILUMINAÇÃO E O DESPERTAR DO CHACRA CORONÁRIO

 

Arcanjos Miguel e Fé
Mensagem do Arcanjo Miguel e Arcanjo Fé

Canalizada por Natalie Glasson
em 19 de março de 2015.

 

Através de nossa frequência amorosa e angelical, nós trazemos a nossa consciência divina de inspiração e cura para tocar o seu ser e despertar a lembrança de sua alma, uma lembrança que está além de sua realidade atual, além das dimensões e realidades de consciência dos planos internos.

Esta lembrança não pode ser contemplada pela mente, somente digerida como uma vibração familiarizada através da alma. Sua alma é capaz de imensa magnitude de habilidades e criações. Como um aspecto terreno de sua alma, a forma maior e mais poderosa de reconhecer sua alma é como magia amorosa e verdadeira.

Imagine se você mantivesse conscientemente a crença de sua alma como a vibração, luz e substância que mais impõe respeito, capaz de tudo e de qualquer coisa. Você iria tomar conhecimento de sua alma, tecendo-a conscientemente em todos os aspectos de sua realidade, suas criações, pensamentos e experiências.

Você se tornaria o criador divino reconhecido de sua realidade; uma força sagrada sintonizada e fluida do Criador. Imagine como seria emocionante e gratificante cada dia na Terra! Seria uma jornada gratificante de evolução, compreensão e aceitação do Criador.

Sua alma é maior do que qualquer magia que você possa imaginar, ela já é a verdade do seu ser.

Há simplesmente uma necessidade de que haja o seu reconhecimento.

Deixe que somente as limitações que você escolheu se apeguem ao seu ser e realidade, especialmente quando existirem em harmonia com a sua alma, como os limites do amor.

Permita-se existir, criar, pensar, sentir, experienciar nos limites do amor do Criador. É claro que o amor do Criador não tem limitações e este é um dos entendimentos que queremos trazer e, no entanto, quando você existe nos limites do amor isso significa que você está sempre criando e experimentando em um espaço de amor. Você conhece o amor como expansivo e assim este espaço é extenso.

Quando vamos além do amor, nós entramos no medo, na raiva, na dor e no sofrimento, o que permite que cada alma na Terra possa evoluir, compreender e aprender e, no entanto, este processo de aprendizagem não é mais plenamente satisfatório para muitos.

Quando você se permite existir em um espaço de amor dentro do seu ser, de sua mente, das emoções, da realidade, de criações e experiências, você está oferecendo a si mesmo uma constante evolução e inspiradora liberdade. Permita-se deixar de lado as barreiras que impedem a magia gloriosa de sua alma e, no entanto, se você deve manter uma limitação, que seja para ficar dentro dos limites do amor.

Este pode ser um conceito desafiador, pois as limitações e barreiras incentivam um sentimento de impotência e ainda viver dentro dos limites do amor é completamente libertador porque o amor é mais expansivo do que você possa imaginar. Ao existir nos limites do amor, você está se pedindo para mudar a sua perspectiva de limitações, enquanto percebe que o amor é o espaço mais amplo e liberador em que você pode existir.

Permanecer no espaço do amor em seu ser, mente, emoções, criações e experiências, é uma escolha consciente devido a sua compreensão e experiência do amor sagrado do Criador. Todas as suas ações e reações, até mesmo a maneira com que você se percebe e a sua realidade, é ou foi um escolha consciente.

“Eu escolho existir em um espaço consciente de amor.”

As maiores ferramentas para permanecer conscientemente em um espaço de amor são a consciência, a liberação e, então, o retorno ao amor. Esta é a consciência das energias, dos pensamentos, emoções ou bloqueios, surgindo de dentro de você, que não são originados do espaço do amor; uma liberação e um desapego consciente daquilo que não mais lhe serve e, então, a habilidade de reconhecer o espaço do amor novamente.

Seu espaço do amor evoluiu do Criador e, no entanto, é pessoal para você e pode se estender por todo o Universo do Criador, é magnificamente livre. Com estas ferramentas e se permitindo existir conscientemente em um espaço de amor (uma energia, vibração, sentimento, ressonância) dentro de você, a magia de sua alma é muito mais fácil de ver, sentir e utilizar em sua realidade física e espiritual na Terra.

