WESAK, O GRANDE FESTIVAL DO ORIENTE REALIZADO NA LUA CHEIA DE MAIO…

Buda-Purnima-2018-abril

FESTIVAL DE WESAK

Por: Anjo de Luz

O Festival de Wesak marca o nascimento, iluminação e morte de Gautama, o Buda  e é o grande Festival de Encontro Espiritual do Oriente com o Ocidente.

Na lua cheia de Touro é realizada a celebração máxima do Budismo, o Festival de Wesak, no vale dos Himalaias, na India, em homenagem a Lord Gautama.

A palavra WESAK origina-se no Sânscrito e quer dizer MAIO.

Na realidade (maio ou wesak) em sua Lua Cheia é comemorado com um festival mundial, onde pessoas de todas as partes do planeta celebram a Vitória de Gautama.

Em cada Lua Cheia do ano, ocorre grande derramamento de Luz e de energias de Bênçãos para a humanidade. Assim sendo, ocorrem 12 ou 13 plenilúnios, com força energética especial que tem correspondência direta com o signo do zodíaco atualmente na época, porém o WESAK (MAIO) é um momento muito especial de Encontro de Anjos, Arcanjos, Mestres Espirituais, Elohins, Seres Extraterrestres Benevolentes, enfim Consciências Já Despertas e Evoluídas, jorrando Bênçãos à humanidade.

O Wesak é um momento especial pois renova nossas forças no sentido de acelerar nossa própria Iluminação e o ápice desse momento é quando a Lua Cheia de Maio surge no céu trazendo energia adicional e luminosa a cada pessoa que de puro coração se propor a renascer em si mesmo como a ave FENIX.

Este sagrado Momentum favorece a avaliação de nossas imperfeições mergulhando nos registros do subconsciente para descobrir e transmutar padrões rígidos e escravizantes que ainda possuímos em Liberdade, Felicidade e Iluminação.

PODEMOS NOS SINTONIZAR COM ESSE ACONTECIMENTO ESPECIAL ATRAVÉS DE: Meditações e orações; individuais ou em grupos, ou ainda rituais apropriados: Dois dias antes e dois dias depois fazer alimentação natural e no dia, jejum ou somente frutas. No lar ou no local aonde irá se dedicar às preces, podem-se colocar flores, incensos, velas, cristais e músicas com sons da natureza ou ainda com mantras.

MEDITAÇÃO NA LUA CHEIA – POR QUE MEDITAÇÃO NA LUA CHEIA?

Porque há ciclos no fluxo e refluxo das energias espirituais, com os quais os grupos, tanto quanto os indivíduos, podem conscientemente cooperar. Um dos principais ciclos de energia coincide com as fases da Lua, alcançando seu pico, sua maré alta, durante a Lua Cheia. Este é o tempo, portanto, em que a canalização da energia, através da meditação grupal, pode ser eficaz de maneira ímpar. Hoje, centenas de grupos de serviços se reúnem mensalmente para meditar, de maneira regular, no mundo todo, por ocasião da Lua Cheia. A Lua mesma não tem nenhuma influência sobre o trabalho, mas a sua esfera, plenamente iluminada, é indicativa de um alinhamento livre e desimpedido entre nosso planeta e o Sol, o Centro Solar, a fonte de energia para toda a vida na Terra. Em tais ocasiões, estando a Lua “fora do caminho” e o contato entre o Centro Solar e o Planeta Terra alcançando seu ponto máximo, o homem pode fazer uma aproximação bem definida a Deus, o criador, o Centro da Vida e da Inteligência.

O ritmo plenilunar é usado para determinar as datas das meditações já que determina o tempo mensal em que o impacto das divinas energias de Luz, Amor e Poder é mais forte e pode ser registrado pelos grupos e irradiado dentro da consciência humana.

wesak3 (editado)

MAIS SOBRE O FESTIVAL DE WESAK

Lua cheia de Buda (Touro)

O que deveria ser realizado em cada lua cheia de Touro?

1. A liberação de certas energias que podem afetar poderosamente a humanidade e que, se liberadas, estimularão o espírito de amor, de fraternidade e de boa vontade na Terra. Essas energias são tão definidas e reais como são as de que se ocupa a própria ciência que as chama de raios cósmicos.

2. A fusão de todos os homens de boa vontade no mundo em um todo integrado e com capacidade de resposta.

3. A invocação e a resposta de certos Grandes Seres, Cujo trabalho pode ser, e será possível, se o primeiro destes objetivos for atingido, graças à realização do segundo objetivo. Meditem nesta síntese dos três objetivos. Por que nome estas Forças Vivas são chamadas é inteiramente imaterial. Podem ser considerados como os vice-regentes de Deus, que podem e cooperarão com o Espírito de Vida e de Amor sobre o nosso planeta, aquele no qual vivemos, nos movemos e temos nosso ser. Certos pensadores podem considerá-los como os Arcanjos do Altíssimo, cujo trabalho tem sido possível pela atividade do Cristo e do Seu corpo de discípulos, a Igreja verdadeira e viva. Outros os considerarão como os Guias da Hierarquia planetária, que se encontram por detrás de nossa evolução planetária e que raramente tomam parte ativa exterior nas atividades do mundo, deixando isso para os Mestres de Sabedoria, salvo nos casos excepcionais como o atual. Qualquer que seja o nome pelo qual os chamemos, eles estão prontos para ajudar, se o apelo for feito com força e poder suficientes por parte dos aspirantes e discípulos no momento da lua cheia de Touro e da lua cheia de Gêmeos.

4. A evocação de uma atividade enérgica e concentrada do lado interno realizada pela Hierarquia de Mestres, essas  Mentes iluminadas à quais foi confiado o trabalho de direção do mundo. Deseja-se uma resposta e pode ser obtida entre os três grupos:

a. A expectante e (nesse momento) ansiosa Hierarquia – ansiosa porque nem mesmo Eles podem dizer como reagirá a humanidade, e se os homens serão suficientemente sensatos para aproveitar a oportunidade oferecida. Os Mestres  aguardam, organizados sob a direção do Cristo, o Mestre dos Mestres e Instrutor de anjos e homens. Ele foi instituído como o intermediário direto entre a Terra  e o Buda, Aquele que, por sua vez, é o intermediário consagrado entre a Hierarquia expectante e as forças atentas.

b. Novo Grupo de Servidores do Mundo, cujo objetivo é a paz do mundo, composto nesta época por todos os servidores sensíveis e consagrados da raça, que tem o propósito de estabelecer a  boa vontade na Terra, como a base para a futura vida e expansão mundiais. Originalmente, este grupo era formado por uns poucos discípulos aceitos e aspirantes consagrados. As suas fileiras foram abertas, ultimamente, a todos os  homens de boa vontade que trabalham ativamente por uma verdadeira compreensão, que estão prontos a se sacrificarem para ajudar a humanidade, que não veem  nenhuma linha de separação, mas têm, isso sim, o mesmo sentimento para com os homens de todas as raças, nacionalidades e credos.

c. As massas dos homens e mulheres que responderam às idéias que foram lançadas, e que reagiram  favoravelmente aos objetivos de compreensão internacional, interdependência  econômica e unidade religiosa.

À medida em que estes três grupos de pensadores e servidores se tenham contatado, quando os três grupos possam estar alinhados, ainda que momentaneamente, muito pode ser realizado; as portas da nova vida podem ser abertas para dar passagem ao influxo de novas forças espirituais. Tal é o objetivo e a idéia do Grupo.

Que importância tem para vocês, pessoalmente, esta lua cheia de Touro?

Parece-lhes ter suficiente importância para realmente significar tão grandes esforços a vocês?

Creem sinceramente que neste dia pode haver realmente uma liberação de energia espiritual suficientemente potente para mudar os assuntos do mundo, desde que os filhos dos homens desempenhem sua parte?

Acreditam realmente, e estão prontos na prática, a apoiar a crença de que nesse dia o Buda, em cooperação com Cristo e com a Hierarquia de Mestres Iluminados, mais a ajuda oferecida por alguns dos Tronos, Principados e Poderes da Luz, que são a correspondência superior dos poderes das trevas, estão prontos a executar os Planos de Deus, quando for dado o direito e a permissão dos homens?

A principal tarefa de vocês na atualidade, não é lutar contra os poderes do mal e as forças das trevas, mas despertar o interesse e mobilizar as Forças da Luz e os recursos dos homens de boa vontade e de inclinação correta no mundo atual. Não resistir ao mal, mas organizar e mobilizar o bem e assim fortalecer as mãos dos trabalhadores que estão do lado do direito e doar amor, para que o mal tenha menos oportunidades.

Se vocês tiverem fé no que lhes disse, – ainda que seja do tamanho de um grão de mostarda – se tiverem uma crença firme no trabalho do espírito de Deus e na divindade do homem, então esqueçam-se de si próprios e consagrem cada um de seus esforços, a partir do momento em que receberem esta comunicação, para a tarefa de cooperar no esforço organizado, a fim de mudar o curso dos assuntos mundiais, por meio de um acréscimo no espírito de amor e de boa vontade no mundo durante este mês.

ANTIGOS ENSINAMENTOS

Ensinamentos da Antiga Sabedoria consideram Wesak o momento mais significante do ano, quando um real evento celestial ocorre e se manifesta sobre a Terra. Considera-se que o Festival de Wesak seja um tempo em que o próprio Deus, transmitindo através de Buda e de Cristo, envia um benção para a Terra. Durante séculos tem sido celebrado na Índia e sempre ocorre na Lua Cheia de Buda. Durante esse tempo, a humanidade pode se alinhar completamente com forças espirituais que não estão à disposição em outras ocasiões do ano. A força dessa benção nos estimula espiritualmente e nos deixa mais preparados para servir completamente ao Plano Divino.

Próximo ao Nepal e rodeado pelas montanhas dos Himalaias, fica uma área de terra protegida. Um caminho, entre passagens estreitas, eventualmente se abre para um vale coberto de grama. Vários dias antes da Lua Cheia, buscadores espirituais entram no vale e aí montam tendas coloridas. Na parte norte do vale há uma grande rocha plana onde é colocada uma grande vasilha de cristal cheia de água. Logo antes da Lua Cheia, Cristo, os Senhores, os Mestres, os Arcanjos e os Iluminados que guiam o planeta Terra se reúnem ao redor dessa rocha para orar.

Poucos minutos antes do momento exato da Lua Cheia, pode se ver uma pequena luz no céu. À medida que ela se aproxima e cresce em claridade, a forma do Buda, com seu robe cor de açafrão e com as penas em posição cruzada, pode ser vista no céu.
wesak5 (editado)

No momento exato da Lua Cheia, Buda, suspenso sobre a rocha, estende sua mão em uma benção em direção a Cristo, que, representando a Humanidade, a recebe para distribuição. Então é pronunciada a Grande Invocação, enviando uma forte corrente de gratidão, da Humanidade para o Próprio Deus. Enquanto Buda envia sua Benção de Iluminação e Cristo envia sua Benção de Amor, a estrutura atômica e molecular da água se altera, recebendo uma infusão de Sabedoria. Ela é então distribuída em pequenas porções e levada ao mundo para ser compartilhada.

O Festival de Wesak é um momento poderoso de intenso serviço espiritual, feito da Humanidade para Deus e de Deus para a Humanidade, através de Buda e de Cristo. Durante os 8 minutos dessa celebração, o universo inteiro faz uma ligação unindo a humanidade com a Fonte da nossa criação, a que chamamos Deus. Os efeitos espirituais permanecem até o próximo Festival de Wesak.

O festival de Wesak ou de Vaisakha é o festival do Buda. É marcado pelo nascimento, iluminação e morte de Buda. Este festival é celebrado anualmente na lua cheia de maio; é o grande festival do oriente. Buda é o intermediário espiritual entre o centro onde a vontade de Deus é conhecida e a hierarquia espiritual.

O momento pleno de Wesak acontece na entrada da Lua Cheia em Escorpião, e o Sol em Touro, porém o Festival é celebrado dois ou três dias antes e dois ou três dias após o plenilúnio. Segundo o Mestre Ascensionado Djwhal Khul afirmou nos livros de Alice Bailey:

“Wesak é o maior evento no nosso planeta e o que tem o maior efeito sobre a humanidade. Nenhum custo é tão alto para ser útil à Hierarquia Espiritual por ocasião da lua cheia do Wesak. Nenhum preço é tão caro para ganhar-se iluminação espiritual e que é possível particularmente nessa época”.

A cerimônia de Wesak é originalmente comemorada no Vale Wesak, no Himalaia, onde é honrado o nascimento, morte e iluminação de Sidartha Gautama. Atualmente simboliza a consciência de Buda e Cristo ligando o Oriente com o Ocidente na fé. Esotéricos dizem que no Wesak encontramos a chave para abrir a porta entre Shambala e a Hierarquia com energias para transformar escuridão em claridade, o irreal para o real, a morte para a imortalidade, o caos para a beleza.

O amor Divino e a Sabedoria, são as energias mais fortes para aqueles que estiverem abertos para receber. Através de Buda a Sabedoria de Deus, através de Cristo o Amor manifestado na humanidade. Um tempo para alinhar os nossos chacras e células do corpo físico. Os dias do festival podem ser usados para dar nosso amor, beleza e compaixão para a nossa família, nosso grupo e para o Mundo.

O festival de Wesak, é reconhecido por muitos como um dia de impacto espiritual supremo. Este festival não é uma celebração comemorativa mas um presente, um evento vivo, uma cerimônia sagrada que ocorre a cada ano entre Buda e o Cristo. A hierarquia espiritual une-se enquanto uma benção é derramada em nosso planeta.

Esta cerimonia marca um ponto elevado do ano espiritual e serve para vitalizar a aspiração de toda a humanidade, a evolução humana, os caminhos como uma fonte de luz e do amor, inspirando e estimulando todos os esforços que promovem a harmonia humana e planetária.

O esforço cooperativo da humanidade ao invocar as energias da luz e do amor, trabalhando junta na meditação e nas preces no festival de Wesak, a preservação de uma quietude interior, a atenção focalizada, engloba os participantes nessa força espiritual, possibilitando uma expansão da consciência mais intensa do que em qualquer outra época do ano.

OS MANTRAS DA ALMA E DA MÔNADA

O Mantra da Alma foi transmitido pelo Mestre Ascensionado Djwhal Khul para a Terra, através de Alice Bailey. É um dos mantras mais poderosos do planeta e deveria ser recitado todas as vezes em que se iniciar algum trabalho espiritual.

MANTRA DA ALMA

Eu sou a Alma,
Eu sou a Luz Divina,
Eu sou Amor,
Eu sou Vontade,
Eu sou o Desígnio Imutável.

MANTRA DA MÔNADA

Eu sou a Mônada,
Eu sou a Luz Divina,
Eu sou Amor,
Eu sou Vontade,
Eu sou o Desígnio Imutável.

Ao recitar esses mantras, estaremos ativando nosso Eu Superior e a poderosa Presença do Eu Sou (Mônada).

A GRANDE INVOCAÇÃO

Essa oração foi ofertada pelo Senhor Maitreya, o Cristo Planetário, entre 1945 e 1950. É uma das orações mais poderosas jamais entregues aos Trabalhadores da Luz e ao novo grupo dos Servidores do Mundo. Existem uma versão longa e uma versão mais curta. Essas orações foram extraídas do livro de Alice Bailey – The Externalization of the Hierarchy.

VERSAO BREVE

Do ponto de Luz na Mente de Deus
Que a Luz se irradie para a mente dos homens.
Que a Luz desça sobre a Terra.
Do ponto de Amor no Coração de Deus
Que o Amor se irradie para o coração dos homens.
Que o Cristo retorne à Terra
Do centro em que a Vontade de Deus é conhecida
Que o propósito oriente as pequenas vontades dos homens-
O propósito que os mestres conhecem e a que servem.
Do centro do que chamamos de raça dos homens
Que o Plano do Amor e da Luz se realize
E possa ele selar a porta onde o mal habita.
Que a Luz, o Amor e o Poder restabeleçam o Plano na Terra.

VERSÃO LONGA

 Que as Forças de Luz tragam a iluminação à humanidade,
Que o Espírito da Paz se faça presente em toda parte,
Que os homens de boa vontade de todos os lugares possam se unir num espírito de cooperação,
Que o perdão de todos os homens
Seja a linha mestra desta época,
Que o poder atenda aos esforços dos Grandes.
Assim seja, e ajude-nos a fazer a nossa parte.
Que os Senhores da Libertação fluam,
Que tragam auxílio aos filhos dos homens
Que o Cavaleiro do Lugar Oculto apareça,
E, ao chegar, salve.
Venha ó Poderoso,
Que as almas dos homens acordem para a Luz,
Que eles se unam na mesma intenção,
Que a ordem do Senhor possa se cumprir,
É chegado o fim do infortúnio!
Venha, ó Poderoso,
Agora chegou a hora de a Força Salvadora atuar.
Que ela possa se estender por toda a parte, ó Poderoso.
Que a Luz, o Amor, o Poder e a Morte
Possam cumprir o propósito daquele que há de vir.
A vontade de salvar está aqui,
O amor para continuar o trabalho está em todo lugar,
A ajuda ativa de todos aqueles que conhecem a verdade também está aqui,
Venha, ó Poderoso, e funda os três.
Construa uma grande muralha de proteção,
O domínio do mal tem de terminar.
Do ponto de Luz na Mente de Deus
Que a Luz se irradie para a mente dos homens.
Deixe que a luz desça sobre a terra.
Do ponto de Amor no Coração de Deus
Que o Amor se irradie para o coração dos homens.
Que o Cristo retorne à terra
Do centro em que a Vontade de Deus é conhecida
Que o propósito oriente a pequena vontade dos homens-
O propósito que os Mestres conhecem e a que servem.
Do centro do que chamamos de raça de homens
Que o Plano de Amor e de Luz se realize,
E possa ele selar a porta onde o mal habita.
Que a Luz, o Amor, e o Poder restabeleçam o Plano na terra.

…………………..

FAÇA SEU RITUAL

wesak8 (editado)

Em qualquer momento 12 horas antes e 12 horas após a LUA CHEIA você pode se sintonizar com todas as energias dos seres espirituais ao redor do mundo que participam do Festival Wesak.

Purifique-se com um banho de ervas, meditação ou um passeio na natureza.

Ouça músicas espirituais.

Faça um altar incluindo nele representações dos elementos fogo, terra, ar e água e também figuras ou imagens dos Mestres Ascensos, Buda, Cristo, Yogues ou Anjos.

Coloque flores no altar. Um quartzo rosa também é um bom elemento pois ele é um amplificador do Amor e Sabedoria, expandindo amor e beleza.

Coloque uma tigela de água em seu altar para que ela seja carregada com as vibrações de sua meditação, esta água servirá para usos futuros, aspergindo sobre pessoas e ambientes que precisam de purificação, ou mesmo ser jogada em um rio com a intenção de espalhar as energias do Wesak para todos os seres.

Faça orações, invocações de Luz, cante mantras.

Finalmente, faça a seguinte visualização, sozinho ou em grupo.

Visualize-se em um lindo vale, sinta o ar fresco da montanha e sinta seus pés pisando uma grama macia… Inspire profundamente procurando se relaxar, acalmando suas emoções e sua mente… Sinta a paz neste ambiente e dentro de você…

Procure então, com os olhos fechados, se interligar com todos os Trabalhadores da Luz e sinta a presença desses seres… participe então do chamado magnético que chega para todas Almas . Todos são chamados a reunirem-se no Amor e na Luz, criando então uma energia de paz que circunda todo o  Planeta como uma rede de luz.  Visualize a presença de seu Mestre, Arcanjos, e receba e transmita as poderosas energias espirituais que Eles enviam em benefício de toda a Humanidade .

Visualize essa energia em sua cabeça e no centro de seu coração.  Esse nivel de luz e amor chegam em sua Alma e em sua personalidade. Sinta-se banhado de Luz .

Conclua a visualização com um grande OM…

…………………..

Links visitados:
http://www.encontroespiritual.org/bmeditacao/bmeditacao_fasesdalua2014.html

Via Anjo de Luz | WESAK 2014


Anúncios

A ASCENSÃO INDIVIDUAL TAMBÉM ESTÁ LIGADA A UMA MATURIDADE ESPIRITUAL…

ascensao individual

Tempo da ascensão

Mensagem de Mestra Pórtia

Mestra Portia_Claudio Gianfardoni

Canalizada por: Maria Silvia P. Orlovas
em 13 de dezembro de 2017

 

Meus amados, é o tempo da ascensão!

