APRENDENDO UM POUCO MAIS SOBRE A MISSÃO DOS TRABALHADORES DA LUZ – PARTE 3…

inquisicao-fogueira

TRABALHADORES DA LUZ – PARTE 3:  A ENCARNAÇÃO  DOS  TRABALHADORES  DA  LUZ  NA  TERRA

Jeshua

Jeshua

Canalizado por: Pamela Kribb

 

A ENCARNAÇÃO DOS TRABALHADORES DA LUZ NA TERRA

Quando vocês encarnaram na Terra, vocês tinham acabado de começar a transição da consciência baseada no ego para a consciência baseada no coração. Nós resumimos esta transição em quatro passos. Vocês deram o primeiro passo quando se conscientizaram do seu desejo por “algo mais”, algo diferente da luta pelo poder que antes preenchia suas vidas.

Essa luta supriu as suas vidas com propósito e significado por um período considerável de tempo. A fascinação pelo poder levou-os a usar o homem como um marionete em suas batalhas galácticas. Todos os impérios galácticos fizeram parte disto. Mas quando as “energias guerreiras” foram transportadas para a Terra, com o homem como seu campo de ação, vocês voltaram-se mais para a posição de observadores e deixaram de participar diretamente das batalhas. Vocês observavam o que acontecia na Terra. Viram o ser humano desenvolver-se para um estado de ser que vocês tinham alcançado há muito tempo atrás. Vocês tinham se tornado guerreiros sofisticados, com métodos refinados de manipulação psíquica e de operações militares. O homem também chegaria a isso, com seus implantes genéticos nele colocados.

Esses implantes genéticos provocaram um elevado nível de desenvolvimento mental no ser humano. As funções próprias do instinto natural e do sentimento foram mais ou menos suprimidas em favor das funções do pensamento e do raciocínio.

Mencionamos que as influências galácticas provocaram um elevado nível de medo no ser humano  em desenvolvimento. Na realidade, este elemento de medo esteve intimamente ligado à ênfase exagerada no pensar. Numa situação equilibrada, o medo é superado ou posto na perspectiva correta por suas habilidades intuitivas naturais e por sua capacidade de sentir o que é certo ou apropriado fazer. Entretanto, quando a faculdade do pensamento toma a frente, o medo tende a ser reforçado, já que o pensamento se baseia num processo mecânico lógico que não permite a participação da intuição ou do sentimento. Quando a faculdade mental é alimentada por emoções de medo, ela tende a se descontrolar e produzir ideias ilusórias, ideias relacionadas a controlar tudo e todos. Os regimes ditatoriais são um exemplo desta faculdade mental descontrolada.

A resposta ao medo nunca é pensar mais. É pensar menos e confiar no fluxo da vida. É retornar ao estado de graça que é seu direito de nascimento. É liberar ao invés de se agarrar.

Quando o estágio do domínio do ego acabou para as almas dos Trabalhadores da Luz, eles se abriram para um novo modo de ser. Vocês intuitivamente buscaram a energia do coração. Vocês estavam realmente procurando uma espécie de criatividade que transcendesse o mero jogo do poder. Sentiam que a luta pelo poder era destrutiva e que não podia criar nada novo, já que matava e assimilava tudo o que fosse “outro”.

Ao tentarem controlar e dominar a vida, tanto dentro quanto fora de vocês, na verdade vocês tentam fazer com que a realidade seja estática e previsível. Em última análise, o poder é incrivelmente maçante.

Quando vocês se conscientizaram disso, perceberam que seu verdadeiro desejo não era ter poder, mas ser verdadeiramente criativos. Ser verdadeiramente criativo é estar em contato com a sua própria divindade.

Como vocês são seres divinos, com o que quer que vocês façam ou deixem de fazer vocês, estão sempre criando algum tipo de realidade. A criatividade é sua própria natureza. Na fase do ego, vocês exploraram a possibilidade de negar sua verdadeira natureza. Por certo, isto é  um ato criativo, em algum nível, de um modo distorcido. Entretanto, ser verdadeiramente criativo é criar de acordo com a vida, não de acordo com a morte.

Quando vocês chegaram a esta compreensão, a lembrança do “lar” despertou. A vaga lembrança de um estado de pura e ditosa unidade entrou em sua consciência novamente e vocês souberam que, de algum modo, esta era a chave para sua felicidade. Mas vocês se sentiram desamparados e ignorantes, já que não tinham ideia de como chegar a isso. Sabiam que o ego não tinha a resposta, mas ainda não haviam realmente entrado no reino da consciência baseada no coração.

Ao mesmo tempo, surgiu dentro de vocês um sentimento crescente de remorso e culpa pelo que tinham feito aos seres humanos da Terra. Especialmente na Terra, havia esplêndidas oportunidades para que a consciência se expressasse livremente de muitas formas diferentes. A Terra era destinada a ser um unificador de energias diferentes, um crisol no qual energias diferentes e inclusive opostas pudessem alcançar um modo de coexistir em harmonia. O campo energético da Terra foi criado para alojar um conjunto muito heterogêneo de energias.

A diferença entre viver na Terra e viver em outros lugares no “universo” – seja nos níveis físico ou astral – é a enorme variedade de energias presentes na Terra. Além disso, esta variedade não está presente apenas como uma vasta multiplicidade de formas de vida ou espécies – na verdade,  ela está presente dentro de um único ser, o ser humano. O ser humano é capaz de conter um espectro de energias mais amplo do que qualquer outro ser é capaz. Vocês têm dentro de si a energia do assassino e a do santo, a energia da criança, do adulto e do ancião, a energia masculina e a feminina, a energia ativa e a passiva, a racional e a emocional, a energia da água, do ar, do fogo e da terra, etc.. Isto pode parecer banal ou simplesmente natural para vocês, como seres humanos, mas para qualquer outro ser no universo, é uma grande façanha. O simples fato de ser um humano é uma grande façanha, mesmo sem ter feito nada em especial.

Mas a qualidade mais específica do homem é a habilidade de fundir energias que antes pareciam incompatíveis. O homem foi projetado, não só para abrigar todas estas diferentes energias, mas também para ser um mediador, um construtor de pontes entre elas.

A razão de Deus, o Espírito ou Tudo o Que É, ter criado o conceito de ser humano, foi que o universo estava enfermo, num estado de estagnação. Ao explorar a vida “fora da unidade”, a consciência tendia a experimentar diferentes formas de vida, em diferentes planetas e lugares no universo. Quando uma alma tinha experimentado tudo o que havia para experimentar numa determinada forma de vida, ela ia embora – no sentido de não encarnar mais ali – e seguia adiante, para encarnar em outras formas de vida que respondessem às suas necessidades particulares. Não havia necessidade de transformar energia, enquanto se vivia em uma determinada forma de vida. Quando se desejava uma mudança, trocava-se o corpo. Não porque as almas fossem preguiçosas ou frívolas, mas porque a maioria dos corpos – variando em densidade do físico ao astral – ofereciam possibilidades limitadas de experiência e, portanto, oportunidades limitadas para se crescer ou se transformar enquanto se estava no corpo. O corpo não podia sustentar tantas energias diferentes. Por exemplo, se você vivesse num planeta de água, onde encarnasse como um ser aquático, isto lhe capacitaria a experimentar a natureza da água de todos os modos possíveis. A “sensação” de ser líquido, não rígido, fluido, móvel é, na verdade, maravilhosa. Mas quando você quisesse experimentar ser fixo e imóvel, você tinha que deixar esse corpo e ir viver dentro de uma montanha por um tempo. Inclusive, se você vivesse como um ser galáctico em busca de poder, você não poderia realmente mudar a sua consciência dentro daquele corpo.

A consequência destas possibilidades limitadas ou especializadas de experiência dentro de um determinado corpo foi que o mundo de formas de vida criadas ficou emperrado. Ele não podia crescer ou expandir-se, e ficou como que preso em estagnação.

O ser humano foi projetado para abarcar uma imensa variedade de energias. Ele não foi feito para se especializar. Na verdade, a divisão entre os sexos trouxe consigo um pouco de especialização, mas as energias masculina e feminina já estavam tão segregadas e desequilibradas naquela época, que foi muito complicado mantê-las em doses iguais dentro de um corpo. Se elas tivessem sido colocadas dentro de um ser, com igual intensidade e nos seus estados desequilibrados, vocês teriam sucumbido.

O poder único do ser humano é o de sustentar uma ampla variedade de energias e levá-las a um estado de equilíbrio criativo (não estático). Na verdade, este poder é igual à habilidade de transformar escuridão em luz, isto é, o poder da alquimia espiritual. Aquilo que leva as energias antes opostas a um estado de harmonia dinâmica é a energia crística, a energia que mantém a unidade a despeito da dualidade. Esta é a mesma energia que transforma a escuridão, aceitando-a e, deste modo, permitindo que o medo se transforme  em alegria. A energia crística é a “terceira energia”, a que une através da aceitação. Sua força alquímica está na sua qualidade de ser totalmente abrangente, totalmente acolhedora e corajosa.

Vocês, como seres humanos, são os únicos seres que têm esta habilidade para a alquimia espiritual. Nem as plantas, nem os animais, nem os anjos, nem os “senhores da escuridão” têm este poder. Todas as almas podem experimentar como é ser luz, como é ser escuridão, como é ser todos os diferentes seres que vivem no universo, mas não podem experimentar como é transformar escuridão em luz, enquanto permanecem em sua forma de vida presente. Elas não podem imaginar como é mudar em níveis internos, de tal forma que se crie uma realidade diferente (física ou espiritual) para si mesmo enquanto se segue adiante.

As almas, que estão encarnadas em outras formas de vida diferentes da humana, também “criam sua realidade” e têm livre-arbítrio, mas têm menos possibilidades de abranger estados de consciência tão diferentes e inclusive opostos, enquanto permanecem no mesmo corpo, na mesma forma (humana). Vocês, como humanos, são construtores de pontes – ou alquimistas espirituais – e isto é o que os torna únicos – a Terra e o ser humano.

Agora voltaremos à nossa história sobre as almas dos Trabalhadores da Luz que se sentiram angustiadas e arrependidas por causa de sua interferência na vida dos seres humanos. Elas perceberam que estava se estabelecendo, sobre a Terra, um jogo totalmente novo, um jogo cheio de promessas, que elas fizeram o máximo para sufocar em seu próprio benefício. E sentiram dor por causa disso. Em algum nível, elas também perceberam que haviam bloqueado seu próprio caminho espiritual para a luz e para a verdadeira alegria, por causa de seus atos de egoísmo. Inclusive, quando elas despertaram do seu sono de ego, viram que a Terra era um lugar lindo, um planeta verde, abundante de vida.

Muitos de vocês, Trabalhadores da Luz, sentem-se conectados com a cultura ou o território da Lemúria, ou Mu, como nós preferimos chamá-lo. Mu é na verdade um “paraíso submerso”. Pertenceu a uma era que não pode realmente ser localizada na sua linha de tempo atual. Pertenceu a uma dimensão ou linha de tempo diferente. A Terra ainda não tinha perdido sua inocência. Naquela dimensão, vocês fizeram parte dos tempos paradisíacos sobre a Terra, como seres angélicos que acalentavam e cuidavam da vida. Como exporemos mais adiante, vocês são seres multidimensionais, habitando diferentes planos de realidade ao mesmo tempo. A ideia de tempo não é tão fixa e linear como vocês pensam. Quando vocês expressaram o seu lado escuro como guerreiros galácticos, vocês também – em outra linha de tempo – expressaram um aspecto luminoso e puro de si mesmos, em Mu, onde prepararam o planeta para a chegada das almas terrestres. Contribuíram para o florescimento do planeta verde e, em algum nível, vocês sabiam disto quando saíram de seu estágio “guerreiro” de consciência. Sabiam que estiveram destruindo aquilo que tinham ajudado a criar.

Quando se deram conta da promessa e da beleza da Terra, sentiram a urgência interior de descer até lá e reparar o que havia sido danificado. Vocês encarnaram em corpos humanos com a intenção de trazer luz e criar valores baseados no coração, em um meio ambiente que estava essencialmente dominado por valores egoístas. Queremos nos estender um pouco nesta questão de  trazer luz, pois há algo aí que frequentemente lhes causa confusão e mal-entendidos.

Quando vocês, Trabalhadores da Luz, encarnaram na Terra, na realidade começaram um processo de transformação interior, no qual vocês completariam sua transição da consciência baseada no ego para a consciência baseada no coração. Vocês estavam no caminho de liberar completamente a consciência baseada no ego, e a vida na Terra lhes proporcionou a oportunidade de lidar com o que ainda restava da energia baseada no ego dentro de vocês. As energias que vocês desejavam limpar seriam encontradas nos próprios seres que vocês tinham manipulado e em quem agora habitariam: dentro do ser humano, dentro de vocês mesmos.

O motivo mais profundo para a sua vinda à Terra era chegar a um acordo com a sua escuridão interna, e vocês concordaram em se encontrar com esta escuridão dentro de vocês mesmos como seres humanos. Embora frequentemente pensem que estão aqui para ajudar os outros ou para ajudar a mãe Terra, a razão mais fundamental de estarem aqui é curar a si mesmos. Este é o seu verdadeiro trabalho com a luz. Tudo o mais é secundário.

No nível mais profundo, suas almas desejavam responsabilizar-se pela escuridão que tinham difundido. Entretanto, responsabilizar-se por seu lado escuro é principalmente uma aventura solitária. Não envolve outros que vocês devem ajudar ou curar. Envolve apenas vocês mesmos. Vocês ajudarão outros durante o processo, mas isto é um efeito secundário. É importante perceber a ordem correta das coisas aqui, uma vez que – como vocês sabem – vocês têm a tendência de serem muito diligentes em ajudar os outros. Este entusiasmo para ajudar os outros muitas vezes torna-se uma armadilha, pois suas energias ficam enredadas com a outra pessoa e, muito frequentemente, depois vocês se sentem esgotados e desiludidos. Por favor, lembrem-se que dar mais do que se recebe não é nobre nem baseado no coração, é simplesmente um engano. O engano é acreditar que, em parte, vocês são responsáveis pela situação ou estado mental de alguma outra pessoa. Isto não é verdade. Cada um é responsável por sua própria felicidade ou desgraça. E isto, na verdade, é uma bênção, pois proporciona a cada um o poder de criar e, deste modo, modificar sua própria realidade.

Vocês não estão aqui para “consertar” as outras pessoas ou a mãe Terra. Estão aqui para  curar as feridas profundas dentro do seu próprio ser. Por favor, atendam a esta tarefa e tudo o mais se encaixará em seu devido lugar sem nenhum esforço da sua parte.

Quando chegaram à Terra e encarnaram em corpos humanos, vocês tiveram a tendência a combater as energias que desejavam superar. Nesse estágio, vocês estavam numa situação paradoxal. Por um lado, sabiam que queriam “algo mais” além do poder e odiavam a si mesmos pelo que tinham feito de errado anteriormente. Mas não estavam livres daquilo que odiavam em si mesmos. Vocês ainda não estavam livres do domínio do ego. Quando chegaram à Terra, vocês tiveram a tendência de se aborrecer com a escuridão, de se zangar por causa dela, e a sua reação foi combatê-la. O paradoxo é que vocês queriam combater as energias egoístas através da luta, a própria energia que vocês desejavam abandonar.

Até então vocês não estavam conscientes das verdadeiras implicações da consciência baseada no coração. Quando vocês observam a partir do coração, não existe batalha entre o Bem e o Mal. A realidade do coração transcende ambos. O coração não se opõe à escuridão. A consciência baseada no coração está fundamentada na aceitação de tudo, de todas as coisas que existem. É um tipo de consciência que libera a ideia de que a luta resolve qualquer coisa.

Embora ansiassem por um modo pacífico, não combativo, de lidar com a realidade, vocês não tinham a experiência de realmente viver de acordo com este ideal. Vocês se encontravam numa “zona intermediária”, um terra de ninguém, antes de entrarem em um novo reino de consciência.

Então, começaram a cometer todo tipo de “enganos”, no sentido de retornarem a modos de ser que vocês queriam abandonar. Ficavam ansiosos para mudar ou converter qualquer pessoa ou grupo que apresentasse um comportamento próprio do ego ou que adotasse valores baseados no ego. Entretanto, eles reagiam agressivamente a vocês, muitas vezes sem sequer entender o que vocês estavam tentando lhes transmitir. Os Trabalhadores da Luz foram perseguidos por séculos, como bruxos, pagãos ou agitadores (políticos). Pareciam dirigidos por ideais para os quais o mundo não estava preparado. Pareciam diferentes e não se enquadravam. Eles realmente encontraram muita resistência.

O que aconteceu aqui foi que vocês mudaram para o papel de vítima, depois de terem desempenhado o papel de agressores por bastante tempo nos reinos galácticos. Sua “ira espiritual” evocou reações agressivas no seu ambiente, e vocês tornaram-se as vítimas, experimentando humilhação, profunda dor e desautorização. O trauma de ser rejeitado e/ou expulso repetidas vezes, em várias vidas, deixou cicatrizes em suas almas. Acabaram sentindo-se desautorizados e indesejados. Muitos de vocês, nesta vida, sentem-se cansados e com saudades de um mundo mais amoroso e significativo.

É muito importante que vocês percebam que o papel de vítima é apenas isso: um papel que vocês desempenham. É uma interpretação possível dos fatos, mas é uma interpretação limitada e distorcida. Vocês nem são vítimas nem algozes. Vocês são a consciência da alma que criou papéis para vocês mesmos exercerem por um tempo. Não são realmente as vítimas de um mundo de mentalidade materialista e egoísta.

De fato, os encontros que vocês tiveram com energias agressivas, não cooperativas, em muitas de suas vidas, simplesmente refletiram seus próprios laços com a consciência baseada no ego, sua própria dependência dela. Se procurarem resultados através da luta, receberão de volta a energia da luta. Isto é/ foi a sua própria energia retornando a vocês! E esse é o – único – significado do carma.

A tendência para combater o “mal” baseia-se na crença de que o mal está fora de vocês e que deve ser banido da realidade. O convite espiritual para vocês, Trabalhadores da Luz, durante todas as suas encarnações, tem sido sempre reconhecer e aceitar seu próprio lado escuro e compreender seu papel e propósito.

O convite mais profundo é para perdoar a si mesmos e redescobrir a sua inocência. Vocês são inocentes e sempre foram. Podem realmente entender isto? Se entenderem, não vão mais querer mudar o mundo nem lutar contra a injustiça. Vocês vão querer brincar, se divertir e aproveitar cada momento de suas vidas e simplesmente ser quem vocês são e compartilhar isso com outros.

Quando vocês, Trabalhadores da Luz, liberarem a ideia de que têm que lutar, por alguma coisa ou por alguém, não serão mais hostilizados pelo “mundo externo”, pela sociedade ou pelas pessoas em geral, por serem diferentes. Vocês não vão querer mudar nada e, portanto, não encontrarão resistência. Saberão que são bem-vindos, que sua contribuição para esta realidade é valiosa e que são valorizados pelos outros.

Quando tiverem liberado completamente a consciência baseada no ego, saberão que estão isentos de perseguição ou ameaça externa. Terão ido além dos papéis de vítima e perseguidor; sua jornada terá descrito um círculo completo. Vocês terão liberado suas cargas cármicas e estarão totalmente livres para criar tudo o que quiserem.

Vocês estão a ponto de dar à luz uma nova consciência, um tipo de consciência que liberou totalmente a necessidade de controlar ou possuir algo. Ela é livre de medo. É a consciência Crística. Quando Jesus viveu na Terra, ele quis lhes dizer que a espiritualidade não é uma questão de guerra entre luz e escuridão. É uma questão de encontrar um nível de percepção que vá além do bem e do mal, um lugar de onde vocês possam compreender e aceitar todas as coisas. “O reino de Deus está dentro”. Tudo o que vocês precisam está do lado de dentro. A paz, a alegria e a tranquilidade são suas, quando vocês realmente se dão conta do que são: um ser divino em expressão.

Só quando se dão conta de que estão aqui para transformar-se e curar a si mesmos, é que as coisas começam realmente a mudar para vocês e, como efeito colateral, para outras pessoas que os rodeiam. O mundo é o que é, e a coisa mais elevada que vocês podem fazer por ele é simplesmente amá-lo pelo que ele é. Amem e vejam a beleza de cada ser que está viajando através deste plano da realidade.

Muitos de vocês são motivados pela energia de Jesus. Isto é porque ele é seu parente. Jesus foi simplesmente um Trabalhador da Luz livre dos elos cármicos, um Trabalhador da Luz de posse de um elevado nível de auto-conhecimento. Vocês são tocados pela energia dele, porque sabem que é a energia para a qual estão se movendo. A energia de Cristo é a energia de seu próprio ser futuro.

Continua… PARTE 4 (FINAL)

……………………………………………………………………………………………………………………………….

Fonte: Jeshua Channelings | Channelings I The Lightworker series | Lightworker III | Lightworkers incarnating on earth
Tradução: Vera Corrêa – veracorrea46@gmail.com

Via: Sementes das Estrelas | JESHUA – “TRABALHADORES DA LUZ – PARTE 3: A ENCARNAÇÃO DOS TRABALHADORES DA LUZ NA TERRA”

Parte 1: Aqui
Parte 2: Aqui


 

Ouça também a mensagem através deste vídeo:

Jeshua – “Trabalhadores da Luz – Parte 3: A ENCARNAÇÃO DOS TRABALHADORES DA LUZ NA TERRA”

Publicado por mxvenus

Via: Jeshua – “Trabalhadores da Luz – Parte 3: A ENCARNAÇÃO DOS TRABALHADORES DA LUZ NA TERRA” – YouTube


APRENDENDO UM POUCO MAIS SOBRE A MISSÃO DOS TRABALHADORES DA LUZ – PARTE 1…

trabalhadores da luz

TRABALHADORES DA LUZ – PARTE 1: A IDENTIDADE DO TRABALHADOR DA LUZ

Jeshua

Jeshua

Canalizado por: Pamela Kribbe 

A IDENTIDADE DO TRABALHADOR DA LUZ

Os Trabalhadores da Luz são almas que possuem o forte desejo interior de difundir Luz (conhecimento, liberdade e amor) sobre a Terra. Eles sentem isso como sua missão. São frequentemente atraídos para a espiritualidade e para algum tipo de trabalho terapêutico. Devido ao seu profundo sentimento de missão, os Trabalhadores da Luz sentem-se diferentes de outras pessoas. Ao experimentarem diferentes tipos de obstáculos em seus caminhos, a vida os estimula a encontrar seu caminho próprio, único. Os Trabalhadores da Luz quase sempre são indivíduos solitários que não se adaptam às estruturas sociais estabelecidas.

Uma observação sobre o conceito de “Trabalhador da Luz”:

A expressão “Trabalhador da Luz” pode provocar mal-entendidos, já que diferencia um grupo particular de almas, do resto. Além disso, pode parecer sugerir que este grupo particular é, de algum modo, superior aos outros, por exemplo, àqueles “não Trabalhadores da Luz”. Toda esta linha de pensamento está em desacordo com a própria natureza e objetivo do trabalho da Luz. Permitam-nos expor brevemente o que há de errado nisso.