Podemos reconhecer qualquer experiência, pensamento ou emoção além do espaço do amor como um conflito para amar. Quando aceitamos uma realidade além das limitações do amor, estamos aceitando contradições, o que é semelhante a acreditarmos em duas realidades, uma dentro dos limites do amor e, talvez, uma dentro das limitações do medo ou das ilusões.

A segunda fase da onda de energia da ascensão, rotulada como a energia da crucificação, traz a iluminação das contradições, pedindo-lhe para escolher conscientemente o espaço em que você deseja criar, a partir de dentro de seu ser. A iluminação de contradições propõe uma purificação profunda, especialmente a nível do corpo mental.

Muitas pessoas na Terra desejam ver além das ilusões da Terra, ver e sentir os planos internos e, no entanto, é necessário uma mudança de mentalidade. Com a iluminação das contradições, você é capaz de escolher conscientemente o que você acredita ser falso e aquilo que você quer aceitar como sua verdade.

Você pode acreditar que suas contradições, como os hábitos, são uma parte de sua personalidade; eles são o que fazem você ser quem você é, único, e criar a sua personalidade. Até certo ponto, isto é verdade e, entretanto, as suas contradições não lhe pertencem. Elas são energias, crenças e perspectivas que você escolheu levar com você, mas elas não o definem.

São as suas escolhas conscientes, especialmente quando nascidas de sua alma, que criam e, talvez, até mesmo definam quem você é e deseja ser, como uma alma na Terra.

Quando você observa suas contradições, escolhendo conscientemente aquilo em que você acredita, deseja energizar e experienciar, então, você está criando uma perspectiva de foco dentro de sua mente e um caminho focado diante de você, um caminho claro, mais plenamente ressonante e alinhado com o Criador.

Observe as suas crenças espirituais.

Observe como estas se modificam ao longo do seu dia, até mesmo se tornando o oposto completo.

Por meio da dissolução das contradições, você está dissolvendo fissuras em seu ser, dentro da consciência da Terra e da humanidade, e até mesmo dentro do universo do Criador. Esta purificação no corpo mental simboliza uma união, uma unificação e fusão da luz do Criador dentro de tudo, ao mesmo tempo em que dissolve a ilusão da separação que ainda é tão predominante na linguagem e ações de muitos na Terra.

Neste momento em que a onda de energia de crucificação traz a iluminação de contradições, uma poderosa penetração da luz está fluindo através do universo do Criador, ancorando em todas as dimensões, enquanto perfura o Chacra Coronário da Terra e os Chacras Coronários da Humanidade.

Esta luz penetrante que se move do Núcleo da Iluminação, na Fonte do Criador, tem um propósito de esclarecimento e de iluminação. Ao despertar o Chacra Coronário, o fluxo de luz mantém o propósito de penetrar no corpo mental, enquanto desperta a sabedoria da alma e sabedoria já mantida dentro do Chacra Coronário.

Uma chuva de iluminação de sabedoria, entendimento e esclarecimento está sobre todos nós agora. É um tempo de ativação do Chacra Coronário, um tempo de receber a luminosidade divina na mente e no corpo mental para trazer uma cura tremenda para todos e para a Terra.

Esta intervenção divina está sendo apoiada e incentivada por muitos nos planos internos com Lady Quan Yin e Lady Pallas Athena, que supervisionam a mudança e o despertar.

Lady Quan Yin é o Chohan do Décimo Primeiro Raio de Luz centrado na encarnação da alma, enquanto Lady Pallas Athena é o Chohan do Décimo Segundo Raio of Luz, uma expressão da Consciência Crística, um amor ativo.

Lady Pallas Athena também ajuda a muitos a concluir seus processos de ascensão a um nível Terrestre, enquanto apoia as Iniciações Crísticas de cada alma, ela é uma fonte de capacitação.

Com essas duas deusas divinas que apóiam uma ativação necessária dentro do seu chacra coronário para desenvolver o fluxo de luz e a compreensão de sua alma dentro do seu ser, elas também atuam na assistência da luz, da alma, da iluminação, encarnação e fortalecimento dentro de seu ser e em seu processo de ascensão.

Esta ativação está começando agora e irá continuar por vários meses apoiando assim a aceleração de sua vibração energética e da luz.