O tempo da ascensão é também o tempo da libertação.
Muitos de vocês que estão trilhando o caminho espiritual sentem isso, mas têm medo de seguir com a sua própria intuição.
É tempo de deixar de sofrer por aquilo que você sofre.
É tempo de libertar as pessoas e deixar que cada um siga o seu caminho da forma que melhor lhe aprouver.
A ascensão espiritual também está ligada a uma ampliação da consciência e a uma maturidade espiritual.
E quando você assume essa maturidade, você assume a sua responsabilidade na interação com o outro. E, o mesmo tempo, você permite que o outro tenha a maturidade de ser quem ele é.

O divino Eu Sou vibra em você.
O divino Eu Sou vibra também no outro.
Nas relações, as pessoas costumam menosprezar o seu poder pessoal e, ao mesmo tempo, às vezes supervalorizam o poder do outro.
E neste pingue-pongue de atitudes e emoções perdidas as pessoas se misturam e, ao invés de fazer vibrar o amor, elas fazem vibrar o sentimento da dependência.

Amor é libertação!
Amor é você poder estar com o outro, poder fazer escolhas e poder libertar-se.

Há um sentimento de responsabilidade para aqueles que estão no caminho espiritual.
Mas não vejam responsabilidade com peso; ao contrário, meus amados, a responsabilidade é suavidade, é alegria e é leveza.
Porque quando você compreende uma lição da sua vida, uma lição da sua história, você se torna leve.
Aquela situação, aquela pessoa, aquele compromisso cármico deixa de doer no seu coração.
Você passa a não mais sentir dor, não mais sentir medo, não mais sentir insegurança.
Você se transforma.
E é hora dessa transformação.
É hora de você mudar.
É hora de você acessar essa frequência de luz.
Essa frequência de entendimento espiritual profundo; uma frequência que traz a verdadeira liberdade.

Algumas pessoas têm medo do sentimento da liberdade porque associam liberdade a solidão.
Associam a liberdade a não precisar de ninguém e a não estar com ninguém.
Amados, não é assim que funciona.
A liberdade é poder estar com alguém, mas sem poder depender desta outra pessoa.
É poder estar livre, leve e feliz.
Solidão não é sinônimo de liberdade.
Solidão, ao contrário, pode ser um processo profundo de carência e falta de autoconsciência e amor.
Se você estiver só e feliz, essa solidão se transforma em plenitude.
E aí você também estará livre.

Faça sua conexão espiritual.
A liberdade da ascensão é uma liberdade plena de amor.
Uma liberdade que aproxima você do seu verdadeiro Eu e das pessoas com esta conexão espiritual mais profunda.
Você está próximo do seu mentor, você estará próximo de anjos e seres de luz que trazem a compreensão até você.

Então não tenham medo do processo da ascensão.
O processo da ascensão traz a felicidade, a paz, a paciência no aqui e no agora.
Você é livre para estar bem hoje.
Cumprindo a sua função, fazendo o seu trabalho, cuidando das pessoas que estão carmicamente na sua vida. E, ao mesmo tempo, estando livre, estando em paz, estando feliz.
Esse é o verdadeiro e único processo da ascensão.

Quando o coração se desprende, quando as emoções se soltam, quando a mente se ilumina, você está ascensionando.
Simples assim.
Porque o maior poder do homem é estar bem consigo mesmo.
Quando você está bem com você mesmo, você não precisa de mais nada. Nem de posses materiais, nem de pessoas, nem de regalias deste ou de outros mundos.
Porque você está bem.

E aí, meus amados, naturalmente pessoas amorosas se aproximam, as situações se resolvem e você está em paz.
E tudo aquilo que ainda não se resolveu, você terá luz e sabedoria para tomar atitudes necessárias e mudar aquilo que é preciso.

E nós estamos aqui como seus irmãos, amigos e mentores para dizer que sim, essa atitude, esse pensamento, esse movimento espiritual é possível e está ao alcance de todos.

Eu sou Mestra Pórtia e vibro na energia do amado Mestre Saint Germain na Chama Violeta e trago a vocês e compartilho o meu amor.

Abram a energia para a ascensão, abram o sentimento e o pensamento para entendimentos superiores da sua própria vida.

Tenham luz e sigam em paz.

__________________________________________________________________________

 Áudio

 

Ouça também esta mensagem através de áudio clicando aqui

__________________________________________________________________________

Fonte: mariasilviaorlovas.com.br
Data: 13/12/2017
Canal: Maria Silvia P. Orlovas
Colaboração: Luana e Maria Francisca

Via: Um Canal de Luz por Maria Silvia Orlovas: Tempo da ascensão


SOBRE O MESTRE HILARION, CHOHAN DO RAIO DA VERDE DA CURA E DA VERDADE…

Mestre Hilarion_Joao Pio de Almeida Prado

HILARION, O MESTRE DO 5ºRAIO

Por: Heloísa Lassálvia

 

O Mestre Hilarion é o Mentor da Verdade Imortal, da Ciência Divina, de todos os ramos físicos e metafísicos da ciência e das artes curativas; o eterno empirista que traz à senda iniciática aquele que procura a verdade. “Conhecereis a verdade e a Verdade vos libertará”.

Em épocas remotas, antes do continente da Atlântida submergir totalmente, muitos sacerdotes e sacerdotisas de Ordens Brancas foram incumbidos da tarefa de levar para outros países, os elevados ensinamentos da Sabedoria Divina. Um desses conhecimentos resguardados foi a Verdade. O Mestre Hilarion encontrava-se no grupo de iniciados ao qual foi confiada a Chama da verdade. O grupo navegou para o lugar onde se encontram a península e as ilhas gregas.

O atual Guardião da Chama Sagrada é Hilarion, o Chohan do Quinto Raio. Na época da Missão de Jesus, ele foi o apóstolo Paulo.

Todas as emanações de vida materialistas, que não acreditam na vida espiritual, os agnósticos e os céticos devem ser recomendados à proteção do Mestre Hilarion, pois com sua ajuda poderão alcançar a exata compreensão da Verdade.

Raio Verde da Cura – Mestre Hilarion

Templo: Templo da Verdade
Local: No Plano Etérico sobre a Ilha de Creta, na Grécia
Chama: Verde
Atributos: Verdade, Cura, Concentração, Prosperidade
Músicas-chave: Coro dos Peregrinos de “Tannhauser” (Wagner) e Avante Soldados de Cristo (Sullivan)
Seu complemento divino: Palas Athena *
Virtudes: Verdade, Concentração e Cura
Palavra Chave: O Custódio do Segredo
Chacra: Frontal (Centro da Testa)
Som: Ar, Vento e Ciclone
Perfume: Incenso e Mirra
Dia da Semana: Quinta-Feira
Regência: Júpiter
Símbolo: A Lâmpada de Creta
Utiliza-se esta luz para a Verdade Eterna, saúde física, abundância e a concentração.

Imagem: Templo da Verdade – Ilha de Creta – Carmen Arabela

A Fraternidade do Templo da Verdade é chamada de Presença Protetora dos Filhos da Terra; todos aqueles que nutrem o desejo de empregar sua inteligência na descoberta da Verdade de qualquer questão, a fim de promover a iluminação de seu semelhante tornam-se usuários da Chama da Verdade. Estende sua ajuda àqueles que se esforçam na área da Medicina: médicos, enfermeiros, irmãs de caridade e pesquisadores que procuram descobrir a cura dos males que afligem a humanidade.

Hilarion, o Mestre do 5º Raio

Mestre Hilarion é mentor da Verdade Imortal da Ciência Divina e todos os ramos físicos e metafísicos das artes curativas.

Palavras do Mestre Hilarion:

“Lembrai-vos: quando tudo mais falhar, quando houver distorção da vossa mente, da vossa visão e da capacidade de enfrentar a vida, invocar em nome de Jesus, o Cristo, a dispensação do Raio Esmeralda-Azul-Escuro, porque existe uma legião especial de anjos incumbidos de selar a mente e o corpo mental num campo de força de brilhante luz, ora luzindo num tom verde, ora com uma gama de azul. Eu fui incumbido de organizar as legiões de luz através da Chama da Verdade, para que reforcem a Consciência Crística e saturem a mente dos homens com a chama da cura e vida.”

Os anjos que servem ao 5º Raio são chamados de Virtudes e são os que melhor interpretam a vontade de Deus. São os Anjos dos Milagres.

Mestre Hilarion encarnou há 2000 anos como Saulo de Tarso, perseguidor de Jesus Cristo, que se converteu ao Cristianismo em Damasco, tornando-se o principal apóstolo de Jesus, passando a ser chamado de Paulo.

No começo do século IV, encarnou como Hilarion e também fez inúmeros milagres. O maior deles foi junto ao mar revolto que ia inundar uma cidade. Ele fez três desenhos do sinal da cruz na beira do mar, levantou as mãos e as águas pararam. Viveu em diversos lugares, como Chipre e Sicília, mas seu corpo foi levado para a Palestina.

Mestre Hilarion é patrono de chefes religiosos, missionários e os que praticam as artes da cura, como enfermeiros, médicos e cirurgiões. Também se interessa pelos ateus e agnósticos que ficaram desiludidos com a religião, trazendo-os de volta à luz.

Entre os remanescentes da Atlântida encontrava-se o discípulo da Fraternidade de Diógenes, o jovem Hilarion, até então não ascensionado, que junto a outros discípulos, foi encarregado de levar em segurança para terra firme a CHAMA VERDE DA VERDADE. O grupo após longa navegação, aportou em uma ilha que hoje conhecemos como Creta, na Grécia (no mar Mediterrâneo com cerca de 8 mil kilômetros quadrados, onde montanhas calcárias dominam a paisagem).

Em Creta foi erguido um belíssimo Templo com as características da Catedral da Atlântida para ancorar a CHAMA VERDE DA VERDADE. Tempos depois esse Templo foi destruído por rebeldes, assim como o Templo de Delphos, num ato contrário daqueles que serviam à Paz e Harmonia. Desde então o TEMPLO DA CHAMA VERDE está situado no plano etérico sobre a Ilha de Creta, assemelhando-se muito com o Paternon que foi erguido há 450 anos a.C. pelo Arquiteto Fídias (uma das encarnações de Mestre Serapys Bey) sobre a Acrócople, em honra à PALAS ATENAS, a DEUSA DA VERDADE (membro do Conselho Cármico), Complemento Divino de Santo Áeolos, o Espírito Santo Cósmico.

Em Creta, no Templo etérico encontra-se a mais antiga escola, onde neófitos aprendem conscientemente a ciência da precipitação, (manifestação), a verdade que dissolve a ilusão do ego e revela a realidade interna. A CHAMA VERDE intercede pelas ciências exatas e humanas, intuindo médicos, pesquisadores, cientistas e missionários.

Mestre Hilarion após a sua Ascensão jurou apoiar todos aqueles que por qualquer razão tenham sido injustiçados, vítimas de inverdades e aos descrentes de uma forma geral, pois muito foi marcante sua encarnação com Saulo de Tarso (Tarso, cidade onde nasceu, na época na Ásia Menor, hoje Turquia, ao lado de Creta na Grécia) ocorrida no princípio da era cristã, contemporâneo parcialmente de Mestre Jesus. Saulo, homem de sólida educação e estudioso afeito aos problemas da cultura grega e seguidor austero das leis, tornou-se um fariseu exaltado, perseguindo duramente os primeiros cristãos por não aceitar a mensagem do Cristo, quando em plena estrada que ligava Jerusalém a Damasco, desceu sobre ele o Espírito Santo (“o despertar”) fazendo-o perceber o quanto estava movido pelo fanatismo, separatismo e consequente ilusão. Retirou-se então para o deserto entregando-se durante dois anos à contemplação quando iniciou seus famosos e célebres discursos.

Saulo (nome Judaico) agora já batizado Paulo (nome Romano), no seu universalismo religioso estava acima das diferenciações raciais, sociais, econômicas e geográficas, foi a síntese suprema do Cristo Místico, cuja Unidade enlaça o próprio Cosmo.

O semblante de Mestre Hilarion (Dirigente do 5º Raio Cósmico) tem a firmeza que caracterizou Paulo de Tarso (Apóstolo São Paulo). É alto e esguio, com testa ampla, nariz aquilino, lábios cheios e tez clara. Seus olhos são de um azul profundo e seus cabelos castanho dourado. Dentre os Mestres é talvez o que possui a aparência mais jovem. Nenhuma das belíssimas e perfeitas esculturas gregas podem reproduzir a harmonia dos traços desse Mestre que nos convida através da Sua Ordem (A Fraternidade de Creta), limpar idéias de preconceitos, prejulgamentos e ilusões para enaltecer a exatidão e a Ciência da Verdade.

Ritual

1)  Acenda uma vela verde

2)  Faça uma oração (a de sua preferência)

3) Respire profundamente 3 vezes imaginando que está absorvendo luz verde que vai correndo pela corrente sanguínea, iluminando por onde passar, células, órgãos, tecidos e ossos em nome e na benção da Cura e Autocura. Agradeça.

4) Respire profundamente novamente e visualize à sua frente o Planeta Terra. No centro do Planeta o Brasil e no centro do Brasil a cidade onde você mora, como uma linda e cristalina esmeralda irradiando por todas as direções a força e poder da Verdade abençoando todos os Dirigentes governamentais, cada habitante, cada ser do reino animal, vegetal e mineral.

5) Visualize sua cidade completamente iluminada na Chama Verde Esmeralda, expandindo-se, expandindo-se, expandindo-se por todo o Brasil e por todo o Planeta Terra.

6) Silencie por alguns momentos e em seguida leia a mensagem abaixo.

* MENSAGEM CANALIZADA POR CARMEN BALHESTERO *

“Amados Filhos,

Eu Hilarion vos abençôo na Luz do 5º Raio Cósmico para que através da chama Verde Esmeralda possais buscar a Verdade e a Auto-Cura.

Que no potencial de vossas mentes possais continuar enaltecendo as energias Crísticas de Paz alicerçando os patamares da Verdade.

Visualizeis a vossa frente o Planeta Terra transpassado na Chama Verde esmeralda para que a Chama da Verdade renasça e possa atrair o potencial máximo da auto cura em nome as Sabedoria e do Amor Incondicional.

Visualizeis vossos corpos transpassados na Chama Verde Esmeralda para que possais vivenciardes a saúde, a plenitude, a juventude eterna e que possais assim reafirmar vosso poder individual no servir e no amor eterno hoje e por eternidade…

A Chama da Verdade vos chama, a Chama intrínsica na mônada de cada ser, para que ao vivenciardes vossas vidas, possais ser o reflexo maior da vossa Verdade interna. Buscai a Verdade. Falai a Verdade. Expressai a Verdade em cada gesto e em cada escolha consciente de vossas vidas. Vivenciai a Verdade e percebereis que tudo é possível aos que reafirmam a Verdade. Assumi a Verdade como eixo de uma nova atitude que vos equilibra e assim sereis a Chama do Amor Intuitivo em ação.

Em nome de toda Fraternidade de Creta Eu vos abençôo, abençôo vossa cidade e abençôo a chama de todas as velas no Poder absoluto da Maestria Divina.

Hoje, através da força da Luz Crística na energia da auto cura, a força da Fraternidade de Creta retorna no potencial maior da Verdade para que todos possam buscar segurança em vosso poder individual na alquimia e na transcendência da liberdade e da força da revelação.

Visualizeis vosso 3º Olho em vosso chacra frontal no centro da testa na Chama Verde Esmeralda que se expande, se expande, se expande cada vez mais: Em nome, no Poder e nas bênçãos de todos os Seres da Fraternidade de Creta, reativamos a força do vosso próprio 3º Olho para que possais enxergar a verdade e protagonizar a sintonia motriz com a vossa Felicidade e Poder.

O raio verde-esmeralda vos traz a energia de Autocura e o reconhecimento de novos valores.

Que vossa mente possa se manter centrada no potencial verdadeiro e, unindo-se às mentes de toda a humanidade, possais ser a expressão máxima das qualidades do Raio Verde em ação: a Expressão máxima da Concentração, da Autocura e da Verdade.

Vivenciando o poder de vossa alma estareis centrados no potencial da vossa Fé. Na Chama da Ressurreição ireis reencontrar a magnitude de vosso Poder Cristalino.

Que vossa mente e vosso coração vibrem na mesma sintonia, alicerçando a real capacidade de transmutar tudo o que não condiz com a Bem-aventuranç a e a Fé em vossa vida.

Em Nome e no Poder de todos os Seres do Raio Verde, EU ABENÇÔO vossa Presença EU SOU mediante a ativação de vossos corpos na Luz da Coerência para que possais ancorar a Força do Poder Maior da Luz Cristalina centrada na VERDADE.

Visualizai à vossa frente um grande caudal de Luz Verde-esmeralda e vereis resplandecer a Maestria de vosso Amor.

Amados Filhos, sem CONCENTRAÇÃO nada podereis manifestar. Vossa mente deve manter-se CONCENTRADA nas concepções que quiserdes manifestar e, assim, sereis um real receptáculo do Poder da Luz de Deus para que se cumpra o Plano Maior da Perfeição na Terra AGORA.

Amor e Luz,

EU SOU HILARION em vós”


Via: Arcano Dezenove | HILARION, O MESTRE DO 5ºRAIO

SOBRE O NASCIMENTO DO MESTRE JESUS COMEMORADO NO DIA 8 DE SETEMBRO…

Mestre Jesus_Joao Pio de Almeida Prado

Mestre Jesus, pintado pelo artista plástico João Pio de Almeida Prado

DIA 8 DE SETEMBRO: NATAL – DIA DO NASCIMENTO DO CORPO FÍSICO DO BEM AMADO MESTRE JESUS.

Por: Heloísa Lassálvia

 

Foi no ano 336 d.C. que, instituído pelo Papa Júlio I, o Natal começou a ser celebrado no dia 25 de dezembro (solstício de inverno, a noite mais longa do ano no hemisfério norte).

A tradição cristã manteve uma data próxima a das festas pagãs, pois, nessa época do mês, romanos celebravam as saturnais, festas orgíacas em honra ao Deus Saturno.

Porém o nascimento em corpo físico de Mestre Jesus Sananda ocorreu no dia 8 de setembro.

Assim podemos comemorar essa festividade duas vezes ao ano: em 8 de setembro, por ser a real data, e em 25 de dezembro, quando o mundo inteiro celebra o nascimento do Cristo, criando uma egrégora muito grande de Paz e Amor que se irradia por todo o Planeta, passando a energia da alegria e felicidade de pessoa para pessoa, através das reuniões familiares, visitas a amigos, decoração natalina e até pela troca de presentes, que simbolizam os presentes ofertados ao Menino Jesus pelos três Reis Magos: incenso, mirra e ouro.

Esses presentes eram os maiores tesouros desses reis, e os três — Gaspar, Baltazar e Belchior —, representando as três raças humanas, ofereceram, em nome de toda a humanidade, o real significado de seus presentes: a divindade, a paixão e a realeza do espírito.

Assim como o Mestre Jesus Sananda veio ao mundo para despertar a real consciência crística nos homens com sua imensa luz, amor e ensinamentos, a cada Natal, através das irradiações vindas da Fonte Cósmica, renascemos de dentro para fora, para um novo momento em nossas vidas, com oportunidades de evolução espiritual e de concretização de nossas missões e objetivos para que, com Paz, Harmonia, Amor e Abundância, possamos manifestar e vivenciar a felicidade plena e a Ascensão em Consciência Crística na Luz.

MESTRE JESUS SANANDA

Filho de José (Mestre Saint Germain) e de Mãe Maria, Mestre Jesus foi escolhido pela Grande Fraternidade Branca Universal, entre três dos Seres que já haviam alcançado a Dispensação Crística, para vir ao mundo tridimensional e ensinar as mensagens simples de amor incondicional, humildade e verdade.

Nascido de forma humilde, para mostrar à humanidade que não são necessárias grandes riquezas materiais, o Mestre Nazareno teve a incumbência principal de demonstrar os valores não visíveis no mundo material, mas sentidos profundamente, no âmago de cada alma.

Desde os 7 anos de idade já pregava aos fariseus, mostrando Seu conhecimento e astúcia, porém sempre com muita humildade e fé.

Preparado para uma grande missão – mostrar à humanidade que os valores reais são encontrados em cada coração crístico e que cada emanação de vida deve aprender a despertar o seu próprio Cristo Interno – Mestre Jesus assumiu a figura do Cristo vivo, demonstrando em atos e palavras a Sua verdade, e exemplificando as Leis Universais de ajuda mútua e de respeito à humanidade, principalmente na Oração do Pai Nosso, nas bem-aventuranças – o Sermão da Montanha e o Mantra EU SOU:

EU SOU O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA. EU SOU O SAL DA TERRA. EU SOU A LUZ DO MUNDO.