Primeiro, pretensões de superioridade geralmente não são iluminadas. Elas bloqueiam seu crescimento em direção a uma consciência livre e amorosa. Segundo, os Trabalhadores da Luz não são “melhores” nem “superiores” a ninguém. Eles simplesmente têm uma história diferente daquela dos que não pertencem a este grupo. Graças a esta história peculiar, que discutiremos mais adiante, eles têm certas características psicológicas que os distinguem como um grupo.

Terceiro, toda alma chega a ser um Trabalhador da Luz em determinada etapa do seu desenvolvimento. Portanto, a qualificação “Trabalhador da Luz” não está reservada para um número limitado de almas.

A razão pela qual utilizamos o termo “Trabalhador da Luz” – apesar dos possíveis mal-entendidos – é porque ela traz associações e agita memórias dentro de vocês que os ajuda a recordar. Também há uma conveniência prática, já que este termo é frequentemente usado em sua literatura espiritual corrente.

RAÍZES HISTÓRICAS DOS TRABALHADORES DA LUZ

Os Trabalhadores da Luz trazem consigo a habilidade de alcançar o despertar espiritual mais rapidamente que outras pessoas. Eles carregam sementes internas para um rápido despertar espiritual. Por causa disso, parecem estar numa via mais rápida que a maioria das pessoas, se assim escolhem. Mais uma vez, isto não acontece porque os Trabalhadores da Luz sejam de algum modo almas “melhores” ou “superiores”. No entanto, eles são mais velhos que a maioria das almas encarnadas na Terra atualmente. Esta idade “mais velha” deve ser entendida, de preferência, em termos de “experiência”, mais que de “tempo”.

Os Trabalhadores da Luz alcançaram um estágio particular de iluminação, antes de encarnarem na Terra e começarem sua missão. Eles escolheram conscientemente envolver-se na “roda cármica da vida” e experimentar todas as formas de confusão e ilusão que fazem parte dela.

Fizeram isto para compreender completamente “a experiência da Terra”. Isto lhes permitirá cumprir sua missão. Só passando, eles mesmos, por todos os estágios de ignorância e ilusão, é que eles possuirão finalmente as ferramentas para ajudar os outros a alcançar um estado de verdadeira felicidade e iluminação.

Por que os Trabalhadores da Luz perseguem esta missão sincera de ajudar a humanidade, mesmo correndo o risco de se perderem, durante eras, na densidade e confusão da vida terrestre? Esta é uma questão da qual nos ocuparemos extensivamente mais adiante. Agora, diremos apenas que isto tem de ver com um tipo de carma galáctico.

Os Trabalhadores da Luz presenciaram a véspera do nascimento da humanidade na Terra. Eles fizeram parte da criação do homem. Foram cocriadores da humanidade. Durante o processo de criação, eles fizeram escolhas e agiram de formas que mais tarde vieram a lhes causar um profundo arrependimento. Eles estão aqui agora para reparar suas decisões de então.

Antes de entrarmos nesta história, citaremos algumas características das almas Trabalhadoras da Luz, que geralmente as distinguem de outras pessoas. Estes traços psicológicos não pertencem exclusivamente aos Trabalhadores da Luz e nem todos os Trabalhadores da Luz os reconhecerão como seus. Ao apresentarmos esta lista, simplesmente queremos dar um esboço da identidade psicológica dos Trabalhadores da Luz. Quanto às características, o comportamento exterior é menos importante do que as motivações internas ou intenções sentidas. O que vocês sentem por dentro é mais importante do que o que mostram externamente.

CARACTERÍSTICAS PSICOLÓGICAS DOS TRABALHADORES DA LUZ

  • Desde cedo em suas vidas, eles sentem que são diferentes. Quase sempre, sentem-se isolados dos outros, solitários e incompreendidos. Frequentemente tornam-se individualistas e têm que encontrar seus próprios caminhos na vida.
  • Eles têm dificuldade para se sentir à vontade em empregos tradicionais e/ou em estruturas burocratas. Os Trabalhadores da Luz são naturalmente antiautoritários, o que significa que resistem naturalmente às decisões ou valores baseados somente em poder ou hierarquia. Este traço de antiautoritarismo está presente mesmo entre os que parecem tímidos e envergonhados. Ele está relacionado com a própria essência da missão deles aqui na Terra.
  • Os Trabalhadores da Luz sentem-se atraídos para ajudar as pessoas, como terapeutas ou como professores. Podem ser psicólogos, curadores, professores, enfermeiros, etc. Mesmo que a sua profissão não esteja diretamente relacionada com ajudar pessoas, sua intenção de contribuir para o bem-estar da humanidade está claramente presente.
  • Sua visão da vida é colorida por um sentido espiritual de como todas as coisas estão relacionadas umas com as outras. Consciente ou inconscientemente, eles levam dentro de si memórias de esferas de luz não terrestres. Podem – ocasionalmente – sentir saudades dessas esferas de luz e sentir-se como um estranho na Terra.
  • Honram e respeitam profundamente a vida, o que frequentemente se manifesta como afeição pelos animais e preocupação com o meio ambiente. A destruição de partes do reino animal ou vegetal na Terra pela ação do homem evoca neles profundos sentimentos de perda e aflição.
  • São bondosos, sensíveis e empáticos. Podem sentir-se incômodos ao se defrontarem com um comportamento agressivo e geralmente têm dificuldade para se defender. Podem ser sonhadores, ingênuos ou profundamente idealistas, assim como insuficientemente “enraizados”, isto é, não ter os pés na terra. Como eles têm facilidade para captar sentimentos e humores (negativos) das pessoas que os rodeiam, é importante que possam, regularmente, passar algum tempo a sós. Isto lhes permite distinguir entre seus próprios sentimentos e os das outras pessoas. Necessitam de momentos de solidão para recuperar a própria base e estar em contato com a mãe Terra.
  • Eles viveram muitas vidas na Terra, nas quais estiveram profundamente envolvidos com a espiritualidade e/ou religião. Estiveram presentes, em grande número, nas velhas ordens religiosas do seu passado, como monges, monjas, ermitães, psíquicos, bruxas, xamãs, sacerdotes, sacerdotisas, etc. Foram os que construíram uma ponte entre o visível e o invisível, entre o contexto diário da vida terrestre e os reinos misteriosos de pós-vida, de Deus e dos espíritos do bem e do mal. Por desempenharem este papel, muitas vezes eles foram renegados e perseguidos. Muitos de vocês foram sentenciados à fogueira devido aos dons que possuíam. Os traumas das perseguições deixaram profundas marcas na memória de suas almas. Isso pode manifestar-se atualmente como medo de estar completamente enraizado, isto é, medo de estar realmente presente, porque vocês se lembram de terem sido brutalmente atacados por serem quem eram.

PERDER-SE: O PERIGO PARA O TRABALHADOR DA LUZ

Os Trabalhadores da Luz podem estar presos nos mesmos estados de ignorância e ilusão que qualquer outra pessoa. Embora comecem de um ponto de partida diferente, a capacidade deles para romper o medo e a ilusão, com o propósito de alcançar a iluminação, pode ser bloqueada por muitos fatores. (Por iluminação, queremos dizer o estado no qual vocês compreendem que são essencialmente da Luz, capazes de escolher a luz em qualquer momento).

Um dos fatores que bloqueiam o caminho da iluminação para os Trabalhadores da Luz é o fato de terem uma pesada carga cármica, que pode levá-los a se extraviarem por bastante tempo. Como afirmamos anteriormente, esta carga cármica está relacionada com decisões que eles tomaram com relação à humanidade em suas etapas iniciais. Foram decisões essencialmente desrespeitosas para com a vida (falaremos disto mais tarde, neste capítulo). Todos os Trabalhadores da Luz que vivem agora desejam corrigir alguns de seus erros passados e recuperar e cuidar do que foi destruído por causa disso.

Quando os Trabalhadores da Luz completarem seu caminho através da carga cármica, isto é, quando liberarem todo tipo de necessidade de poder, compreenderão que são essencialmente seres de luz. Isso lhes permitirá ajudar outras pessoas a achar seu próprio ser verdadeiro. Mas primeiro eles mesmos têm que passar por esse processo, o que geralmente exige grande determinação e perseverança no nível interno. Devido aos valores e julgamentos neles incutidos pela sociedade, os quais frequentemente vão contra seus próprios impulsos naturais, muitos Trabalhadores da Luz se perderam, terminando em estados de desconfiança de si mesmos, autonegação e, inclusive, depressão e desesperança. Isto porque eles não conseguem se adaptar à ordem estabelecida e concluem que deve haver algo de terrivelmente errado com eles.

O que os Trabalhadores da Luz têm que fazer, neste ponto, é deixar de procurar validação externa, através de pais, amigos ou da sociedade. Em algum momento, você (que está lendo isto) terá que dar o salto para a verdadeira autorização, o que significa realmente acreditar em si mesmo e verdadeiramente honrar suas inclinações naturais e seu conhecimento interior, agindo de acordo com eles. Nós o convidamos a fazer isso e lhe asseguramos que estaremos com você em cada passo do caminho – exatamente como você, num futuro não distante, estará aí para ajudar outros em seu caminho.

Continua… PARTE 2

……………………………………………………………………………………………………………………………….

Fonte: Jeshua Channelings | Channelings I The Lightworker series | Lightworker I | The Lightworker’s identity
Tradução: Vera Corrêa – veracorrea46@gmail.com

Via: Semente das Estrelas | JESHUA – “TRABALHADORES DA LUZ – PARTE 1: A IDENTIDADE DO TRABALHADOR DA LUZ”


Ouça também a mensagem através deste vídeo:

Jeshua – “Trabalhadores da Luz – Parte 1: A IDENTIDADE DO TRABALHADOR DA LUZ”

Publicado por mxvenus

Via: Jeshua – “Trabalhadores da Luz – Parte 1: A IDENTIDADE DO TRABALHADOR DA LUZ” – YouTube


SENTINDO-SE EQUILIBRADO E PROTEGIDO, MESMO SENDO UM EMPATA…

OS EMPATAS SENSÍVEIS

f47b4-orienta25c325a725c325a3o2bdos2banjos

ORIENTAÇÃO DOS ANJOS
canalizada por
Sharon Taphorn
em Novembro de 2018

Às vezes, durante períodos de elevada energia, os empatas querem correr e se esconder. Eles estão acostumados a tentar sobreviver, em vez de prosperar no mundo. Estamos aqui hoje para lhe dar algumas ferramentas para ajudá-lo a dominar o mundo energético com o qual você é tão sensível.

Esse sentimento só irá ficar mais forte, então vamos aprender a amá-lo agora e usá-lo para ajudar a navegar e entender o que está acontecendo ao nosso redor. Como os Borg disseram: A resistência é realmente inútil!

Então, o que é um empata e como eu sei se sou um?

Um empata é alguém que percebe os sentimentos do mundo ao seu redor. Um empata entende as coisas em um nível mais profundo. Isso pode ser em relação a objetos, pessoas, plantas ou animais. Esses sentimentos podem estar em um nível opressivo para muitos. O desafio é, muitas vezes, tentar descobrir tudo e perceber os limites de onde eles terminam e outros começam.

Uma vez que você aprende a ser o “olho do furacão”, você pode aprender a usar esse sentido como uma vantagem, sabendo quando agir, quando não agir e quando alguém precisa de alguma cura. É realmente um dom e uma ferramenta fantástica para ajudar a navegar pelo mundo ao seu redor. Vamos aprender mais sobre ser empata..

Alguns dos desafios de ser um empata é ser superestimulado, absorvendo energia estressante ou tóxica ao seu redor. Às vezes nos isolamos dos outros, para não sentirmos muito, e então ficamos sozinhos.

Relacionamentos emocionais podem ser desafiadores. Os relacionamentos físicos podem ser desafiadores de várias maneiras, pois o toque pode ser extremamente sensível para os empatas.

Tenho amigos que não podem nem usar roupas de outra pessoa, mesmo que essa pessoa tenha uma incrível energia de alta vibração. Estes são apenas alguns dos desafios enfrentados pelos indivíduos “excessivamente sensíveis” que realmente têm a sorte de sentir tão profundamente.

Suas melhores ferramentas para ajudá-lo a navegar pelo mundo do sentimento são:

1 – Meditação – Muitas vezes resistida, esta é a ferramenta mais poderosa que você tem à sua disposição. O que você pode fazer com a meditação e depois de aprender a fazer, irá surpreendê-lo. É o seu tempo de cura, sua comunicação com o Espírito e sua conexão com tudo e tudo o que é. Pode não ser o tipo de meditação da sua mãe que você explora, mas queremos que você aprenda sobre os diferentes tipos de meditação.

2 – Lembre-se de respirar – Quando você se sentir oprimido, esta é a primeira coisa que você deve fazer. Respire algumas vezes e centre-se. Use as outras ferramentas listadas aqui quando se sentir um pouco mais calmo. Você precisa respirar de qualquer maneira, assim, fazer isto conscientemente, é uma chave para desbloquear o trabalho com a energia, não contra ela.

3 – Entenda o seu campo de energia – Você tem um campo de energia que é exclusivamente seu. A energia ou campo áurico da maior parte dos empatas está lá fora. Por causa disso, eles estão captando tudo e todos por quilômetros e quilômetros.

4 – Escudos e Filtros – O uso de escudos pode ajudá-lo a fazer muitas coisas. Ajuda-o a trabalhar com a energia mais densa dos pensamentos e sentimentos na 3D. Use escudos para ajudá-lo a manter-se equilibrado e não afetado tanto pelos pensamentos e sentimentos dos outros. Use escudos para ajudá-lo a lidar com situações e campos de energia pesados, densos ou menos elevados.

5 – Ancoragem e Aterramento – Conectar-se com a terra física traz equilíbrio e cura. É uma conexão energética que ajuda a gerar bem-estar. Ande descalço na grama. Medite e crie raízes e conecte-se com a terra. Medite e torne-se uma árvore e sinta sua conexão com a terra.

6 – Auto-cura – Aprender a se amar em primeiro lugar não é o mesmo que ser egoísta. A maioria dos empatas sabe o que os outros precisam e estão tão acostumados a atender às necessidades dos outros que se esquecem de si mesmos. Você é o seu melhor uso para o Universo quando você está equilibrado e completo, então faça de Você uma prioridade hoje!

A Orientação dos Anjos é que veja o dom que é ser um Empata.

Aprenda a trabalhar com a energia. No começo, isso o levará muito além da sua zona de conforto, especialmente se você tiver tido dificuldade em lidar com a energia e de viver em ambientes tóxicos.

Use escudos e filtros e dê pequenos passos, no início. Isto irá melhorar quando você se tornar o mestre. Você pode se surpreender ao ver o quanto você aprende a amar esse super sentido.

Amor e bênçãos,

Sharon e os anjos

….

Via: OS EMPATAS SENSÍVEIS – De Coração a Coração


Nota Stela – Muitas pessoas ao lerem a mensagem de ontem “OS EMPATAS SENSÍVEIS“, o que são e como se faz os escudos e filtros, então, estou repostando esta mensagem. Usem e abusem dos escudos/filtros para manterem o equilíbrio energético!

USO DE ESCUDOS

4e9dc-escudo2bde2bprote25c325a725c325a3o

ORIENTAÇÃO DOS ANJOS
canalizada por
Sharon Taphorn
em Fevereiro de 2018

Invoque a proteção dos anjos a qualquer momento que sentir a necessidade de um apoio extra.

Os Anjos são um apoio surpreendente e aprender a usar escudos e filtros durante momentos estressantes pode fazer toda a diferença. Você sabe quando está fora de equilíbrio, ou entrando em um dia potencialmente desafiador, e estes são os momentos exatos para colocar os seus escudos!

Limpar a sua energia é o primeiro passo. Realize um relaxamento progressivo. Relaxe sua respiração e seu corpo. Você pode usar uma simples oração ou um mantra para definir sua intenção.

Permita-se entrar em um estado de equilíbrio, paz e harmonia.

Quando você se sentir conectado e pronto, imagine no olho da sua mente cerca de 20 centímetros acima de você, um pequeno redemoinho de energia branca e cristalina que começa a se formar. É como se fosse um pequeno tornado.

Visualize-o de modo que ele se expanda o bastante para abranger todo o seu campo áurico. A pequena extremidade do funil seria visualizada como capaz de entrar pelo chacra coronário e passar pelo pilar central do seu corpo.

Este fogo espiritual deve ser visto como girando mais e mais no sentido horário. Quando ele tocar a sua aura, veja-o como sugando e queimando todos os detritos de energia que você acumulou.

Veja-o, sinta-o e o imagine movendo-se para baixo, e através de toda a sua aura e corpo. Saiba que ele está varrendo seu campo de energia, limpando todas as energias estranhas que você acumulou.

À medida que ele se move através de seu corpo, permita que este vórtice de energia saia através de seus pés, para o coração da própria Terra. Veja o vórtice como carregando esses detritos de energia para os reinos inferiores. Deixe a Mãe Terra usá-los como ela entender.

Invocar a proteção angélica é fácil, é apenas uma questão de pedir.

Pode ser tão simples quanto dizer: “Luz branca, Luz Branca, envolva-me em proteção”.

Nota Stela: isso é bom fazer todos os dias antes de sair da cama pedindo que esta proteção fique com você durante o dia todo. Peça e imagine uma bolha de luz branca te envolvendo que protege de toda e qualquer energia que não seja da Luz. Fazendo isso todos os dias, essa proteção vai se tornando cada vez mais presente em você. E, antes de dormir, peça ao seu Eu Superior que o coloque dentro do seu casulo de luz dourada durante toda a noite… Imagine-se dentro de um ovo/casulo de luz dourada… o sono vem com tranquilidade e você estará protegido de toda e qualquer influencia negativa enquanto dorme.

Ou você pode pedir: “Queridos anjos envolvam-me em sua luz amorosa. Ajudem-me a manter minha energia clara, limpa e com,uma vibração elevada em todos os momentos.”

Você pode invocar o Arcanjo Miguel. Ele é o arcanjo da força e da proteção.

Esta oração é a maneira perfeita de invocar a proteção angélica. Use alguns filtros para que você não perca todas as coisas boas que estão lá fora. Deixe ir o resto e confie que é assim.

Sua Orientação dos Anjos é que saiba que você está sempre sob a Proteção dos Anjos.

Use escudos e filtros em qualquer momento que você se sentir sobrecarregado.

Quando você estiver cansado, oprimido, com medo, ou com qualquer outra energia que seja demasiada para você, pare. Limpe-se da energia de todos e coloque alguns escudos e filtros.

Esta é a melhor proteção energética que você precisará. Tudo o que você precisa fazer é invocar a proteção dos Anjos e deixar que os anjos façam o resto.

Toneladas de amor,

Sharon e os anjos

Nota Stela – Leia também: “TÉCNICA DE CONSTRUÇÃO DO ESCUDO 12 D

….

Via: VALE A PENA LER DE NOVO – USO DE ESCUDOS – De Coração a Coração


Compartilhe com Ética mantendo todos os créditos

DE CORAÇÃO A CORAÇÃO
https://www.decoracaoacoracao.blog.br/
https://lecocq.wordpress.com
Direitos Autorais: Sharon Taphorn – A permissão é concedida para cópia e redistribuição da Sabedoria dos Anjos sob a condição de que o conteúdo permaneça completo, que todos os créditos sejam dados à autora e que seja distribuído gratuitamente.  www.playingwiththeuniverse.com

Fontes:
The Sensitive Empaths – Angel Guidance   
Angelic Protection – Using Shields – Angel Guidance
Tradução: Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br


ALGUMAS CARACTERÍSTICAS TÍPICAS DE ALMAS ANTIGAS. SAIBA SE VOCÊ É UMA…

Art by Christiane Vleugels (edited)

9 SINAIS DE QUE VOCÊ É UMA ALMA ANTIGA

photodune-2033007-sketch-of-tattoo-art-portrait-of-american-indian-head-over-colo-s-2xca7c2mjb2t8i7jp7xdz4 (editado)

Por: Aletheia Luna

 

“Quantos anos você teria se não soubesse quantos anos tem?”  ~ Satchel Paige

Há um tipo especial de pessoas em nosso mundo que estão sozinhas e isoladas quase desde o nascimento.

Sua existência solitária não tem necessariamente uma preferência ou um temperamento antissocial – é apenas velho. Velho de coração, velho na mente e velho na alma, essa pessoa é uma alma velha que tem uma visão sobre a vida muito diferente e mais madura do que aqueles que a rodeiam. Como resultado, a velha alma vive sua vida interior, percorre seu próprio caminho sozinha, enquanto o resto ao seu redor se reúne para seguir outros caminhos. Talvez você tenha experimentado isso em sua própria vida, ou tenha testemunhado outra pessoa. Nesse caso, este artigo é dedicado a você, na esperança de que você possa se definir ou entender melhor os outros.

A “alma velha”

Robert Frost, Eckhart Tolle e até Nick Jonas foram chamados de velhas almas. Talvez você também os tenha considerado velhas almas. Como muitos deles, esta autodescoberta foi feita quando encontro alguém no meu caso o Sol, que me contou sobre sua infância como um menino precoce e inteligente que queria fazer amizade com os professores, em vez de estudantes, simplesmente porque eles eram muito diferentes dele. Como ele relatou sua incapacidade de ter interesse e conexão com pessoas de sua idade, descobri que sentia o mesmo, e ainda sinto.

Se você ainda não descobriu se é uma alma velha, leia alguns dos sinais abaixo.

9 Sinais Você é uma alma velha

1 # Você tende a ser um solitário.

Como as velhas almas são desinteressadas nas atividades e interesses das pessoas da sua idade, é difícil para elas fazer amizade com as pessoas porque elas acham difícil se relacionar com elas. O resultado é que … almas velhas tendem a ficar sozinhas a maior parte do tempo. As pessoas simplesmente não dão a largura.

2 # Você ama conhecimento, sabedoria e verdade.

Sim … isso parece um pouco grandiloquente e nobre demais, mas a velha alma está naturalmente gravitando em direção ao lado intelectual da vida. As velhas almas entendem intrinsecamente que conhecimento é poder, sabedoria é felicidade e verdade é liberdade, por que não procurar essas coisas? Essas atividades são mais importantes para eles do que ler sobre as últimas fofocas, sobre o último namorado de Snooki ou os últimos resultados de futebol.

3 # Você se inclina para a espiritualidade.

As almas mais antigas e emocionais tendem a ser sensíveis e espirituais. Superar os limites do ego, buscar a iluminação e promover o amor e a paz são as principais atividades. Para eles, é a maneira mais sábia e satisfatória de usar o tempo.

4 # Você entende a transitoriedade da vida.