Você pode desejar usar esta invocação para apoiar a sua unificação com esta ativação do Chacra Coronário da Terra e da Humanidade:

“Eu me envolvo na energia, na luz e na consciência de Lady Quan Yin e Lady Pallas Athena, com o seu apoio e enquanto vocês supervisionam todos os aspectos do meu ser e ascensão, eu convido a luz penetrante do Núcleo da Iluminação na Fonte do Criador, para se conectar com o meu Chacra Coronário, despertando, purificando, ativando e fortalecendo o meu Chacra Coronário.

A luz flui através do meu Chacra Coronário para o meu Corpo Mental, criando estados e insights de iluminação e de esclarecimento, originados a partir de minha alma e da sabedoria sagrada.


Permitam que a Luz do Núcleo da Iluminação dentro da Fonte do Criador, dissolva simultaneamente todas as formas de contradições em meus pensamentos, crenças e perspectivas.


Escolho agora conscientemente o espaço do amor em meu ser, permitindo que as minhas vibrações sagradas se revelem com facilidade e perfeição. Todos os aspectos do meu ser são agora regados pela iluminação, sabedoria, e compreensão.


Sei que estou conectado com a Mãe Terra; as ativações que agora ocorrem em meu Chacra Coronário e em meu ser também ocorrem simultaneamente no Chacra da Mãe Terra, permitindo a expansão, a iluminação e a liberação da sabedoria sagrada do Chacra Coronário da Mãe Terra, para que retorne aos planos internos, ou seja  ancorado na consciência da humanidade, o que for apropriado.


Sei que tudo está em equilíbrio e harmonia enquanto todos ressoamos com a verdade do Criador.

Somos todos receptores divinos e ampliadores da luz do Criador.

E assim é.”

Por favor, pratique esta invocação tantas vezes quanto desejar, reservando sempre um tempo após a invocação para permitir que a energia flua em seu Chacra Coronário.

Imagine a luz do Núcleo da Iluminação na Fonte do Criador, fluindo e penetrando em seu Chacra Coronário, observando enquanto a luz preenche todo o seu ser, enquanto se conscientiza das mudanças que isto instiga em seu ser.

Com o Amor dos Anjos
Arcanjos Miguel e Fé

 


Por favor, respeite os créditos ao compartilhar:
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/03/a-iluminacao-e-o-despertar-do-chacra.html
www.omna.org

Fonte: Sacred School of OmNa | The Illuminating and Awakening of the Crown Chakra
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

Via: ♥ De Coração a Coração ♥: A ILUMINAÇÃO E O DESPERTAR DO CHACRA CORONÁRIO

ATIVANDO E ALINHANDO OS CHAKRAS ATRAVÉS DA MEDITAÇÃO…

alinhando os chakras

Exercício de Ativação e Alinhamento dos Chakras

 

Por: Elizabeth Oliva Mednicoff

Equilíbrio e Harmonia

Esse exercício é útil para criar um campo energético de equilíbrio e harmonia.

Prepare um ambiente confortável, com luz suave. De preferência em lugar silencioso, não muito frio, nem muito quente.

Coloque-se confortavelmente, sentado ou deitado. Procure relaxar toda a musculatura de seu corpo. Repare na sua respiração e procure suavemente colocar um compasso mais calmo, respirando mais profundamente.

Essa respiração deve ser abdominal. Imagine seu abdômen se enchendo de ar e vá soltando aos poucos até soltá-lo totalmente. Faça essa respiração por algumas vezes até sentir que está completamente relaxado.

Agora a cada inspiração que der imagine o ar entrando por suas narinas numa cor vermelha como se fosse uma névoa, indo se depositar no seu chakra básico, localizado entre o ânus e os genitais, que se abre para baixo.

Veja esse chakra como se fosse uma flor e a cada inspiração concentre sua atenção, simplesmente sem intenção nenhuma ou expectativa. Sua atenção estimula uma suave animação do chakra que começa a girar lenta e constantemente. Uma energia morna e latejante flui do mesmo. Sinta como você fica calmo e sereno, repleto de gratidão pelo planeta que é o seu lar. Conserve essa calma e serenidade dentro do seu ser.