Desde o momento do Seu sublime nascimento, Mestre Jesus foi amparado pelo Bem Amado Maitreya, que é considerado o novo Avatar do Terceiro Milênio. Maitreya operava os milagres no corpo do Mestre Jesus enquanto estava entre nós, em Sua curta peregrinação na Terra.

E apesar de muitos esperarem Sua vinda física, a CONSCIÊNCIA DE MAITREYA JÁ ESTÁ ENTRE NÓS COMO A CONSCIÊNCIA CRÍSTICA DE CADA UM QUE ASSUME O SEU PRÓPRIO DESPERTAR NA LUZ.

Dos 13 aos 30 anos, Mestre Jesus teve tarefa difícil de preparar o Seu corpo para a Grande Ascensão diante de toda a humanidade presente. Durante esses anos Ele esteve na Pirâmide da Ascensão do Mestre Serapis Bey, em Luxor, no Egito, para aprender a ascensionar cada molécula, cada célula e cada átomo de Seu corpo físico, uma vez que Seu corpo de Luz já havia sido preparado para tal.
Assim, quando estava pronto e após rezar por muito tempo no monte da Ascensão (das Oliveiras), Mestre Jesus cumpriu Sua missão perante a humanidade: ascensionou e mostrou a eternidade da alma.

A maior das lições deixadas pelo Bem Amado Mestre é o Amor Incondicional. Sempre disposto a servir, ele não sabia quais seriam as próximas diretrizes, mas tinha conhecimento apenas da grande missão final.

Após tantos milagres, e principalmente curas, Mestre Jesus provou ser o maior de todos os médicos. O verdadeiro ser capaz de curar a alma. Em Seu coração, tinha imensa sabedoria e pureza para saber transmutar os carmas passados de cada um.

Após mais de 2 mil anos físicos de Sua visita entre nós, muitos ainda não despertaram para a Sua Grande Missão e para o exemplo de “Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei”, como também não se lembram de seus encontros com muitos Seres de Luz, no passado, não muito distante.

Para a Grande Fraternidade Branca Universal e para as organizações por Ela dirigidas (a Sociedade Teosófica, entre outras), o Natal é celebrado em 8 de setembro, o dia do nascimento do Cristo Interno de cada um, em um verdadeiro despertar na Luz, e Sua principal função, hoje, é unificar as consciências para uma Ascensão em massa da humanidade, assim como Mestre Jesus ascensionou.

Alguns não entendem porque os Mestres assumem postos hierárquicos no plano espiritual, mas isso ocorre para que possam servir melhor a humanidade com Suas qualidades e virtudes desenvolvidas.

Mestre Jesus, como Avatar da Era de Peixes, impulsionou o Amor Incondicional. Neste momento de transição, a Transmutação é a qualidade mais necessária. De todos os milhares de Seres que compõem a Grande Fraternidade Branca Universal, Mestre Saint Germain desenvolveu, através da alquimia, o poder da Transmutação. Assim, Ele foi escolhido como o Avatar da Era de Aquário, que começou em maio de 1954. A verdadeira alquimia é saber transmutar em Luz cada irradiação ou ato negativo do passado, do presente ou do futuro.

Esta é a grande meta para o momento.

Convém salientar que Mãe Maria, Saint Germain (como José), Serapis Bey (Mestre do 4º Raio Cósmico da Ascensão), El Morya (Mestre do 1º Raio Cósmico da Disciplina, Poder, Determinação, Proteção, Força da Vontade Divina), Kuthumi (Mestre do 2º Raio Cósmico da Sabedoria, Discernimento e Iluminação e hoje junto com Jesus são os Instrutores do mundo) estavam presentes nesse momento para que Mestre Jesus pudesse estar entre nós e trazer Sua mensagem à humanidade.

Hoje, mais de 2 mil anos após a Sua vinda, será que a humanidade realmente entendeu Sua mensagem de Amor e Luz?

Neste momento, quando a Terra atravessa um período de transição, a Consciência Crística deve ser despertada e cada um deve assumir seu carma individual, responsabilizando-se por tudo o que faz e o que tem feito desde os primórdios da sua evolução.

Devemos assumir nossa responsabilidade individual perante a nossa própria vida, e não ficar esperando que um novo Avatar venha nos salvar. Nós, em consciência e esforço individual, alcançaremos a iluminação.

Mestre Jesus foi o Dirigente do 6º Raio Cósmico do Amor Devocional durante muitos anos. Quando passou o cargo para Mestra Nada, passou a ocupar o cargo de Instrutor do Mundo, mas é sempre reverenciado por todos os Seres que O encontram em outros planos de Luz, tamanha a grandeza de Sua missão.

Que cada um de nós possa buscar, no fundo de seu subconsciente, imagens e passagens da própria vida que, um dia, tenham nos colocado diante do Bem Amado Mestre Jesus.

Que, ao olharmos de frente para os Olhos puros e cristalinos que refletem a humildade, a pureza e a Luz da Sua grande Alma, possamos mais vez reconhecer que todas as oportunidades que hoje nos são dadas pelos Planos de Luz nos foram preparadas pela Presença, exemplo e Amor Incondicional do nosso Bem Amado Mestre Jesus Sananda.

Mestre Jesus, todo o nosso reconhecimento por Sua Luz, Exemplo, Vida e Amor por toda a humanidade.

Em nome de nossa Presença Crística EU SOU, agradecemos. Nos encontraremos novamente nos caminhos da eternidade.

RITUAL DE RENASCIMENTO

1. Neste dia tão especial, valorize a sua vida, tudo o que você conquistou, mas, sobretudo, abra seu coração e sua mente para a sincronicidade de Paz e Amor que Mestre Jesus lhe oferta neste renascimento na Luz.

2. Reserve alguns momentos do dia para silenciar a mente e conectar-se com as energias de Mestre Jesus Sananda, que são as precipitações do puro Amor, Compaixão e Misericórdia.

3. Acenda uma vela dourada ou amarela e ofereça sua chama à Consciência Crística de toda a humanidade.

4. Visualize a imagem de Mestre Jesus “recordando-lhe” os seus ensinamentos. Lembre-se: Mestre Jesus é Luz, Paz e Ternura. Visualize-O assim.

5. Conscientemente, aceite a oportunidade de renascimento.

AGRADECIMENTO A MESTRE JESUS SANANDA

É Natal… Hoje, Mestre, eu gostaria de poder dizer-Lhe as mais belas palavras contidas em qualquer idioma, mas sei que elas pertencem ao idioma universal que é ditada pelo coração, lar do Amor que é o bem mais valioso que tenho aqui na Terra e é com ele que neste momento chego até Vós.

E como Vós, caminhei por muitas estradas, por muitas vidas.
Mas nunca percebi que, quando aqui estivestes em corpo físico e nossos caminhos se cruzaram, deixastes para mim uma estrela guia que me acompanhou nas minhas diversas encarnações e sempre esteve alojada no meu sacrossanto templo. Essa herança Divina, que é o seu Amor, hoje eu entendo, ainda pulsa e vibra em meu coração como prova de que a Vossa Consciência Crística mora dentro de mim.

Nas minhas andanças inconsequentes, muitas vezes fui feliz; porém, muitas foram as vezes que me deixei levar pela tristeza e angústia por não entender os desígnios de Deus. E muitas também foram as oportunidades que me destes de manifestar o óbvio, mostrando caminhos da minha senda e eu insisti em trilhar veredas estranhas da minha real natureza.

Mas hoje, neste dia sagrado em que me ofereces mais uma oportunidade de renascer na Luz, sinto-me como um Livro Sagrado há muito guardado e fechado que, lentamente, se abre, deixando transcorrer, assim, o fluxo da vida contido nas linhas dos Vossos ensinamentos. A cada letra que se une a outras, momentos preciosos da minha estada aqui se escrevem. Então, formam-se palavras e frases de entendimento e compreensão da minha missão de Paz na Terra.

Para cumpri-la, basta que eu seja feliz com a Abundância que o Universo me oferece.

Hoje EU SOU feliz …
Hoje EU estou renascendo…
Hoje é NATAL…

 


Fonte: Revista digital – Tributo aos 50 anos de UM CURSO EM MILAGRES/setembro 2015 (páginas 31 a 34)

Crédito da Imagem: João Pio de Almeida Prado.

SOBRE A ASCENSÃO DE MÃE MARIA…

L'assomption de la vierge - Peter Paul Rubens_1615

Assunção da Virgem. 1616. Por Rubens, atualmente nos Museus Reais de Belas-Artes da Bélgica.

 

Texto compilado por: Cida Pereira

A Assunção da Virgem Maria, foi definida dogmaticamente pelo papa Pio XII em 1 de novembro de 1950 na constituição apostólica Munificentissimus Deus, incluindo no texto a seguitne frase “tendo completado o curso de sua vida terrestre, foi assumida, de corpo e alma, na glória celeste”.

Ainda que as Igrejas Católica e Ortodoxa acreditem na Dormição de Maria, que é o mesmo que a Assunção, a morte de Maria não foi definida dogmaticamente.

Embora a Assunção (em latim: assūmptiō – “elevado”) tenha sido definida em tempos relativamente recentes como um dogma pela Igreja Católica, relatos apócrifos sobre a assunção de Maria ao céu circulam desde pelo menos o século IV. Também muito primitivas são as diferentes traduções das “Narrativas da Dormição dos ‘Seis Livros'”. Apócrifos posteriores que se basearam nestes textos mais antigos incluem o “De Obitu S. Dominae”, o “De Transitu Virginis” e o “Transitus Mariae”.

A Igreja Católica, no entanto, jamais afirmou ou negou que esse dogma tenha se baseado em relatos apócrifos, não fazendo nenhuma menção nos documentos eclesiásticos sobre o assunto.

A doutrina da Assunção de Maria se tornou amplamente conhecida no mundo cristão, tendo sido celebrada já no início do século V e já estava consolidada no oriente na época do imperador bizantino Maurício por volta de 600.

Dessa mesma época, temos documentos da festa da Assunção no dia 15 de agosto, enumerada junto com as festas da Natividade, da Apresentação, da Anunciação e da Purificação de Maria.

Até os dias de hoje, a Assunção é geralmente celebrada em 15 de agosto.

VERSÃO APÓCRIFA

Das várias versões apócrifas sobre a Ascensão de Maria a narração que, segundo alguns, foi erroneamente atribuída a José de Arimatéia é a mais divulgada e conhecida.

Segue aqui um resumo por mim adaptado com os principais trechos dela:

Passagem da bem Aventurada Virgem Maria

Dentre as muitas coisas que a mãe perguntou ao seu filho durante aquele tempo que precedeu a paixão do Senhor, figura a referente à sua passagem, sobre a qual começou a perguntar-lhe nestes termos: “Ó caríssimo filho, rogo à tua Santidade que, quando chegue o momento que minha alma tenha de sair do corpo, me faças saber com três dias de antecedência; e então Tu, querido filho, encarrega-te dela na companhia de teus anjos.”

Ele, de sua parte, acolheu a súplica de sua querida mãe e disse-lhe: “Ó habitação e templo de Deus vivo, ó mãe bendita, ó rainha de todos os santos e bendita entre todas as mulheres, como sabes, antes de me carregares em teu seio guardei-te continuamente e te alimentei com meu manjar angélico. Como irei abandonar-te depois de me haveres gestado e alimentado, depois de me haveres levado na fuga ao Egito e haveres sofrido por mim tantas angústias? Fica sabendo, então, que meus anjos sempre te guardaram e te seguirão guardando até o momento da tua passagem. Mas, quando me vires vir ao teu encontro na companhia dos anjos e dos arcanjos, dos santos, das virgens e de meus discípulos, podes estar certa então de que chegou o momento em que tua alma será separada de teu corpo e transportada por mim ao céu, onde nunca experimentarás a mínima atribulação ou angústia”

Durante o segundo ano a partir da Ascensão de Nosso Senhor Jesus Cristo, Maria costumava entregar-se assídua e constantemente à oração de noite e de dia. Na antevéspera de sua morte recebeu a visita de um anjo do Senhor, o qual entregou-lhe uma palma dizendo-lhe ter sido enviada por Jesus e que em três dia ocorreria a sua Ascensão, ao que ela recebeu com grande alegria e gratidão.

Chamou então José de Arimatéia e os outros discípulos do Senhor. E quando eles estavam reunidos, assim como seus próprios conhecimentos e mais chegados, anunciou a todos a sua iminente passagem. Preparou-se então e ficou esperando a chegada do seu Filho, conforme Ele lhe havia prometido. Tinha ao seu lado três virgens: Séfora, Abigail e Zael. Mas os discípulos de Jesus  estavam já nessa época dispersos, em pregações, pelo mundo inteiro.

Naquele momento (era então a hora terceira), enquanto a rainha Maria estava em seus aposentos, produziram-se grandes trovões, chuvas, relâmpagos, perturbações e terremotos. O apóstolo e evangelista João foi transportado de Efeso; entrou no quarto onde se encontrava a Maria e saudou-a, que levantando-se, deu-lhe um beijo.

E, quando se dispunha a perguntar-lhe de onde vinha e por que razão se havia apresentado em Jerusalém, eis que (de repente) todos os discípulos do Senhor, exceto Tomé, o chamado Dídimo, foram levados numa nuvem até a porta dos aposentos onde estava Maria. Então, pararam e depois entraram e saudaram-na. Ela então levantou-se, solícita e, inclinando-se, foi beijando-os e deu graças a Deus.

Então Maria disse aos seus irmãos: “A que se deve terem todos vindo a Jerusalém?” Pedro respondeu: “Tu nos perguntas, sendo que era a ti que deveríamos perguntar? Por mim tenho certeza que nenhum de nós conhece a razão pela qual apresentamo-nos aqui tão velozmente. Estava em Antioquia e agora encontro-me aqui”.

E todos foram indicando o lugar onde haviam estado naquele dia, ficando surpreendidos e cheios de admiração por se verem ali presentes ao escutar tais relatos.

Então Maria disse-lhes: “Antes de meu filho sofrer a paixão, eu roguei que tanto Ele quanto vós todos assistísseis a minha morte, e essa graça foi-me outorgada. Por isso sabereis que amanhã terá lugar a minha passagem. Vigiai e orai comigo para que, quando o Senhor venha encarregar-se da minha alma, vos encontre velando”. Então empenharam sua palavra de que permaneceriam vigilantes. E passaram toda a noite em vigília e em adoração, entoando salmos e cantando hinos, acompanhados de grandes luzes.

Chegando o domingo, e a hora terceira, Cristo desceu acompanhado de uma multidão de anjos e recebeu a alma de sua querida mãe, E enquanto os anjos entoavam uma passagem do Cântico dos Cânticos, sobreveio tal resplendor e um perfume tão suave, que todos os presentes caíram sobre seus rostos, e durante hora e meia ninguém foi capaz de levantar-se.

Então os apóstolos, atraídos pela enorme claridade, levantaram-se e começaram a passagem do santo cadáver do monte de Sião até o vale de Josafá.

Lá chegando, os apóstolos depositaram o corpo no sepulcro com todas as honras e puseram-se a chorar e a cantar, devido ao imenso amor e doçura que sentiam. Imediatamente viram-se circundados por uma luz celestial e caíram prostrados, enquanto o santo cadáver era levado aos céus pelas mãos dos anjos, sem que o percebessem.

Então,Tomé sentiu-se repentinamente transportado até o monte das Oliveiras, e, ao ver que o bem-aventurado corpo dirigia-se aos céus, começou a gritar dizendo: “Ó santa mãe, mãe bendita, mãe imaculada, se aos teus olhos encontrei a graça, já que me é dado o privilégio de contemplar-te, alegra o teu servo, pois estás a caminho do céu” E no mesmo instante a faixa com que os apóstolos haviam cingido o corpo santíssimo foi arremessada do alto a Tomé, que, ao recebê-la entre suas mãos, beijou-a e, dando graças a Deus, retomou ao vale de Josafá.

Lá chegando encontrou todos os apóstolos e uma grande multidão. Ao se aproximar, cumprimentando-os, Tomé perguntou então: “Onde colocastes o seu corpo?” Eles apontaram o sepulcro. Mas ele replicou: “Não, ali não está esse corpo que é chamado santíssimo”. Suas palavras foram confrontadas por Pedro em função de sua já conhecida incredulidade, demonstrada quanto à ressurreição de Jesus, mas insistiu dizendo: “Não está aqui”. Então, encolerizados, aproximaram-se do sepulcro, que havia sido recém-escavado na rocha, e afastaram a pedra; mas não encontraram o cadáver, fato que os deixou sem saber o que dizer ao verem-se vencidos pelas palavras de Tomé.

Depois Tomé contou-lhes como se encontrava celebrando a missa na Índia. Estava ainda vestido com os paramentos sacerdotais, quando, sem entender porque, se viu  transportado ao monte das Oliveiras e teve a oportunidade de ver o corpo de Maria que subia ao céu; e rogou-lhe que lhe outorgasse uma bênção. Ela escutou sua prece e atirou-lhe a faixa com a qual estava cingida. Então ele mostrou a faixa a todos.

Os apóstolos, ao verem a faixa que eles mesmos haviam colocado, deram glória a Deus e pediram perdão a Tomé, comovidos pela bênção que lhe havia sido dada por Maria e pelo privilégio de ter contemplado seu santíssimo corpo subir aos céus. Então Tomé abençoou-os dizendo: “Sintais que bom e agradável é o fato de os irmãos poderem viver unidos entre si”.

E a mesma nuvem que os havia trazido levou cada um de volta ao seu respectivo lugar e os apóstolos foram rapidamente devolvidos ao lugar onde se encontravam antes para evangelizar o povo de Deus.


Fontes:
. Wikipédia, a enciclopédia livre | Assunção de Maria
. FRANCISCANOS | Imaculada Conceição de Maria| Elevada ao céu em corpo e alma
. ARTIGOS ESPÍRITAS – JORGE HESSEN | A.Clássicos|A BÍBLIA SAGRADA E OS EVANGELHOS APÓCRIFOS – GRÁTIS PARA DOWNLOAD | Passagem da Bem-Aventurada Virgem Maria (Narração Erroneamente Atribuída a José de Arimatéia)

A PERFEITA UNIDADE ESPIRITUAL DO ORIENTE E COM O OCIDENTE…

Ramatis

RAMATÍS – O MESTRE DA LUZ UNIVERSAL

Postado em Mythos Editora

Ramatís, ou Swami Rama-Tys, é uma presença polêmica no mundo espírita, com obras psicografadas que abrangem inúmeros aspectos das atividades espirituais. Os textos vão desde fatos da vida de Cristo à bomba atômica e se constituem em uma leitura que revela um caminho de luz acessível a todos.

– Alex Alprim –

Para conhecermos melhor a história de Ramatís, precisamos retroceder até o século 11, na região que viria a ser conhecida como Indochina, e que na época era dominada pelo império chinês. Do amor entre um hindu e uma chinesa, nasceu uma criança que iria se tornar um grande ser de luz. Tinha cabelos negros, pele cor de cobre e olhos castanho-escuros, iluminados.

Pouco se sabe de sua infância. Alguns parcos registros relatam que desde tenra idade ele possuía grande sabedoria, uma vez que já a carregava há várias encarnações. Ele iria estimular as almas a conhecer a “Verdade”.

A criança cresceu e se tornou um verdadeiro guru, ingressando em um dos muitos santuários iniciáticos da Índia. Entretanto, em encarnações anteriores, diz-se que ele já tinha sido o grande matemático e filósofo Pitágoras (cerca de 570 – 496 a.C.), bem como Filon de Alexandria (cerca de 30 a.C. – 40 d.C.), um filósofo judeu responsável pela famosa Biblioteca de Alexandria. Nesse mesmo período, ele desfrutou da companhia inesquecível do mestre Jesus Cristo. Encarnou igualmente como Koot-Humi, um dos mentores de Helena Petrovna Blavatsky (1831 – 1891), a fundadora da Sociedade Teosófica.

Em época ainda mais recuada, ele viveu na Atlântida, quando conheceu o espírito que seria conhecido como Alan Kardec, e com o qual se encontraria novamente em sua passagem pelo Egito, no templo do faraó Mernefta, filho de Ramsés; no Egito, Ramatís era então o sacerdote Amenófis.

Ao longo de suas encarnações, Ramatís sempre teve contato com os grandes sábios de cada era. Em sua vida na Grécia Antiga, no período em que ela estava em plena ebulição cultural, segundo informam algumas psicografias, ele já tinha conhecimento da imortalidade da alma, da purificação através de sucessivas reencarnações, e seus ensinamentos buscavam mostrar as nítidas vantagens de espiritualizar a vida. Ainda cultivava a música, a matemática e a astronomia. Nessa época, ele começou os estudos sobre o deslocamento dos astros e conclui que a Ordem Superior domina o Universo.