Almas antigas são frequentemente lembradas não só de sua própria mortalidade, mas também de tudo e de todos ao seu redor. Isso torna a velha alma cautelosa e às vezes se afasta, mas com sabedoria dita o modo como vivem suas vidas.

5 # Você é reflexivo e introspectivo.

Almas antigas tendem a pensar muito sobre qualquer coisa. Sua capacidade de refletir e aprender com suas ações e as dos outros é seu melhor professor na vida. Uma das razões pelas quais as velhas almas se sentem tão idosas ao fundo é que elas aprenderam muitas lições através de seus próprios processos de pensamento, e elas têm muito conhecimento sobre situações da vida graças à sua capacidade de observar cuidadosamente e em silêncio o que acontece ao seu redor.

6 # Você vê a foto maior.

Raramente as almas antigas são perdidas em detalhes superficiais, como a obtenção de títulos inúteis, promoções de emprego, trabalhos superficiais ou serem famosas na TV. As velhas almas têm a tendência de olhar a vida a partir da perspectiva de um pássaro, observando qual é a maneira mais sábia e significativa de encarar a vida. Quando confrontados com problemas, as almas antigas tendem a considerá-los como desconfortos temporários que apenas servem para aumentar a quantidade de alegria que sentirão no futuro. Consequentemente, as velhas almas tendem a ter uma natureza estável e plácida graças ao seu bom relacionamento com a vida.

7 # Você não é materialista.

Riqueza, status, fama e a versão mais recente do iPhone … simplesmente trazem velhas almas. A velha alma não vê o propósito de perseguir as coisas que podem ser facilmente arrancadas. Além disso, as velhas almas têm pouco tempo e interesse pelas coisas efêmeras da vida, pois contribuem muito pouco para elas.

8 # Você era uma criança estranha e desajustada.

Isso nem sempre é o caso, mas muitas almas antigas exibem estranhos sinais de maturidade em idades mais jovens. Frequentemente, essas crianças são rotuladas como “precoces”, “introvertidas” ou “rebeldes”, por não se encaixarem nos comportamentos convencionais. Em geral, essas crianças são muito curiosas e inteligentes, vendo a falta de propósito de muitas das coisas que seus professores, pais e colegas dizem, resistindo passiva ou agressivamente a elas. Se você puder conversar com seu filho como se ele fosse um adulto – você provavelmente terá uma alma velha em suas mãos.

9 # Você apenas se sente “velho”.

Antes de dar um nome ao que senti, senti certas sensações, como simplesmente sentir-me “velha” por dentro. Os sentimentos que acompanham um antigo ser da alma são geralmente: sensação de cautela diante do mundo, fadiga mental, paciência em alerta e paz de espírito. Infelizmente, isso pode ser percebido como distante e frio, o que é apenas um dos muitos mitos sobre as velhas almas.

Assim como algumas pessoas mais velhas se descrevem como “jovens de coração”, os jovens também podem ser “velhos de coração”.

…………………………………………………………………………………………………………..

Compartilhe mantendo os créditos:

Publicado por: Dafne Lima Equipe Luz Das Estrelas – Luz das Estrelas
Fonte: thespiritscience.net

Texto original: 9 Signs You’re An Old Soul – LonerWolf
Tradução: Luz Arcoiris

Via: 9 SINAIS DE QUE VOCÊ É UMA ALMA ANTIGA – Luz das Estrelas


Ouça também o artigo através deste vídeo:

9 SINAIS DE QUE VOCÊ É UMA ALMA ANTIGA

Publicado por Luz Das Estrelas em 20 de julho de 2018.

Via: 9 SINAIS DE QUE VOCÊ É UMA ALMA ANTIGA – YouTube


COMPREENDA MELHOR OS ESTÁGIOS DO DESPERTAR POR QUE VOCÊ JÁ PASSOU…

estagios do despertar

11 ESTÁGIOS DO DESPERTAR QUE TODOS PASSAM PARA ALCANÇAR A ILUMINAÇÃO

Por: Conscious Reminder

Almas Despertas são instintivamente atraídas umas pelas outras. Quando elas se encontram, é um encontro como nenhum outro, porque essas pessoas são capazes de identificar frequências semelhantes em pouco tempo.

Se você é uma pessoa Desperta, você está bem ciente de que não é um problema identificar precisamente, mesmo em uma multidão maior, as pessoas que correspondem à sua vibração. Algumas delas já completaram seu processo de despertar (se é que isso é possível), mas outras estão apenas no início de sua jornada de esclarecimento.

Quando você percebe que alguém ficou preso durante o processo de Despertar, você pode se sentir compelido a ajudá-lo. E é uma reação completamente natural, mas nem sempre significa que é a melhor decisão. Portanto, tenha cuidado com isso. Às vezes as pessoas precisam passar por obstáculos e dificuldades para aprender lições cármicas cruciais.

Os pontos de verificação a seguir representam os degraus para uma vida melhor e mais completa. Se você passou pelo processo de Despertar, você provavelmente tropeçou na maioria, se não em todos, e se não aconteceu, eles lhe darão uma visão das coisas que se seguiriam.

Não se apresse através deles, tome o seu tempo e preste muita atenção, porque se você pular algum, ele o levará de volta ao ponto de partida.

Então, como funciona o processo de Despertar?

Despertar é um processo interminável, mas existem ocorrências ou pontos de verificação comuns que ocorrem. Esses eventos transformam lentamente a vida de uma pessoa.

Se você está na sua jornada de Despertar, você tem que passar por esses 11 estágios:

Estágio 1: Confusão

No começo, você se sentirá um pouco perdido, como um navio sem bússola. As coisas parecem monótonas, tediosas e sem vida, isso confunde você. Você ficará sem palavras e com medo de seguir em frente na vida.

Estágio 2: inquietação

Você não está feliz com para onde sua vida está indo. Isso faz você se sentir inquieto e frustrado. De repente, o desejo ardente de mudança que você tem tentado manter adormecido por tanto tempo explodiu, dando um impulso ao seu processo de Despertar.

A ideia de que sua vida é sua própria responsabilidade começa a emergir. Você faz tudo para levá-la de volta às suas mãos.

Você percebe que sua própria felicidade não depende de pessoas ou de quaisquer circunstâncias externas. Sua intenção é recuperar o seu poder, ativar sua energia, seus chakras e sua alma. O Despertar começou ao abrir os olhos.

Estágio 3: Epifania

Esta fase é uma montanha-russa emocional. A vida não é mais a mesma. Todas as cores brilham um pouco mais, todos os cheiros são mais fortes. Você começa a experimentar emoções extáticas como felicidade, euforia e liberdade. Mas apesar de tudo isso, a dor ainda está presente.

As emoções que cercam o seu passado confrontam você. Você começa a perguntar como você escolheu viver sua vida. Você começa a questionar e desafiar tudo.

Estágio 4: Empurrar e Puxar

Há um início como de um cabo de guerra. Você está em um dilema entre fechar os olhos e abri-los. O medo se arrasta lentamente dentro de você. Tudo porque você não está preparado para as consequências se você seguir em frente para o caminho do Despertar.

O salto para o desconhecido é assustador demais quando combinado com o desmoronamento das coisas ao seu redor. Tudo começa a ficar sem sentido: sua vida, suas crenças. Você parece ficar preso e perplexo.

Você começa a perceber que está andando em terreno instável que pode explodir a qualquer momento. Este é um momento crítico porque aqueles que continuam nesse caminho se transformam, não voltam a “dormir”.

Estágio 5: Escuridão

Tudo ao seu redor começa a desmoronar, você se encontra no escuro. Mas você precisa estar no escuro para entender mais a Luz. O estado do mundo pode perturbá-lo: pobreza, ganância e até o estado do meio ambiente. Você quer saber porquê isso aconteceu.

A sensação de depressão leva você a se perguntar como você vai se misturar na sociedade. O desejo de estar sozinho, estar com a natureza e ser um eremita arde dentro de você.

Você se sente sozinho e perdido porque ninguém entende o que você está passando. Você não tem nada a que se agarrar, a não ser buscar a resposta para essa pergunta: “Quem sou eu?”

Estágio 6: Conectividade

Você sente que não há necessidade de mudar o mundo. Você pode mudar isso mudando a si mesmo. Você sente lentamente a conexão entre você e o mundo.

Seu foco muda para Amor e Gratidão. Você tem o desejo de pesquisar e estudar espiritualidade e a metafísica. Você segue esse desejo. Sua percepção do mundo muda e você percebe que foi enviado para a Terra para um Propósito maior.

Estágio 7: Sincronicidade

Você aprecia a interconectividade de tudo: natureza, animais, as estrelas. Você sente que é parte do universo. À medida que sua consciência se expande, você começa a ver o mundo mais profundamente e mais conectado.

Com o alargamento da sua intuição e habilidades psíquicas, a igualdade e unidade de todos as coisas são mais claras para você. A sincronicidade começa a se manifestar em sua vida.

Você percebe que o que molda sua realidade são seus pensamentos, emoções e sentimentos. Você lentamente começa a mudar e mudar seu estilo de vida para apoiar isso.

Estágio 8: Autenticidade

Com este novo estado de consciência, você sente que é um com o Universo. Você obtém mais clareza do seu Propósito. As coisas tangíveis que você vê não são mais importantes para você. Você fixa o seu foco no maior poder de energia e intenção.

Seu verdadeiro eu autêntico começa a emergir. Este eu autêntico é o que o leva em direção ao seu Propósito mais elevado. E o seu Propósito maior é compartilhar o seu eu autêntico com o mundo.

Estágio 9: Maior Consciência

Quando você encontra seu alinhamento com o seu eu verdadeiro e autêntico, as ideias começam a encher sua mente drasticamente. Você atrai abundância através de suas ideias e criações. Inspiração acontece. Você começa a ver seu destino mais claramente quando as coisas começam a se desdobrar.

Sua vida começa a se transformar. Suas experiências e as pessoas ao seu redor refletem seu estado de consciência superior. Os desafios ao longo do caminho não mais o deixam perplexo porque você está totalmente equipado emocional e espiritualmente.

Estágio 10: Cocriação

Enquanto você continua sua jornada, percebe que você cocria com o Divino. As coisas ficam melhores, maiores e têm mais fluxo quando você se rende e trabalha com o Divino. Você sente a orientação enquanto cria junto com a energia da Fonte.

Você sente uma conexão mais forte com seus guias espirituais, anjos da guarda ou seu eu superior. Sua intuição está ficando muito mais forte e você até desenvolve alguns dons psíquicos.

Estágio 11: Amor Incondicional

Você começa a estar em alinhamento com o Amor Incondicional conforme progride seu trabalho ao lado do Divino. Você sente que é Amor, irradia Amor e sente Amor. Fica claro para você que esta vida é temporária. E é dada a você para experimentar e desfrutar.

No final, você percebe que todo o processo de Despertar é para o seu Bem Maior.

…………………………………………………………………………………………………………

Compartilhe com Ética mantendo todos os créditos
https://www.decoracaoacoracao.blog.br/
https://lecocq.wordpress.com
https://www.consciousreminder.com/2018/05/26/11-stages-of-awakening-everyone-has-to-go-through-to-achieve-enlightenment/

Fonte: Conscious Reminder | 11 Stages Of Awakening Everyone Has To Go Through To Achieve Enlightenment
Tradução: Vilma Capuano – vilmacapuano@yahoo.com.br

Via: 11 ESTÁGIOS DO DESPERTAR – De Coração a Coração


Ouça também o artigo através deste vídeo:

11 ESTÁGIOS DO DESPERTAR QUE TODOS PASSAM PARA ALCANÇAR A ILUMINAÇÃO

Publicado por Luz Das Estrelas em 31 de maio de 2018.

Via: 11 ESTÁGIOS DO DESPERTAR QUE TODOS PASSAM PARA ALCANÇAR A ILUMINAÇÃO – YouTube


AS ONDAS DE ALMAS VINDAS DE OUTROS PLANETAS PARA AJUDAR A TERRA…

ascensao

Estamos vivendo o momento mais importante na história do Universo

Dolores Cannon

Dolores Cannon viu isso no meu feed de notícias do facebook, senti-me muito à vontade ao explicar algumas das coisas que estamos vivenciando agora, neste “danado” do novo paradigma!

“Dolores propõe a teoria de que uma série de almas estão viajando de outros planetas e dimensões para ajudar a Terra neste momento, muitas destas almas são de uma vibração mais elevada do que as almas residentes na Terra, elas estão encarnando no planeta pela primeira vez…”

“A Terra está passando por uma grande transformação que o estado dos clientes da Dolores nunca sentiram antes, pela primeira vez um planeta inteiro está mudando a sua vibração para uma nova frequência dimensional, muitas almas ou grupos de almas já experimentaram uma mudança como esta no passado, (ou seja, os Maias), mas nunca um planeta inteiro mudou de uma só vez, portanto, explica Dolores, todo o Universo tem assentos na primeira fila para um dos mais grandiosos espetáculos já visto, no entanto, uma ajuda foi necessária, porque o homem tem poluído a Terra com uma vibração tão densa que ameaça a sobrevivência do planeta como um todo, Dolores revela que se o planeta explodir irá reverberar em todo o Universo afetando e perturbando todos os seres, por isto um pedido de ajuda foi feito, e as almas rapidamente pularam no vagão para ajudar.”

Kauilapele Kona


“Estamos  vivendo  o  momento  mais  importante  na  história  do  Universo” Dolores Cannon Discute nosso paradigma atual.

Por: Jeffrey Roberts
em 19 fevereiro, 2014

.

Sua carreira já dura mais de quatro décadas, durante a qual ela tem trabalhado com milhares de clientes em sessões de hipnoterapia regressiva, com mais de 17 livros publicados sobre o assunto, Dolores Cannon pode ser facilmente considerada uma das profissionais mais requisitadas da área no mundo, os assuntos populares abordados em seus numerosos livros incluem: vidas passadas, extraterrestres, vida em outros planetas, energia de cura, figuras históricas famosas como Nostradamus e Jesus, sequestros, e a lista continua, cada livro tem a tendência de “dobrar a mente do leitor como um pretzel“, explica Dolores.

Um de seus últimos livros intitulado As Três Ondas de Voluntários e a nova Terra, é um conjunto de sessões de hipnoterapia regressiva em que os clientes narram “nos bastidores” olhando para a mudança do paradigma atual da Terra, durante as sessões Dolores hipnotiza seus clientes trazendo-os para o estado de ondas cerebrais “super-consciente”, um dos mais profundos transe que se pode experimentar, ela comentou sobre sua técnica em uma entrevista em No Limite.

“Eu desenvolvi minha própria técnica ao longo dos anos, não é como qualquer outra técnica de hipnose por aí, somos capazes de entrar em contato com o que eu chamo de a maior força que existe, e é a fonte de todo o conhecimento, eu encontrei a maneira de fazê-la passar por todas as pessoas com quem eu trabalho, e tenho trabalhado com milhares de pessoas.”

Os resultados de sua técnica são surpreendentes para dizer o mínimo, através dos anos ela começou a notar uma correlação entre as sessões dos clientes, que liga a jornada das almas encarnadas no planeta neste momento.

“Quando você vê milhares e milhares de clientes como eu faço como uma terapeuta e uma conselheira, você começa a ver uma linha comum passando por muitos dos casos, anteriormente costumava ser com todas as pessoas desejando voltar a uma vida passada e eu desejando encontrar algumas das respostas lá, então explorei a fonte de todo o conhecimento para responder suas perguntas e fazer a cura, apenas nos últimos cinco anos mais ou menos eu comecei a ver que todos os clientes não estavam indo para uma vida passada na Terra, comecei a descobrir que eles nunca tinham estado na Terra antes e que tinham vindo aqui diretamente de Deus, a partir da Fonte, a partir de outros planetas, de outras dimensões onde eram seres de luz, esse é o traço comum que tenho encontrado, e é daí que surgiu a teoria das três ondas de voluntários”.

doloresA teoria da nova Terra que Dolores propõe é que uma série de almas estão viajando de outros planetas e dimensões para ajudar a Terra neste momento, muitas destas almas são de uma vibração mais elevada do que as almas residentes na Terra, elas estão encarnando no planeta pela primeira vez, ela afirma que as almas que passaram muitas vidas reencarnando na Terra estão presas em um ciclo cármico, repetindo os mesmos padrões de erros e lições que estão levando à destruição do planeta, por isto houve um chamado para as almas mais puras virem à Terra para limpar e elevar a vibração do planeta.

Mas agora no corpo essas pessoas não têm qualquer memória do por que elas vieram, “elas vêm e uma amnésia desce sobre a pessoa, fazendo-as perderem a memória do por que estão aqui, mas este grupo tem uma energia para criar, é uma energia amorosa que vai mudar a mentalidade aqui na Terra, ela vai mudar a história, apenas por elas estarem aqui.”

Durante as viagens de seus clientes, Dolores descobriu que a Terra é um dos planetas mais densos em todo o Universo, a alma que encarna aqui é considerada corajosa porque a vida na Terra é uma experiência muito difícil de enfrentar, especialmente para as almas que vêm de reinos mais elevados e dos planetas de vibração mais elevada, no entanto, todos os seus clientes têm a mesma resposta quando questionados sobre a razão de sua vinda à Terra, eles simplesmente ouviram um chamado e responderam.

Em As três ondas de Voluntários e a nova Terra, Dolores discorre sobre as três diferentes classes de almas encarnadas na Terra.

A primeira onda: Chegou nos anos 50-60, alguns destes voluntários estão perturbados pela violência, raiva e ódio que eles experimentaram na Terra, eles tiveram o momento mais difícil de adaptação à vida como seres humanos, e muitos deles tentaram cometer suicídio.

A segunda onda: Chegou nos anos 70-80, esses voluntários estão mais confortáveis nos corpos, estão dizendo serem pilares de luz ou canais de energia que podem afetar os outros somente por estarem perto deles, sua missão é de apenas compartilhar a sua energia com os outros significando que eles não tem que fazer nada, mas apenas ser.

A terceira onda: Chegou nos anos 90, muitos dos quais são agora adolescentes, tem todo o conhecimento necessário para existir no planeta após a mudança dimensional e a transformação ocorrer, seu ADN é mais avançado e o maior desafio que enfrentam é serem mal compreendidos pelos humanos sendo diagnosticados como tendo uma condição (TDAH) que precisa ser medicada.

Curiosamente, por meio de suas muitas sessões com os clientes ela também tem escrito extensivamente sobre a civilização perdida de Atlântida, ela descobriu que como Atlântida, existiram numerosas civilizações que foram destruídas no passado.

“Cada vez que as pessoas chegam a um ponto em que elas começam a usar a energia de forma errada e não podem controlá-la, precisam ser interrompidas, e a cada vez tudo seria reiniciado no planeta, a civilização voltaria aos estágios primitivos e começaria tudo de novo, é por isso que eles não querem que isso aconteça neste momento, eles não querem começar de novo com o planeta e recomeçar a vida para a humanidade mais uma vez.

Durante uma sessão de hipnoterapia uma mulher voltou para Atlântida e estava me dizendo o motivo principal para a Atlântida ser destruída, foi-me dito que haviam alguns cientistas na época da Atlântida, que resolveram brincar com o que eles chamaram de matéria escura, disseram-me que esta é a mesma coisa que os cientistas estão fazendo agora quando eles estão brincando com o que chamamos de antimatéria, eles disseram que precisamos saber isso porque os cientistas estão fazendo a mesma coisa agora.

O Grande Colisor de Hádrons, experimento na Suíça é a mesma coisa, eles estão brincando com antimatéria, os cientistas que estão agora brincando com o experimento de Hádrons não tem ideia do que eles realmente estão fazendo, e isso é muito perigoso.

Se esses experimentos tivessem continuado na época da Atlântida teriam quebrado a grade do planeta causando uma implosão da Terra, e teria reverberado até o ponto onde teria quebrado as grades de todo o Universo, parou antes de chegar a esse ponto, mas uma destruição ocorreu.”

Quando perguntada sobre as críticas das pessoas sobre seu trabalho, ela diz que acha engraçadas as declarações das pessoas afirmando que ela é uma “grande escritora de ficção científica”.

“Não há nenhuma maneira na Terra que me permitisse inventar essas coisas, eu tenho 17 livros lá fora agora e tudo isso chegou através dos casos que eu trabalhei com pessoas comuns que andam na rua, eu não conhecia essas pessoas até que entraram pela porta do meu escritório, são de todas as profissões que você pode imaginar: CEOs de empresas, professores de faculdades, sacerdotes, xamãs e muitas pessoas comuns, eu não encontrei ninguém que não tivesse uma vida passada, quando comecei a escrever a série Universo Complicado me perguntava se alguém lá fora seria capaz de compreendê-lo, porque eu disse que o livro é para pessoas que querem ter suas mentes dobradas como pretzels, as pessoas quando lerem dirão: “Eu sei isso e eu não sei como eu sei isso, mas eu sei isso e eu sei que é verdade“.

No segmento final de sua entrevista com “No Limite”, Dolores foi questionada se havia algum pensamento final que ela queria deixar para as pessoas com relação à mudança na consciência.

“Estamos entrando em uma nova frequência, uma nova dimensão onde vai ser a nova Terra, e ela vai ser extremamente bonita, eles têm descrito nos livros suas belas cores, que tudo é totalmente AMOR.

Estamos nos movendo para longe da negatividade da velha Terra, e isso vai ser uma reviravolta completa, além do que imaginamos, todos nós estamos indo para lá agora, a nova Terra é o lugar onde devemos estar, a bíblia, no livro do apocalipse fala sobre um novo céu e uma nova Terra, é isto que estamos tendo agora, é a visão que São João teve na ilha de Pathos, mas ele não sabia que ia levar mais de dois mil anos antes que pudesse acontecer.

A coisa mais importante é que nós estamos vivendo o momento mais importante na história do Universo, e é muito importante estarmos aqui agora, há milhares de almas que gostariam de estar aqui para experimentar isso, mesmo se eles pudessem simplesmente estar aqui por algumas horas, eles dizem que poderiam nascer e morrer imediatamente para poderem dizer: “Eu estava lá quando isso aconteceu”, esta é a forma do quanto isso é importante para todo o Universo, você está vivendo em um tempo maravilhoso que nunca será repetido novamente.”

Para uma leitura fascinante confira o livro de Dolores As três ondas de Voluntário s e a nova Terra, bem como sua série Universo complicado.

Referências
1.) Cannon, Dolores. As Três Ondas dos Voluntários e a Nova Terra. Ozark Mountain Publishing, Inc. (15 de setembro de 2011)

2.) Cannon, Dolores. O Universo Conplicado: Livro Quatro. Ozark Mountain Publishing, Inc. (7 de novembro de 2011)

3.) http://www.edgemagazine.net/2011/08/the-three-waves-of-volunteers-part-one-with-dolores-cannon/

4.) http://www.edgemagazine.net/2011/08/the-three-waves-of-volunteers-part-two-with-dolores-cannon/

………………………………………………………………………..

Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível

Fonte primária: Collective Evolution | “WE ARE LIVING IN THE MOST IMPORTANT TIME IN THE HISTORY OF THE UNIVERSE” DOLORES CANNON DISCUSSES OUR CURRENT PARADIGM
Fonte secundária: Kauilapele’s Blog | Dolores Cannon 2-19-14…“We Are Living In The Most Important Time In The History Of The Universe”

Via Estamos vivendo o momento mais importante na história do Universo | A Luz é Invencível


Assista, neste vídeo, à entrevista em que a hipnoterapeuta Dolores Cannon, fala de seu livro “As Três Ondas de Voluntários e a Nova Terra”.

As Três Ondas de Voluntários e a nova Terra – Dolores Cannon

Publicado por Prof. Carlos de Oliveira em 15 de janeiro de 2018.

Via: As Três Ondas de Voluntários e a nova Terra – Dolores Cannon – YouTube


ALCANÇAR A PLENA CONSCIÊNCIA PODE SER UM PROCESSO SOLITÁRIO…

waiting

ALMA PRECIOSA, VOCÊ É NECESSÁRIA

Por: Sophie Bashford

 

Quero dizer o quanto você é necessária. Nesta abençoada terra abusada e maltratada, para essas pessoas que caminham sobre ela com corações fechados em dor, julgamento e pensamentos sombrios de separação, que o Universo sustenta com visões eternas de harmonia, unidade, paz e reequilíbrio.

Você é tão necessária. Você pode não ver o seu próprio valor, ou entender como a sua energia despertada atinge a consciência. Há muito tempo a sua sabedoria baseada na intuição foi reconhecida, valorizada e apreciada.

Você pode acordar todos os dias sentindo-se fora de lugar aqui. A plena consciência e a integridade espiritual requerem enorme coragem, perseverança e pode ser um processo solitário.

É preciso ser um processo solitário às vezes, particularmente quando você está purificando seus sistemas de energia, ressintonizando com as suas origens cósmicas e eliminando as formas inferiores, densas, negativas e limitadas de consciência que foram absorvidas nesta vida ou nas anteriores.

O que eu ouço consistentemente daqueles que estão em processos profundos de transformação e ascensão espiritual é que a solidão – ou a sensação de fazer tudo sozinho – é extremamente desafiadora.

Eu entendi isso completamente porque passei por isso. Em grande medida, ainda estou nisso. O que você deve reconhecer é que a fim de influenciar através das enormes novas ondas de Luz e recalibrar seus próprios sistemas de energia espiritual interna, você deve passar por purificações extremas. Você tem que aceitar que não pode haver muitas outras pessoas que “entendem” você, porque você está semeando e plantando o Novo.

Você carrega códigos e visões para um mundo novo que ainda não está estabelecido. Você está trazendo de volta vibrações, metodologia, consciência e sabedoria que têm suas raízes em civilizações espirituais muito antigas.

Abrir caminho para uma mudança significativa e duradoura na consciência exige um foco total, muito trabalho árduo, compromisso inabalável, uma necessidade de dedicar o seu Eu integralmente.

Isso o empurrará para abandonar o que você conhece como excessivamente seguro e confortável. Isso o levará a novos reinos de desafio pessoal, onde você deve acomodar-se com o fato de que nem todos gostarão de você, concordam com você, aceitam você ou enxergam quem você é.

Claro que nem todos aceitarão ou gostarão do que você está trazendo. Isso significa que você está colocando a bomba da transformação pessoal sob eles. Você está trazendo-os contra o seu espelho interno; exigindo que eles enfrentem as ilusões do ego e o garra terrível da mente inferior e limitada.

Você está desafiando as pessoas no seu âmago; sacudindo e tilintando os seus ossos. Você nem sempre deve ser popular, aprovado, acolhido, compreendido, aceito e recebido.

Como Marianne Williamson diz:

“Uma vida significativa não é um concurso de popularidade. Fazer o que você sente é a coisa certa, e você não pode obter aprovação do mundo. Faça isso de qualquer maneira”.

Se vocês estão trazendo aqui seus códigos de ascensão, sua maior vibração de fontes de Luz, sua mais profunda sabedoria de cura, posso garantir que vocês terão momentos em que vocês se sentem sozinhos, incompreendidos, talvez até mesmo atacados ou rejeitados.

Alguns desses sentimentos podem surgir de memórias do passado do seu papel como curandeiros poderosos e professores espirituais. Se for esse o caso, os sentimentos estão vindo para serem curados pela Luz.

É por isso que é tão importante saber que você é necessário, urgentemente, para continuar com as suas missões guiadas. É vital saber que você irá atrair a sua Família de Almas ao seu lado em um momento perfeito.

Pode não haver um grande número delas para começar, mas haverá as pessoas certas ao seu lado que acreditam em você, amam-no incondicionalmente, nunca o julgam e sabem que você está aqui para trazer uma nova energia muito importante.

Faça uma escolha para apenas abrir o seu coração e alma para aqueles que você sabe serem confiáveis e cuidadosos com a sua sensitiva vibração. Certifique-se de que você só compartilhe seus sentimentos e sonhos com outros Trabalhadores da Luz que sabem quem você é.

Isso lhe dará a força que você precisa, porque essas pessoas não serão resistentes à Nova Energia que você é destinado para trazer. Eles não se sentirão ameaçados pelo seu poder e propósito. Eles irão apoiá-lo quando você sentir desânimo, manterão você caminhando quando precisar de encorajamento, insistindo para você que tornar acessível a sua bela vibração e brilhá-la é esplendoroso.

Você é tão tão necessária Alma Preciosa. Que imenso ato de bravura foi concordar em vir aqui novamente neste período de mudança tumultuada e dramática para a Ascensão na Terra.

Que alma imensamente corajosa você é. Respire dentro do conhecimento que você é um Guerreiro da Verdade, da Luz e da Sabedoria.

Continue, leve um dia por vez, e faça o que você é orientado a fazer. Trabalhe duro, porque sua missão irá exigir isso de você. Dê tudo o que você tem sem pensar no que você receberá.

Isso é tudo o que você precisa fazer. O resto criará e se desenvolverá perfeitamente.

Você é tão necessária. Tome hoje este pensamento profundamente em seu coração cheio de Luz.

…………………………………………………………………………………………………

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar

http://www.decoracaoacoracao.blog.br
https://lecocq.wordpress.com
Sophie Bashford www.sophiebashford.com

Fonte: Facebook | Ulrikke Papaya Aagaard | PRECIOUS SOUL, YOU ARE NEEDED
Tradução Vilma Capuano – vilmacapuano@yahoo.com.br

Via: ALMA PRECIOSA, VOCÊ É NECESSÁRIA – De Coração a Coração

 


Ouça também a mensagem através deste vídeo:

ALMA PRECIOSA, VOCÊ É NECESSÁRIA

Publicado por Luz Das Estrelas em 15 de fevereiro de 2018

Via: ALMA PRECIOSA, VOCÊ É NECESSÁRIA – YouTube


OS SERES DAS ESTRELAS NASCIDOS PARA AJUDAR A CRIAR UM NOVO MUNDO…

a-trip-through-time-and-beyond

SEMENTES ESTELARES – ALMAS  DE MUNDOS AVANÇADOS ENCARNADOS NO PLANETA TERRA

starseed (editado)Compilado por Noi e gli Extraterrestri
do Livro “Il Piano Divino per la Terra

 

Membros de várias confederações interestelares – muitos dos quais têm seus representantes atualmente encarnados fisicamente na Terra – aproximaram-se do nosso planeta para nos ajudar neste período crítico e dramático, a fim de influenciar e contribuir para a mudança de consciência do ser humano e elevar as vibrações de nosso mundo.

Há muitas classes diferentes de servidores que tomaram a forma humana na Terra provenientes dos andares superiores de vários sistemas estelares. Estes seres benevolentes, diligentes e dedicados, denominados Sementes Estelares optaram por descer em esferas densas de nossos corpos planetários para dirigir (com pouco esforço e sem problemas) a humanidade em uma tarefa muito importante.

Os Starseed ou Sementes Estelares ou Crianças das Estrelas, são seres evoluídos de outros planetas, um outro sistema solar ou galáxia, cuja missão específica é ajudar o Planeta Terra e seu povo durante a entrada na Nova Era que está começando agora e estará presente em maior escala no futuro próximo.

As Sementes Estelares estão encarnadas na mesma condição de fraqueza e total amnésia sobre a sua identidade, sua origem e os efeitos que sofrem os humanos na Terra.

No entanto, os genes das Sementes Estelares têm em si um código para despertar, que serve para ativá-los em um tempo pré-determinado de suas vidas. O despertar pode ser suave e gradual, ou pode ser muito repentino e dramático.

Em ambos os tipos de evento, é recuperado certo grau da memória, permitindo que as Sementes conheçam a responsabilidade pela sua própria missão. Entretanto as conexões com os seus superiores permanecem fortalecidas, e isso permite que eles sejam impulsionados em grande parte pelo seu conhecimento interior.

Muitas Sementes Estelares podem em poucos anos redefinir os padrões de comportamento, superando medos que os seres humanos podem precisar de muitas encarnações para eliminar. Isso acontece porque as Sementes Estelares já se comprometeram em missões semelhantes em outros planetas, e têm uma boa familiaridade com os procedimentos e as técnicas necessárias para elevar a consciência.

As Sementes Estelares sentem saudades e emoções de fatos que podem originar-se a partir de um outro mundo, e mais tarde isso vai trazer certeza de sua missão. Eles experimentam a solidão e o sentimento de separação típica da condição humana, mas também têm a sensação de serem estrangeiros neste planeta. Eles acham o comportamento e os motivos da nossa sociedade ilógicas e difíceis de entender.

As Sementes Estelares são muitas vezes relutantes em se envolver com as instituições da sociedade, por exemplo, na saúde e política, religiosa e econômica. Com pouca idade, eles tendem a distinguir e saber com clareza incomum as intenções e as agendas ocultas destas estruturas sociais.

Os conceitos de naves espaciais, viagens intergalácticas, de fenômenos paranormais, as formas de vida sencientes em outras galáxias, são, obviamente, tudo natural e lógico para eles.

Sendo assim o seu trabalho está entre os mais difíceis de realizar em uma dimensão densa como a nossa, os Filhos das Estrelas foram selecionados na nossa galáxia e em galaxias mais distantes.Poucos seres foram voluntários para realizar um trabalho semelhante, com o risco de esquecer quem são e perder sua conexão com o seu Eu Superior.

Mesmo que os Filhos das Estrelas sejam uma porcentagem muito pequena da população da Terra, a sua missão é importante e muito variada. Primeiro de tudo, eles têm que passar por esta vida física e serem capaz de se lembrar de quem são .

Quando essa conexão é feita, são atraídos a empreender um processo de transformação que os leva a se tornarem íntegros, centrados e conectados com o seu Eu Superior. Uma vez que os Filhos das Estrelas percebam quem são, podem começar a ajudar as almas iluminadas do planeta para ancorar luz com a Mãe Terra. As Sementes despertas estão prontas para ancorar luz no planeta, realizar rituais, meditar e concentrar as suas energias nas situações que precisam ser mudadas para o bem de todos.

As Sementes Estelares, em alguns momentos de suas vidas, para coincidir com o despertar, têm contatos com seres extraterrestres. Muitas vezes a lembrança de ser levado a bordo de naves para contatar a sua família original acontece a noite durante o sonho, viagem astral, ou por um plano dimensional totalmente diferente dos processos normais de comunicação; podem também ter o contato físico, avistamentos de OVNIs e luzes estranhas no céu.

.


Fonte:  Noi e gli Extraterrestri | STARSEED – ANIME DI MONDI EVOLUTI INCARNATE SUL PIANETA TERRA
Traduzido do Italiano por: Bott

Via: Uma Nova Terra.: SEMENTES ESTELARES – ALMAS DE MUNDOS AVANÇADOS ENCARNADOS NO PLANETA TERRA

A CONEXÃO COM DEUS NOS TORNA FORTES PORQUE NADA É IMPOSSÍVEL PARA ELE…

Samadhi

SUPERANDO  AS  CRÍTICAS  AO  HONRAREM  A  SUA  PRÓPRIA VERDADE  E  A  DO  PRÓXIMO

Saul-Paulo de TarsoSaul

Canalizado por: Gabriel RL

.

Quando vocês se alinham com as energias mais elevadas e as permitem entrar no seu ser e reverberar, começam a perceber uma mudança não só em vocês, mas em todos que estão próximos porque, de alguma maneira, essas pessoas próximas são afetadas pelo campo vibracional que vocês irradiam. É normal que vocês cheguem a um ambiente que está, de alguma forma, desarmônico e, com sua simples presença, como num passe de mágica, algo parece acontecer: a harmonia volta a reinar. Esse é um sinal claro da sua Unidade com Deus e um reconhecimento interior dessa unidade, pois quando isso começa a acontecer, é evidente que sua reconexão com a Fonte está acontecendo.

Deus permitiu que vocês saíssem da Sua presença amorosa, em honra aos seus desejos de experimentarem o nunca antes haviam experimentado. Mergulharam nas mais profundas trevas e, em um ato de desespero, clamaram aos céus por respostas, devido aos vazios que sentiam. Vazios esses, que nada mais são do que as suas desconexões da Fonte. Quando essa reconexão começa a ser restabelecida, coisas como acalmar ambientes com a sua presença e atrair a atenção das pessoas quando está falando, a ponto de encantar os que o ouvem – é um abençoado sinal de que Deus está novamente tendo espaço em seu coração. O reconhecimento de que nunca estiveram sozinhos é o que irá preencher esse vazio. Não apenas por saberem que nunca estiveram sozinhos, mas, simplesmente, por reconhecerem que vocês são o próprio Deus que escolheu experimentar várias coisas através de diferentes visões.

Vocês e Deus são Um, e nada mudará isso! Independente do que aconteça, do que escolham, nada mudará isso. Acontece que vocês escolheram se separar dEle para experimentarem algo realmente desafiador, e perceberam que precisam dEle para ser quem são, em plenitude. O vazio dessa desconexão os atormentou profundamente e viram que vocês só são Um com Ele. Vocês precisarem dEle, não quer dizer que sejam dependentes dEle, no sentido de serem incapazes de viver sozinhos. E, como “adultos”, a unidade com Ele é o que lhes dá o conhecimento e a força para serem, realmente, autossuficientes. É uma grande ilusão acharem que, desconectados dEle, vocês conseguiriam construir o que junto com Ele construíram. E quando tentaram construir algo separados dEle, tal como foi a ilusão criada na qual se precipitaram para dentro, viram que isso lhes trouxe um vazio e um desespero desolador. Quando estão separados dEle, vocês se esquecem disso. Esquecem-se que somente conectados a Ele podem, realmente, criar ambientes alegres e construtivos. Separados dEle, vocês se tornam impotentes, inseguros, temerosos diante de qualquer coisa que venha a acontecer. Quando reconhecem a sua unidade com Deus, vocês se tornam seres poderosos, na mesma simplicidade que tudo É. Vocês foram criados à imagem e semelhança dEle e é por isso que quando conectados a Ele, nessa consciência, vocês são poderosos criadores. Quando conectados a Ele, vocês são invencíveis e nada lhes há de faltar. É disso que Jesus falava quando dizia: “Buscai, assim, em primeiro lugar, o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas”. Isso significa que, ao retomar essa conexão com Ele, tudo voltará a ser como antes, e nada mais lhes será assustador. Nunca mais sofrerão ou terão qualquer sinal daquele vazio que sentiram e sentem ao estarem desconectados dEle. Quando vocês se reconhecem Um com Ele, e retomam essa conexão, nada será impossível para vocês, porque nada é impossível para Ele.

Eis que Ele tem enviado constantes sinais para os seus despertares a essa realidade mais elevada, onde vocês não sofrem o vazio da desconexão. Esse despertar – que de fato é iminente, como muitos têm anunciado – ao lerem essa minha mensagem vocês já podem sentir a vibração que nela há. Enquanto a escrevo, todos nós, nos Reinos da Luz, enviamos o nosso desejo mais sincero para que despertem, completamente, e saibam que o Reino de Deus está dentro de você e completamente à disposição para ser acessado. Indubitavelmente, haverá maior alegria quando vocês despertarem por completo, pois retomarão, rapidamente, toda a sua consciência de antes, e tudo o que passou ficará para trás, rapidamente, e nem se lembrarão mais. É o momento de um maravilhoso reencontro!

Por um instante, nós os convidamos para estarem conosco através de um breve silêncio e um fechar de olhos, quando poderão nos sentir aos seus arredores testemunhando a verdade dessas palavras, através dos sentimentos alegres e confiantes que temos, esses que nos permitem afirmar, seguramente, que vocês são seres altamente poderosos e não há nada que possa abalá-los. Apenas o mergulho na ilusão de onde, Graças a Deus, estão a se retirar.

Não recusem as ofertas de ajuda de pessoas amáveis que se aproximam de vocês, a fim de dar-lhes algo que, certamente, servirá em sua caminhada de despertar. Muitas vezes, essas pessoas amáveis, assumem papeis “feios” para ajudá-los em alguma questão que é dolorosa e que vocês precisam se libertar. Muitos de vocês, quando são ofendidos ou desacreditados, tendem a reforçar esses sentimentos em si mesmos. Isso acontece porque quando vocês mergulharam na ilusão que, diga-se de passagem, criaram tão bem – mas não tão bem como quando criam em Unidade com Deus – a ideia de inferioridade e incapacidade tornou-se fortemente ativa em vocês, provocando negações constantes de qualquer ajuda que viesse a vocês, seja uma ajuda considerada boa, ou uma crítica.

Aprendam a receber com Amor tudo que chega a vocês, independente do que seja, pois tudo que chegar é para erguê-los da ilusão. Quando uma crítica chega, significa que você está sendo chamado a reforçar o Amor por si mesmo, e que precisa ouvir pessoas à sua volta. Muitas vezes, alguém muito próximo precisa ser ouvido e você acaba por não ouvi-lo. Quando um recado de Amor chega, significa também que você precisa reforçar ainda mais esse Amor em você mesmo, e compartilhá-lo, também, na mesma intensidade.

São tantos sinais que lhes enviamos, tantos sinais para que vocês saiam da ilusão! Ouçam-nos! Ouçam o seu próprio coração! Ouçam a sua verdade e aceitem-na! Aceitem a verdade do próximo com Amor. Aprendam a receber, ainda que críticas, aprendam a receber! Quando vocês aprendem, amorosamente, a receber críticas, mais facilmente vocês também se abrem para o Amor, pois quando uma crítica chega até vocês e vocês as recebem com Amor, significa que, finalmente, vocês estão saindo da ilusão de não merecedores! Oh! Nós ouvimos tantas exclamações como essa: “Eu não mereço essa crítica!” Oh, ainda assim é negação! Você é merecedor de tudo! Tudo de bom! A crítica, aquela que vocês consideram destrutiva, que lhes deixam tristes, é uma ilusão! Não existe! Se ela chega a vocês através de uma alma, aprendam a receber aceitando-a, pois quando vocês aceitam em amorosidade, ela se dissolve nesse Amor, e não os afetará, simplesmente, porque nada pode afetá-los e tudo, tudo são bênçãos para vocês! Quando estão abertos para receber de tudo, vocês entram em um estado poderoso de autoproteção e inviolabilidade. Ao contrário do que alguns pensam e dizem, que isso seria dar brecha para se ferir! Não! Quanto mais vocês se abrem para receber, seja lá o que for, mais protegidos vocês são! Quanto mais abertos, mais Luz vocês manifestam. Quanto mais Luz vocês manifestam, mais pessoas vocês ajudam e se tornam uma maior Unidade com Deus! Sendo assim, Deus pode ser afetado? Nunca! Ser criticado ou não, precisa ser indiferente para vocês. Imaginem que uma crítica e um elogio vêm dentro de uma caixa de ouro. Independente do que esteja lá dentro, recebam em Amor. Se alguém agride você verbalmente, ouvir, em amorosidade, é o suficiente para que aquela energia não o afete. Se revidar, sim, o afeta, pois você torna a entrar na ilusão, pois tudo que não é Amor é ilusão.

Você é um sol brilhante e radiante, e nada pode abalar ou afetar o seu brilho. Deus recebe elogios e críticas todos os dias. Nós mesmos também recebemos. Alguns, ao lerem essa nossa mensagem, nos criticarão. Mesmo assim, isso não mudará quem somos, o que fazemos e o que pretendemos fazer. Nós recebemos tudo em Amor, pois sabemos que somente o Amor é o que, verdadeiramente, garante o nosso estado sublimado de ser. Se alguém nos critica, insulta ou atenta de qualquer maneira contra nós, apenas sorrimos em passividade e receptividade. Não que signifique que você deva permitir alguém atentar contra a sua vida, mas se você está nesse estado sublimado de ser, a pessoa não terá força alguma para erguer um punho contra você e, naturalmente, se não tiver que experimentar tal coisa, ela será tirada do seu caminho. Por fim, estejam sempre abertos para o Amor, para receberem e darem, mesmo que alguém os critique ou os insulte. Lembrem-se de mostrar a esses que agem dessa maneira, como se sair da ilusão, mantendo-se amorosamente pacíficos. Quando eles agem assim, escutem algo como se eles estivessem dizendo “Como saímos daqui? Ajudem-nos!” E vocês, mantendo-se em amorosidade, estarão dizendo “Vejam! Vocês não precisam estar aí! Venham para cá! Aqui é muito mais prazeroso”.

Nós desejamos que tenham um ano abençoado e que vejam, a cada dia, a sua grandiosidade em meio a tudo isso! A ilusão está se dissolvendo. Foi algo que, tão poderosamente vocês criaram e que, da mesma forma, tão poderosamente, vocês mesmos estão desfazendo.

E que as verdades dos seus irmãos e irmãs não os firam quando elas forem diferentes das suas. A sua verdade é tão importante quanto à deles, e cada verdade forma UMA VERDADE JUNTA. Ao compreenderem isso, significa que vocês se amam a ponto de honrarem os seus irmãos e irmãs como a si mesmos. E quando se honram uns aos outros, é assim que o sofrimento se desfaz, porque este também é uma ilusão.  E a ilusão não resiste à Luz do Amor e Unidade.

Com muitíssimo Amor,

SAUL

Gabriel RL: Muito grato, querido Saul!

Revisão de texto: Marilene P. Costa e Solange Yabushita

Via: Sementes das Estrelas: SAUL – “SUPERANDO AS CRÍTICAS AO HONRAREM A SUA PRÓPRIA VERDADE E A DO PRÓXIMO” – 08.01.2018 (GABRIEL RL)


Ouça também a mensagem através deste vídeo:

SAUL – SUPERANDO AS CRÍTICAS AO HONRAREM A SUA PRÓPRIA VERDADE E A DO PRÓXIMO

Publicado por Luz Das Estrelas em 17 de jan de 2018

Via: SAUL – SUPERANDO AS CRÍTICAS AO HONRAREM A SUA PRÓPRIA VERDADE E A DO PRÓXIMO – YouTube


UM PODEROSO DESPERTAR PARA AS VERDADES MAIS PROFUNDAS…

Awakening 2012-2_Daniel B. Holeman

2018: MUITO ESTARÁ SUBINDO À SUPERFÍCIE / VOCÊ TEM PRESENTES A OFERECER

O Grupo ArcturianoGrupo Arcturiano

 Canalizado por: Marilyn Rafaelle
em 31 de dezenbro, 2017.