Imagine agora o ar mudando para a cor laranja e a cada inspiração ele entrando por suas narinas como uma névoa, indo se depositar no seu chakra esplênico, localizado abaixo do umbigo um palmo, abrindo-se para frente.

Da mesma forma concentre somente sua atenção a cada inspiração, que anima o segundo chakra, fazendo-o circular um pouco mais vibrante do que no primeiro chakra.

Essas vibrações vão se expandindo em círculos cada vez maiores até o envolver totalmente, como se estivesse abraçando e aconchegando com muita energia. Sinta a grande segurança, deixe-se levar pelo carinho, confie.

Essa é a energia de um novo tempo, de um novo momento e um sentimento profundo de felicidade se espalha por todo seu ser. Guarde com você esse sentimento.

Concentre-se agora no terceiro Chakra o do Plexo solar, localizado dois dedos acima do umbigo, abrindo-se para frente. Inspirando o ar profundamente na cor amarela como se fosse uma névoa, deposite no chakra com toda a intensidade de sua mente.

Permaneça assim, sua atenção estimulando o chakra do plexo solar, fazendo com que se desprenda uma energia morna e poderosa. Essa energia penetra no mais profundo de sua alma, aquecendo e iluminando como os raios de um sol. Sinta a paz e a força que partem de você.

Inspirando o ar profundamente na cor verde como se fosse uma névoa, deposite no quarto chakra, conhecido como Cardíaco, localizado no meio do peito, que se abre para frente.

Simplesmente sinta essa região, sem expectativas, nem objetivos. Essa atenção produz em seu chakra cardíaco uma vibração que se espalha em ondas suaves, ondas de energia que fazem esse centro de força entrar em movimento giratório, abrindo-se como uma flor.

Imagine que essa flor abre suas pétalas conforme gira lenta e suavemente sua cor esverdeada intensifica seu brilho partindo raios de luz, despertando em você muito amor e harmonia que te liga aos planos mais altos.

Sinta junto de você uma presença angelical, um ser amigo que te ampara, protege e orienta em todos os momentos de sua vida. Fique com esse sentimento de amor e com a certeza de que você nunca está sozinho.

Passando a atenção para o próximo chakra, o da laringe, que se localiza na cavidade do pescoço, inspirando o ar na cor azul clara, como se fosse uma névoa, deposite-o com intensidade.

Somente perceba essa região, dedicando sua atenção, sem esperar nada, sem objetivos. Sua atenção anima o chakra da garganta, você percebe que ele começa a vibrar em círculos, espalhando um brilho azul suave por todo seu íntimo.

Dentro de você sinta que sua vida se torna clara, ampla, livre e ilimitada. Tudo nesse momento se transforma dentro de você, todas as possibilidades se ampliam e você percebe que tudo pode, que tudo sabe.

Nesse momento você se aceita como é e deixa essa sua nova energia interna se irradiar livremente e abertamente para fora, contagiando a todos, ao ambiente e ao planeta.

Concentre sua atenção no chakra Frontal, situado na testa, com abertura para frente. Inspire profundamente e ao fazê-lo visualize o ar na cor azul escuro, índigo. Concentre sua atenção no chakra, envolvendo-o numa névoa nessa cor e lhe transmitindo energia.

Essa energia estimula uma vibração que se espalha em círculos de uma forma sutil. Deixa uma sensação de calma profunda e quietude, um silêncio absoluto das profundezas das águas.

O silêncio é cada vez maior, seus pensamentos estão claros, nítidos, na superfície da mente. Sua consciência torna-se plena, desse silêncio chega até você em forma de intuição, imagens, sons, sensações ou compreensões diretas.

Enquanto você permanece com essas sensações, encaminhe sua atenção para o chakra coronário, situado no alto da cabeça, que se abre para cima. Coloque somente atenção no alto da cabeça e de uma pequena abertura visualize uma luz clara e violeta brilhando no seu interior.

Imagine que você entra no seu interior como num templo sagrado e de lá vê uma nova abertura, como um teto que por ele penetra uma luz branca e brilhante que se derrama sobre você e penetra pelos seus poros te preenchendo completamente.

Nesse momento você se torna pleno. Você reconhece que essa luz brilha dentro de você desde o começo, que ela te une ao criador e juntos vocês se tornam um.