Em sua encarnação como Ramatís, ele se distinguiu como grande sábio, tendo feito parte da história da Índia no período da invasão dos arianos, por volta do século 4 a.C. Diz-se ainda que ele teria participado dos acontecimentos narrados no conto épico conhecido como Ramaiana.

Nessa ocasião, realizou seus estudos iniciáticos na China. Posteriormente, fundou um pequeno templo na Índia, sendo adepto da tradição de Rama. Desencarnou jovem, pois sua missão já havia sido cumprida.

Depois disso, no Plano Superior das Inteligências Espirituais, filiou-se definitivamente a um grupo de trabalhadores espirituais conhecido como Templários das Cadeias do Amor. Trata-se de um agrupamento nas colônias invisíveis do Além, que se dedica a trabalhos ligados à corrente oriental de pensamento.

O nome Ramatís (Rama – Tis), ou Swami Rama Tys, como era conhecido em sua época, é uma designação de sua hierarquia e dinastia espiritual. Rama é o nome que se dá à própria divindade, o Criador, cuja força criadora emana para as nossas vidas quando pronunciado corretamente; é um poderoso mantra que ativa os princípios masculino e feminino contidos no Universo. A saudação se torna plena, ativando a semente divina interior, quando se pronuncia Ramaatis.

Os Discípulos de Ramatís

O templo que ele fundou foi erguido por seus primeiros discípulos. Nesse local, ele ministrou e aplicou todos os conhecimentos adquiridos até aquela vida. Diz-se que as pedras usadas em sua construção receberam energias especiais, fruto da evolução de cada discípulo no caminho por ele delineado.

Muitos desses discípulos estão hoje encarnados em nosso mundo. Em sua última estada na esfera física, Ramatís teve setenta e dois discípulos, vindos das mais diversas linhas religiosas e espiritualistas do Egito, Índia, Grécia, China e até mesmo da Arábia; todos queriam ir além e unir-se à irmandade que Ramatís formara.

Após sua passagem, muitos deles não conseguiram se manter dentro do padrão iniciático original, e decaíram. Apenas dezessete conseguiram envergar a simbólica “Túnica Azul” (o domínio da Vontade) e atingir o último grau do ciclo iniciático em seus invólucros físicos.

Mas em seu trabalho espiritual, Ramatís teve contato com os outros discípulos e muitos, ao longo de suas vidas físicas, retornaram ao seio dos seus ensinamentos. Existem vinte e seis adeptos que estão no Espaço Espiritual (desencarnados), cooperando nos trabalhos da “Ordem da Cruz e do Triângulo”; outros se espalharam pela Terra. Sabe-se que dezoito reencarnaram no Brasil, seis nas Américas, e outros, na Europa e Ásia.

Dos dezoito que reencarnaram no Brasil, um deles, Atanagildo, já desencarnou e encarnou novamente, no estado de São Paulo. Outro desencarnado, o professor Hercílio Maes, é considerado um dos que mais contribuiu para a obra de Ramatís no Brasil, tendo publicado vários livros psicografados com mensagens do seu mestre. Outros são: Demétrius, chefe espiritual do GEID (Grupo Espírita Irmão Demétrius); e o dr. Atmos (hindu, guia espiritual e diretor-geral de todos os grupos ligados à Fraternidade da Cruz e do Triângulo), chefe espiritual da Sociedade Espírita Ramatís.

Os discípulos de Ramatís usam os conhecimentos adquiridos para ultrapassar as experiências físicas e sensoriais limitadas pela matéria, respeitando todas as linhas espirituais e compreendendo a necessidade que os homens têm de buscar a Verdade. Essa busca, segundo explicam, ativa o exercício de vôos mais amplos, que acabam por desvendar a verdade crística do mundo.

Diz-se que a Europa se encontra no final de sua grande missão civilizadora e, devido a esse desenlace cármico e espiritual, muitos dos discípulos reencarnados naquelas terras emigrarão para o Brasil. Segundo Ramatís, aqui reencarnarão os que vão anteceder a generosa humanidade do terceiro milênio.
O médium Hercílio Maes, embora fosse reservado quanto a esse assunto, escreveu extensa obra psicografada de Ramatís e, segundo conversas íntimas com pessoas próximas a ele, relatou que teria sido “adotado” por Ramatís quando de sua primeira encarnação expiatória, no Egito, no reinado de Akenaton (Amenófis IV, cerca de 1370 – 1352 a.C.), na qual exercia a modesta profissão de aguadeiro.
Em determinada ocasião, respingou água nas sandálias de uma dama da corte e, num julgamento sumário, foi condenado à morte. Ramatís intercedeu e o faraó ofertou-o a Ramatís. Colaborando com esse relato, em 2002, durante a revisão do livro Akhenaton, obra histórica psicografada pelo médium Roger Bottini Paranhos, constatou-se que Ramatís aparece ali como o sumo sacerdote do faraó, com o nome de Meri-Rá.

A Fraternidade da Cruz e do Triângulo

Na dimensão espiritual, Ramatís exerce uma forte atuação junto à Fraternidade da Cruz e do Triângulo e se empenha em divulgar os ensinamentos de Jesus Cristo. Paralelamente, ensina a atuar segundo a antiga tradição espiritualista do Oriente, estabelecendo assim um intercâmbio entre as correntes espiritualistas do Ocidente e do Oriente.

Segundo relatos de vários espiritualistas, no final do século 19, no Oriente, houve uma fusão entre duas importantes fraternidades. Tratava-se da Fraternidade da Cruz, que divulga os ensinamentos de Jesus, e a Fraternidade do Triângulo, ligada à tradição espiritual oriental. Após essa união, as duas fraternidades – consideradas Fraternidades Brancas – consolidaram uma série de práticas e trabalhos espirituais que resultaram na formação da Fraternidade da Cruz e do Triângulo.

Seus membros usam vestes brancas com cintos e emblemas de tonalidade azul-clara esverdeada. Sobre o peito, trazem suspensa uma corrente com um triângulo lilás luminoso, no qual se encontra uma cruz em forma de lírio, símbolo que exalta a obra de Jesus e da mística oriental. O que os mentores informam é que todos os discípulos da Fraternidade que se encontram reencarnados na Terra são profundamente devotados às duas correntes espiritualistas.

Em seu trabalho no plano espiritual, Ramatís supervisiona as tarefas ligadas aos discípulos na Metrópole Astral do Grande Coração. Segundo informações de seus psicógrafos, atualmente ele participa de um colegiado no Astral de Marte. Os discípulos dessa ordem cultuam os ensinamentos de Jesus, que foi o elo definitivo entre todos os instrutores terráqueos, assim como a sabedoria e o trabalho espiritual de Antúlio, de Hermes, de Buda, de Confúcio e de Lao-Tsé.

Esse é um dos motivos pelos quais os seguidores de Ramatís na Terra – embora profundamente devotados ao pensamento cristão – também têm profundo respeito pela espiritualidade do Oriente.

Ensinamentos e Mensagens

A temática ensinada e discutida nas obras de Ramatís é sempre apresentada a partir de um enfoque universalista, e também encontra paralelo nos temas abordados por André Luiz e outros espíritos do bem. Em suas psicografias,

Descrição de RamatÍs

A aparência de Ramatís, conforme geralmente é apresentada em pinturas e desenhos, deve-se às visões de vários médiuns que entram em contato com ele, recebendo suas mensagens. Ele é apresentado como um espírito que surge envolto em uma luminosidade intensa, com uma aura amarelo-clara com nuanças douradas, circundada por traços finos em azul celeste e carmim.

Seu traje é composto por uma capa que se estende até seus pés, além de uma túnica com mangas muito longas, ajustada por um cinto largo, esverdeado e tão luminoso quanto o restante de suas vestimentas. As calças são fechadas nos tornozelos. A textura das vestes lembra a da seda, imaculada e brilhante, como se fosse feita da pétala de um maravilhoso lírio translúcido. Os sapatos são de cetim azul esverdeado, amarrados por cordões dourados que se enlaçam atrás, acima do calcanhar, à moda dos antigos gregos.

A cabeça é coberta por um turbante com muitas pregas, tendo no meio uma cintilante esmeralda, ornamentada por vários cordões finos de várias cores, que lhes caem sobre os ombros.

Sobre o peito, ele carrega uma corrente,formada de pequenos elos, da qual pende um triângulo de suave luminosidade, emoldurando uma delicada cruz. Sua indumentária sugere a sua posição iniciática, mas sem deixá-la clara; parece uma mistura de culturas, desde o traje até os seus acessórios, parecem banhar-se tanto na cultura oriental quanto ocidental. Embora possa parecer exótico, diz-se que esse tipo de vestimenta era comum aos altos sacerdotes da antiga Atlântida. Ramatís acrescenta temas e mensagens que, geralmente, são abordados pelos chamados ocultistas, esclarecendo pontos obscuros das práticas espirituais.

Outro aspecto interessante no trabalho de Ramatís é o quanto suas revelações e profecias encontram semelhança com as de outros videntes, mencionados no livro Mensagens do Astral.

O ponto central das mensagens e do trabalho de Ramatís – que é seguido por diversas casas espíritas que recebem suas indicações espirituais – é a postura universalista e não-sectária, que permite absorver os conhecimentos espirituais das mais diversas linhas, convergindo dessa forma para uma união semelhante à que se dá no plano etérico entre as fraternidades da Cruz e do Triângulo, refazendo a máxima hermética de que o macrocosmo e o microcosmo estão correlacionados e se influenciam. Segundo relatos, numa conferência pública realizada em 1969, no Instituto de Cultura Espírita do Brasil, o médium Hercílio Maes disse que recebeu informações dos espíritos superiores referentes tanto à atuação de Emmanuel e Chico Xavier, quanto à de Ramatís e do próprio Hercílio Maes, assim como de outros integrantes de futuras equipes de trabalhos espiritualistas. A idéia é que cada qual teria sua função e atuação específica, no sentido de constituir um amplo movimento de unificação que resultaria na implantação, no futuro, de um só rebanho para um só pastor: Jesus Cristo.

…………………………………………………………………………………………………

Para saber mais:

Sociedade Espírita Ramatis http://www.ramatisrio.com.br
Fone: (21) 2572-7926

Grupo Espírita Irmão Demétrius http://www.geid.hpg.ig.com.br
Fone: (21) 396-0374

Mensagens do Astral – Ramatís, psicografado por Hercílio Maes
Editora do Conhecimento
www.edconhecimento.com.br
Fone: (19) 3451-0143

Via: RAMATÍS – O MESTRE DA LUZ UNIVERSAL – Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas


Assista também ao vídeo:

A vida de Ramatis – A história de um grande Mestre Universalista

Publicado por: ISC Instituto de Sensibilização Consciencial  em 15 de abr de 2009

Via: A vida de Ramatis – A história de um grande Mestre Universalista – YouTube


 

UM DIA ESPECIAL PARA SE COMEMORAR COM A CHAMA VIOLETA…

mata violeta

1 DE MAIO – ASCENSÃO DE SAINT GERMAIN

Por: Maria Stela Lecocq Müller

 

Este maravilhoso Ser que conhecemos como SAINT GERMAIN realizou a Sua ascensão no ano de 1684.

Muitas e muitas vezes Ele aceitou novas encarnações e esforçou-se muito em estimular nos homens de diversos povos, neste planeta, o desejo de Liberdade, pois que é a LIBERDADE o seu dom especial.

Foi confiada a Ele, na qualidade de Mestre Ascensionado, a custódia do já iniciado ciclo de dois mil anos da Era da Liberdade. Assim como Jesus possuía a custódia do anterior ciclo de Dispensação Crística, o Mestre Ascensionado Saint Germain usufrui a preferência, o privilégio e a responsabilidade de TRAZER A LIBERDADE no presente ciclo, a toda criatura – seja homem, ser elemental ou anjo prisioneiro. Chegará um tempo em que não mais haverá velhice, doença, pobreza ou males de qualquer natureza; nem mais haverá a chamada morte.

Os seus ensinamentos contêm a orientação e indicação dos Mestres Ascensionados para melhor compreensão e aplicação do Fogo Sagrado, a fim de que todos possam obter a Liberdade do espírito, da emoção, do corpo físico e libertação das recordações. Estando os quatro corpos inferiores, definitivamente, purificados e harmonizados, e com isto em verdade “Libertados”, o indivíduo estará, portanto, em condições de ser um Mestre Ascensionado ao final de sua encarnação; estará LIVRE PARA SEMPRE!

Todas as Ascensionadas Legiões Celestiais ofereceram a Saint Germain seu auxílio para a solução desta gigantesca obra e Ele aceita qualquer cooperação de cada corrente de vida que está à procura de mais Luz e Liberdade.

Desde a época de Sua Ascensão, no ano de 1684, Saint Germain prepara-se para ser o Chohan do Sétimo Raio. No ano de 1786, recebeu o cargo da Bem-Amada Mestra Ascensionada Kuan Yin e, desde então, até o dia 1º de maio de 1954, Ele se dedica à preparação da imensa responsabilidade de Diretor Cósmico para o iniciado ciclo.

Este abençoado Ascensionado Mestre pede, nesta Hora Cósmica, por preces, apelos, orações, dedicação e auxílio de todos os que O amem, Ele que sempre viveu para servir a Vida. Chegou agora o Grande e propício momento para trazer à Terra Seu presente de Liberdade.

VIDEO: EU SOU A CHAMA VIOLETA ATUANDO AGORA EM MIM

LINK YOUTUBE

EU SOU a Chama Violeta atuando agora em mim.

EU SOU a Chama Violeta, só me submeto à Luz.

EU SOU a Chama Violeta, magnífico Poder Cósmico.

EU SOU a Luz de Deus brilhando a toda a hora.

EU SOU a Chama Violeta, radiante como um sol.

EU SOU o sagrado poder de Deus que a todos vai libertando.

______________________________________

EU SOU UM SER DE FOGO VIOLETA.
EU SOU A PUREZA QUE DEUS DESEJA

I AM A BEING OF VIOLET FIRE.

I AM THE PURITY GOD DESIRES.

IO SONO UN ESSERE DI FUOCO VIOLETA.

IO SONO LA PUREZZA CHE DIO DESIDERA.

YO SOY UN SER DE FUEGO VIOLETA.

YO SOY LA PUREZA QUE DIOS DESEA.

VIDEO: MUSICA SAINT GERMAIN

LINK YOUTUBE

A Força da Música Seleta

Por Saint Germain
do Livro “Regras de Ouro de Saint Germain”

A pura e boa música, acalma o mundo dos sentimentos e o tipo das melodias determina a classe dos ajudantes invisíveis que são atraídos à tua atmosfera. Por estes ajudantes invisíveis são construídas belas formas de pensamento, energias mais fortes fluem ao teu corpo e preenchem todo o teu lar.

O espírito protetor da casa e todos os seres elementais são preenchidos com estes puros sons. Quando deixares soar melodias do Fogo Violeta, como, por exemplo, as valsas de Johann Strauss ou uma melodia que contém esta vibração, atrais os Anjos do Fogo Violeta ao teu redor. O seu entusiasmo em realizar um serviço em conjunto contigo e, além disto, ao mundo, é incrivelmente grande.

Vê-te como fonte de força para todo o bem do mundo. Em íntima união com teu EU SOU dirige as poderosas forças da Chama Violeta à escuridão. Vê como a irradiação parte de ti e se multiplica e como os amados Amigos Anjos reforçam as torrentes de Chamas purificadoras e as fazem fluir sobre toda a Terra no ritmo da música…

Imagina como todo o planeta Terra é transpassado por todas as nuances da irradiação violeta. Nela, existem muitas forças. Não só a da purificação, mas também a da graça, da misericórdia, liberdade e atividade construtiva para a Nova Era. Tudo isto está contido no Fogo Violeta – e estes variados matizes passam através e em volta da Terra, colocados em movimento pelo trabalho dos alunos e reforçados pelos Amigos Anjos e Poderes da Luz.

A escuridão está cedendo, mais e mais – e as bênçãos deste trabalho serão proveitosas para cada um em particular.”

Baixe o livro “Regras de Ouro de Saint Germain”- AQUI

 

Gratidão, Amado Saint Germain!! ♥

LUZ!
STELA

 


Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – https://lecocq.wordpress.com

Via ♥ De Coração a Coração ♥: 1 DE MAIO – ASCENSÃO DE SAINT GERMAIN

A LUZ INTERIOR DE TODOS BRILHARÁ COMO UM LINDO AMANHECER…

 

minha luz

E QUANDO ESTIVEREM PRONTOS, A LUZ SURGIRÁ NO ALVORECER

 

Jesus

Jesus

Canalizado por: John Smallman

O crescimento ou evolução espiritual é o caminho da humanidade para o seu despertar, que foi estabelecida por seu Pai Celestial, no instante em que optaram por experimentar a irrealidade da separação d’Ele.

Tal estado como a separação não existe, é apenas uma invenção, uma ideia imaginária, louca que, brevemente, lhes ocorreu e com a qual escolheram concordar. Agora, parece intensamente real enquanto lutam para despertar do profundo sono em que caíram para que fossem capazes de sentir e viverem a ideia da separação.

Porque serem todos eternamente UM com Deus, é inevitável que não despertem para o estado de eterna alegria em que o Pai amoroso os criou. Mas, como já disse anteriormente, o Amor  não  impõe, Ele aceita e permite. Ele honra  suas escolhas, sejam elas quais forem e espera com infinita paciência pelo momento em que escolham recebê-Lo em seus corações.

E a chegada e o reconhecimento desse momento, é uma escolha individual que toda pessoal  fará, porque a experiência contínua da separação, embora irreal, é muito dolorosa para ser suportada indefinidamente.

Profundamente, em cada um de vocês está o saber de que a vida como ser humano é uma experiência muito temporária e irreal e que este saber  perturba seu repouso e exige uma atenção, investigação. Não existe nenhum ser humano que em algum momento não tenha profundamente considerado o significado da vida e essa ponderação leva à intensa e muito poderosa percepção de que tem que haver um significado muito mais profundo do que a simples sobrevivência como ser humano. E é claro que existe!

Frequentemente, considerando que a experiência humana parece ser tão real, quando uma pessoa descobre ou permite sentir intuitivamente o interior, sabendo que  deve  haver uma inteligência espiritual muito mais alta que sua própria inteligência humana em sua consciência, o ego, então, encoraja essa pessoa a reconhecê-la,  todavia,  a coloca de lado tal sentimento, até que esta pessoa tenham tempo para pensar sobre isso mais profundamente.

Logo em seguida, as questões diárias e distrações da vida humana reassumem sua posição “legítima” como o foco principal de suas atenções e a investigação da possibilidade de uma herança espiritual ou identidade é adiada ou esquecida,  até a próxima vez em que  uma faísca intuitiva lampejar.

Sempre  haverá uma próxima vez, simplesmente, porque esta é a Vontade de Deus e as suas, quando acordarem. Até que despertem, receberão cutucões regulares de todos nós nos reinos espirituais, sugerindo que é hora de fazê-lo. E, então,  terão  consciência de tais cutucões e responderão apropriadamente… Quando se sentirem prontos. O sentimento de prontidão é um aspecto essencial do processo de despertar de cada indivíduo, porque, tendo livre-arbítrio – um aspecto intrínseco do Amor – nunca serão empurrados ou forçados a despertar.

No entanto, você receberá uma série contínua de cutucadas, ou experimentar eventos ou lições concebidas exclusivamente com a finalidade de ajudá-los a se tornarem conscientes desses beliscões intuitivos que se destinam a orientá-los para despertar.

E quando estiverem prontos, a Luz surgirá no alvorecer. Finalmente perceberão que a única razão significativa para viver a vida como um ser humano é encontrar o caminho de volta para a Realidade, seu eterno Lar espiritual, onde permanece para sempre juntos com a Fonte, a Suprema Sabedoria e Inteligência Infinita que, para muitos de vocês é mais felizmente expressada, em termos humanos, como Mãe/Pai/Deus.

Lembre-se, porém, de que as palavras são conceitos de comunicação tão limitantes e inadequados que podem e, frequentemente, causam divisões em campos opostos de facções guerreiras que lhe trazem apenas conflito, dor e sofrimento.

E, quando  conversarem com os  outros, precisam fazer uma parada para  ouvir o que eles dizem, em vez de saltarem para a conclusão de que  já sabem  o que eles estarão lhes dizendo. Muitas vezes, intensos mal-entendidos acontecem simplesmente porque as pessoas não ouvem o que está sendo dito, ou ouvem e falham completamente em entender o que o outro deseja comunicar com suas palavras.