Saudações e um Feliz Ano Novo para todos. 2018 será certamente um novo ano, pois você está trazendo a energia da iluminação para a linha de frente em muitas áreas. Tente não julgar eventos mundiais ou interpretar a cena externa durante este novo ano a partir da perspectiva de crenças tridimensionais.

Este momento agora é um momento novo, em que muitas crenças e conceitos que eram considerados “amorosos” estão sendo reconhecidas pelo que eles realmente são – interesses egoístas, rigorosos e totalmente baseados na separação. A energia velha e densa não consegue se sustentar na presença das frequências mais altas de Luz, agora inundando a própria Gaia e todos que estão receptivos.

As energias dos séculos de consciência não-desperta permanecem armazenadas em determinados locais físicos, assim como é mantida na memória celular pessoal até que seja iluminada. As frequências mais altas da evolução espiritual agora cada vez mais dominantes estão agindo para “dissolver” automaticamente muito daquilo que é de baixa vibração. (Imagine um ponto de Luz concentrado em uma caverna escura). É por isso que, em certo ponto, na jornada evolutiva de todos, o Karma simplesmente não existe mais. Karma é simplesmente alinhamento energético e não apenas “acerto de contas” como muitos acreditam.

O fogo é uma das maneiras que Gaia libera e limpa a energia densa e armazenada. Ela escolheu ascender e é por livre arbítrio a escolha de cada indivíduo sobre se eles irão ou não com ela. Nem todas as energias que estão sendo iluminadas por Gaia são antigas, muitas estão sendo criadas em cada momento por aqueles ainda totalmente envolvidos no sistema de crenças da terceira dimensão.

É um momento poderoso de despertar para todos os que escolheram aceitar esse presente. Os indivíduos muitas vezes não estão conscientes de terem feito a escolha de ascender, porque foi feita antes do nascimento ou em algum nível mais profundo do qual a pessoa não está ciente. Esses queridos muitas vezes vêem suas vidas “desmoronar” de acordo com os conceitos humanos e não entendem o que está acontecendo ou o porquê. No entanto, a perda de “controle” é muitas vezes a única forma que abrirá um indivíduo para além do “conforto”  tridimensional.

Lembre-se sempre que com a mudança não há nada a temer, pois nada que é real será ou nunca poderá ser dissolvido. É apenas o conceito falso de algo que desaparece permitindo que uma forma mais pura e sutil de sua realidade espiritual se manifeste. Sem saber, grande parte do mundo tenta inconscientemente manter as ideias, os relacionamentos, o emprego e as coisas que lhes são familiares e confortáveis, recusando-se a permitir que elas se expandam para além.

Uma vez que uma alma escolhe despertar e evoluir, não é possível o retorno a um estado de consciência anterior. Uma pessoa não pode voltar a “dormir” uma vez que ela começa a despertar para verdades mais profundas. É o direito de nascença de cada pessoa que, em algum momento, lembre-se de quem e o que são e quando o processo começa, é impossível “não lembrar” ou voltar a um momento em que as coisas pareciam mais simples, embora muitas tentem.

A humanidade pediu e rezou por essa mudança, mas a maioria imaginou como uma varinha de luz que desceria do alto, mudaria tudo desagradável e removeria todos os caras “maus”. Não queridos, vocês são os que estão fazendo o trabalho. É a consciência coletiva da humanidade que cria a cena externa. É por isso que é importante não entregar seu poder para aparências discordantes, mas sim manter  seu foco na realidade por trás de todas as coisas. A Luz que você sustenta, e que flui de você, acrescenta Luz à consciência universal. Vocês são criadores criando o novo mundo.

Você sabia e esperava ansiosamente que fosse parte do processo de ascensão antes de encarnar nessa vida, mas as energias tridimensionais fizeram você não se lembrar, o que causou muitos bem-intencionados se perderem nas ilusões do sentido material. Muitos desejosos de estar aqui neste momento não tinham permissão para vir. Você está aqui porque sua consciência estava pronta para ajudar com esta transição de alguma forma. Você tem presentes para oferecer, os quais são tão simples como a bondade e a consideração por aqueles que estão à sua volta que talvez nunca tenham experimentado o amor.

O Grupo Arcturiano deseja falar sobre o ano de 2018 em que muito estará subindo à superfície. As camadas de detritos energéticos foram limpas, o que deixará em evidência muito daquilo que estava escondido – energias antigas e densas. Tente não cair no medo se ou quando aparências externas tentarem fazer você duvidar ou resistir à mudança. A resistência de qualquer tipo simplesmente acrescenta o poder da realidade à alguma ilusão.

Tome tempo todos os dias, mesmo várias vezes ao dia para entrar em seu centro. Pratique o amor incondicional nas experiências comuns de cada dia. Ao fazer isso, você está construindo uma consciência de empoderamento, que é a única proteção e segurança que você precisa. Neste ano novo, a intensidade da Luz servirá para expor muito daquilo que tentará influenciar você a questionar e sentir emoções de desesperança.

Vocês são seres fortes e poderosos da Luz aqui neste momento não só para adicionar Luz à consciência universal, mas para sustentar e levar esta Luz com você em todos os lugares por onde vai, o que, por sua vez, ajuda a dissolver as energias de vibração mais baixas presentes. Em certo ponto da jornada espiritual, o “trabalho de proteção” torna-se obsoleto porque existe a percepção de que não há nada de real que você precise se proteger. A Luz do seu próprio estado de consciência alcançado é sua proteção.

Você está pronto para recuperar o seu poder em relação a todos os aspectos da sua vida – física, emocional, mental e espiritual. Você fez o trabalho, ouviu a sua intuição e está bem preparado, mesmo que não o pense, para corajosamente monitorar, escolher e confiar em si mesmo para tomar decisões, agir e, se necessário, separar-se de quaisquer conceitos tridimensionais, mesmo pressionado por familiares, amigos, especialistas, líderes ou autoridades religiosas.

Este será um ano de exposição, permitindo que muitos reconheçam as intenções e objetivos ocultos daqueles que buscam promover o medo e esconder a Luz. Esteja pronto para entender o que as aparências representam, não se deixando enganar ao pensar que o processo de ascensão falhou. A ascensão para as freqüências mais altas da luz não acontecerá para aqueles que ainda não estão prontos para isso, mas acontecerá para todos os que estão preparados e desejosos.

Saiba que Legiões de Seres de Luz celestiais estão prontas para guiar e ajudar todos os que estão abertos a isso neste momento. Muitos do outro lado e outras sociedades planetárias estão simplesmente observando, pois é um grande evento ter uma mudança dimensional, enquanto aqueles sobre ela permanecem nos corpos físicos. Você está sendo observado, guiado e amado com grande intensidade.

Nunca acredite que esteja sozinho, pois está sempre conectado à Fonte por ser a expressão dela. As energias divinas estão sempre presentes, apenas aguardando o reconhecimento e a aceitação individuais que lhes permitirão se manifestar.

Não há como você “falhar” porque a Consciência Divina é o que você é. Você pode “atrasar” a evolução espiritual durante o tempo que desejar, porque o livre arbítrio lhe permite liberdade de escolha. Alguns optaram por não despertar neste momento específico, mas esses queridos não são sua preocupação nem você tem o dever de “salvá-los” mesmo que sejam parceiros, amigos ou parentes. Talvez ainda não seja o tempo dele para despertar e o seu desejo bem-intencionado de “intervir” na escolha dele podem interferir no processo que ele escolheu.

Nossa mensagem para este novo ano é que você esteja preparado em virtude do seu trabalho interior, para permanecer firmemente na verdade, independentemente das manifestações que representam estados de consciência antigos e obsoletos. Haverá ocasiões em que a tentação de duvidar será forte.

Um estado de consciência esclarecido contém um escudo e uma espada energéticos, como é representado nas imagens do Arcanjo Miguel, pois a coragem e a bravura são seus dons energéticos. Isso permite que um indivíduo se mantenha firme e destemido diante de todas e quaisquer aparências, plenamente conscientes da invalidade de qualquer coisa formada por falsos conceitos e crenças.

A Fonte/Deus é o único Poder.

Nós Somos o Grupo Arcturiano.

…………………….…………………………….…………………………………………………………….

Fonte: Oneness of All | DECEMBER 31,2017
Tradução: Sementes das Estrelas / Valéria Albuquerque

Via: Sementes das Estrelas: GRUPO ARCTURIANO – “2018: MUITO ESTARÁ SUBINDO À SUPERFÍCIE / VOCÊ TEM PRESENTES A OFERECER” – 31.12.2017

 


Ouça também a mensagem através deste vídeo:

A TRANSIÇÃO e a LIMPEZA PLANETÁRIA p/Arturianos

Publicado por ESSENCIA AYAM Mensagens de Luz em 6 de jan de 2018

Via: A TRANSIÇÃO e a LIMPEZA PLANETÁRIA p/Arturianos – YouTube

 


A PRESENÇA DO CAOS VERSUS A HARMONIA SERÁ ENFATIZADA EM 2018…

luz e cores

AS ENERGIAS DE JANEIRO DE 2018 (Parte 1)

UM  NOVO  CICLO  DE  EVOLUÇÃO  CONSCIENTE  &  INICIAÇÃO  GALÁCTICA

Por: Natalia Alba
em 30 de dezembro, 2017

 

“Uma vida de escolha é uma vida de ação consciente. Uma vida de chance é uma vida de criação inconsciente”
~ Neale Donald Walsch.

Amados Emissários da Luz,

É com grande alegria que compartilho a frequência deste novo mês energético! Porque mesmo que na verdade não haja inícios ou fins, visto que ambos estão interligados, já estamos habitando na Linha do Tempo Iluminada da 5D, que escolhemos conscientemente. Este momento, conforme recebi, veio com a última Lua Nova em Sagitário, pois está alinhada com a Terra, o Sol e Saturno, com o Centro Galáctico – finalmente nos coroando como seres galácticos que somos. É uma etapa de integração da consciência galáctica, de cura da polaridade e acima de tudo, para nós, que sempre permanecemos nesta nova frequência, visto que somente permanecendo em um estado amoroso e calmo de ser, podemos criar esta mesma realidade externamente.

Há muitas pessoas que me perguntam se algo no externo, no Planeta, vai mudar. Elas gostariam de saber quando esta Era chegará exatamente. O que esta vinda produzirá? Quais as mudanças que observaremos no coletivo? A única mudança visível que vocês terão é aquela criada internamente, visto que é exatamente a partir dessa mudança interna que as externas começam – não para mudar – mas para ajustar-se às suas frequências atuais.

Na minha realidade, não vejo violência, eu saio e vejo somente pessoas gentis, e quando os outros tendem a encontrar drama e indelicadeza, eu apenas encontro sorrisos e dádivas preciosas, onde quer que eu vá, porque isso é o que eu sinto internamente, que irradio, e daí, com o que posso ser alinhada. Não diz respeito ao exterior. Nada irá salvá-los exceto vocês mesmos. Agora estamos acessando um ciclo de criação consciente e de autocapacitação, deixando para trás os arquétipos de vítimas, assim como outros mecanismos egoicos. Não se trata de esperar por algo, mas de criar por nós mesmos.

Este Ano Novo de 2018 será regido por uma frequência universal 11/2. Refere-se ao despertar das massas, ao adquirir a mestria para os que estão prontos para dar esse passo e ajudar-nos a recuperar a Sabedoria Divina que reside dentro de nós, e começar novamente, ao nos desligar da consciência tridimensional, algo que cada vez mais almas estão escolhendo fazer diariamente.

Para as almas em ascensão, 11 é um sinal da automestria que atingimos, embora esse trabalho interior nunca cesse, assim como o trabalho profundo que estamos fazendo de integração da polaridade. Visto que o número 1 possui uma energia masculina, enquanto o 2, a soma de ambos os números, possua uma essência feminina, algo que está nos mostrando a necessidade de todos nós, finalmente, acolher ambos os polos, como iguais.

Para alguns, este será um ano para unificar os aspectos internos que ainda não estão unificados, trabalhando em si mesmos mais do que em seus relacionamentos. Para outros, que fizeram esse trabalho interno, será um ano baseado na harmonização dos seus relacionamentos, como o número 2 nos faz recordar. É tudo de acordo com o que precisamos devido ao lugar em que estamos.

Esse também é um número criativo, que traz a inovação e uma nova maneira de ver a realidade, algo fundamental em um momento em que cada vez mais almas estão tentando desvincular-se da matriz da terceira dimensão e da sua realidade manipuladora. O número 11 é uma frequência que nos apresenta aos planos invisíveis, visto que a sua natureza é etérea e sua essência está conectada  aos Reinos Iluminados, para onde vamos, para um novo espaço onde começamos a estar um pouco mais próximos das frequências superiores dos planos da 6D/7D e da nossa verdadeira origem divina.

2018 é um ano em que a presença do caos versus a harmonia será enfatizada no Planeta. É nossa a escolha continuar optando pela unidade no meio do caos, que outros desejam criar, para continuar o controle da Terra, ou permanecer alimentando essa ilusão da separação. Durante este ano, as almas ascendentes que já dominaram a fusão de ambas as polaridades, vão vivenciar os resultados dos anos de automestria, e mesmo que apenas dominemos determinados aspectos do self para continuar descobrindo outros novos, a fim de continuar trabalhando, também estaremos experimentando a harmonia, o equilíbrio e o amor divino que essas novas frequências oferecem.

Como sempre, a presença de ambas as forças – escuridão e luz – estarão presentes para que vocês escolham com qual delas desejam alinhar-se. Este ano, se bem entendido, oferecerá uma oportunidade única para as almas que estão ainda aprendendo como exercer a mestria e ver como iguais ambas as polaridades opostas – escuridão e luz/feminino e masculino.

Para a maioria das almas ascendentes, este é um ano para semear e dominar novos horizontes enquanto continuam também a dominar os relacionamentos humanos, fazer novas parcerias, trabalhar em uníssono, não mais de um modo solitário, porque mesmo que estejamos aqui como um aspecto individualizado da Fonte, estamos deixando para trás mais de nosso velho senso de separação, nos unindo como uma equipe para cocriar nossas visões anímicas mais profundas, finalmente compreendendo que não se trata de nós, mas sim, de ajudar ao Todo.

Nova passagem de integração galáctica

Meus amados, daqui para frente estaremos plenamente imersos em uma nova onda galáctica até o início de fevereiro.  Naquele novo mês estaremos no modo de integração, porque há muito para ser baixado e ancorado em nosso corpo e no plano físico.

Este é um momento de expansão, mas também de trabalho árduo para aqueles que estão trabalhando em tempo integral nesta missão, que é a maioria de nós, porque começamos a ajudar pela própria essência nossa. Ainda há muito trabalho a fazer com as Grades da Nova Terra, visto que a restruturação das Grades da Terra, assim como a ativação de muitos lugares na Terra ainda não terminaram.

Existem apenas alguns pequenos locais no mundo, de acordo com a minha orientação, que são realmente cristalinos e que detêm uma frequência pentadimensional, como é por exemplo o caso bem conhecido do Monte Shasta, nos Estados Unidos, ou, por exemplo, Montserrat (Barcelona) na Espanha. Portanto, o Planeta precisa de muita ajuda para se purificar e ajudar em tudo que pudermos para trazer de volta essa pureza perdida.

Durante esse período, vocês podem ter algumas sensações físicas, porque todos nós somos únicos e os nossos corpos nos dirão o que precisamos liberar. Determinados papeis de alma podem ter mais essas sensações, porque trabalham em estreita colaboração com a Terra. São estes:

  • Ativadores da Terra e curadores em geral
  • Purificadores da Terra
  • Guardiães
  • Trabalhadores da Grade
  • Estabilizadores
  • Unificadores da Terra – como eu chamo aqueles que estão aqui para restaurar o nosso senso profundo de polaridade. Eles já vêm com esse conhecimento de como unificar as polaridades e agem como professores, e por sua essência, o equilíbrio entre ambas é restaurado.

E aqueles cuja missão principal é ajudar a curar as estruturas tridimensionais manipuladas da Terra sentirão a necessidade de descansar mais e terão mais sensações, porque o trabalho é muito intenso, tanto no plano físico quanto no plano astral.

Para os que estão começando a se abrir para os seus papeis anímicos e sentem que os papeis acima podem ser uma de suas missões, utilizar os Raios diamantino, esmeralda e branco podem ajudá-los a purificar e ancorar as frequências específicas a que se referem, é de grande ajuda!

Existem algumas sensações físicas comuns que me disseram para compartilhar e que eu mesma estou enfrentando:

  • Desorientação – devido ao sentimento que temos de estar perdendo todo o senso do tempo, principalmente para os solitários, como é o meu caso, que estamos literalmente vivendo dentro e fora deste mundo. Visto que criamos nossa própria realidade e há muitas coisas que nos ligaram ao velho.
  • Tonturas e/ou vertigens – lembrem-se de que tudo em nosso interior está sendo recalibrado de um modo jamais experimentado, portanto, a menos que vocês tenham alguma evidência física, isso é comum.
  • Palpitações cardíacas.
  • Memórias de muitas linhas do tempo e de experiências, mesmo acordados, de vidas paralelas. Isso é algo que para mim,  para ser honesta, está sendo uma experiência difícil. Porque parece tão real que eu não sou totalmente capaz de me desvincular sempre das outras linhas do tempo.
  • Intolerância a certos alimentos: há muitas pessoas que estão começando a ficar intolerantes literalmente a alimentos que costumavam comer antes. Isso é porque o seu corpo não consegue mais digerir essas frequências inferiores e o seu verdadeiro desejo, conforme escolhido e planejado, é começar a mudar para uma essência cristalina, algo que exige autodisciplina, assim como a ingestão de alimentos mais leves.

Como sempre, ser compassivo consigo mesmos, uma coisa em que se é em todos os momentos, no serviço, raramente aplica a si, conforme acontece comigo, com frequência, e preciso me desconectar por pelo menos dois dias. Cuidem-se, sejam neutros ao observar tudo e todos e sejam a semente da mudança e do amor que vocês são e que gostariam de ver no mundo.

(Continua…)

.


Direitos Autorais:

Natalia Alba – Star Seed Soul

Fonte: Star Seed Soul | The Energies of January 2018 ~ A New Cycle of Conscious Evolution & Galactic Initiation
Tradução de Ivete Brito – adavai@me.comwww.adavai.wordpress.com

Via: ADAVAI | AS ENERGIAS DE JANEIRO DE 2018 (Parte 1) |


 

COMPREENDENDO O SEU VERDADEIRO PROPÓSITO NA TERRA…

Sua vida na Terra

O SIGNIFICADO ESPIRITUAL DA VIDA NA TERRA

Jesus

Jeshua

Canalizado por: Pamela Kribbe 

 

Queridos amigos de almas afins,

Sou Jeshua falando. Vocês são meus irmãos e irmãs. Reúno-me com vocês aqui como um igual, não como alguém que está acima de vocês, mas como um amigo, um companheiro. Sintam a fonte comum através da qual nós estamos conectados. Sintam a vida fluindo entre nós, a conexão que cura e nos liberta.

Que cada um de vocês tenha respeito por si mesmo, do mesmo modo que tem pelos outros que estão reunidos aqui. Respeitar-se significa valorizar a si próprio, entendendo quem você realmente é e o que você assumiu nesta jornada para estar num corpo de carne e osso, aqui e agora, nesta Terra. Foi um salto de fé, e no fundo do seu ser há uma crença, uma força, uma consciência profunda que o fizeram escolher estar aqui. Você disse “sim” para esta encarnação, para a sua vida atual. O instante em que você disse “sim” fundamentou-se num conhecimento muito profundo, entretanto dúvidas logo surgiram, devido a antigas lembranças de experiências de outras vidas na Terra. Essas dúvidas encobriram o “sim” claro e óbvio, e fizeram com que ele se tornasse nebuloso e obscurecido. Você sentiu-se perdido nesta experiência terrena, sozinho e abandonado. Conheço essa dor, pois eu mesmo a vivenciei.

Muitas vezes tenho sido retratado com um santo, um iluminado que sabia tudo. Mas não foi bem assim, pois passei por dúvidas e medos intensos. Isso fazia parte da minha jornada, como faz da sua. Então veja-me na minha imperfeição, na minha fragilidade. Quando vivi na Terra, fui inspirado por uma luz da qual eu gostaria de dar testemunho; uma luz que está além das palavras, que contém amor, encanto, beleza, humor e sabedoria. Essa luz não era minha, mas era doada por meu intermédio, exatamente como acontece com cada um de vocês. Mas eu também tinha momentos de profundo desespero, devido à falta de entendimento daqueles que me cercavam, por não me sentir reconhecido… assim como acontece com você. E foi por isto que consegui atingir pessoas que eram muito solitárias; pessoas desesperadas, que sofriam, tanto física quanto emocionalmente; pessoas que se encontravam num terreno espiritual árido, inculto. Eu podia entender essas pessoas, porque vivenciara, em mim mesmo, as emoções, os estados de espírito e os pensamentos que elas estavam experimentando.

A experiência humana, com todos os seus altos e baixos, é necessária para que sua luz possa brilhar aqui. O que você vivencia agora em sua vida como trevas, tristeza, obstáculos – tudo isto faz parte da sua jornada. Não são empecilhos que você deveria evitar. Têm mais a ver com a sua capacidade de aceitar estas coisas e levar a luz do seu coração para elas, assim como uma pedra bruta pode ser despertada para a bela pedra preciosa que ela é internamente. Esta é a sua tarefa: vivenciar a escuridão, entendê-la a partir de dentro, e então iluminá-la e enfrentar toda a gama da experiência humana; envolvê-la com consciência e senti-la completamente.

E assim a energia do Cristo desperta no ser humano – mas, para que isto aconteça é necessário ser um humano. Não é possível desenvolver essa energia, esse poder singular e o brilho exclusivo da energia Crística, nos reinos altamente etéreos, onde faltam a resistência e intensidade da experiência humana. Então, perceba que o que aparentemente o retém, que o faz resistir, que o desencoraja ou incomoda, e que talvez você deteste, é exatamente o seu propósito – o motivo de você estar aqui.

É uma experiência mágica ajudar outro ser humano a iluminar-se a partir de dentro, de modo que se transforme em um ser através do qual podem acontecer milagres. Existem histórias sobre milagres que eu realizei, sobre curas físicas e mentais repentinas. Mas o poder que eu tinha não era o de um mágico; não era um truque místico. Eu conseguia atingir pessoas que estavam prontas para isso, que estavam no ponto de vivenciar uma ruptura no nível interno, através do meu entendimento profundo da natureza humana. Eu não fazia nenhum tipo de julgamento a respeito de quem elas eram, de seus aspectos negativos ou positivos; eu simplesmente estava lá. E havia pessoas que, quando estavam comigo, experimentavam o amor, e esse amor as tornava íntegras, inteiras. Era como se sua natureza fosse chamada a despertar de repente, e era isto que acontecia em tais momentos mágicos. Não era algo que eu fazia de fato, mas algo que acontecia na interação entre nós.