Repouse nessa luz, sem desejar ou querer nada. Simplesmente usufrua dessa magnitude do momento e se deixe iluminar. Você voltou a sua origem e essência, você chegou ao fim da sua viagem…

Essa luz permanecerá para sempre dentro de você, dentro de sua alma. Permita que isso permaneça em sua vida e dentro do seu mundo.

Vá voltando sua atenção novamente para o seu corpo, espreguice-se, respire profundamente e sinta que você está de volta no aqui-e-agora. Com os olhos fechados ainda, sinta mais uma vez todas as emoções e sensações que essa viagem te despertou e com calma abra os olhos.

Origem:  Novo Equilíbrio


Você pode praticar este exercício acompanhando a meditação através do áudio, disponível neste link, inclusive para download :

 Áudio

Exercício de Ativação e Alinhamento dos Chakras

 


Via:  Anjos de Luz | Exercício de Ativação e Alinhamento dos Chakras

TODOS SOMOS CAPAZES DE AJUDAR NA TRANSIÇÃO PARA A NOVA TERRA…

voce-e-um-ser-divino

Maravilhosa Rede de Luz

 

aequipe-peggyblack

A Equipe

Canalizado por: Peggy Black

 

Estamos aqui, oferecendo-lhe o nosso reconhecimento e gratidão. Estamos estendendo o nosso apoio e encorajamento para lembrá-lo novamente do seu poder pessoal e magnificência. Estamos conscientes da energia do caos que está sendo gerado pela consciência coletiva.

Lembre-se, você realmente escolheu estar presente na Terra durante estes tempos. Você está aqui para ancorar uma nova realidade. Você está aqui nesta dimensão para elevar sua vibração. Você está aqui na forma física para transmutar e transformar toda a disfunção energética que está testemunhando. Você não é incapaz de ajudar na mudança

Como um ser divino de amor e luz, você é verdadeiramente poderoso além da medida. Você não está sozinho neste esforço. Queremos que você perceba que existe uma rede de energia ancorada por você e por outras pessoas que estão se lembrando de quem são e por que estão aqui. Compreendemos a sua preocupação com o bem-estar dos seus entes queridos e do seu amado planeta. Essa paixão é a chave que está sendo usada para acionar o seu despertar e lembrar quem você é e porque está aqui.

Não importa a sua situação financeira, seu status ou sua idade. Você está aqui para ancorar um estado mais elevado de consciência e transformar as emoções e vibrações mal qualificadas/negativas que estão sendo transmitidas por aqueles que estão inconscientes, assustados e sentindo-se sem poder.

Lembre-se, esta realidade, esta dimensão, é energia. É vibração e frequência. Esta dimensão é criada por camadas e camadas de vibrações oferecidas por todos aqueles que estão presentes nesta dimensão. Cada ser humano, cada indivíduo, adiciona sua própria energia e vibração à mistura. A maioria dos indivíduos oferece sua energia de modo desinformado, mal-entendido e sem amparo. Você está aqui neste momento para energizar, imaginar e transformar estas energias.

Nós pedimos que você perceba que tem o apoio e a assistência de sua família celestial e galáctica. Existe cada vez mais indivíduos despertando a cada dia para a sua consciência e propósito nesta incrível oportunidade de transformar e elevar a consciência de um planeta inteiro.

Sinta esta consciência impressionante e poder verdadeiro que você é. Esta é a hora. Convidamos você para limpar sua própria sombra pessoal de emoções reprimidas. Isso não precisa ser doloroso ou mesmo difícil. Você pode colocar o seu foco amoroso em qualquer vibração emocional que surge e dar a esta emoção um som com a intenção de mudar e limpar aquela vibração emocional que você tem evitado, suprimido ou até mesmo negado. Substitua o que foi limpo por uma vibração emocional mais coerente e mais elevada. Ancore esta emoção com vibrações sonoras. Este é o trabalho de um verdadeiro alquimista.

Você está aqui para transformar toda a energia mal qualificada/negativa que encontra. Cada vez que você conscientemente limpa um aspecto desqualificado/emoções negativas do seu próprio campo de energia pessoal, você também está limpando um aspecto da consciência coletiva.