Para cada um de vocês, as mesmas palavras podem e muitas vezes terem significados muito diferentes, em parte devido à multiplicidade de sentimentos que estão tentando expressar através de um vocabulário severamente limitado e, em parte devido às variadas formas de linguagem corporal que sempre acompanham suas palavras.

Ao conversar com alguém, escutem com seus corações e não com seus intelectos, porque o primeiro fornece um intenso campo de energia que está em completo alinhamento com o que a outra pessoa deseja expressar, enquanto o intelecto está sempre tentando decifrar ou traduzir as palavras ouvidas num conceito lógico e racional, porque ele nunca pode compreender plenamente ou entender o significado sincero do que estiver, realmente, sendo expresso.

E é claro que o que também estou dizendo é que, diariamente, precisam  ir para dentro e visitar a Luz que é o Amor de Deus que queima constantemente em seus sagrados altares, para que possam se lembrar de viver mantendo a intenção de seres amorosos em todas as interações com outro, não importa que forma a interação seja.

São todos UM com a Fonte, todos vocês e, consequentemente, na verdade, cada interação com outro é mais uma interação com um aspecto do outro eu. Assim, amando os outros, amem e honrem-se a si mesmos e amando-se, amam e honram os outros.

Quando caírem em erro ao julgar ou culpar o seu ou outro eu, então, assim que reconhecerem que isso aconteceu, imediatamente ofereçam o perdão, pois verdadeiramente  todos os erros são apenas um outro aspecto da ilusão, e que, portanto, são totalmente  irreais!

E o perdão é apenas uma libertação da culpa que a ilusão tenta impô-los, numa tentativa inválida de envergonhar e desonrá-los, para que se esqueçam ou permaneçam inconscientes de que são valorosos seres divinos de valor infinito.

Seu amoroso irmão,
Jesus.

 


Fonte: Jesus through John | And when you are ready the Light will dawn.
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Via: Sementes das Estrelas: JESUS – “E QUANDO ESTIVEREM PRONTOS, A LUZ SURGIRÁ NO ALVORECER” – 20.04.2017

SENTIMENTOS E PENSAMENTOS SE MATERIALIZAM…

voce_e_o_que_pensa

SUA VIDA NÃO ESTÁ PERFEITA?

Mestre Saint Germain_Claudio Gianfardoni 171 x 240

SAINT GERMAIN EXPLICA O POR QUÊ

Trechos do livro: Mistérios Desvelados

 

1. Você foi criado a Imagem e Semelhança de Deus!

“É muito importante compreender plenamente que o desígnio de Deus para com cada um de Seus filhos é a abundância de todas as coisas boas e perfeitas. Ele criou a Perfeição e investiu cada um de Seus filhos exatamente com o mesmo poder. Também eles podem criar e manter Perfeição, expressar a Sabedoria de Deus sobre a Terra e tudo quanto nela existe.”

“O ser humano foi criado, originariamente, à Imagem e Semelhança de Deus. A única razão pela qual nem todos manifestam Seu Domínio e Majestade é pelo fato de não usarem sua Herança Divina – aquilo de que todo indivíduo é dotado e com que é destinado a governar seu próprio mundo. Então, não estão obedecendo à Lei do Amor, através da qual se derramam bênçãos e paz a toda Criação.”

2. A Grande Lei da Atração:

“Amor e glorificação ao Grande Eu Interior e a atenção mantida focalizada sobre a Verdade, a saúde, a liberdade, a paz, a fartura, ou qualquer outra coisa que desejardes para correto uso, trarão à manifestação para o vosso proveito e de vosso mundo – se com persistência os conservardes em vossa consciência (pensamento e sentimento). Isto é tão certo como existe uma Grande Lei de Atração Magnética no Universo”.

“A Eterna Lei da Vida é: o que pensais e sentis atraireis para o mundo da forma. Onde está vosso pensamento, aí estais, porque sois vossa própria Consciência e vos tomareis naquilo sobre que meditais”.

3. Sentimentos e Pensamentos se tornam coisas!

“Quanto mais intenso for o sentimento contido no desejo, tanto mais depressa este se realizará. Se, entretanto, alguém for tão insensato a ponto de desejar alguma coisa que possa prejudicar a outro filho de Deus, ou a qualquer outra parte de Sua Criação, então essa pessoa pagará a penalidade com discórdia e fracasso, em alguma experiência de sua vida.”

“Quando alguém permite que sua mente se demore em pensamento de ódio, condenação, concupiscência, inveja, ciúme, crítica, medo, dúvida ou desconfiança, e admite que esses sentimentos de irritação sejam gerados dentro dele, certamente terá discórdia, fracasso e infortúnios em sua mente, corpo e mundo.”

4. Para onde vai a sua atenção?

“Enquanto ele permanecer consentindo que sua atenção se prenda a tais pensamentos negativos – tenham eles por objeto nações, pessoas, lugares, condições ou coisas – está absorvendo aquelas atividades na substância de sua mente, de seu corpo e de seus negócios. De fato, ele está induzindo – forçando-as – a que entrem em sua experiência.”

“A atividade de Vida designada como sentimento, é o ponto menos resguardado da consciência humana. É a energia acumuladora, pela qual os pensamentos são impelidos para dentro da substância atômica, e assim, pensamentos se tornam coisas.”

5. Alertas!

“Advirto-vos: a necessidade de vigilância sobre o sentimento nunca será demasiadamente enfatizada, porque o controle das emoções desempenha o papel mais importante em tudo na Vida, mantendo o equilíbrio da mente, a saúde do corpo, sucesso e realização nos negócios e no círculo social do eu-pessoal de todo indivíduo. Pensamentos nunca poderão se converter em coisas, enquanto não se revestirem de sentimento.”

“O maior crime no Universo contra a Lei do Amor é a emissão quase incessante, pela humanidade, de toda espécie de sentimentos negativos e destrutivos.”

“Aquele que não quer controlar seus pensamentos e sentimentos está em mau caminho, porque todas as portas de sua consciência estão abertas de par em par às atividades desintegradoras projetadas pelas mentes e emoções de outras personalidades. Não é preciso nem força, nem sabedoria, nem treinamento, para dar passagem a impulsos malévolos e destrutivos, e os seres humanos adultos que fazem isto, não passam de crianças no desenvolvimento de seu autodomínio.”

6. Sentimentos negativos geram doenças e velhice?

“Assim como o barulho de uma súbita explosão causa um choque no sistema nervoso de quem ouve, imprimindo uma sensação de tremor na estrutura celular do corpo — exatamente do mesmo modo as labaredas do sentimento irritado chocam, perturbam e desordenam as substâncias mais finas da estrutura atômica da mente, do corpo e do ambiente da pessoa que as emite, consciente ou inconscientemente, intencionalmente ou não.”

“O Sentimento discordante é o causador das condições a que chamamos desintegração, velhice, falta de memória e qualquer outra falha no mundo da experiência humana.”[

“Manifestar pensamentos e sentimentos discordantes que brotam de si mesmo, é proceder dentro do menor esforço e constitui uma atividade habitual do indivíduo pouco desenvolvido, rebelde e obstinado, que recusa compreender a ”Lei do seu próprio Ser” e trazer sua personalidade – que é apenas instrumento de expressão – à obediência a ‘Essa Lei’.”

7. Você tem o hábito de criticar, condenar e julgar?

“O tempo que o comum das pessoas gasta criticando, condenando e censurando criaturas, condições e coisas, por não serem algo diferente do que são, se empregado nesse reconhecimento e uso da ‘Luz’, faria o Céu manifestar-se na Terra, para quem ousar experimentar e tiver determinação para perseverar.”

8. Sua mente no Comando!

Cada elétron e átomo no Universo obedece ao nosso desejo e comando, em consequência do Poder Divino pelo qual o controlamos – tendo adquirido o direito de ser seus Dirigentes.”

“Todo Desejo Construtivo é, realmente, o Próprio Deus Interior impulsionando a Perfeição a manifestar-se, para uso e proveito do eu externo.”

“A Grande Energia de Vida está fluindo através de nós, constantemente. Se a dirigirmos para realizações construtivas, Ela nos trará alegria e felicidade. Se a dirigirmos para a satisfação dos sentidos, não pode haver senão miséria como – uma Vida-Energia Impessoal.”

9. As instruções de Saint Germain:

“Conservai diante da atividade externa de vossa mente a lembrança constante de que sois ‘Vida’ — ‘Deus em Ação’ em vós mesmos e em vosso mundo. O eu-pessoal está constantemente clamando pela posse de bens materiais e poder, quando a própria Energia, mediante a qual existe, lhe é cedida pelo seu Deus Interno. A externa atividade humana pessoal não possui nem mesmo a própria pele. Até os átomos de seu corpo lhe são emprestados pela ‘Suprema Presença de Deus’ do Grande Oceano de Substância Universal.”

“Exercitai-vos em fazer voltar todo o poder e autoridade para a ‘Grande e Gloriosa Chama Divina’, que é vosso ‘Eu Real’, e a ‘Fonte’ da qual tendes recebido sempre tudo o que é bom”.

“Nada é impossível! A ‘Luz’ jamais falha.”

 

Trechos do livro: “Mistérios Desvelados”,
Ponte para a Liberdade

 


Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/10/saint-germain-sua-vida-nao-esta-perfeita.html
Fonte – Anima Mundhy

via ♥ De Coração a Coração ♥: SAINT GERMAIN – SUA VIDA NÃO ESTÁ PERFEITA?

SOBRE O MESTRE SAINT GERMAIN, CHOHAN DO RAIO VIOLETA…

 

Mestre Saint Germain

19 DE MARÇO — DIA DE SÃO JOSÉ

São José

Por: Carmen Balhestero

 

São José, O Carpinteiro, como era conhecido, era descendente de David e esposo de Maria, a mãe de Jesus. Ele passou toda a sua vida em Nazaré, e morreu quando Jesus tinha 14 anos de idade e Maria, 28. No ano 8 a. C. celebrou-se as bodas de José e Maria, que, na época tinha 13 anos de idade.

Quando o Arcanjo Gabriel, em uma visão, anunciou a Maria a concepção “não humana” de seu primogênito, José, durante muito tempo, não entendeu como uma criança nascida de uma família humana poderia ter um destino divino.

O que ele não sabia, ou melhor, não se lembrava, é que Jesus chegaria ao mundo com a mais alta Consciência Crística (essência da Consciência de Lorde Maitreya, o Cristo Cósmico) e, para nascer em corpo físico, necessitava de toda magnitude de mãe e pai.

Assim, o Plano Espiritual escolheu Maria como mãe, cuja divindade não era do reino hominal, mas sim do reino angélico, e, para pai, designou José, essênio por convicção e espírito de muita luz, que encarnou na Terra vindo de uma partícula da essência divina do Mestre Saint Germain. E foi assim que a família formada por Jesus, Maria e José, na realidade uma família cósmica, ficou conhecida como a “Família Sagrada”, e São José, como o “Padroeiro da Família”.

SOBRE O MESTRE SAINT GERMAIN

Sua origem verdadeira é desconhecida. Ele apareceu nos séculos XVIII e XIX em Milão, Gênova, Veneza, Paris, Londres, São Petesburgo, como também na Índia, China, África e Rússia.

Usava entre outros, o título de Príncipe Leopoldo Jorge Rakoczi, porém só o usou quando não mais existia ninguém da família. Filho do último soberano da Transilvânia, o Príncipe Franz Leopold, e da Princesa Carlota Amélia, apenas com 4 anos de idade é enviado a Florença, sob a tutela e proteção dos Médicis, devido à perseguição de Carlos XI. Já na França, amigo de Luiz XV, desfrutava da amizade e confiança do Rei, frequentando habitualmente a corte.

Talvez tenha sido um dos maiores filósofos que já tenha existido, sempre muito preocupado com o rumo da humanidade. Amigo dos animais, não comia carne e nem bebia vinho. Muito elegante, apesar de vestir-se com simplicidade, desejava apenas o dinheiro que pudesse distribuir aos pobres, porém a sua extravagância máxima eram os melhores brilhantes que carregava em sua caixa de tabaco, no relógio e nas fivelas.

Alquimista, místico, químico, físico, falava inglês, francês, alemão, espanhol e português sem sotaque, além de outros idiomas, inclusive línguas mortas. Além de tocar canções populares e concertos com vários instrumentos musicais com excelência, de preferência violino, compunha peças musicais (algumas peças de 1745 e 1760 estão no Museu Britânico) e pintava maravilhosamente bem, mas o que tornava suas pinturas a óleo notáveis eram as cores e os brilhos, cuja técnica ele mantinha segredo.

Com muita habilidade, podia repetir peças filosóficas inteiras, depois de as ter ouvido apenas uma vez, e também escrevia simultaneamente com as duas mãos em folhas separadas sem que se pudesse distinguir uma da outra.

Os grandes Mestres Ascensionados não chegam a reencarnar por completo. Emprestam parte de sua essência a várias emanações de vida, vivendo inclusive na mesma época. Veem com seu corpo de Luz, executando conscientemente suas obras. Mestre Saint Germain, antes de ascensionar encarnou não só como São José, mas por diversas vezes na Terra.

Ele foi:

Sacerdote das Chamas nos Templos da Atlântida — As Chamas eram conhecidas, invocadas e utilizadas apenas pelos Sacerdotes, e todas as curas eram realizadas pela Chama Violeta.

Profeta Samuel — Juiz das Doze Tribos de Israel.

Albano (século IV) — Considerado o primeiro mártir das Ilhas Britânicas; até hoje, na Inglaterra, comemora-se, em 17 de junho, o dia de Santo Albano.

Proclus (século V) — Filósofo grego neoplatonista, diz-se que Proclus recebeu ensinamentos diretos da Deusa Minerva para reforçar a ideia do Todo-Uno e que foi o primeiro a falar em ecumenismo.

Merlin (século VI) — Sacerdote, mago, vidente, amigo e conselheiro do Rei Arthur, da Távola Redonda. Conta a lenda que era filho de uma bela fada e do herdeiro do trono, cujo rosto nunca viu, em uma trama angélica para gerar um ser iluminado. Foi cúmplice de Morgana, a fada, para introduzir a energia feminina no império.

Roger Bacon (1222-1292) — Filósofo inglês e grande estudioso de ciências naturais, matemática e idiomas clássicos. Naquela época, dedicar-se às ciências era aproximar-se da alquimia, da magia, por isso seus escritos foram proibidos. Roger Bacon produziu uma enciclopédia com todos os conhecimentos contemporâneos e futuros, e o Papa Clemente VI, seu amigo, interessou-se pela obra e incentivou-o a criar outras ainda mais arrojadas. Porém, quando o Clemente VI faleceu, suas obras voltaram a ser proibidas e ele foi preso durante 14 anos pelos franciscanos, ordem da qual fazia parte. Roger Bacon anteviu a importância das lentes convexas para o microscópio e o telescópio, predisse as várias consequências do uso da pólvora, os navios de propulsão mecânica e a possibilidade de se por em voo engenhos mais pesados que o ar. Tratou também de problemas de uma viagem de circum-navegação.

Cristóvão Colombo (1451-1506) — Navegador genovês, que, quando descobriu a América, tinha apenas alguma prática com navios negreiros, mas muita intuição. Foi uma viagem difícil, com caravelas deficientes e 90 marujos de antecedentes duvidosos. Sabe-se que ele foi amplamente influenciado pelas obras de Roger Bacon.

Leonardo da Vinci (1452-1514) — Pintor, escultor, engenheiro, arquiteto, cientista e inventor italiano, foi considerado “O Mensageiro da Luz”, em razão de suas pinturas espelharem dimensão e profundidade próprias de uma mente superior dentro do rol Revista da PAX de gênios a que fazia parte. Tão dotado para a investigação científica quanto para as artes, tão apaixonado pela pesquisa intelectual quanto observador dos fenômenos naturais, seus inúmeros cadernos de desenhos são associados a textos que alternam precisão e força visionária (Larousse).

Francis Bacon (1561-1626) — Filósofo inglês, estadista e ensaísta, aos 23 anos já era membro do Parlamento. Suas obras são de cunho jurídico e filosófico-científico. Delas, a mais conhecida é Ensaios, considerada de grande sabedoria. Seu método de ensino de fenômenos era indutivo. Ele reativou as escolas iniciáticas e foi considerado pioneiro imortal no campo científico. Por todo o seu trabalho era em prol da humanidade, recebeu o título de Visconde de Santo Albano.

William Shakespeare (1564-1616) — O maior dramaturgo e poeta inglês, famoso por sua obra, mas de cuja vida pouco se sabe. Os escassos documentos de sua biografia não merecem muito crédito. Suas obras, porém, falam por si; nelas se transcende a ideia da salvação e da busca da perfeição, o que parece confirmar sua vinculação esotérica, tanto que elas são representadas constantemente, sendo motivo de glória para qualquer ator. Há uma corrente que atribui a autoria das obras de Shakespeare a Francis Bacon, mas nada se pode afirmar. Quem sabe? Na verdade, o que se percebe claramente é a cumplicidade e as “coincidências” entre todas as encarnações e a evolução de Saint Germain até alcançar a Ascensão.

A Ascensão do Mestre Saint Germain ocorreu no ano de 1684, e desde então ele se preparou para tornar-se Chohan (Autoridade Cósmica regente) do Sétimo Raio Cósmico até o ano de 1786, quando recebeu o cargo passado por Mãe Kwain-yin e a responsabilidade da transmissão da poderosa Chama Violeta. Sua dedicação e amor foram tão grandes, que em 1954 foi-lhe confiado o cargo de Diretor Cósmico a reger o Planeta nos próximos 2 mil anos, a Era de Aquarius O Sétimo Raio Cósmico é encarregado de trazer a Liberdade no presente ciclo para o homem, o anjo e o elemental.

É a libertação do espírito, das emoções, do corpo físico, da lei de causa e efeito, ou seja a purificação dos quatro corpos inferiores (físico, mental, emocional e espiritual), a transmutação de todos carmas negativos na preparação da Ascensão de todos os seres. Essa causa maior é representada pelo seu símbolo ou modelo eletrônico, que é a Cruz de Malta, que atrai as irradiações do Fogo Sagrado (Espírito Santo) e ancorado no Planeta Terra para a transmutação de todos carmas negativos da humanidade através da poderosa Chama Violeta, que é uma forte corrente de energia que dissolve as imperfeições, transformando-as em energias qualificadas e recarregadas de luz, amor, compaixão e misericórdia, afastando assim as causas negativas criadas pela mente e pela ação dos homens.

Exercícios rápidos com a Chama Violeta para transmutar qualquer situação:

• Visualize uma plataforma de Luz Violeta sob os seus pés. Respire profundamente várias vezes, sentindo que essa luz penetra lentamente pelas suas pernas, tronco, braços e cabeça e se expande além dos limites do seu corpo.

• Visualize uma espiral de Luz Violeta à sua frente. Essa espiral de luz gira, gira, gira cada vez mais forte em sentido anti-horário. Mentalmente, dê um passo e entre nessa espiral, que rapidamente transmutará suas energias mal qualificadas.

• Concentre-se em seu coração físico. Sinta seu pulsar. Imagine, agora, que o seu coração se transforma em um sol violeta que irradia raios para todos os lados. Permita que o seu sol violeta se expanda, se expanda, se expanda cada vez mais, tornando-se maior que seu corpo físico, e deixe que seus raios penetrem nas pessoas ou nos locais que necessitam de um maior equilíbrio.

• Inspire e expire profundamente várias vezes de olhos fechados. A cada inspiração, imagine que seus olhos vão se preenchendo de Luz Violeta. Então, abra os olhos e irradie essa luz para o local de seu corpo que estiver desarmonizado, para alguém que estiver precisando, para algum local específico ou, simplesmente, para o Planeta Terra.

• Feche os olhos. Inspire e expire com tranquilidade. Abra as suas mãos, com as palmas voltadas para cima, e capte as energias da Chama Violeta vindas da Sétima Esfera de Luz. Assim que sentir que suas mãos captaram as energias, permaneça com a mão esquerda na mesma posição, isto é, captando energia, e, com a mão direita, transmita-a ao local ou à pessoa que estiver precisando dela.

• Em exercícios de captação de energia, é importante lembrar que captamos energia com o lado esquerdo e a doamos com o lado direito.

• Visualize um aposento com a porta fechada. Inspire e expire com tranquilidade. Então, abra a porta e, com os olhos da mente, veja o interior do aposento repleto de Luz Violeta. Entre, caminhe pelo local e depois saia, fechando a porta.

• Ao tomar banho, feche os olhos e imagine que a água é Luz Violeta, e que esta, ao tocar seu corpo, purifica-o interna e externamente.