O fato de eu estar aberto era o que me possibilitava receber a luz do Cristo e ser capaz de transmiti-la a outros. E esta abertura, da qual estou falando, muitas vezes é alcançada por um ser humano através da vivência de uma crise. Geralmente você fica preso a todo tipo de crença sobre o que pode ou não acontecer, ou o que deve ou não dever ser, antes de realmente se abrir para a luz de Cristo. Você está cheio de ideias e padrões de pensamento que criam uma infinidade de emoções e estados de espírito. Você tenta moldar seu mundo, sua vida, a partir de tais ideias e padrões, até se defrontar com algo tão enorme que você não consegue encontrar nenhuma forma aceitável de evitá-lo, e então todas as suas certezas, crenças e padrões de pensamento caem por terra. Você cai num poço profundo que pode lhe causar um medo esmagador.

Você pode, inclusive, chamar isso de “noite escura da alma”, que é realmente uma experiência assustadora. Ao mesmo tempo, ela traz a possibilidade de você se abrir e perceber que não sabe mais qual é o modo “certo” de ser e agir, e então uma parte sua desiste, enquanto outra parte se abre. A parte que desiste é a defensiva, a resistente, que sempre pensa que sabe mais; é a impaciente, que quer e exige todo tipo de coisas da vida. Essa parte geralmente definha numa crise, e se você tiver a coragem de deixá-la morrer, a luz poderá começar a brilhar no seu interior. Aqui você pode ver que uma crise – uma experiência que lhe parece demais para ser digerida – também tem o potencial para ser uma abertura para a luz. Mas esta é uma experiência muito intensa, porque a parte que morre não quer morrer – ela deseja persistir… e resiste.

Peço-lhe que traga à mente a sua parte que é oposta à sua luz e contra a luz em geral, contra a luz do cosmos que deseja fluir através de você. Algo dentro de você deseja proteger-se contra essa possibilidade; então sinta, se puder, a hesitação, quando lhe peço para imaginar a luz fluindo através de você com muita facilidade e livremente, através de todas as partes do seu corpo e para fora, para todo o mundo. O que esta imagem invoca em você? Você pode aceitar esta possibilidade? Você sente que isto é possível? Ou existe algo em você que deseja se proteger, se defender? Se for este o caso, olhe para esta sua parte protetora e veja-a diante de si como um guardião. Pergunte a si mesmo: “Por que preciso deste escudo?” Leve a sério esta defesa, porque há algo em você que sente a necessidade de ter esta proteção. Respeite esta parte sua porque o escudo sempre tem um propósito. Ele está aí para proteger uma parte sua muito vulnerável.

Que parte sua não permitiria a luz? Que parte sua a vivencia como algo que é demais para se pedir a você, ou como uma ameaça, ou até como algo perigoso? Aproxime-se dessa sua parte gentilmente, como se ela fosse uma criança. Veja-a como uma criança que se tornou desencorajada, uma criança que voltou sua energia vital para dentro. Aproxime-se dessa criança muito delicadamente e veja o quanto ela é bonita; ela ainda irradia beleza, mesmo com essa vulnerabilidade e defensiva extremas. Ajoelhe-se diante dela e envolva-a com sua generosidade e bondade. Ajoelhe-se em carinhosa aceitação, sem querer que a criança mude, sem querer impor nada a ela. Sente-se tranquilamente, relaxadamente, com essa criança e sinta como você poderia tomar o lugar desse “escudo”. Até agora, a criança vem se sentindo protegida por essa barreira defensiva entre você e o mundo exterior, mas essa proteção é também uma barreira entre você e seus sentimentos mais profundos.

Pergunte à criança se você pode substituir o escudo. Simplesmente pergunte: “Você me permite tomar conta de você? Isto estaria bem para você?” Pergunte sincera e abertamente: “Estou protegendo-a o suficiente?” E deixe que ela fale livremente. Talvez ela diga “Não, não me sinto suficientemente segura. Estou com medo.” Pergunte-lhe, então, do que ela precisa, ou o que você pode fazer para que ela se sinta segura. Use o tempo que for necessário para fazer isto; você pode ter esta conversa com sua criança interior várias e várias vezes. Ela é um ser vivo, uma parte de você que carrega muito amor, e, portanto, tem muito amor para dar. Mas precisaria sentir-se segura na Terra, e é por isto que sua delicadeza e lealdade são necessárias.

Ao construir uma barreira defensiva, um escudo para proteger e esconder sua criança interior, você deixa de estar conscientemente conectado com ela; ela passa a ficar escondida de você. Em certos momentos da sua vida, você salta na defensiva, por exemplo, ou se fecha completamente, sem saber por que isto está acontecendo. Você pode ficar com raiva, ou frustrado, ou desanimado, ou desencorajado… Quando isto acontece é porque existem padrões reativos automáticos em ação, que se colocam entre você e sua criança interior. Ao renovar a conexão com essa criança vulnerável em seu interior, e começando a conversar com ela repetidas vezes, aos poucos você poderá encontrar uma forma de resolver esses padrões reativos automáticos – a barreira defensiva – mas isto requer paciência e delicadeza de sua parte. E também que você entenda, muito profundamente, que esta sua parte vulnerável não é nenhum obstáculo que deva ser evitado ou vencido, e que ele não deve ser eliminado.

A intenção é que você cresça por meio dessa criança, envolvendo-a com compreensão e amor, para que depois a luz Crística desperte em você. A partir desse momento, ficam para trás todas as suas ideias fixas, julgamentos e crenças, assim como o esforço e a luta incessantes por algo que você pensa que precisa. Em vez disto, surge em você uma disposição e abertura para se encontrar consigo mesmo, sempre que necessário, com atenção e admiração. Ao abandonar a certeza de que você já sabe o que precisa e o que é bom para si, você se permite surpreender-se com as respostas da sua criança interior.

Este é o seu caminho, porque a alma tem algo a aprender com a experiência humana. Às vezes você vê o céu – o mundo ao qual as almas pertencem – como um mundo perfeito, mas também um mundo do qual você foi banido. E você foi forçado a sobreviver em um mundo imperfeito e muitas vezes estranho – a Terra – onde tantas emoções o abatem; e tudo isto lhe parece um castigo. Mas o plano de onde você veio – o mundo da alma – também não é perfeito. Há algo essencial faltando lá, e é por isto que você tem sempre dado o salto de fé para a encarnação. É a própria vida – esta busca tateante, este modo intenso de experimentar, que é possível especialmente na Terra, através do qual o seu entendimento, sua paciência, percepção e compaixão tornam-se profundos e substanciais. Este é o significado espiritual da vida na Terra. Os vislumbres de perfeição que você pode vivenciar aqui – muitas vezes em momentos de simplicidade, ou através de insights, ou de alguma experiência de puro contentamento e beleza – esses vislumbres têm mais peso e valor do que simplesmente manter-se em estado de euforia durante anos nos reinos celestes.

Certamente é maravilhoso estar numa atmosfera de harmonia, com menos resistência e menos altos e baixos; e você anseia por isto. Mas não negue a beleza e o profundo valor espiritual da vida na Terra, em tudo o que você está passando agora. Leve a experiência, a sabedoria e os avanços, que você vivencia aqui, para os reinos de luz, e esses reinos adquirirão mais substância e vivacidade com isso. Existe uma interação constante entre o plano da Terra e os planos “do outro lado”. Aprecie sua própria vida e considere-a valiosa. Você é corajoso; você age com força e poder; portanto reconheça sua própria luz.

Gosto muito de nossas reuniões aqui. Quando estou aqui, embora não esteja em um corpo físico, torno-me humano, de uma certa forma, e me lembro de como é ser um humano. Sim, existem os pesos, mas há também momentos de leveza, amizade e solidariedade, que tocam a alma muito profundamente. Os laços de amizade, construídos aqui na Terra, permanecem com a alma e continuam fazendo seu trabalho para sempre – tão preciosa é a vida na Terra!

Agradeço a todos por estarmos juntos e saúdo cada um de vocês de coração.

……………………………………………………………………………………………………………

Fonte: Jeshua Channelings Português | O SIGNIFICADO ESPIRITUAL DA VIDA NA TERRA
Tradução: Vera Corrêa – veracorrea46@gmail.com

Via: Sementes das Estrelas: JESHUA – “O SIGNIFICADO ESPIRITUAL DA VIDA NA TERRA” – DEZEMBRO / 2017

 


Ouça também a mensagem através deste vídeo:

JESHUA – “O SIGNIFICADO ESPIRITUAL DA VIDA NA TERRA” – DEZEMBRO / 2017

Publicado por Sementes das Estrelas – Áudio em 28 de dez de 2017

Via: JESHUA – “O SIGNIFICADO ESPIRITUAL DA VIDA NA TERRA” – DEZEMBRO / 2017 – YouTube


COMO LIDAR COM OS DESAFIOS MAIS COMUNS NA VIDA DE UM EMPATA…

empath-challenges

10 conselhos importantíssimos para empatas e sensitivos:

 

Por: Angel Chernoff
… 

“E aqueles que foram vistos dançando foram julgados insanos, por aqueles que não podiam ouvir a música”.
~ Friedrich Nietzsche

As pessoas sensíveis muitas vezes são percebidas como fracas ou defeituosas. Mas sentir as coisas intensamente não é um sintoma de fraqueza, é a característica de um ser humano verdadeiramente vivo e compassivo. Não é a pessoa sensível que é defeituosa, é a compreensão da sociedade que se tornou disfuncional e emocionalmente incapacitada. Não há vergonha em expressar seus sentimentos autênticos.

É como se você nascesse sem uma camada protetora de pele que outros parecem ter. Você tenta esconder isso. Mas os comentários ainda atravessam sua armadura: “Você pensa demais. É sensível demais, tome jeito!” Então você se pergunta o que há de errado contigo. Muitas pessoas sensíveis se sentem incompreendidos e diferentes, e, geralmente, não sabem o porquê. Eles simplesmente não percebem que eles têm uma característica simples que explica sua confusa variedade de sintomas e peculiaridades.

Mas quando não percebemos como lidar com nossa sensibilidade, acabamos nos forçando demais para acompanhar os outros. Tentamos lidar com as coisas que os demais lidam com facilidade e isso leva a problemas.

Aqui estão 10 ações que você, sensitivo ou empata, pode praticar, para parar de lutar e começar a prosperar:

1. Pare de procurar algo ou alguém para consertá-lo!

A sensibilidade é um traço de temperamento, não uma desordem médica. Então, não há nada de errado com você. Certamente, as pessoas altamente sensíveis são mais propensas a ter alergias ou sensibilidades a alimentos, produtos químicos, medicamentos e assim por diante. E também são mais propensas aos estímulos e assim, são mais rápidos para sentir estresse – o que pode levar a outros problemas de saúde.

Mas a sensibilidade em si não é algo que precisa ser consertado. Se sua mente está cansada de procurar outra solução para acabar com suas “falhas”, saiba que as respostas para viver em harmonia com sua natureza sensível estão dentro de você.

2. Diga a si mesmo, quantas vezes for necessário, que você não é uma fraude.

A síndrome do Impostor não é exclusiva de pessoas sensíveis. Muitas pessoas são vítimas deste medo e  não consideram que passam uma vida inteira se sentindo diferentes dos outros e tentando se encaixar?

Se você está constantemente pensando sobre quem você deveria ser, mas não é, e o que você deveria fazer, mas não pode, entenda que, avaliar suas realizações e pontos fortes permite que você se mostre como você realmente é, mais confortavelmente – mesmo quando você é o estranho.

3. Procure por semelhantes (e saiba que você NÃO ESTÁ sozinho).

Você provavelmente se sente diferente e sozinho. Mas a verdade é que você não está. Muitos sentem uma confusão no isolamento, antes de descobrir que hordas de pessoas passam pelo mesmo. A chave é: sempre que possível, saia com pessoas sensíveis que já estão prosperando, ou pelo menos estão abertas a essas possibilidades. Se você está se sentindo incompatível ou incompreendido, encontre um mentor ou uma comunidade que o acolha e tenha essa conexão.

4. Procure a positividade escondida em cada situação e aproveite-a.

O cérebro é um filtro poderoso que molda experiências e percepções da realidade. Se você acha que o mundo é um lugar perigoso, seu cérebro está preparado para procurar evidências de perigo. Se você acredita que é um lugar amoroso, você passa a enxergar o amor no seu dia a dia. Sobre o que você foca, você obtém mais.

As pessoas sensíveis e de sucesso decidem ver o mundo cheio de oportunidades para se ter gratidão e aproveitam as ondas de positividade. Se você está se sentindo à mercê de suas emoções e circunstâncias, entenda isso, seus pensamentos (e as cargas emocionais que o desencadeiam) estão sempre sob seu controle.

5. Encontre outros pontos de vista.

Seus dons de sensibilidade incluem reflexão profunda e um instinto para ver todos os ângulos e consequências. Mas, sendo tão profundamente sintonizado com os detalhes, você é facilmente sobrecarregado e exausto por estímulos inflexíveis. E quando você não entende por que você se sente e se comporta das maneiras que você faz, é fácil ver isso como falhas.

Na verdade, essas “fraquezas” são, simplesmente, suas necessidades não atendidas e dons únicos para se nutrir. Ao reformular seu passado e nutrir o seu presente, você se prepara para o sucesso em seu futuro. Procure descobrir o ouautotro lado da moeda … onde você encontrará alguns dos seus maiores pontos fortes: intuição, visão, consciência – e a lista continua.

6. Trate-se com compaixão.

Como uma pessoa altamente sensível, você é compassivo. Tanto que coloca o conforto e as necessidades dos outros antes das suas. Além disso, você ainda é seu maior crítico. Você se crítica de maneiras que nunca sonhou em julgar os outros. Controlar este senso crítico é essencial para a autocompaixão.

Assuma o controle ouvindo seus pensamentos sem julgamento (afinal, podem haver pérolas de sabedoria) e, em seguida, torne em pensamentos que desencadeiam emoções mais gentis e mais amorosas para si. A partir desse ponto, você é mais capaz de escolher ações para cuidar de si mesmo e de outros.

7. Crie fronteiras saudáveis, não paredes emocionais rígidas.

Vivemos em uma cultura que valoriza “tomar um analgésico e continuar” muito mais do que valoriza a sensibilidade. Crescemos ouvindo: “sem dor, sem ganho; sobrevivência do mais forte; a vida não é justa – acostume-se a isso“. Nós admiramos aqueles que mostram o poder para prevalecer sobre suas terríveis dificuldades. Como uma pessoa sensível, sua reação pode ser se tornar frio ou se tornar rígido. Você constrói paredes para se proteger, paredes emocionais, como a supressão de sentimentos. Se você lutar para colocar suas próprias necessidades primeiro (algo que não vem naturalmente para um alguém sensível), faça uma escolha consciente para praticar a habilidade de dizer “não” com gentileza, ou se afastar um pouco para “recarregar”, além de decidir se sentir bem com isso.

8. Sintonize seu corpo (para não ser afetado por extremos emocionais).

Muitos aprendem a ignorar as mensagens que seus corpos estão enviando. Desligam-se para evitar a sobrecarga ou se sintonizam com as necessidades dos outros, em vez das próprias, para atender o que se espera deles. Se você tem o hábito de se esconder dos sentimentos ou passar dos limites de aborrecimento, aprenda a reconhecer os sutis sinais de super estímulos do seu corpo. Você vai gastar menos tempo fora de equilíbrio e mais tempo lidando sutilmente com qualquer desavença que vier.

9. Crie hábitos saudáveis.

Eventualmente, você ficará sobrecarregado com o cotidiano. É uma armadilha fácil de se cair porque você está simplesmente vivendo do jeito que você vê a maioria das pessoas fazendo. Se você luta com questões de energia ou bem-estar, priorize os hábitos que nutrem essas áreas de sua vida (como mais tempo de sono e tempo sozinho) e limite aqueles que o estimulam excessivamente ou o drenam (como atividades de muita pressão – mesmo que sejam consideradas saudáveis).

10. Pare de sufocar sua sensibilidade.

Depois de uma vida sendo bombardeada por estímulos, torna-se uma segunda natureza afastar a sensibilidade da consciência. Suprimindo as emoções para evitar sensações. Este mecanismo autoprotetor pode enganar sua mente consciente, mas não engana seu corpo. Isso chega a sua saúde, seus relacionamentos, sua carreira, todos os aspectos da sua vida… ou, constrói a tensão dentro até que algo desabe.

Quando você libera a energia usada para se conter, você liberta os dons de sensibilidade para você, como empatia, criatividade e alegria. E você permite que seu verdadeiro potencial aflore.

.


Fonte: Mystical Raven | 10 Life-Changing Pieces Of Advice For Empaths And Highly Sensitive People
Tradução e divulgação: O Segredo

Via: O Segredo | 10 conselhos importantíssimos para empatas e sensitivos:

AO REJEITAR ALGO, VOCÊ DESPREZA O ASPECTO MAIS SAGRADO DO UNIVERSO…

rejeitando o amor

SENTADOS NO BANCO DE JARDIM DA EVOLUÇÃO

Uma mensagem dos Pleiadianos

Canalizada por Gillian MacBeth-Louthan

 

Bem-vindos! Nós somos os Pleiadianos. A cada dia, à medida que vocês acolhem e entendem mais a sua energia, nós também nos alinhamos com partes de nós mesmos que ainda não tínhamos acolhido. Pois estamos a apenas poucos degraus acima na escada de luz, que está além do que podem ver no reflexo do espelho de seus banheiros. Nós também estamos nos esforçando para progredir. Assim como vocês, nós nos esforçamos para abraçar todos os aspectos de nós mesmos, os quais nós ainda não evoluímos a ponto de entender totalmente.

Estamos sentados ao lado de vocês no banco da evolução – cada um falando uma língua diferente, cada um representando uma oitava diferente de luz – mas sabendo, interiormente, que estamos caminhando como um só ser. É esta unidade que desejamos apresentar a vocês. É esta unidade, que muitas vezes vocês desprezam e afastam. Ela é a face de Deus, que vocês pensam que é muito feia, muito grande, muito velha, muito pequena, muito gorda, muito magra, muito alguma coisa ou pouco outra.

Entendam isto, queridos – as partes de vocês que VOCÊS NEGAM, REJEITAM, censuram, desvalorizam e subestimam – são 100% Deus. Todas as partes de seus seres que os compõem neste momento são partes de um criador que vocês rejeitam. Falamos de Deus como uma unidade de vida todo-abrangente, uma unidade de luz todo-abrangente, e uma unidade de amor todo-abrangente.

Você não pode acolher um aspecto da sua Deidade e desprezar os outros 143. Você não pode fugir do seu núcleo interior quando vira as costas, sua linda cabeça e seu coração justamente para a Divindade que precisa ser abraçada. Você nega a sua Divindade quando nega a sua beleza, quando nega seus talentos, quando nega suas capacidades. Você nega o Criador quando rejeita a si mesmo. Você nega o Criador quando rejeita a oportunidade de um milagre em sua vida, a oportunidade de um amor verdadeiro que bate à sua porta. Você nega ao Criador a oportunidade de ajudar outra pessoa através de você. Você não nega sua Divindade apenas 3 vezes ao cantar do galo, mas nega-a centenas de vezes por dia, recusando cumprimentos, recusando amizades, recusando as dádivas dos outros.

Observe quantas coisas você afasta de si todos os dias, e repare quantas vezes você afasta o que é bom. Sempre que rejeita algo, você despreza e afasta o aspecto mais Sagrado do Universo. Diariamente você decreta e declara verbalmente que é um com o criador, pedindo mais sabedoria e verdades espirituais. Você busca esses entendimentos e, no entanto, minuto após minuto, respiração após respiração, você nega o universo, a Fonte que vive dentro de você e em cada uma das suas experiências.

Todas as coisas que chegam a você são presentes do Criador que você escolhe não desembrulhar nem reconhecer. A bondade é fácil de se ver e se encontrar nas longas horas do seu dia, mas o que dizer de todas as suas experiências que não são tão fáceis, nem tão bonitas, nem tão divertidas? Todas as partes do universo estão entrando no seu mundo porque você as convocou, você fez o chamado e você emitiu um decreto – “Venham para a minha vida! Ensinem-me. Mostrem-me. E que o aprendizado venha através do prazer, da dor, da bondade, da maldade, das trevas ou da luz. Não importa.” Você invocou tudo o que lhe acontece neste dia, no dia de ontem e no de amanhã, desde o segundo do seu nascimento até o segundo da sua morte. Você chamou tudo isso à existência. Chamou os mocinhos, os bandidos, chamou sua carência e sua prosperidade. Chamou tudo através dos seus pensamentos, das suas palavras e da sua energia.

Repetimos várias e várias vezes: seu mundo é um gigantesco esboço cósmico. Cada um de vocês está desenhando o projeto da sua própria existência. Ele se desenvolve a partir dos seus gostos, seus desgostos, suas raivas, seus amores, seus ódios, seus desejos, suas necessidades. Não rejeitem nada que venha a vocês. Está tudo na proporção Divina.

Olhem para o seu mundo para encontrar a divindade que procuram. Seu mundo reflete a divindade que vocês procuram. Querem anjos? Eles virão. Querem coelhinho da Páscoa? Ele virá também. O que quer que peçam lhes será dado – vocês são os filhos prediletos do Criador. Vocês são o povo escolhido, no entanto não o percebem.

A aceleração está sobre vocês, para vocês, ao lado de vocês, em vocês, atrás e acima de vocês. Nós todos somos membros de uma família, no reino celeste, mas vocês são os caçulas e os favoritos do Pai. Tudo lhes foi dado, mas como uma criança mimada, vocês não apreciam os presentes. Vocês mesmos, que são os filhos prediletos, é que precisam lembrar e escolher. Por que pensam que vivem num planeta de livre arbítrio, de livre escolha? Tudo gira em torno de escolha, escolher, escolhido – O que escolherão? Como escolherão? Quem escolherão? Energeticamente vocês esperam que os outros escolham por vocês, que Deus escolha por vocês, quando a escolha tem sido de vocês mesmos, o tempo todo. Vocês escolhem, vocês criam, vocês manifestam, de dentro para fora!

Tornem-se os Eleitos, aqueles que escolhem a Luz superior. Parem de negar sua divindade. Cada minuto de seus dias, cada atitude com cada pessoa e cada situação são divinamente instruídos e orquestrados. Que músicas vocês estão tocando para os outros? Vocês dividem o pão com o Criador a cada minuto de cada dia, a cada respiração, a cada escolha, a cada situação – vocês estão sempre dividindo o pão com o Divino. Sentem-se à mesa da Luz e saboreiem o que lhes foi dado.