Continuaremos a partilhar a importância desta ação e prática diária. Como um verdadeiro alquimista, você pode colocar seu foco em qualquer aspecto da sombra ou disfunção coletiva que você está testemunhando de caos e oferecer uma vibração sonora para esta energia emocional. Então você pode oferecer uma frequência ou som para a angústia, a raiva/ódio, o conflito, o julgamento. Depois de ter expressado esta emoção com um profundo e verdadeiro poder transformador, certifique-se de gerar o som e a intenção de uma vibração emocional de amor, cura, perdão abundância.

Faça um convite também. Divinos seres conscientes de luz e amor estão sempre prontos para responder à sua chamada e pedido de apoio e assistência. Esta é uma parceria. Seres não-físicos de amor e luz estão apenas aguardando o seu convite.

Seu planeta está no processo que você chama de ascensão. O aumento da frequência do planeta, a ressonância a que todo ser vivo se sintoniza, está ativando e despertando todos aqueles que estão adormecidos. Seu planeta está sendo banhado com vibrações elevadas do centro galáctico. O aumento da ressonância do planeta e a energia oferecida pelo centro galáctico, está apoiando e auxiliando seu trabalho pessoal e serviço.

Perceba que você faz parte de uma incrível rede de seres conscientes multidimensionais que sabem quem são e sabem o trabalho que vieram fazer aqui. Esta rede está disponível para você em todos os momentos. Você não está sozinho em seus esforços, muito pelo contrário. A conexão com esta rede é através da sua intenção. A sua imaginação é a porta ou portal.

Lembre-se que você é pura energia e onde você coloca seu foco é onde sua energia vai. Portanto, concentre-se em se conectar a esta rede invisível de seres conscientes de energia pura. Ela vai ajudar você, imagine que está se conectando à um lugar sagrado. Crie este espaço ou câmara alquímica. Veja, sinta, imagine outros seres de energia pura se juntando a você. Pratique isto. Faça disto um treino diário. Não precisa levar muito tempo. Lembre-se, o importante é a vontade, a intenção e permitir.

Imagine, ou sinta se unindo aos outros seres conscientes neste reino superior. Saiba que você é uma parte significativa de muitos milhões que também estão criando esta rede de energia, amor e luz. Envolva seu amado planeta Terra nela. Respire vida em sua intenção enquanto você se concentra e oferece suas próprias vibrações puras para este campo surpreendente que está sendo criado momento a momento nas dimensões superiores.

Você está energizando o campo quântico de todas as possibilidades com um futuro que sustenta a vida para todos. Você está criando e influenciando este campo de energia com realidades que melhoram a vida para todos. Confie em seu conhecimento. Confie que a paz e a harmonia estão sendo ancoradas neste reino que ajudarão na ascensão da consciência para todos. Cada pessoa que faz este trabalho e serviço dedicado acrescenta ao seu desdobramento glorioso.

Lembre-se de mudar seus próprios problemas e limitações para um lugar de transformação. Levante-os usando todas as ferramentas e processos disponíveis. Agora é o momento de realmente assumir seu conhecimento pessoal e se unir de mente e coração aos outros que estão em suas formas físicas ou não físicas. Juntos em parceria, criando uma tecelagem de luz que abraça toda a humanidade no amor de cura.

Os seres divinos estão aguardando o seu pedido. Peça ajuda a cada momento. Junte-se a outros terráqueos que sabem que estão presentes em uma experiência limitada, mas se conectam às mais altas possibilidades da verdade que podem chamar e ancorar. Os seres celestiais celebram sua coragem a cada dia por sua presença nesta dimensão limitada. Não importam as circunstâncias que você se encontra experimentando, você está aqui para transformar o que encontra e testemunha. Você é um ser divino encarnado.

Nós o abraçamos na mais profunda gratidão por sua disposição de fazer este trabalho. Estamos sempre disponíveis para apoiá-lo e auxiliá-lo. Lembre-se de fazer o convite para todos os seres dos reinos do amor e da luz, nomeados ou sem nome. Legiões de seres divinos virão para atender o seu pedido. Confie nesta verdade.

A Equipe

©Peggy Black


Origem: Morning Messages   /   Golden Age of Gaia | The Team’ via Peggy Black: Amazing Network of Light
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

Via: A Luz é Invencível | Maravilhosa Rede de Luz