Fonte: Revista ERA DA LUZ 3Ed.Janeiro/Março/2015

Via: Fraternidade PAX Universal-Online | Sexta, 17 de março de 2017

AS EVIDÊNCIAS DE QUE JESUS ERA ESSÊNIO (Parte 2)

From Images of Jesus by Sarah Thompson

O QUE É A VERDADE?

Capitulo 90 do Evangelho dos Doze Santos ou Doze Apóstolos:

1. Novamente os doze juntaram-se no círculo das palmeiras, e um deles Tomás disse para outro, o que é Verdade? Pois algumas coisas parecem diferentes para mentes diferentes, e mesmo para a mesma mente em tempos diferentes. O que é então, a Verdade?

2. E enquanto eles iam falando Jesus apareceu no meio deles e disse, Verdade, uma e absoluta, está em Deus somente, porque nenhum homem, nem nenhum corpo de homem, sabe aquilo que só Deus unicamente sabe, o qual é Tudo em Todos. Aos homens é a Verdade revelada, de acordo com as suas capacidades de entendimento e de receber.

3. A Verdade única tem muitas faces, uma pessoa vê um lado apenas, um outro vê outro, e alguns vêem mais do que outros, de acordo com o que lhes foi dado.

4. Reparem neste cristal: como uma só luz se manifesta em doze faces, sim quatro vezes doze, e cada face reflete um raio de luz, e uma pessoa vê uma face e outra vê uma outra, mas é só um cristal e uma só luz que brilha em todas.

5. Reparem de novo, quando alguém sobe uma montanha e alcança o cume, ele diz, aquilo é o topo da montanha, vamos alcançá-lo, e quando eles o alcançam, oh, eles veem um outro mais adiante, que antes de alcançar o cume não era visto, só possível depois de o alcançarem.

6. Assim é com a Verdade. Eu Sou a Verdade o Caminho e a Vida, e dei-vos a Verdade que recebi do Alto. E a qual foi vista e recebida por um, e não foi vista e recebida por outro. Aquela que pareceu verdadeira para alguns, e que pareceu falsa para outros. Aqueles que estão no vale não veem como aqueles que estão no topo da montanha.

7. Mas para cada um, é a Verdade tal como a sua mente a vê, e em cada tempo, a mais alta Verdade tem sido revelada da mesma forma: e à alma que recebe a Luz mais alta, ser-lhe-á dada mais Luz. Em qualquer caso não condenem os outros, para que vós próprios não sejais condenados.

8. Tal como mantiverem a sagrada Lei do Amor, a qual eu vos trouxe, assim será a Verdade revelada mais e mais a vós, e o Espírito da Verdade o qual vem do Alto guiar-vos-á, até e através de muitas maravilhas, por todas as Verdades, mesmo como uma nuvem de fogo guiou as crianças de Israel através do deserto.

9. Mantenham a fé na Luz que têm, até que luz mais alta vos seja dada. Procurem mais luz, e tê-la-ão em abundância, não descansem, até que a encontrem.

10. Deus deu-vos toda a Verdade, como uma escada com muitos degraus, para a salvação e perfeição da alma, e a verdade que vos faz sentido hoje, abandoná-la-ás pela mais alta verdade amanhã, elevando-vos até à Perfeição.

11. Quem quer que mantiver a sagrada Lei que tenho dado, os mesmos salvarão a sua alma, independentemente da forma como vejam a verdade que eu lhes trouxe.

12. Muitos dirão para mim, Senhor, Senhor, nós temos sido zelosos da verdade. Mas Eu dir-lhes-ei, não, mas, esses outros poderão ver como vós vedes, e nenhuma verdade alem dessa. Fé sem caridade é morte. Amor é o cumprimento da Lei.

13. De que forma a fé naquilo que eles recebem os impulsionará no caminho certo? Aqueles que têm amor, têm todas as coisas, e sem amor não há nada que prospere. Deixem cada um praticar aquilo que eles entendem ser a verdade em amor, sabendo que onde não há amor, a verdade é letra morta e nada aproveita.

14. Nele reside a Bondade, a Verdade, e a Beleza, mas a maior delas é a Bondade. Se alguém tem ódio para com o seu próximo, e endurece o seu coração para as criaturas que estão nas mãos de Deus, como poderá ele ver a Verdade que salva; vendo os seus olhos estão cegos e os seus corações estão endurecidos para a criação de Deus.

15. Tal como Eu recebi a Verdade, assim vo-la dei. Deixem a cada recebê-la de acordo com a sua luz e habilidade para entender, e não persigam aquele que a recebe com uma diferente interpretação.

16. A Verdade é a Vontade de Deus, e ela prevalecerá no fim de todos os erros. Mas a sagrada Lei que Eu vos dei é clara para todos, e justa e boa. Deixem a todos observá-la para salvação das suas almas.

Voltar à página anterior

Pesquisa e elaboração de

Rui Palmela 


 

Origem: NOVA ERA
Adaptação: Cida Pereira

Via: NOVA ERA-ALVORECER | O QUE É A VERDADE?

AS EVIDÊNCIAS DE QUE JESUS ERA ESSÊNIO…

From Images of Jesus by Sarah Thompson

JESUS E OS ESSÊNIOS

Por: Rui Palmela 

 

Em 1947 foram descobertos uns manuscritos com mais de 2000 anos que se crê terem sido escritos pelos Essênios que  eram um povo humilde, de grande conhecimento, originário do Egito, que formavam um grupo de Judeus que abandonaram as cidades e rumaram para o deserto, passando a viver às margens do Mar Morto. Foram uma das três principais seitas religiosas da Palestina (Saduceus, Fariseus e Essênios) e acreditava-se que Jesus foi membro do grupo do norte que se concentrava ao redor do Monte Carmelo, como de resto o tinha sido seu primo João Baptista.

Um dos seus redutos era Nazaré e por isso eram conhecidos também por “os Nazarenos” e seus membros vestiam-se todos de branco, fazendo uma vida simples, de serviço e entrega a Deus, seguindo uma dieta estritamente vegetariana.

Existe mesmo um Manuscrito encontrado nos arquivos do Vaticano em 1923, pelo húngaro Edmond Szekely que obteve permissão para pesquisar os arquivos secretos à procura de livros que teriam influenciado São Francisco de Assis, que confirmam este fato. Szekely vagueou pelos mais de 40 quilômetros de estantes com pergaminhos e papiros milenares e manuscritos originais de muitos santos e apóstolos condenados a permanecer escondidos para sempre. De todas as raridades viu uma obra que lhe chamou a atenção. Era o Evangelho Essênio da Paz. O livro teria sido escrito pelo apóstolo João e narrava passagens desconhecidas na Bíblia sobre a vida de Jesus Cristo. Ele traduziu o texto e o publicou em quatro volumes. A Igreja sentindo-se traída pelo pesquisador, excomungou-o.

  Mas foi em 1880 que o reverendo inglês Gideon Ouseley achou um manuscrito chamado O “Evangelho dos Doze Santos” num monastério budista na índia, escrito em aramaico – a língua que Jesus falava – que teria sido levado para o Oriente por essênios refugiados. Nessa versão desconhecida do Novo Testamento se revela mesmo um Jesus que defendia a crença na  Reencarnação e era vegetariano, pois condenava o próprio morticínio de animais dizendo o seguinte:

“Vim para abolir as festas sangrentas e os sacrifícios, e se não cessais de sacrificar e comer carne e sangue dos animais, a ira de Deus não terminará de persegui-los, como também perseguiu a vossos antepassados no deserto, que se dedicaram a comer carne e que foram eliminados por epidemias e pestes”. (capítulo 21)

E mais acrescentava:

“Na verdade eu vos digo que aqueles que partilham dos benefícios obtidos praticando atos contra uma das criaturas de Deus não podem ser íntegros, nem podem aqueles cujas mãos estejam manchadas de sangue, ou cujas bocas estejam contaminadas pela carne…” (capítulo 38)

Mais se afirma nesse mesmo Evangelho que “as aves se reuniam ao seu redor (de Jesus) e lhes davam as boas-vindas com seu canto e outras criaturas vivas se postavam aos seus pés e ele as alimentava com suas mãos”…

Talvez todo este conhecimento tenha chegado a Francisco de Assis e o tenha inspirado na sua vida, pois que amava todas as criaturas, tratando todos os animais por irmãos, e também era vegetariano, respeitando a vida de todos os seres da Criação.

Os Essênios acreditavam na santidade e unidade da vida e muitas passagens do evangelho essênio referem-se à doutrina do amor incondicional a Deus, à Humanidade e a todas as criaturas e seres viventes. Vale a pena ler o capitulo 90 onde Jesus fala sobre o que é a Verdade. Clicar aqui.

Por fim, em 1970 um ‘pesquisador’ inglês, de nome John Allegro,  pretendia desmistificar a existência de Jesus dizendo que não passava tudo de uma invenção ou alucinação coletiva causada pela ingestão de cogumelos. As suas afirmações estapafúrdias caíram no ridículo e muitos cientistas até o censuraram, pois já haviam provas irrefutáveis sobre a existência de Jesus que o historiador romano Flávio Josefo referia em seus escritos, e mais ainda os Manuscritos encontrados nas cavernas de Qumram onde estavam escondidos dentro de jarros de barro, falando da vida Jesus Cristo. Foi de resto o maior achado arqueológico da história da Humanidade sobre aspectos bíblicos que se desconheciam ou estavam omissos até hoje.

Na foto abaixo se vê o local onde foram encontrados acidentalmente os Manuscritos por um pastor beduíno, chamado Muhammad Dib, da tribo dos Tamires, que saiu à procura de uma cabra desgarrada que tinha desaparecido do seu rebanho e se perdera entre as rochas. Não foi por acaso naturalmente. Ele foi atraído ao local daquele modo e descobriu uma caverna onde começaria todo o achado do grande  ‘tesouro’ mantido ali por mais de dois milénios até ser descoberto a meio do século XX.

Por fim, o Papa emérito Bento XVI estabeleceu no dia 5-4-2007 uma relação entre Jesus e os Essênios, na sua homilia na “Missa da Santa Ceia” realizada na basílica romana de S. João de Latrão, referindo-se aos Manuscritos de Qumran (ou Manuscritos do Mar Morto).

Pesquisa e elaboração de

Rui Palmela 


 

Origem: NOVA ERA
Adaptação: Cida Pereira

Via: NOVA ERA-ALVORECER | OS ESSÉNIOS E JESUS

A GRANDE FRATERNIDADE BRANCA E A CHAMA VIOLETA…

grande-fraternidade-branca_mestres-dos-sete-raios

GRANDE FRATERNIDADE BRANCA

 Summit Lighthouse do Brasil

A Grande Fraternidade Branca é uma ordem espiritual de santos do Ocidente e de adeptos do Oriente, que se reuniram ao Espírito de Deus. Eles transcenderam os ciclos de carma e renascimento e ascenderam para essa realidade superior, que é a eterna morada da alma.

Os Mestres Ascensos da Grande Fraternidade Branca, unidos para as metas mais elevadas, têm se dedicado em todas as eras e em todas as culturas e religiões, para inspirar as realizações criativas na educação, nas artes e nas ciências.

É importante destacar que a palavra “branca” não se refere à raça, mas à aura de luz branca que circunda esses seres.

Os Sete Raios

Os raios referem-se à vibrações e qualidades divinas compreendidas a partir de sete princípios espirituais. Nesse sentido, a palavra raio deve ser assimilada com o mesmo significado da palavra luz. A luz branca, que representa a emanação de Deus, se divide em sete raios coloridos. Cada feixe de luz, isto é, cada raio, com sua cor específica, revela determinado aspecto do Criador. Quando o ser humano consegue alcançar a mestria em todos os raios, é dado um passo grandioso em direção ao processo de ascensão.

Obra Recomendada: Senhores dos Sete Raios

Primeiro Raio

Vibrações: Azul e branca
Qualidades: Poder, boa vontade e fé
Dons: Fé na Vontade de Deus e Palavra de Sabedoria

Segundo Raio

Vibrações: Amarelo e ouro
Qualidades: Sabedoria, compreensão e julgamento
Dons: Palavra de Sabedoria e Palavra de Conhecimento

Terceiro Raio

Vibração: Cor-de-rosa
Qualidades: Amor, criatividade e beleza
Dom: Discernimento de Espíritos

Quarto Raio

Vibrações: Branco e cristal
Qualidades: Pureza, disciplina e alegria
Dom: Realização de Milagres

Quinto Raio

Vibrações: Verde e Dourado
Qualidades: Verdade, ciência e visão
Dom: Cura

Sexto Raio

Vibrações: Púrpura, dourado metálico e rubi
Qualidades: Paz, serviço e fraternidade
Dons: Variedades de Línguas e Interpretação de Línguas

Sétimo Raio

Vibrações: Violeta, púrpura, cor-de-rosa, verde-água e azul-piscina
Qualidades: Liberdade, alquimia e justiça
Dons: Profecia e Realização de Milagres

“Os sete centros existentes no vosso ser destinam-se à liberação da energia de Deus. A percepção que Deus tem de Si próprio como amor está ancorada no seu Chakra do coração. A percepção que Deus tem de Si como poder está ancorada no seu Chakra da garganta, na autoridade da palavra. A percepção que Deus tem de Si como visão está ancorada no seu Chakra do terceiro olho. A percepção de Deus como sabedoria está ancorada no seu Chakra da coroa. A percepção que Deus tem de Si como paz está ancorada no plexo solar. A percepção que Deus tem de Si como liberdade está no Chakra da alma. E a percepção que Deus tem de Si como pureza esta no Chakra da base.”, trecho extraído do livro O Fortalecimento da Aura.

A Hierarquia

Os Três Reinos

Os sete Poderosos Elohim, mais os quatro seres da natureza, suas consortes e os elementais construtores da forma representam o poder do Pai, como o criador (o raio azul).

Os sete Arcanjos e seus complementos divinos, os grandes serafins, querubins e todas as hostes angélicas representam o amor de Deus na intensidade ígnea do Espírito Santo (o raio rosa).

Os sete Chohans dos Raios, com todos os Mestres Ascensos e os filhos e filhas de Deus não ascensos, representam a sabedoria da Lei do Logos sob a proteção do Filho (o raio amarelo).
Elohim, Arcanjos, os Sete Chohans e os Mestres Ascensos trabalham constantemente em equilíbrio, formando assim Os Três Reinos.

Elohim e Elementais

A palavra “Elohim” é plural do hebraico ‘Eloah’ que significa Deus. Pode ser traduzido também como ‘o Ser Poderoso’ ou ‘Ser Forte’.

Elohim é um substantivo que se refere às chamas gêmeas da Divindade, que por sua vez compõe o ‘Nós Divino’. Correspondem aos ‘sete Espíritos de Deus’ mencionados no Apocalipse, bem como as ‘estrelas da manhã’ que cantavam com Deus no começo, quando o SENHOR revelou sua existência a Jó.

Os sete Poderosos Elohim e suas chamas gêmeas são os construtores da forma de tudo o que vemos e têm sob a sua direção ‘as quatro Forças Cósmicas’, que detém o domínio sobre os elementais – gnomos, salamandras, sílfides e ondinas.

Os sete Elohim, suas chamas gêmeas e os raios a que pertencem são:

Hércules e Amazônia, primeiro raio
Apolo e Lúmina, segundo raio
Eros e Amora, terceiro raio
Astrea e Pureza, quarto raio
Cyclopea e Virginia, quinto raio
Paz e Aloha, sexto raio
Arcturus e Vitória, sétimo raio

Arcanjos e Anjos

O que ou quem são os anjos? Eles são uma extensão de Deus, criados para ser um elo de ligação entre nós e Ele, para nos servir e assistir. São o Amor em ação. Amplificam as energias e os sentimentos de Deus. São os nossos maiores amigos, pois são enviados para consolar, proteger, guiar, fortalecer, ensinar, aconselhar e alertar todos os filhos e filhas do Altíssimo. Existem tipos e ordens de anjos que realizam serviços específicos na Hierarquia Cósmica, tais como os Serafins, os Querubins e Anjos Deva, que servem com os espíritos da natureza e os elementais do fogo, do ar, da água e da terra.

Os Arcanjos são hierarcas das Hostes Angélicas, posto mais elevado nas ordens dos anjos. Anjo que passou com êxito em iniciações mais avançadas que o qualificam para comandar anjos menores e legiões angélicas. São em número de sete. Três deles são citados na Bíblia: Miguel, Rafael e Gabriel.
arcanjo
Os Serafins
são uma ordem de anjos que concentra a Chama da Pureza e a Consciência da Pureza diante do trono de Deus. São anjos de uma enorme majestade e poder. Seu trabalho é cuidar, purificar e corrigir os nossos quatro corpos inferiores para a aceleração da nossa consciência e Progresso Espiritual. São descritos como tendo 6 asas: 2 cobrem o rosto (perante a glória do Senhor), 2 cobrem os pés (em reverência perante o Senhor) e com 2 voam.

Os Querubins
são membros de uma ordem de seres angélicos dedicados à expansão e proteção da Chama do Amor, empunham a espada e o julgamento do Raio Rubi e do Espírito Santo. Ezequiel descreve-os como seres de 4 asas e 4 faces.

Os Arcanjos, além de serem os capitães da hostes angélicas, são os principais hierarcas do reino angélico. Veja abaixo a correlação dos arcanjos segundo os raios a que pertencem:

Arcanjo Miguel e Fé, primeiro raio
Arcanjo Jofiel e Cristina, segundo raio
Arcanjo Chamuel e Caridade, terceiro raio
Arcanjo Gabriel e Esperança, quarto raio
Arcanjo Rafael e Mãe Maria, a Nossa Senhora, quinto raio
Arcanjo Uriel e Aurora, sexto raio
Arcanjo Zadkiel e Santa Ametista, sétimo raio

Chohans

Chohan é um termo usado com o significado de “Senhor” ou “Mestre”. É um título a ser tratado com honra e respeito. Os sete Chohans dos raios são especialistas na aplicação das qualidades do raio que presidem, pois atingiram essa mestria após muitas encarnações na Terra. Essa é a razão pela qual precisamos dos seus ensinamentos para alcançar a mesma mestria e um dia nos tornarmos Mestres e Mestras Ascensas. Os sete Chohans e os seus raios são: El Morya no primeiro raio da Vontade Divina, Lanto no segundo raio da iluminação; Paulo Veneziano no terceiro raio do amor; Serapis Bey no quarto raio da pureza; Hilarion no quinto raio da cura e da abundância; Nada no sexto raio da paz, e Saint Germain no sétimo raio da liberdade. O Maha Chohan, ou “Grande Senhor”, é líder dos sete Chohans.

El Morya
Senhor Lanto
Paulo Veneziano
Serápis Bey
Hilarion
Mestra Nada
Saint Germain
Maha Chohan

Mestres Ascensos

Mestre ascenso é todo aquele que, por meio do Cristo e revestindo-se da Mente que estava em Cristo Jesus, dominou o tempo e o espaço e, nesse processo, adquiriu o controle da personalidade nos quatro corpos inferiores e nos quatro quadrantes da Matéria, nos chakras e na Chama Trina equilibrada. Um Mestre Ascenso também transmutou pelo menos 51% do seu carma, cumpriu o seu plano divino, e recebeu as iniciações do Raio Rubi para o ritual da ascensão – a aceleração pelo fogo sagrado até a Presença do EU SOU O QUE EU SOU. Habitando os planos do Espírito, o reino de Deus, pode ensinar almas que ainda não alcançaram a ascensão em um retiro etérico ou nas cidades do plano etérico.

Um Mestre Ascenso caminha e fala com Deus por meio de sua poderosa Presença do EU SOU, sendo um só com ela. Tornou-se a essência do amor divino e o concede a todas as criaturas.

Sendo verdadeiros instrutores da humanidade, dirigem a evolução espiritual de todos os devotos de Deus e guiam-nos de volta à origem. Os Mestres Ascensos e alguns dos seus discípulos não ascensos fazem parte da fraternidade espiritual conhecida como Grande Fraternidade Branca. Como individualização da chama divina, cada membro dessa Fraternidade manifesta um aspecto único da chama da vida, que é Deus.

Outros Mestres Ascensos

Apesar de termos naturalmente algumas preferências e de sentirmo-nos atraídos por um ou dois mestres, precisamos desenvolver um certo nível de mestria em cada um dos sete raios para fazermos a ascensão. Assim, é uma grande oportunidade estudarmos a vida de outros Mestres Ascensos, que também trabalham nos raios, para aprendermos dessa forma como eles alcançaram determinada mestria.