Vocês foram cortados do mais fino tecido do Criador. Vocês são o melhor do melhor que foi colocado sobre a Terra, um lugar onde vocês se esqueceram quem são. Vocês se esqueceram das suas capacidades. Esqueceram-se totalmente. E por agirem a partir do esquecimento, sentem-se esquecidos. Vocês nunca podem ser esquecidos por nenhum aspecto de Deus. Sempre que se encontram com outra pessoa, vocês estão encontrando com a divindade encarnada – e isto deve ser uma dádiva.

Neste momento, nós partimos. Somos o Conselho de Luz Pleiadiano. Nós nos sentamos ao lado de vocês neste banco de jardim do cosmos e compartilhamos nossa refeição de Luz.


Direitos autorais:

Gillian MacBeth-Louthan – PO box 217 – Dandridge, Tennessee 37725-0217 –www.thequantumawakening.com  –   thequantumawakening@hughes.net

Fonte: Sprit Library | Gillian MacBeth-Louthan | Sitting On The Park Bench Of Evolution
Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br

Via: SENTADOS NO BANCO DE JARDIM DA EVOLUÇÃO – O Meu Melhor Modo de Ser


QUANTO MAIS SE AVANÇA, MAIOR A DEPENDÊNCIA DA PRESENÇA DIVINA…

Nirvana_Vrindavan Das

GIGANTES GENTIS

Por: Maria Chambers

 

Os seres humanos estão tão ocupados em se melhorar. Tornando-se mais fortes, mais atraentes, mais ricos, mais saudáveis, mais inteligentes, mais educados, mais apreciados, mais bem-sucedidos, mais espiritualizados, mais dignos… e, no entanto, isso tudo é uma total perda de tempo.

Porque, se eles não estão reconhecendo a existência de sua alma, todas as tentativas, ações e correções os levam… a lugar nenhum.

As pessoas estão começando a reconhecer essa verdade. Estão se tornando mais perturbadas. Mesmo que cheguem mais perto de atingir seus objetivos, ainda parece que algo está faltando. E, então, se culpam. Pensam que não fizeram o suficiente, ou que fizeram a coisa errada. Ou põem a culpa no destino, na economia, no governo, ou nos genes.

Ou apenas na má sorte.

Não é interessante que tendamos a fazer a mesma coisa quando sentimos que essa iluminação encarnada não está funcionando do jeito que esperávamos. Assumimos a culpa ou a posição de vítimas.

Mas, na verdade, é muito mais difícil a transformação do que qualquer um de nós imaginou. Não fizemos nada de errado. Ninguém é culpado. Mas, podemos começar a achar que não estamos destinados a isso nesta existência. Pode parecer um sonho impossível.

Aqueles dentre nós que estão na vanguarda dessa transformação para o humano divino são um grupo consideravelmente resistente. Poderíamos ser chamados de gigantes gentis. Somos gentis por natureza, cheios de amor, mas também somos gigantes em nosso campo.

Passamos das conversas animadoras da nova era ou dos contos etéreos sobre a iluminação.

Não estamos interessados em amenizar esta experiência. Passamos pela mais densa escuridão. Nossas vidas desmoronaram-se. Fizemos o que parece ser um processo interminável e vimos permitindo que o espírito chegue cada vez mais perto. Todavia, parece, às vezes, que temos muito pouco para mostrar. Pelo menos no tangível.

Mas, realmente sabemos que algo está acontecendo e a prova é que estamos nos sentindo cada vez mais distanciados de nossos antigos eus e deste mundo em que vivemos. Estamos começando a reconhecer que temos um parceiro que vive conosco  que não sente dúvida ou medo.

Sabemos que algo está acontecendo porque confiamos em nossa sabedoria em detrimento dos outros, mesmo daqueles que certa vez reverenciamos. E definitivamente confiamos em nossa voz em detrimento daqueles que considerávamos amigos íntimos ou outros relacionamentos semelhantes.

E estamos cada vez menos preocupados com o que os outros pensam de nós, de maneira geral.

Não somos influenciados pela culpa. Ou por outras formas de manipulação. Nós percebemos isso a milhas de distância. Bem, nem sempre. Às vezes se esgueiram sobre nós. Gastamos algum tempo com alguém, e mais tarde dizemos para nós mesmos: “Que ** foi essa?”

Mas, não estamos tão interessados em dissecar nossos problemas. Porque sabemos agora que eles não são de fato nossos problemas. Que alívio! Imaginam todo o tempo, energia e dinheiro que estamos poupando nesse projeto?

Muitos de nós somos adeptos disso, ou não somos? Provavelmente podemos recitar todas as condições corporais e suas origens emocionais, à maneira de Louise Hay, em relação a nós e aos outros.

Todavia, notamos que nem mesmo conhecendo as causas ou as origens desses problemas emocionais ou físicos não faz muito para que desapareçam?

E isso é porque não se trata de uma transformação mental. Não estamos tentando nos psicologizar ou mudar nossas crenças ou nossos velhos padrões como humanos.

E é exatamente por isso que ficamos tão frustrados, às vezes. Continuamos pulando de volta para a ação, mesmo que seja uma ação mental. E, infelizmente, esse processo não funciona dessa forma.

A parte mais difícil desse processo é a mente querer manter o controle. Ela ama dançar com o medo, a dúvida e a desesperança, porque são emoções com que está familiarizada. E essas emoções têm persistido em nós e permanecido em nossas células por muito tempo.

Nenhum de nós, que esteja passando por esta iluminação encarnada, poderia dizer com convicção que funcionaria da maneira que esperávamos. De fato, não estamos cem por cento certos para onde deveríamos ir. Ao longo do caminho, mudamos nossas expectativas. Principalmente à medida que mergulhamos mais profundamente na experiência e começamos a rasgar o próprio tecido de nossas vidas.

SOMOS ÍNTEGROS E COMPLETOS

E quanto mais avançamos, com menos pessoas em nossas vidas diárias conseguimos nos relacionar. Podemos tentar explicar-lhes quem somos e pelo que estamos passando, mas vemos os seus olhos vidrados. Para cada desconforto físico e emocional por que estamos passando, eles têm uma explicação ‘lógica’ ou médica.

Assim, percebemos que não podemos obter a espécie de apoio que desejamos de alguém que não esteja passando pelo mesmo processo. Começa a parecer que estamos cercados por crianças do ensino fundamental, em termos de crescimento da alma ou grau de conscientização.

Deste modo, pode ser bastante solitário. Mas, para ser gigantes em nosso campo, utilizamos isso também, para aproveitar a nossa resolução interior. É a oportunidade perfeita para depender ainda mais da própria Presença Divina.

Porque, aquilo que nos distingue também de outros seres humanos, é que reconhecemos a nossa alma, e, nesse reconhecimento, nos sentimos íntegros e completos. Não estamos buscando amor e aprovação do lado de fora. Isso é profundo.

E isso nos torna até mais sensíveis àqueles que ainda estão querendo extrair esse amor e aceitação dos outros. E se eles não estão reconhecendo que também são almas, eles estarão definitivamente fazendo isso.

Percebemos que não precisamos ou queremos ser a fonte para que os outros se sintam melhor acerca de si mesmos. Não podemos nos dar ao luxo de ser salva-vidas para alguém. Sabemos, bem no íntimo, o que se exige para ser um humano em ascensão. Sabemos que os outros vão ter que passar pelas próprias transformações, no próprio tempo.

Estamos no processo de descobrir o modo mais profundo e mais autêntico em que um ser humano pode amar-se. É preciso um gigante em seu campo para passar por isso.

 


Direitos Autorais:

Copyright © 2017, Maria Chambers. Todos os direitos reservados. Por favor, sintam-se livres para compartilhar este conteúdo com os outros, publiquem em seus blogs, página do Facebook, etc., mas mantenham a integridade deste artigo por incluir o autor, o tradutor e o link do site: Maria Chambers – https://soulsoothinsounds.wordpress.com

Fonte: SOULSOOTHINSOUNDS | Gentle Giants
Tradução de Ivete Brito – adavai@me.comwww.adavai.wordpress.com

Via: ADAVAI | GIGANTES GENTIS – 24/06/17

EXPERIENCIANDO O ESTAR SOZINHO COM A SOLIDÃO…

sozinho consigo mesmo

O PESO – SOZINHO COM A SOLIDÃO

Por:  Alexandrian Kosmos
em 29 de maio de 2017

“Sem a remoção do Peso, cada alma individual na Terra falhará individualmente na experiência de estar Sozinha com a Solidão!

Estar Sozinho com a Solidão é a experiência direta de ser único/individual na Presença de Deus, que é a experiência absoluta da Unidade com Deus sem a experiência do Tempo!”

A influência das experiências de nossa Alma dentro da 3ª e 4ª Dimensões da Mãe Terra ainda é uma grande parte de nossas memórias individuais e coletivas do passado. A maioria de nossas memórias serviu para aumentar o crescimento e expansão da Alma no passado, mas agora, queridos, estamos nos movendo para aperfeiçoar nosso aprendizado, para expandir e aumentar nossas experiências dentro da 5ª D da Mãe Terra. Embora nem todos aprendam no mesmo ritmo, todos têm uma habilidade inata e aprendizado para Deixar Ir o passado e avançar em um futuro previsível.

Estamos agora dentro da influência da 5ª D da Mãe Terra, já que Ela completou sua própria Transição em 27 de março de 2017.

Agora é a vez de cada Alma fazer a transição por ser e se tornar uma parte proficiente e plena na 5ª D. A maneira mais eficiente de ser uma parte habilitada/capaz será Soltando o passado.

E aí reside o problema, o Peso que cada Alma suportará por hesitar em cumprir sua própria transição para experimentar plenamente a 5ª D da Mãe Terra – o Peso de deixar ir o passado para a transição para o PRESENTE!

Ao hesitar e esperar para a transição da experiência da 4ª D da Mãe Terra em sua 5ª D, muitos prolongarão o Fardo/Peso de sua Alma, e isso só servirá para produzir experiências de aprendizado individuais e coletivas ainda mais exagradas para a evolução de uma Alma na 5ª D!

O Peso de nossos dias atuais – a Transição com a Mãe Terra para a 5ª D do Universo – se origina pelo avanço de cada Alma de um estado de Separação de Deus para Unificar dentro da Presença Divina.

A experiência de cada Alma dentro da 3ª e 4ª Dimensões da Mãe Terra serviu para individualizar a sua Alma, para que ele ou ela possa desvendar a sua verdadeira identidade no Universo.

Se a Separação de Deus não acontecesse, cada Alma simplesmente “replicaria” Deus, como uma inteligência artificial, sem qualquer alteração, para permitir que seu poder contribuísse individualmente com seus dons e talentos exclusivos projetados para ela: O Propósito de toda Alma – ajudar Deus a incrementar e expandir o Universo!

Muitas Almas na Terra, queridos, ainda permanecerão dentro da fase de individualização de sua alma, algumas por escolha e outras pela falta de compreensão sobre a Transição atual da Mãe Terra.

Em 15 de junho de 2017, a humanidade começará a sentir a razão pela qual o Peso de não passar do passado para a transição para o PRESENTE será uma escolha tão crítica para cada Alma na Terra, assim como nossos dias de estar em um aparente estado de Separação de Deus sobre a Mãe Terra começará a atingir seu ponto final de conclusão.

Sem a remoção do Peso, cada alma individual na Terra falhará individualmente na experiência de estar Sozinho com a Solidão!

Estar Sozinho com a Solidão é a experiência direta de ser único/individual na Presença de Deus, que é a experiência absoluta da Unidade com Deus sem a experiência do Tempo!

Embora vocês já tenham uma multiplicidade dessas experiências diretas de estar Sozinho com a Solidão, queridos, são muitos os que evoluem como Almas do Homem de Luz na Terra que não possuem a experiência direta de se diferenciar entre estar em um Estado de Separação e estar em um estado de Unidade com Deus.

Sem a experiência de saber como sequer diferenciar as grandes diferenças desses dois estados, muitas das Almas do Homem da Luz em evolução continuarão a carregar o Peso de não se moverem do passado para o PRESENTE. Este estágio evolutivo é esperado, mas não será em detrimento do Propósito de sua própria Alma: ensinar, orientar, demonstrar e modelar cada faceta da Vida dentro da 5ª D da Mãe Terra!

Ao longo prazo, esta é apenas uma parte da transição da Humanidade para a 5ª D da Mãe Terra, e será um sinal para demonstrar quanto o seu valioso serviço dentro da 5ª D estará em demanda, conforme a Mãe Terra está agora dentro da “Grande Fusão” de sua frequência vibratória de 4ª D, que durará até 27 de dezembro de 2018.

Nossa direção individual dentro da 5ª D da Mãe Terra será totalmente percebida e concebida através do Chakra do Coração da nossa Alma.

O Chakra do Coração da Alma está a serviço da nossa conexão direta com Deus dentro de todo o espectro Universal. Profundamente dentro de seus corações, queridos, estão TODAS AS RESPOSTAS, TODO O AMOR QUE VOCÊ DÁ E RECEBE, e o mais importante, o plano inteiro do Propósito Espiritual de sua Alma dentro da 5ª D da Mãe Terra!

Para acessá-lo completamente, todos nós precisaremos remover a carga do Peso sobre a nossa Alma passando do passado para a transição para o PRESENTE!

Em nossas experiências passadas dentro da 3ª e 4ª Dimensões da Mãe Terra, geralmente precisávamos confiar nos nossos cinco sentidos físicos de audição, visão, tato, olfato, e provas para manobrar dentro de nosso mundo físico. Mesmo que todos nós tenhamos um Sistema de 7 Chakras Associados intacto dentro de nós, não precisamos de todos os Sete Chakras para experimentar nosso mundo.

Só precisamos permanecer saudáveis, produzir prole e ter a capacidade de ganhar uma renda, e tudo pareceria bem. Esses dias acabaram e agora foram convertidos para o passado em nossas experiências de 3ª 4ª D – o Chakra do Coração da Alma agora fará todo o trabalho atribuído aos nossos cérebros nas nestas Dimensões.

E aí haverá o problema, o Peso que cada alma suportará ao hesitar em realizar sua própria transição para experimentar completamente a 5ª D da Mãe Terra – não passar do passado para a transição para o PRESENTE. Se cada Alma na Terra pudesse entender que estamos todos passando de um estado de Separação de Deus para Unificação dentro da Presença de Deus!

Em 15 de junho de 2017, nossas Almas começarão a emergir do que aparentemente se sentiu como eons para cumprir, a transição de um estado de Separação de Deus para estar Unificada mais uma vez com a Presença de Deus.

Considerando que todas as Almas de Trabalhador da Luz se sentirão mais como festejando, cada desenvolvimento do Homem da Luz se intensificará com um sentimento de pavor e medo. Mas por que alguém se sentiria temerário e medroso de acabar com uma fase da evolução da Mãe Terra para alcançar toda sua Transição para a 5ª D do Universo – movendo cada Alma de um estado de Separação de Deus para Unificar dentro da Presença de Deus?

O pavor e o medo de nossos dias atuais derivam do medo do desconhecido e só prolongará a experiência do Peso – o fracasso de passar do passado para a transição para o PRESENTE, como farão muitas das Almas do Homem de Luz em evolução na Terra.

A Mãe Terra concluiu inteiramente sua própria Transição da 5ª D e agora é a vez da Humanidade fazer a passagem COM Ela para o Universo!

Não há mais tempo disponível para experimentar a 4ª D, pois tudo se foi, exceto em nossas memórias.

Estamos agora dentro de um grande deslocamento da Realidade mais uma vez. A Realidade chamando para que todos nós avancemos para além do passado, para a transição para o PRESENTE – experimentar estar Sozinho com a Solidão como a experiência absoluta da Unidade com Deus sem a experiência do Tempo!

 


Fonte: Alexandrian Kosmos | The Weight – Alone with the Alone
Tradução: Vilma Capuano
https://www.facebook.com/vilma.capuano

Publicado por: Fátima dos Anjos em 1 junho 2017 – Portal Arcoíris – Núcleo de Integração Cósmica

Via: Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica | O PESO – SOZINHO COM A SOLIDÃO

O CHAMADO MÍTICO AOS MENSAGEIROS DO SOL E PORTADORES DE LUZ…

 

light-beings-in-form-and-spheres

Crianças do Sol

 

Adaptação de Elaine DeGiorgio

Era uma vez um conselho galáctico que fez uma chamada mística a inúmeros seres de luz: as crianças do Sol, os alados angélicos, os mensageiros do Sol, os guerreiros do arco-íris e outros seres luminosos de muitos sistemas estelares. Este grande grupo de seres de luz se reuniu no lugar designado, o Amor das Galáxias Giratórias entrou, enfeitando-os com luz celestial e falou:

“Vocês estão sendo convidados a encarnar em um mundo onde uma grande transformação está ocorrendo. Vocês que responderam a este chamado de encarnação irão para um lugar onde as ilusões de medo e separação estão sendo jogadas e um ciclo galáctico de evolução está chegando tanto no fim quanto no começo de uma nova Era. Eu estou chamando aqueles com os talentos e dons necessários para atuarem como meus emissários lá, para levantar e transformar as frequências do planeta Terra, simplesmente incorporando e ancorando a presença do Amor. Vocês, pela sua própria presença, transmutarão com o amor a vibração do medo que agora cobre a consciência na Terra. Vocês se tornarão os sagrados inocentes e criadores divinos da nova realidade da oitava dourada”.

“Em outras viagens, cada um de vocês provou ser um [navegador de sentimento], capaz de despertar sua consciência e alinhar seu coração com as inspirações de puro amor e serviço compassivo. Como mensageiros do Sol e portadores de luz, vocês já demonstraram que manterão a luz no alto. Por isto, eu convido cada um de vocês a encarnar entre as tribos da Terra para ajudar Gaia e todos os seus filhos na iniciação de transmutação da matéria. Esta transformação que vem para a Terra é muito rara e preciosa, mesmo entre todos os milagres do Cosmo. A magnificência de sua presença amorosa ajudará imensamente a Terra a utilizar as frequências alquímicas de transformação, que abrirão novas realidades dimensionais. Vocês são os transmutadores da harmonia, que se transforma simplesmente com sua presença vibratória”.

“É parte do plano que haverá um véu de esquecimento sobre você, de modo que possa experimentar diretamente o que significa este nível de medo e separação, de modo que você possa transformá-lo de dentro para fora. No entanto, a medida que você se lembra do sentimento do jardim sagrado da inocência e da confiança infantil, você se torna o fermento harmônico neste ciclo de iniciação para a Terra. Você vai encarnar estrategicamente, muitas vezes em algumas das áreas mais vibratóriamente densas do planeta. Você que abraça este chamado místico, ao entrar nesta ilusão vai esquecer o esplendor de quem você é como ser de luz, experimentando a enorme densidade da Terra. Para alguns, esta ilusão de separação do Amor pode criar sentimentos de falta de esperança, falta de apoio e alienação vibratória. Os próprios dons que estão sendo usados para ajudar Gaia podem ser vistos como uma causa de resistência, medo e projeção pelo que podem transformar. No entanto, será o seu amor que transformará as profundezas da dualidade e as suas frequências de luz acionarão o despertar de muitos”.

“Sua participação nesta missão mística é totalmente voluntária. No entanto, essa mudança transformacional na Terra é muito rara e preciosa. A Terra está girando em direção a uma poderosa evolução. Você está sendo convidado a encarnar como uma família global na Terra. Se você optar por aceitar esta missão, terá a oportunidade de catalisar e sintetizar tudo o que aprendeu durante muitas encarnações e vai experimentar um salto quântico de consciência, raramente oferecido. Depende de você, como um criador de mitos, escolher como vai dançar com Gaia e seus filhos, enquanto ela completa sua cerimônia de luz e ascensão!”.

E assim foi que os seres luminosos formaram as inúmeras alianças, federações e conselhos dos seres nas estrelas que optaram por encarnar no planeta Terra para ajudar neste evento crucial, o despertar da consciência do sonho na matéria, forma e separação! Como advertido, muitos seres luminosos realmente esqueceram quem são e por que eles vieram para a Terra, mas existia um plano de segurança contra falhas para despertar estes seres do véu do esquecimento que é tão abundante na Terra. Os iluminados que aceitaram auxiliar Gaia, concordaram em lembrar uns aos outros, sobre a grandeza mística do jogo cósmico de luz no grande holograma, esta foi a jogada vitoriosa.

Assim, estas sementes estelares foram codificadas de muitas maneiras com sons, cores, luzes, imagens, palavras e símbolos, na ressonância vibracional que iria ajudá-los a recordar seu compromisso com a luz. Os sons celestiais dos cantores de cristal catalisariam a profunda lembrança de suas codificações das estrelas. Foi combinado que estas pistas codificadas apareceriam em todos os lugares: na arte e na música visionária, nos olhares penetrantes, na fala e nos sentimentos, criando um profundo anseio de despertar e se tornar a encarnação do amor. Estes símbolos atuariam como um alarme, disparando, ajudando-os no despertar e mantendo-os em alegria. Estes companheiros de destino foram codificados nas próprias células de seus corpos com o novo modelo galáctico de consciência, despertando-os para o poder de seu amor e presença.

Então é por isto que vocês, As Crianças do Sol, estão agora sendo banhados nas águas da lembrança, preparadas como guerreiros do arco-íris para cumprirem a promessa do novo e antigo mito que está acontecendo.

Você tem a chave para inflamar a consciência da unidade na Terra, para Gaia e seus filhos usarem suas vestes radiantes de luz. Saiba que a magia com a qual você nasceu é realmente real. Os jogadores de luz estão se unindo em festa para comemorar como UM só coração. Ao simplesmente ancorar a presença do amor na Terra, você desenha cuidadosamente o manto dos deuses, enviando ondas de energia curativa e edificante para todo o corpo ansiosamente receptivo de Gaia. À medida que você brilha neste momento, seus presentes despertam e capacitam os outros. Utilizando as ferramentas do riso, da música, da dança, do humor, da alegria, da confiança e do amor, você está criando a poderosa onda de transformação que transmutará as limitações do antigo mito da dualidade e da separação para a luz do milagre da consciência de UNIDADE na Terra.

A hora é agora, luminosas Crianças do Sol. Incomparável é a alegria da criação, conforme você se sente convocado para se reunir em círculos cada vez maiores na mandala de luz do Grande Coração, que irá inflamar uma massa crítica desencadeando uma onda de poder que transmutará a matéria em uma oitava superior. Você está convocada para a vigília, Criança do Sol do maravilhoso amanhecer. Levante-se antigo andarilho das estrelas. Utilize seus presentes em nome de Gaia. Em uma supernova de consciência, Gaia e seus filhos subirão em vestes de luz, formando um corpo de amor luminoso para renascer entre as estrelas!