Afra
Clara Louise
Cinco Budas Dhyani
Kristine
Gautama
Igor
Jesus
Kuan Yin
Kuthumi
Maitreya
Manjushri
Pallas Athena


Chama Violeta

 Summit Lighthouse do Brasil

chama_violetaA Chama Violeta é uma energia espiritual capaz de consumir vibrações negativas, libertando a energia divina aprisionada em nossos registros cármicos, em matrizes que construímos com base no mundo material. Quando essas energias aprisionadas em matrizes imperfeitas são libertadas, retornam a sua fonte original, ao nosso corpo causal.

A Chama Violeta é o fogo do Espírito Santo que contém as qualidades do perdão, da misericórdia, da alquimia, da transmutação e da liberdade.

O ensinamento sobre a Chama Violeta não é algo novo, criado recentemente. Ela sempre existiu e foi utilizada pela Grande Fraternidade Branca por milhares e milhares de anos. As civilizações da Lemúria e da Atlântida já faziam uso dela, mas, devido aos abusos que fizeram das leis sagradas, esse conhecimento foi retirado do planeta por decisão do Conselho Cósmico.

Saint Germain dirigiu-se ao Conselho Cósmico, pedindo que esse conhecimento fosse novamente disponibilizado para a humanidade. Após ceder parte da luz que acumulou em seu corpo causal, Saint Germain foi autorizado pelo Conselho Cósmico a revelar e divulgar o conhecimento e a aplicação da Chama Violeta. Além de ser o hierarca da era de Aquário e o seu patrocinador, ele também é o Chohan (Senhor) do Sétimo Raio.

O Arcanjo Zadkiel e a Arqueia Santa Ametista, como hierarcas do reino angélico, e os Elohim Arcturus e Vitória, como hierarcas do reino elemental, e outros mestres compõem a hierarquia celeste que trabalha com a energia da Chama Violeta.

Nossa Senhora, em 11 de maio de 1987, disse o seguinte: “Se dezenas de milhares de pessoas fizessem a Chama Violeta diariamente, posso garantir que a mudança na Terra seria tão extraordinária que não apenas perguntaríeis para onde tinham ido os problemas, como até os esqueceríeis”.

FIAT DA CHAMA VIOLETA

EU SOU UM SER DE FOGO VIOLETA!
EU SOU A PUREZA QUE DEUS DESEJA!

Nove passos para pôr a Chama Violeta em ação na sua vida
Decretos com Visualização


Fonte: Summit Lighthouse do Brasil

Via: Summit Lighthouse do Brasil | GRANDE FRATERNIDADE BRANCA | Os Sete Raios
Via: Summit Lighthouse do Brasil | GRANDE FRATERNIDADE BRANCA | A Hierarquia
Via: Summit Lighthouse do Brasil | Chama Violeta

AS CAUSAS ENERGÉTICAS E ESPIRITUAIS DA OBESIDADE…

obesita7

Saint Germain – fala sobre a obesidade

Mestre Saint Germain_Claudio Gianfardoni

Mensagem canalizada por: Luciana Attorresi
em 29 de agosto 2015

 

Saudações meus queridos.

Hoje eu quero tratar de um assunto que é muito importante para maioria da população deste planeta, a parte estética do corpo.

Quero começar dizendo que o corpo é uma “máquina” perfeita e que não precisa de nada para “funcionar melhor” pois a perfeição já está no DNA, mesmo que esse tenha sido manipulado a milhares de anos, mesmo assim, quem o manipulou, não conseguiu tirar dele a perfeição, pois ela é intrínseca no núcleo de cada célula.

Quando vocês olham para os vossos corpos, na verdade vocês não estão vendo pele, cabelo, gordura, etc., vocês estão vendo uma coletânea de acontecimentos em forma de vaso terreno.

Todo o vosso corpo reflete as vossas escolhas, ele não é resultado unicamente do que se come, ele é resultado de 10% do que se come e 90% das reações das vossas escolhas.

As doenças de nascença por exemplo, são o resultado da escolha de experienciar viver naquela condição e então, transcendê-la, e as vezes essa transcendência não é a cura, mas sim um convívio harmonioso com a situação em questão.

Qualquer antropólogo vai concordar comigo quando digo que, cada época da história humana tem um tipo de epidemia diferente, e isso acontece não porquê existe um vírus ou uma bactéria ” à Solta ” causando tudo isso, essa é uma mentira que foi contada tantas vezes que hoje vocês a enxergam como verdade.

O corpo humano é capaz de combater qualquer corpo estranho que entrar nele.

As epidemias acontecem primeiramente porque existe um grande número de pessoas que estão passando por situações parecidas e que estão tendo também escolhas parecidas, então elas ficam doente da mesma coisa, e logo que isso acontece, todos começam a ficar com medo de ficar doente, escolhem focar na doença em questão e em um período muito curto, existem milhares e milhares de pessoas contagiadas com a mesma doença.

A maioria das bactérias e vírus que a medicina diz que existe, realmente existe, mas eles sozinhos não poderiam adoecer uma pessoa, a não ser que essa pessoa desse a permissão energética, ou seja, estar em baixa frequência, para que a doença se instale, para que o corpo não seja capaz de neutralizar o vírus ou bactéria .

Por exemplo, em uma sala de espera cheia de pessoas, existem milhares de vírus e bactérias em circulação, por que algumas pessoas ficam doentes e outras não ?

Por causa da permissão energética!

Mas no momento, existe em curso uma epidemia que não é causada nem por vírus e nem por bactérias, é a obesidade.

A obesidade não é uma doença comum, ela é o reflexo de uma memória celular que começou a ser impressa na humanidade há muitas vidas atrás, e hoje, ela tem um ambiente propício para crescer e se propagar.

Há muitos e muitos séculos atrás, ou seja, há muitas vidas atrás, a maioria da população teve experiências muito duras, onde a comida era escassa e onde quem tinha dinheiro e explorava a população, tinham tanta comida em casa que podiam se dar ao luxo de jogar os restos para alimentar os animais.

Então por várias e várias vidas vocês tiveram um relacionamento muito difícil com alimento, ele era sinônimo de sofrimento.

Mesmo para aqueles que tinham alimento de sobra em casa, tinham problemas, pois essas “pessoas ricas” se sentiam em culpa por terem o que comer e os outros não, e por isso engordavam.

As “pessoas pobres” gravaram nas suas memórias celulares que, quem tinha dinheiro e poder eram gordos.

Essa memória foi sendo alimentada até causar a epidemia que se vê hoje.

Até o início do século passado, as pessoas eram magras, pois ainda se sentiam impotentes e sentiam que deveriam ficar caladas nas suas casas, enquanto quem tinha poder e dinheiro, poderia mandar e desmandar na cidade ou no país.

Mas com o avanço do plano Divino, de libertação para Gaia e para humanidade, as pessoas começaram a se rebelar contra a então “burguesia” – esse nome também foi dado pela memória celular – e foi quando a epidemia começou, as pessoas começaram a acreditar que poderiam pensar e agir diferente do que o governo ou a igreja queriam que eles pensassem, e em apenas algumas décadas, a obesidade estava instalada na sociedade, pois cada um consciente e inconscientemente , desejava expressar o seu poder em forma de consumo e alimentação.

Mas para você que está acima do peso neste momento, deve estar pensando, “então eu devo continuar assim, pois não tem nada que eu possa fazer para mudar esse quadro“.

A minha resposta é, a vida é vossa e vocês podem mudar aquilo que vocês quiserem, esse é o direito Divino chamado, livre arbítrio.

Então vem a pergunta, “como faço isso?“.

A resposta é simples, a obesidade em forma de memória celular começou na escassez, hoje mesmo que vocês tenham dinheiro para comprar os alimentos que necessitam, vocês ainda se sentem na escassez que hoje talvez tenha sido trocada por não ter uma casa própria, ou um carro bonito, ou um salário que dure até o final do mês, enfim, com certeza vocês tem algum aspecto na vossa vida que está exalando escassez, e isso está criando um ambiente propício para que o teu corpo resgate essa memória.

A solução está em não se sentir na escassez, na miséria. Quantas vezes no dia vocês escutam a palavra pobreza, seja em uma conversa com amigos, no jornal, em uma piada, etc., tudo isso deve ser trocado pelo sentimento de gratidão, somente isso pode mudar essa situação, porque a gratidão é um sentimento que ativa a memória celular  de quando vocês viviam no fluxo, então o vosso corpo não mais espelhará a escassez, pois ele estará em harmonia.

Esqueçam a estória de que a obesidade vem do alimento, quem vem da quantidade de calorias ingeridas, essa mentira deve começar a ser revelada.

Todos vocês conhecem pelo menos uma pessoa que come o quanto quer e não engordam.

Se libertem dessa mentira, sejam gratos por tudo e então o vosso corpo os mostrará o que é harmonia Divina.

Eu vos abençoo com as bênçãos sem fim.

Eu sou Saint Germain

 


Mensagem canalizada/artigo publicado por Trabalhadores da Luz em 22 agosto, 2016

Nota Trabalhadores da Luz: Esta mensagem nos foi deixada em 2015, mas sentimos que era importante repostá-la. Muitos são os recém-despertos que ainda buscam respostas para a obesidade, e aqui Saint Germain deixa uma maravilhoso resposta.

Fonte – Trabalhadores da Luz

Via: Trabalhadores da Luz | Saint Germain – fala sobre a obesidade

SABIA QUE NÃO TER, ENSINA MUITO MAIS, DO QUE TER?

sonho_realidade

Agradeçam por tudo aquilo que vocês não têm

Mestra Portia_Claudio Gianfardoni

Mestra Pórtia

Canalizado por: Maria Silvia Orlovas

 

Agradeçam por tudo aquilo que vocês não têm.

As pessoas elevam o seu pensamento, o seu sentimento e fazem orações, pedindo coisas: um amor, um novo trabalho, uma conquista, um caminho na vida… E poucas se lembram de agradecer aquilo que têm.

E menos pessoas ainda, agradecem por aquilo que não têm. Sem compreender que aquilo que lhes falta, muitas vezes, assim acontece como uma grande bênção, como uma grande proteção. As privações, muitas vezes, ensinam muito mais do que ganhar algo, do que receber uma bênção.

Durante todo o momento em que você não tem alguma coisa, você fará um movimento enorme interior de evolução, de questionamento. Às vezes, de dúvidas, de brigas e até de raiva.

Mas há um impulso dentro de cada Ser, associado à sua individualidade, que fará com que você lute por aquilo que você não tem. Que impulsionará você a nutrir o seu corpo espiritual da fome dessas emoções que ali estão.

Esse espaço em aberto, dentro de vocês e nas suas vidas, promove um grande crescimento. E um grande movimento de autovalorização.

As pessoas que recebem tudo pronto, que por assim dizer, tem a vida ganha… Muitas vezes, se mostram pessoas fracas. Pessoas que não sabem lidar com os desafios. Pessoas que não sabem lidar com as outras pessoas.

Pessoas que ganham a vida e recebem coisas com muita facilidade, normalmente se perdem. Normalmente, dão valor a aquilo que é temporário, aquilo que o dinheiro pode comprar.

E esquecem todos os outros aprendizados. E se perdem de todas as outras belezas do caminho, da vida. Se esquecem, que aqui na Terra, vocês estão por um curto período; cinquenta, sessenta, setenta… Noventa anos. É esse o tempo, que vocês viverão. É esse o tempo de experiência, deste corpo, na Terra.

E, muitas vezes, é este o tempo que um ser humano ocupa para perseguir coisas, que nunca irá possuir de verdade.

Não ter, ensina muito mais, do que ter.

Nós não fazemos nenhuma pregação da pobreza. Porque, a Pobreza e a Riqueza, são valores associados ao Mundo Material. E nós queremos que vocês sejam Ricos no Espírito.

E se for para o Bem de vocês, que também sejam ricos no mundo material. Porque, aqueles que têm condições financeiras e podem ajudar os demais… Que podem olhar pelos menos favorecidos, e, que podem ajudar a criar este mundo, um mundo de maior beleza, de maior harmonia… Oferecendo trabalho e bem-estar. São muitos, os benefícios que um Homem Rico pode compartilhar com todas as outras pessoas. E se vocês sabem usar a riqueza, porque não, usufruir dela também.

Aqueles, que nasceram com a cabeça coroada, que tiveram sob si a linhagem das posses e dos compromissos que essas posses lhes trazem, também enfrentam grandes desafios. Porque, eles devem saber dar, devem saber cuidar daqueles que lhe cabe atender com as condições materiais. Todos têm os seus desafios.

Observem nas suas vidas. Olhem para si mesmos e vejam, que aquilo que vocês não têm, não apenas o dinheiro, mas, em tudo… No trabalho, nos relacionamentos, na família, sempre fez com que vocês se transformassem. Sempre impulsionou a mudança, o aprendizado, o crescimento, a evolução, a libertação.

Não ter, em muitos momentos, pode ser sinônimo de uma grande riqueza e de uma grande oportunidade de crescimento e de Luz.

Trabalhem, para ganhar o pão. Trabalhem, também, para ganhar as bênçãos espirituais.

Sempre busquem dentro de vocês as respostas corretas. Porque, onde há uma dificuldade… Quando há uma necessidade, ali também está a sua resposta, o seu aprendizado e aquilo que você deve mudar.

A prosperidade Divina pode se derramar sobre vocês, a qualquer momento. E recebam e acolham.

Saibam também, que tudo aquilo que vier para vocês, é para ser cuidado, respeitado e tratado com gentileza e amor. E quanto mais vocês tiverem, compartilhem, ofereçam e acreditem no Bem. Porque, a qualquer momento, vocês podem transformar a sua energia e não mais pertencer a este corpo. Cultivem os valores verdadeiros. Aqueles que são perenes. Aqueles, que acompanham vocês por todas as vidas. Os valores espirituais, a consciência e a grande riqueza, que é a conexão com o seu Eu Divino.

Na energia do amado Mestre da Chama Violeta. Eu Sou Mestra Pórtia, sua Divina Consorte. E Amo todos vocês.

A energia da Chama Violeta espalha as possibilidades de crescimento, transformação, através do Amor. Através da presença do Eu Sou.

Respirem profundamente e falem as palavras mágicas:

Eu Sou, o que Eu sou.
Eu sou, o que Eu Sou.
Eu Sou, o que Eu Sou.

Respirem profundamente… E façam a conexão com o seu Eu mais profundo, mais belo, mais espiritual.

Busquem a conexão com esse Eu Divino. Esse Eu, de todas as potencialidades.
Respire… E expanda a energia, do seu cardíaco, do seu coração:

Eu Sou, o que Eu Sou.
Eu Sou, o que Eu Sou.
Eu Sou, o que Eu Sou.

E se vocês, nesse momento, se sentem pobres, ou, de alguma forma impotentes. Ou, desfavorecidos, pelo destino, pelas condições, ou, por alguma questão de saúde… Soltem isso de vocês e acessem o Poder do Eu Sou, o Poder do seu Eu Crístico:

Eu Sou, o que Eu Sou.
Eu Sou, o que Eu Sou.
Eu Sou, o que Eu Sou.

E foque o pensamento, no ponto de Luz, do centro do seu Coração:

Eu Sou, o que Eu Sou.
Eu Sou, o que Eu Sou…

E, se nesse momento, você fosse desencarnar, agora. O seu ponto de Luz, do seu coração, seria a sua única referência. Volte a mente pra ele:

Eu Sou, o que Eu Sou.
Eu Sou, o que Eu Sou…

Maior que o corpo. Maior que as dificuldades. Maior que qualquer problema. Maior que qualquer situação temporária:

Eu Sou, o que Eu Sou…

Mantenham a mente nesta vibração… A todos eu me despeço, com a energia da Alegria, da Liberdade e do Amor.

Sigam em Paz.

____________________________________________________________________

Nome de Referência: Agradeçam por tudo aquilo que vocês não têm
Mestra: Pórtia
Data: 22/01/2014

Local: Espaço Alpha Lux

Canal: Maria Silvia Orlovas

Transcrição: Patrícia Viégas
Edição: Diogo Guedes

f568c-icone_somÁudio: ALPHA LUX 02 ANO 16


Via: Um Canal de Luz por Maria Silvia Orlovas: Mestra Pórtia – Agradeçam por tudo aquilo que vocês não tem

PARA SE ALCANÇAR ILUMINAÇÃO, A DUALIDADE DEVE SER SUPERADA…

dualidade-1030x643

MENSAGEM DE SANANDA – 20/02/17

Canalizada por: Jenny Schiltz

ETAPA INICIAL DE SEPARAÇÃO DAS FREQUÊNCIAS DA TERRA

 

Estamos bem no meio de dois eclipses e podemos sentir que algo importante está mudando. Em dezembro, eu compartilhei que em março, as frequências (3D, 4D e 5D e além) começariam a separar-se. Estamos nas etapas iniciais disso agora. Observamos, com uma clareza cada vez maior, as maneiras com que cada frequência produz determinada sensação internamente, e somos convidados a escolher onde queremos residir, que frequência queremos para criar a nossa realidade.

Tudo o que não vai permanecer nas frequências superiores está diante de nós, se tomarmos o tempo para observar, simplesmente. Observar requer estar presente dentro de si mesmo, e não se permitir ser capturado pela insanidade do mundo externo. O ego pode parecer que está ficando mais ruidoso internamente, visto que está implorando para não ser dissipado, mas integrado com amor em nosso ser. Há uma qualidade para essa energia que está exigindo que fiquemos quietos e realmente escutemos os pensamentos e crenças interiores. Qualquer coisa que não combinar com a sua alma, sua verdadeira natureza mostrará.

Fisicamente, muitos estão sendo desafiados. Não enfrentei sintomas físicos tão intensos desde 2012, e estou descobrindo a necessidade de me afastar de todas as maneiras que a minha energia consegue fazê-lo. Estamos passando por profundas mudanças celulares que se intensificam quanto mais incorporamos nossa alma (o que nos transforma completamente) e liberação da resistência interna. Nossos corpos precisam se fechar para processar, e quando eu perguntei por que, ouvi: “Para manter a homeostase”. Em outras palavras, nos fechamos durante essas atualizações para manter um equilíbrio dentro de nossos corpos. Se não honrarmos essa necessidade de descansar, ficar quietos, podemos nos descobrir muito doentes. O que está acontecendo é que extraímos toda a última reserva que temos a fim de manter o equilíbrio em nossa mente, corpo e espírito. Estamos literalmente aproveitando cada truque que aprendemos durante os anos para permanecermos presentes e com o coração aberto.

Hoje, mantive uma conversa com Sananda, para obter um maior esclarecimento acerca da separação das frequências. Espero que estas Perguntas & Respostas os ajudem a lançar um pouco de luz no que está acontecendo.

Eu: Você pode me falar sobre o que está acontecendo na Terra exatamente agora?

Sananda: Sim, vocês estão em um momento anunciador, em que cada um deve escolher internamente que frequência é a mais dominante.

Eu: Quando você diz, frequência, isso é a mesma coisa que dimensões?

Sananda: Sim, mas dentro de cada dimensão estão milhões de frequências. Cada uma com a própria nuance, a própria assinatura.

Eu: Quando você diz isso, um seletor de rádio me vem à mente. Nós que devemos sintonizar na frequência e que devemos expandir nossa antena para acessar as estações mais elevadas.

Sananda: Sim, essa é uma boa analogia. O que se descobrirá é que, à medida que expandem o seu alcance para as frequências superiores, as inferiores não serão mais acessíveis.

Eu: Relatou-se que a terceira dimensão entrou em colapso. Isso é exato?

Sananda: A base que mantém essas frequências disponíveis dentro da matriz entrou em colapso, no entanto, os indivíduos podem ainda estar apegados a essas frequências em sua forma.

Eu: Você pode me explicar isso melhor?

Sananda: O padrão que distingue a terceira e a quarta dimensões é a dualidade. Onde quer que se permita cair em julgamento, está-se apegando a essas frequências inferiores.

Eu: : Esse é um conceito difícil para as pessoas. Fomos treinados para ver o bem versus o mal, direito versus errado, republicano versus democrata etc.

Sananda: Sim, é por isso que é tão difícil para as pessoas ultrapassarem esses conceitos, mas é necessário para que a sua alma possa avançar. Pedimos que cada pessoa examine o que lhe foi dito, que versão da realidade ela alimenta e veja onde não está em pleno alinhamento com a sua alma. Muitos constatarão que a verdade não é discernível. Com essa percepção, eles serão capazes, então, de distanciar-se das crenças que não são mantidas pela experiência pessoal. No entanto, há muito desconforto, quando se percebe que ocorreu uma manipulação tão grande. Alguns vão escapar para o seu   mundo de dualidade e apegar-se ainda mais a ele, enquanto outros começarão a ver que a jornada da verdade é apenas encontrada ao se voltar para dentro de si mesmos.

Eu: É por isso que as distorções em nosso mundo parecem estar ficando cada vez mais ruidosas?

Sananda: Sim, em seu mundo, as sutilezas são perdidas com frequência, visto que há muita distração. Consequentemente, o que é impreciso, o que é distorcido deve ficar mais claro para ser ouvido sobre o ruído.

Eu: Certo, então me explique o que está acontecendo com as frequências? Como este é o momento de escolha?

Sananda: Todas as frequências estão à disposição para todas as pessoas, o que se deve fazer é alinhar-se com a frequência predominante a fim de acessar essa realidade. Isso ainda é verdade, todavia, virá uma separação. Em um momento se pode sentir a unicidade do que foi chamado de quinta dimensão, enquanto no próximo, a pessoa pode de achar perdida nas emoções inferiores.

Não estou dizendo que as emoções de tristeza ou mesmo a raiva não sejam sentidas nas frequências superiores, porque elas são. Contudo, o modo como se passa por essas emoções muda. Em vez disso, essas emoções, quando sentidas internamente, as frequências mais elevadas permitem que se veja quais ajustes podem ser feitos naquilo que afetará a criação externa da sua realidade.

Com a separação das frequências, o alargamento das lacunas entre cada agrupamento vai ficar muito mais difícil para se passar sem problemas das frequências inferiores para as superiores.

Eu: Certo. Então, qual é a melhor maneira de se permanecer nas frequências?

Sananda: Compreenda que esse processo, embora esteja começando, acontecerá lentamente, para permitir a prática. A pessoa deve olhar para o que lhe está sendo mostrado por meio de suas emoções e interações. Onde há desarmonia? Onde há limitações? Onde está alguém percebendo como as suas crenças e as informações permitissem que se mantivesse no devido lugar?

Esse é o motivo pelo qual alguns estão sentindo muito desconforto interno. É por isso que eles acharão quase impossível permanecer dentro dos limites de sua realidade fabricada.

Eu: Então, sob o seu ponto de vista todo o caos de nosso mundo é uma coisa boa?

Sananda: Sim, é uma coisa muito boa, visto que são os sinais de que as pessoas estão pressionando contra as cadeias do sono. O desafio é para que aqueles, no meio do despertar, encontrem a própria verdade e não aceitam cegamente o outro. O caminho do despertar conduz à auto-percepção de que não se deve nunca ceder o poder, porque fazer isso é simplesmente permitir uma forma diferente de sono.

Eu: Você tem esperança para a humanidade?

Sananda: Temos uma tremenda esperança para a humanidade. Há muitos que estão trabalhando, de modo aplicado, para infundir o seu planeta com o amor incondicional. O amor incondicional é o canto da sereia para a alma, nada desperta o outro mais rápido do que ser lembrado de sua verdadeira natureza.

Chegou a hora de libertar-se dos papéis que foram representados nesta e em outras encarnações. Chegou a hora de cada pessoa se lembrar do que foram, antes dessas experiências, mas também para celebrar as novas riquezas obtidas desses papéis. A fim de fazer isso, a dualidade deve ser superada.

Eu: E é por isso que parece mais preponderante.

Sananda: Exatamente.

Eu: Obrigada por seu tempo.

Sananda: O prazer é meu, você deve perceber a alegria que sentimos, quando observamos tantos se libertarem das cadeias que os restringiram por tanto tempo.

Obrigada a todos que compartilham este trabalho. Significa muito que tantos ressoem com as mensagens aqui compartilhadas. Envio a todos nós o amor com que possamos lidar, à medida que assumimos nossa jornada para um completo novo nível.

Jenny

_______________________________

Direitos Autorais:
Site original: Channeling the Masters
Publicação original: Channeling the Masters | Beginning Phase of Frequencies Separating on Earth

Copyright 2017, Jenny Schiltz – Se repassar, por favor, mantenham a integridade desta informação exatamente como se encontra aqui e incluindo todos os links acima e os links da publicação original.

Tradução e divulgação: Ivete Brito – adavai@me.comwww.adavai.wordpress.com


Via: Adavai | MENSAGEM DE SANANDA – 20/02/17

A PRESENÇA EU SOU E A CHAMA TRINA…

presenca-eu-sou-e-chama-trina

Imagem do Eu Divino

Summit Lighthouse do Brasil

A Imagem do Eu Divino é uma representação criada pelos Mestres Ascensos, com o intuito de facilitar a compreensão do relacionamento existente entre o indivíduo e Deus. A Imagem do seu Eu Divino é um retrato de si mesmo e de Deus dentro de você. É um diagrama seu e do seu potencial, para que você possa se tornar quem realmente é. Em síntese, é um diagrama de sua anatomia espiritual.

Existem três figuras representadas na Imagem do seu Eu Divino. A figura superior representa nosso Deus Pai/Mãe, a quem chamamos de Presença do EU SOU, isto é, a Presença de Deus individualizada em cada pessoa.

A Presença do EU SOU é rodeada por sete esferas concêntricas de luz que formam o que denominamos de o seu “Corpo Causal”. Essas esferas de energias contêm os registros de todas as obras boas que você realizou desde a sua primeira encarnação na Terra. Podem ser consideradas como a sua conta bancária cósmica.

A figura do meio é o Filho Unigênito do Pai, o Cristo Universal. Ele é o seu Mediador pessoal e advogado da sua alma diante de Deus. É o Eu Superior, a quem chamamos também de Santo Cristo Pessoal. É o seu instrutor interior, Divino Esposo e melhor amigo, e é mais conhecido como Anjo da Guarda. Também é chamado de Corpo Mental Superior ou Consciência Superior. Acima da cabeça do Cristo paira a pomba do Espírito Santo. Quando a sua alma realiza o casamento alquímico com o Cristo, ela está pronta para receber o batismo do Espírito Santo.

A figura inferior é uma representação sua como discípulo na senda, a caminho da reunião com Deus. É a sua alma evoluindo nos planos da matéria e usando como veículos os quatro corpos inferiores para equilibrar carma ou realizar o seu plano divino. Os quatro corpos inferiores são o corpo etérico ou da memória, o corpo mental, o corpo, do desejo ou emocional, e o corpo físico.

A alma e os quatro corpos inferiores estão destinados a ser o templo do Espírito Santo. Por isso, a Chama Violeta do Espírito Santo envolve e purifica a alma. Você pode invocar a Chama Violeta diariamente, em nome da sua Divina Presença do EU SOU e do Santo Cristo Pessoal, para purificar seus quatro corpos inferiores.

A figura inferior (etérico, mental, emocional e físico) está envolvida também por um tubo de luz, que é projetado do coração da Presença do EU SOU sempre que o pedido é feito. O tubo de luz é um cilindro de luz branca que mantém um campo de força de proteção durante 24 horas se, neste período, houver harmonia de pensamentos, sentimentos, palavras e ações.

Selada na câmara secreta do coração está a Chama Trina da vida. É a sua centelha divina, vinda da sua amada Presença do EU SOU. Também denominada chama crística, a Chama Trina é a centelha da Divindade da alma, o seu potencial para se tornar o Cristo.

O cordão de prata, ou cordão de cristal, é a corrente de vida. Ele desce do coração da sua Presença do EU SOU para o Santo Cristo Pessoal, penetrando no ser do homem pelo chakra da coroa. É este “cordão umbilical” de luz que nutre e mantém em atividade a alma, os quatro corpos inferiores e a chama trina.


Chama Trina – o passaporte  para  a  imortalidade

Summit Lighthouse do Brasil

No coração está o elo da alma para a divindade. Isto acontece porque a Presença do EU SOU colocou uma chama espiritual no coração de cada um, que está localizada num centro denominado câmara secreta do coração. Os Mestres Ascensos chamam-na Chama Trina, centelha divina ou Santa Chama Crística, porque é por meio dela que comungamos com nosso Santo Cristo Pessoal.

A chama do coração é chamada “trina” porque tem três plumas. Cada pluma representa um aspecto da divina Trindade – Pai, Filho e Espírito Santo ou, em terminologia hindu, Brahma, Vishnu e Shiva. Também é denominada trina porque encarna os três atributos primários do Espírito: poder, sabedoria e amor. Os elementos da Trindade, assim como as suas qualidades correspondentes, são representadas pelas cores azul (Pai/poder), amarela (Filho/sabedoria) e rosa (Espírito Santo/amor). O núcleo de fogo a partir do qual emerge a chama trina corresponde ao aspecto de Deus-Mãe e é representado pela cor branca.

O que significa para o indivíduo a natureza trina desta chama do coração? Ao exercer as qualidades divinas do amor, sabedoria e poder podemos manifestar a trindade da consciência de Deus e ter uma mestria maior naquilo que fazemos.

A chama rosa é o fogo da criatividade nascido do amor, da compaixão e da graça do Espírito Santo, que pode ajudar a dotar toda a criação com esse Espírito. A pluma amarela-dourada representa o Filho, a sabedoria, a mente de Cristo que está dentro de nós e que confere a inteligência. E a chama azul contém o poder e a determinação do Pai que pode manifestar o padrão divino da alma.

Equilibrar essas três plumas é um dos requisitos que temos de cumprir para fazermos a ascensão.


Fonte: Summit Lighthouse do Brasil

Via: Summit Lighthouse do Brasil | Imagem do Eu Divino
Via: Summit Lighthouse do Brasil | Chama Trina – o passaporte para a imortalidade

NÃO HÁ DESAPONTAMENTO SE NÃO HÁ ESPERA…

water-drop

Sobre a Fé

Mestre Confucio

Mestre Confúcio

Canalizado por: Thiago Strapasson

Amados Irmãos,

É de todo meu coração que me aproximo a lhes trazer um recado de ternura, de Irmandade.

Venho, de coração aberto a cada um de vocês, a lhes falar sobre a Fé.

Do que se trata essa expressão tão utilizada, tão repetidamente afirmada? A Fé nos homens, a Fé em Deus, a Fé em sua própria força, a Fé no amor, a Fé, enfim, a Fé?

A Fé está atrelada, aparentemente, à esperança, mas, não, a Fé está ligada à Devoção. Quando dizemos tenham Fé, não estamos dizendo que esperem por algo melhor, mas que se coloquem em confiança absoluta.

A Fé nos remete a se colocar em Devoção, em Aceitação, em Confiança e Plenitude. A Fé nos retira a energia do julgamento, porque se nos encontramos em um estado de Devoção, sabemos que só há o melhor. Não há nada, absolutamente nada, que não esteja em Perfeição.

A Fé nos tira do livre arbítrio, porque deixamos de interferir nas situações ou acreditar que assim podemos fazer. Se estamos em confiança, não há controle, há entrega.

A Fé nos impede de adentrarmos em energias mais densas, pois, em devoção ao Pai, a Luz Crística nos ilumina. A Fé, então, difere da esperança. Quando estamos num estado de Fé não esperamos nada, apenas nos colocamos a serviço da Criação. Abandonamos nossos quereres, pois nosso Pai sempre nos colocará na experiência exata que necessitamos. Não há desapontamento se não há espera.

A Fé é um estado permanente dos Mestres. Na energia da Fé, há Unidade, Devoção ao Criador e à Criação. Na Fé, há alinhamento e Amor Incondicional. Vocês separam as energias em Paz, Fé, Devoção, Sabedoria, Força Interior e Amor, mas não há separação. No estado de equilíbrio, todas estão presentes, pois na Fé há Força, há Sabedoria, há Paz, há Devoção e há Amor. Não há mal estar, desequilíbrio ou doenças, há cura.

É uma energia magnética a Fé, que atrai tudo que é essencial à sua vida. É um estado e, não, um aguardo ou comportamento. Estado esse em que os coloca em Perfeição à Unidade. A Ascensão é um estado de Fé.

Encontrem sua Fé interior, pois tudo o mais será lhes entregue a partir daí.

Eu sou Confúcio, de todo coração.

Canal: Thiago Strapasson – 18/04/2016
Revisão: Angelica T. Tosta

 


Via: Sobre a Fé – Mestre Confúcio » CORAÇÃO AVATAR

UM SER ENCARNADO EM ESTADO DE PLENA CONSCIÊNCIA…

reencarnacao

NOSSAS MUITAS VIDAS

Mestre Saint Germain_Claudio Gianfardoni

Saint Germain

Canalizado por Adriano Pereira

Queridos irmãos da Terra, Eu Sou Saint Germain, trazendo algumas palavras para este novo ano que se inicia. Muitos falam sobre minhas reencarnações passadas, sobre quais foram meus nomes, e por onde andei. Muito bem. Eu, assim como você, tivemos muitas encarnações, muitas vidas diferentes sobre a Terra, cada qual contribuindo para sua própria evolução e também contribuindo para o desenvolvimento coletivo. A diferença entre as minhas encarnações e as encarnações de muitos de vocês é que, eu sempre estive em plena consciência de quem eu era, de qual era a minha missão em cada vida, e o porquê de eu estar no lugar onde estava.

A plena consciência traz uma diferença brutal na forma como o ser humano enfrenta a vida, pois ele tem o pleno entendimento do todo, e das consequências de cada ação que toma, além de captar a verdade de tudo e de todos ao redor. Nada, absolutamente nada escapa ao ser em plena consciência.

Outro lado importante de um ser humano em plena consciência é o acesso as experiências passadas que teve, o que permite acessar conhecimentos considerados exotéricos, de magia, que nada mais é que o “saber, entender e manipular as energias”, de forma a obter o resultado que deseja.

Em cada época, ou era, da história da humanidade, eu assim como você, estivemos presentes, participando ativamente dos dramas e das alegrias de cada vida. Infelizmente, ao retornarem ao corpo físico, aqueles sem plena consciência de seu ser, de seu poder inato, tinham que começar a aprender as coisas de novo, e mais uma vez, de forma a que seu intelecto pudesse absorver novamente certo conhecimento para poder utilizá-lo.

Aqueles sem a plena consciência, ficam fragilizados aos ataques daqueles nesta dimensão ou em outras dimensões, que pretendem tirá-lo de seu caminho, prejudicando ao máximo a sua jornada terrestre, para que você não tenha a menor chance de se elevar e redescobrir quem você é.

A sabedoria dos diversos mestres que vieram sobre a Terra trazer a sua mensagem e exemplo, sempre foi devido a um estado de plena consciência, ou de um estado elevado de consciência, que possibilitaram a esses enviados manter sua missão no rumo que deveria, para perpetuar a sua mensagem.

O estado de plena consciência permite que cada um de vós readquiram o seu poder, poder este que sempre esteve com você.

Os mistérios da vida, os mistérios das escolas antigas, os mistérios de suas sociedades secretas, tudo isso, estará disponível para acesso imediato, assim que se elevarem individualmente a este estado de iluminação.

Assim, minhas muitas vidas foram como as muitas vidas que vocês tiveram, a diferença é que pude direcionar e canalizar as minhas forças e energias para aquilo que meu coração guiava.

Desejo que todos vós neste novo ano, saibam criar as condições, o ambiente e as ferramentas necessárias para criarem o novo. Um novo que vocês nunca conseguiriam sequer imaginar toda a sua beleza, o novo que vem sendo criado pelo seu coração divino.

Namaastê

Canalizado por Adriano Pereira
05/01/2016


Via: Mestres Ascensionados: Saint Germain: NOSSAS MUITAS VIDAS

O MOMENTO DA REUNIFICAÇÃO DAS CHAMAS GÊMEAS…

twin-flame-love

A complementação das chamas gêmeas

 

pauloveneziano-e-rowenaMestre Paulo Veneziano e Mestra Rowena

Mensagem canalizada por: Thiago Strapasson e Michelinha OM

 

Amados filhos, sou Rowena e venho hoje lhes ensinar como se dá o complemento das chamas gêmeas, que vocês conhecem como Mestres Ascensos nos aspectos feminino e masculino.

As chamas gêmeas são energias que se encontravam unificadas juntos à Fonte Deus Pai-Mãe, e, como tudo no universo é fluido, elas entrarão novamente nesse fluxo divino de reencontro, em razão da própria lei da atração de semelhantes. São energias que se reencontram para um propósito unitário que sempre esteve presente em suas consciências.

A energia, queridos filhos, é única. Cada um dos complementos divinos tem uma energia com a qual trabalha, para promover a sua própria cura e desenvolvimento pessoal, como também contribuir para a elevação e complemento de tratamento naquele que é a sua chama gêmea.

Essa energia, embora única individualmente, se unifica em um propósito comum que é justamente a manifestação daquele impulso inicial, que as duas chamas juntas ancoram junto ao berço de Deus.

Mas, a partir da ruptura dessa energia única inicial, se ancoram dois aspectos: masculino e feminino. E cada um trabalha com uma chama diferente para a sua própria evolução.

Com o tempo, meus queridos filhos, as duas chamas se aproximam para formar uma só novamente.

Pois no princípio, fora da experiência dual, não há a polaridade masculino/feminino. Há uma energia que exerce um propósito na criação, pois ela é a própria Fonte, em unidade e perfeição divina. E, após a experiência e reequilíbrio de ambas, haverá novamente a fusão para elevação em perfeição divina.

A perfeição divina é algo que só existe a partir dessa unificação, pois as duas chamas em conjunto, propiciarão a completa diluição da consciência junto à Fonte Deus Pai-Mãe. É como se dessa união se formassem os elementos para o salto quântico da consciência em diluição e perfeição divina.

A comunhão em uma única chama que trará a elevação em ascensão se dará somente a partir dessa união. Por isso, queridos, aprenderam que alguns mestres tiveram as suas chamas elevadas sozinhas, para então retornarem e fazerem o complemento divino com a chama unida que se tornaria uma.

A elevação individual se dará de forma parcial, mas é a partir da fusão desses dois elementos que há a permissão de unificação ao todo.

Meus filhos, após a aparente separação, se cria o receio de perda da própria individualidade, contudo, a partir da chama gêmea, se encontrará uma similaridade tão forte, tão presente, que a fusão se dará quase que naturalmente, sem qualquer resistência de integração à unidade de Tudo O Que É.

As chamas separadas trabalham para a elevação própria e também para a daqueles em quem forem aplicadas. Mas a união das duas trará o novo. Trará algo nunca experimentado desde a separação do berço Deus Pai-Mãe. É algo único, não no plano material, mas sim como o reencontro em perfeição com a chama eletrônica de nossa consciência cósmica. É o reencontro e abertura para a verdadeira reintegração e diluição da consciência a Tudo O Que É.

Por exemplo, Aquilo que compreendem hoje como chama rosa do amor, é diferenciada quando trabalham as chamas gêmeas com as polaridades feminina e masculina juntas, e não isoladamente. É como se, dessa união, se formasse uma nova cor, mas sendo uma evolução da chama rosa.

Podem unir-se dessa forma, chamas de diferentes raios, assim como compreendem. Que formará uma nova cor, ou seja, uma nova energia. E assim a elevação do Ser vai se concretizando e materializando durante a experiência terrena. Esse é o propósito do reencontro de chamas gêmeas: realizar uma experiência que transcende a matéria. Nada tendo a ver com relacionamentos humanos, mas, sim, estando ligado ao propósito de ancoramento do amor fraternal e da diluição em perfeição a Tudo O Que É.

São 7 raios principais, mas a multiplicação desses trará 144 novas formas de energia de todas as combinações e que levarão vocês a trabalhar energias nunca antes trabalhadas.

Essa união conduz a formas diversas de tratamentos e curas, as quais são trazidas a muitos de vocês de forma inconsciente. Muitas chamas gêmeas já trabalham hoje sem ter a consciência da profundidade do trabalho realizado.

Mas saibam, meus amados filhos, que vocês todos estão aqui com o objetivo de elevação de consciência e união dos aspectos feminino e masculino em busca dessas novas formas de tratamento.

As chamas gêmeas são, sempre oriundas de energias diferentes que se complementam para formar o novo. E quando se encontram de forma a trazer a cura através do trabalho de caridade de luz e amor, podem operar verdadeiros milagres.

Pois milagres, filhos, são nada mais do que o novo materializado aqui no plano físico e que vocês antes não conheciam, mas que é real, e pode ser trazido através do encontro de chamas gêmeas, a operar os trabalhos de caridade nesse plano.

Estejam envolvidos no amor e na luz das chamas gêmeas do raio rosa meus amados.

Mestre Paulo Veneziano e Mestra Rowena.

Canais: Thiago Strapasson (http://coracaoavatar.blog.br/) e Michelinha OM (http://verdadetransmutadora.blogspot.com.br/) – 16 de janeiro de 2017.

Colaboração: Lila lmadhuridd

 


Via: A complementação das chamas gêmeas – Mestre Paulo Veneziano e Mestra Rowena »