O chamado místico soou, a missão mística começou. Despertem guerreiros do arco-íris, mensageiros do Sol, seres luminosos das alianças galácticas, federações e conselhos das estrelas! Antigos andarilhos das estrelas, mantenham a beleza e o poder de sua verdadeira identidade como um presente de amor para Gaia. Descarte qualquer dúvida sobre si mesmo. Você é um filho divino do Sol! Vá para onde seu coração atrai você para compartilhar seus grandes dons. Entregue-se à magia que você é como Amor. E o milagre se manifestará aqui na Terra! Retorne ao jardim sagrado. Retorne ao Sol. Retorne à inocência. Retorne para o UM! Lembre-se, nós dançamos e cantamos aqui para Um Só Coração!


(Texto do livro “The Mayan Oracle: Return Path to The Stars” (“O Oráculo Maia O retorno para as Estrelas”), de Ariel Spilsbury e Michael Bryner, adaptado por Elaine DeGiorgio, colaboradora do Era of Light.)

Origem: Era of Light | A Divine Message: Children of the Sun
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

Via: Crianças do Sol | A Luz é Invencível

A ESPIRITUALIDADE REVELADA ATRAVÉS DA ARTE…

Cores buscando o espírito - Claudio Gianfardoni

Obra de autoria de Claudio Gianfardoni

Cores buscando o espírito.

Por: Claudio Gianfardoni

 

Quando criança tive e vivi momentos em que eu percebia que existia uma grandeza no universo muito mais ampla do que a religião onde fui criado me permitia tocar. Aprendi desde cedo a temer a Deus. E como eu temia!

Ao mesmo tempo que minha mente e meu coração eram povoados de temor eu experimentava momentos peculiares onde eu tocava levemente algo inexplicável, fascinante.

Na escola ao invés de prestar atenção à aula eu preenchia páginas e mais páginas com desenhos de “olhos”. A aula terminava e eu dava conta de que eu estivera totalmente absorvido e distante de tudo o que acontecia ao meu redor.

Eu tinha apenas os “olhos” desenhados no caderno me observando, até que lá pelos onze anos de idade mirei meus próprios olhos no espelho muito de perto. Então começou o que eu chamava de “viagem”. Eu ia me distanciando, minha mente se projetando no espaço, viajando num nada, num nada cheio de emoções que eu não sabia traduzir. Isso tornou-se uma brincadeira secreta, só minha, um momento tão emocionante que eu não podia e nem tinha com quem compartilhar. Depois de uns poucos meses minha brincadeira cessou. Não conseguia mais fazer a minha ”viagem”.

O tempo foi passando. Me tornei um adolescente confuso, cheio de perguntas e sem respostas que me dessem paz. Me formei arquiteto e trabalhei cerca de seis anos nessa profissão. Casei. Apoiado pela minha esposa larguei o emprego mesmo sem saber o que faria da minha vida. Trabalhei durante três anos como marceneiro, arte que sem saber eu conhecia por ter, quando muito pequeno, observado meu avô que foi marceneiro.

De repente veio a dor. Minha esposa recebeu um diagnóstico de uma doença que poderia ser fatal. O chão se abriu para mim. Eu poderia perder a pessoa que eu mais amava. Descobri o inferno… ele era aqui… era um estado de espírito onde tudo o que reinava era a dor.

No meio desse redemoinho de sofrimento que parecia não ter fim, os milagres que eu já nem pedia e sim exigia começaram a se manifestar. Descobrimos que o diagnóstico estava errado, mas mesmo assim aquele mal traria sérias consequências.

Uma possibilidade surgiu, um tratamento com um medicamento que eu não teria condições financeira de comprar. Busquei em todos os lados conseguir o medicamento que só existia fora do Brasil. Exausto, numa última tentativa, aconteceu, simplesmente o medicamento veio até nós, de uma forma tanto inesperada quanto iluminada.

Como resultado do tratamento minha esposa se curou e tivemos nosso filho, coisa que a maioria dos médicos que procuramos dizia ser impossível. Mas mesmo assim minha dor permanecia. Fui buscar ajuda pois eu sabia que não tinha condições de receber meu filho que estava para nascer; o que eu queria oferecer era amor. Mas como? Dentro de mim só existia dor. Foi assim que comecei a praticar meditação Tibetana. Um universo, aquele que quando garoto eu havia vislumbrado voltou a se manifestar. Os “olhos”: o ponto, o centro, a mandala perfeita… a viajem.

Voltei a desenhar os olhos e com eles as faces a qual pertenciam. Eu havia aprendido a elevar minha consciência, a transcender a mente humana e tocar minha mente espiritual que é ampla, que percebe e se conecta com outras consciência que vibram em um padrão mais elevado.

Um novo trabalho, uma missão creio. Compartilho agora o resultado desse trabalho pois sei que assim como eu muitos estão através da fé, da sabedoria que o universo repleto de luz se oferece sem restrições, sem discriminação, nos mostrando que somos todos iguais e que diferenças são apenas ilusões.

Para isso pinto essas imagens, mandalas cuja intenção é de que elas sirvam como um instrumeto de inspiração e contato com os planos espiritual, como um instrumento… apenas um instrumento, pois o verdadeiro poder está dentro de nós.


Via: Facebook | Claudio Gianfardoni | Linha do Tempo | Post 1062167373884633

AS DIFERENTES REALIDADES NAS DIFERENTES DIMENSÕES…

Vivendo diferentes dimensões

3ª, 4ª e 5ª – As Dimensões e Suas Diferenças

post-10-20-1

Por: Vera Ingeborg

 Ao passar pelo processo de despertar espiritual, mais cedo ou mais tarde somos confrontados com o fato de que parece haver mais dimensões do que a única realidade que estamos vivendo e que conhecemos tão bem. Começamos a questionar a nossa vida e o que costumava ser verdade parece de repente começar a se desintegrar. Nós não temos mais tanta certeza se estamos realmente vivendo em uma realidade ou se ela não é tão real depois de tudo. As energias dimensionais mais elevadas estão nos chamando. Começamos a entrar em ressonância com elas e seguimos em nossa busca para saber mais sobre quem realmente somos. Nós aprendemos sobre as energias universais, as diferentes frequências e o que a ascensão realmente significa. Uma mudança energética da 3ª para a 5ª dimensão, aumentando nossas frequências a um nível muito mais elevado transmutando as baixas frequências do medo para o amor incondicional até um ponto onde não restar nenhum medo. Nos deparamos com muitas informações e estamos aprendendo bastante sobre nós mesmos, o Universo e a humanidade. Uma pergunta que muitas vezes nos mantém ocupados é como saber diferenciar entre as dimensões.

Para entender as diferentes dimensões e como sentir elas melhor, vamos descrever suas características individualmente.

A 3ª Dimensão – O Mundo Material do Medo

“Porque nós estamos vivendo em um mundo material eu sou uma garota materialista…” ~Madonna

post-08-09-11

A imagem da 3ª dimensão está perfeitamente descrita em sua música. Ela fala que só vai sair com homens que têm dinheiro para comprar as coisas do seu interesse e como ela teme perder seu dinheiro já que entrou no estado de acumular posses. A 3ª dimensão é tudo sobre o material, acumular bens materiais e viver com medo de perdê-los. Temos medo de perder o controle. Temos medo de não estar seguros, de não ser bom o suficiente. Nós não confiamos nas pessoas porque elas podem levar a nossa riqueza para longe de nós. Por isto tentamos obter o poder sobre os outros para estar em uma posição de força.

Nós nos definimos neste plano por aquilo que possuímos e o que fazemos para ganhar a vida. Acreditamos que estamos separados do Criador, de tudo e de todos. Enquanto nós não formos UM com a Fonte, não podemos experimentar a unidade com O Tudo O Que É. Acreditamos que a morte é algo doloroso, escuro e finito. Acreditamos que vivemos uma vida e que quando morremos termina tudo. Acreditamos que este mundo é um lugar de escassez. Por isto acreditamos que temos que lutar muito para o nosso bem-estar, porque não existe o suficiente para todos. Nós pensamos que a vida é uma competição com ganhadores e perdedores. Nós pensamos que é bom mentir porque todo mundo faz isto nesta realidade/ilusão. Estamos convencidos de que temos que estar sempre certos sobre as coisas. Nós acreditamos que existem papéis para homens e mulheres. Homem sendo forte e lutador, mulher sendo sensível e fraca.

Isto vem mudando com a elevação do feminino nas últimas décadas, mas a verdadeira natureza do masculino e feminino ainda não foi compreendida com relação ao relacionamento, acreditamos que não podemos estar completos sem outra pessoa. Nós acreditamos que precisamos de alguém para nos fazer feliz e inteiro. Nós experimentamos a alegria em ocasiões muito raras. Em belas situações de tirar o fôlego, seja no contato com a natureza ou durante um estado de meditação profunda. Estes são os raros momentos que nos levam para o AGORA. O único lugar onde o ego não existe. Estamos tão acostumados com o ego que não questionamos se a forma como vivemos é normal, nós gastarmos todo o nosso tempo no passado ou no futuro. O ego interpreta o “deve ter, poderia ter, no jogo da posse” jogando o jogo de saltar para o passado e para o futuro “criando cenários”, nos preparando para todas as possibilidades. Nós não percebemos que o único lugar real que devemos estar é no AGORA.

Os seres humanos na 3ª dimensão buscam o sexo físico porque esta é a única oportunidade para experimentar a fusão das energias masculinas e femininas em perfeito equilíbrio. Essa é a causa raiz para este desejo. Na 3ª dimensão, não entendemos que este é o sentido da carência de um(a) parceiro/parceira. Nós não entendemos que podemos criar esta totalidade para nós mesmos. Nós não só podemos como devemos para podermos acessar as dimensões superiores. Não conseguimos pensar que os desejos sexuais podem mudar de uma necessidade para um compartilhamento. Na 3ª dimensão nunca aprendemos a amar a nós mesmos. Pelo contrário, somos ensinados a acreditar que isto é egoísmo. Mas o oposto é que é verdade. Não amar a si mesmo é um pensamento “ego-ai-está” e é o que o impede de sermos inteiros e mantermos o nosso interior vivo.

Energeticamente a 3ª dimensão é um lugar de baixa vibração que aumenta a ilusão de separação, dualidade e livre arbítrio. O nosso EU superior não está integrado no corpo físico porque não consegue lidar com a baixa densidade e frequência. Ele está conectado conosco através do nosso corpo espiritual, mas quando nossos chacras estão bloqueados, dificilmente ele consegue chegar até nós. Isto cria a ilusão de que estamos separados da Fonte. Na 3ª dimensão nós realmente achamos que a nossa vida é baseada em coincidências e que não existe destino, nem que planejamos as experiências que vamos viver nesta dimensão, pois não temos conhecimento da nossa verdadeira identidade, somos um ser espiritual em um corpo físico sofrendo de amnésia.

À medida que encarnamos na 3ª dimensão, esquecemos quem realmente somos e recebemos uma mente/ego que só tem conhecimento desta encarnação. Não nos lembramos de nenhuma de nossas vidas anteriores porque a memória não nos acompanhou. Apenas a nossa estrutura celular e DNA carregam as memórias da nossa linhagem da família, nosso EU superior também sabe sobre as nossas experiências de vidas passadas. Enquanto a mente/ego está na liderança e nosso coração está fechado, a conexão com o nosso EU superior na maioria das vezes está bloqueada. A comunicação com o nosso EU superior e os reinos mais elevados só pode ser sentida, não compreendida com a mente racional.

A mente/ego não é capaz de processar esta quantidade de energia. Enquanto nós estamos bloqueados não podemos sentir a verdade, acreditamos que nossa mente/ego deve estar na liderança, pois é “oh tão inteligente”. E sim, é, mas para nos manter longe do nosso verdadeiro EU e nos manter presos nas ilusões e crenças. Toda vez que a nossa intuição vem e expressa a verdade, a mente/ego grita: “Prove!” Então, nós ignoramos a intuição novamente porque somos incapazes de provar o que nós sentimos. Continuamos a correr em círculos de olhos vendados, tentando descobrir como a vida funciona e o que devemos realmente fazer. Acreditamos que vamos encontrar as respostas para a nossa busca pela felicidade no exterior, fora de nós. Nos adaptamos ao jogo e aceitamos as ilusões da 3ª dimensão como nossa realidade, porque é o que todo mundo faz. Nós suprimimos as dúvidas sobre o nosso propósito, a nossa verdadeira origem, nossos talentos e dons. Acreditamos que devemos esquecer estas perguntas, porque todo mundo está vivendo de acordo com as mesmas regras.

Se falarmos em voz alta nossas dúvidas e nossos verdadeiros desejos, nos consideram louco e sonhador irrealista. Então, nós apenas obedecemos o sistema, não percebemos que fomos escravizados pela nossa mente/ego que foi programado com todos os tipos de crenças falsas. Não percebemos que todo o sistema é uma matrix falsa baseada no medo. Enquanto as pessoas estão com medo, podem ser mantidas sob controle e os que detêm o poder ganham dinheiro com elas. Muito dinheiro. Seguros, produtos farmacêuticos, veículos, produtos eletrônicos e moda são apenas alguns exemplos de como uma quantidade enorme de dinheiro é gerada através dos nossos medos.

Ficamos obcecados em adquirir mais e mais dinheiro para sermos capazes de compensar estes medos e justificar a nossa falta de conexão com a Fontes adquirindo bens materiais inúteis. Achamos que temos de melhorar o nosso status para sermos bons e ganhar respeito. Nós nem sequer percebemos o quanto as nossas posses do mundo material estão nos controlando e nos mantêm dependentes em um círculo vicioso que só perpetua a insatisfação. Nós precisamos proteger o que conquistamos e estar preparados para tempos difíceis (medo). Na terceira dimensão, estamos sempre gerando pensamentos negativos e desconfiando de tudo e de todos.

A ilusão da dualidade na terceira dimensão nos permite experimentar a luz e a escuridão, o bem e o mal, a alegria e o desespero, o melhor e o pior. Temos a opção de agir como santos ou demônios. Mas realmente a única escolha que temos neste plano é: Amor ou medo. Luz ou escuridão. Isso é o que o livre-arbítrio nos permite. Enquanto seguirmos escolhendo o medo, estamos repetindo as nossas experiências e padrões até entendermos que devemos escolher o amor. Este é o segredo da terceira dimensão.

Quando aprendemos a escolher o amor de forma permanente, alcançamos a iluminação, o que aumenta a nossa frequência significativamente. Desta forma, podemos superar os limites do nosso ego/mente. Aprendemos a deixar o coração e a alma assumirem a liderança, transformando o ego em um auxiliar. Aprendemos como as energias universais funcionam e como podemos criar a nossa realidade. Entendemos que tivemos o controle à nossa disposição o tempo todo, apenas não o enxergamos. Aprendemos que não existem vítimas ou carrascos, existem apenas professores cujas lições nos ajudam a crescer. Não precisamos esperar morrer para ir para a luz. Podemos fazer isto estando em um corpo humano.

A 4ª Dimensão – O Mundo Mágico dos Sonhos

post-10-20-2
A 4ª dimensão é o mundo dos sonhos. É também chamado de plano astral. É uma dimensão que é menos densa e muito mais fluida do que a 3ª dimensão, mas ainda abriga a ilusão da dualidade e o ego é capaz de existir aqui também. É a dimensão do tempo. Imagine que ela seja um fluxo de energia que hospeda todos os eventos de um cronograma específico. Nós geralmente visitamos este plano naturalmente durante a noite. Nela em nossos estados de sonhos, tudo é possível. Um rato pode se transformar em um leão, que pode voar ou respirar debaixo de água, que pode estar em muitos lugares ao mesmo tempo e temos conversas com criaturas estranhas.

Os viajantes astrais experientes são capazes de acessar este plano também durante o dia. Isso pode se tornar tão real que eles estão realmente tendo aventuras fora do corpo ou intensas experiências. Este é o plano para o qual os xamãs de civilizações antigas viajavam para saber mais e se conectar aos reinos espirituais. Estas viagens davam-lhes o acesso ao submundo e partes do mundo superior. Muitos deles usaram drogas e cerimônias de transes especiais para conseguir seu intento. Dependendo da vibração energética da pessoa, viajar no plano astral pode ser muito amoroso e agradável ou pode ser uma experiência muito assustadora e terrível. Drogas nunca vão nos levar acima da quarta dimensão inferior.

No entanto, viajar no plano astral pode ser muito instigante para aprendermos mais sobre nós mesmos, sobre o nosso propósito e sobre os nossos medos, também podemos manter um estreito intercâmbio com o nosso EU superior. Não importa o quão longe viajamos nesta dimensão, nós sempre ficamos na mesma linha de tempo. Neste plano também é possível aproveitar a consciência coletiva e aprender mais através dela. O reino astral é um lugar onde a luz e a escuridão entram em conflito com facilidade. A magia negra está disseminada no seu plano inferior, os viajantes astrais, por exemplo, podem nos influenciar neste plano facilmente quando estamos cheios de medo e ainda não aprendemos a definir limites energéticos saudáveis, ou seja, sermos capazes de criar a nossa própria luz e sustentá-la de modo que ela simplesmente absorva a escuridão. A maioria das pessoas não se lembra de suas experiências astrais conscientemente neste plano, o que torna ainda mais difícil detectar manipulações energéticas ocasionadas.

A 4ª dimensão conecta a escuridão e a luz. Neste plano, podemos nos proteger apenas aplicando as leis universais energéticas, pois não existem leis ou regulamentos humanos de controle.

As pessoas de frequência superior não estão experimentando o plano astral conscientemente. É por isto que muitas vezes se sentem sozinhas ou pensam que está demorando o seu despertar e ascensão, porque elas não têm todas essas experiências loucas que as outras pessoas tem e ficam tão animadas. A frequência do corpo destas pessoas já é maior do que a frequência da 4ª dimensão desde o seu nascimento. Elas muitas vezes experimentam um cansaço inexplicável durante toda a sua existência na 3ª dimensão, porque a diferença entre as frequências densas da 3ª dimensão e as frequências mais leves da 5ª dimensão provocam um atrito permanente e o corpo tem dificuldades em lidar com isto. Elas passam pela programação da 3ª dimensão assim como todo mundo, embora muitas vezes elas tenham um sentimento muito forte de “não está certo o que está acontecendo aqui” e estão frequentemente questionando e sabotando o sistema. Algumas pessoas de frequências superiores se envolvem com álcool e/ou drogas porque elas não são capazes de lidar bem com a baixa densidade, pois pelas sentem que estão negando seus dons e talentos espirituais. Elas só querem ser normais e se encaixar na vida. O problema é que drogas e álcool são de frequência muito menor do que os seus corpos, o que pode causar ansiedade permanente e depressão.

As pessoas de frequências superior não experimentam pesadelos. Elas podem ter ataques de pânico e espirais de pensamentos antes de dormir ou quando elas estão meio cochilando meio acordada, mas seus sonhos quando elas se lembram, estão ocorrendo na 5ª dimensão e acima. Estes sonhos não contêm medo ou escuridão, pois eles acontecem nos planos do amor incondicional.

Elas estão experimentando sua ascensão de forma diferente, muito mais sutil, sincera. Uma vez que o seu despertar é iniciado e elas se abrem para a sua espiritualidade, o processo geralmente acontece mais rápido do que a média e elas limpam a programação da 3ª dimensão rapidamente já que o seu sistema quer voltar para a sua frequência natural o mais cedo possível. Elas são claramente conscientes, o que significa que de repente, elas sabem coisas sem saber por que. Isto acontece porque elas têm acesso a outras linhas de tempo e dimensões. Normalmente é de forma inconsciente. Elas simplesmente se desligam alguns minutos, sentem frio e ficam confusas depois de tal experiência. Não é melhor ou pior ser de frequência superior ou não, as experiências são simplesmente diferentes.

A 5ª Dimensão – O Plano de Luz

post-10-20-4De todas as dimensões superiores a 5ª dimensão é a última de pura luz e amor incondicional, ou seja, a energia da Fonte no caminho para baixo antes de entrar nos reinos de limitações e dualidade. Esta é a dimensão além do tempo linear, o que significa que muitas linhas de tempo diferentes estão disponíveis para acessar simultaneamente. A existência física ainda é possível neste plano, embora o corpo seja mais leve e de uma estrutura celular diferente. Quando o corpo físico está totalmente transformado para esta estrutura não existe nenhuma dor, não existe medo. É o plano da abundância e do amor incondicional manifestado no físico. O nosso EU superior está integrado no nosso corpo físico e assumiu a nossa orientação.

A sensação é muito diferente até por apenas canalizar seu EU superior. A primeira vez que seu EU superior se move totalmente para o seu corpo físico é uma sensação indescritível. É um fluxo energético intenso de amor incondicional e você sente tudo leve e fácil. Antes do seu EU superior estar totalmente ancorado no corpo físico, a cura do (mental, emocional e físico) deve estar concluída. Portanto, o seu EU superior vai entrar e sair por algum tempo até que ele possa ficar de forma permanente. Você saberá quando o seu EU superior está integrado, pois você não vai mais questionar o fluxo universal e simplesmente confiará em sua jornada. Você não sentirá mais necessidade de interferir ou controlar este fluxo.

Na 5ª dimensão, todas as nossas ações são baseadas no amor. É o plano da unidade, onde nos sentimos em conexão com tudo e todos ao nosso redor, incluindo a energia da Fonte. Na 5ª dimensão vivemos em unidade de consciência, mas ainda nos reconhecemos como um ser individual que faz parte do todo. Neste plano lembramos quem realmente somos e estamos conscientes da nossa alma eterna. A manifestação é fácil e a vida que imaginamos é a nossa realidade. Na 5ª dimensão tudo vem sem esforço porque redescobrimos o fluxo energético Universal que sempre nos orienta perfeitamente. Não existem limites. Vivemos em completa liberdade e autenticidade. Como não existe medo, não existe envelhecimento nem doenças. Nós vivemos no corpo enquanto nós queremos, até que decidimos deixar o corpo, o que acontece de forma suave e sem qualquer dor.

Quando alguém elevou a própria frequência para o nível da 5ª dimensão, o retorno às dimensões inferiores não é mais possível, a menos que a alma escolha conscientemente. Esta foi a escolha de muitas sementes estelares e seres angélicos que decidiram ajudar a humanidade e Gaia a ascender. Pessoas na 5ª dimensão são imunes as baixas frequências, já que não existe ressonância. Elas não atraem a escuridão e vivem exclusivamente na luz. Elas não podem ser vistas por pessoas da 3ª dimensão, caso estas pessoas não tenham começado o seu processo de ascensão e estiverem abertas para as frequências superiores.

Ou seja, quando a dualidade e o tempo linear se dissolverem, tudo o que existirá é uma vida no AGORA. Todas as experiências são abraçadas com gratidão, pois a alma sabe que tudo tem um propósito para o crescimento e expansão da consciência. O contato com os extraterrestres e os seres angélicos torna-se fácil e está integrado na experiência diária. Nós recebemos informações diretamente dos planos elevados, telepatia, teletransporte e telecinese se tornam possíveis. A 5ª dimensão é a dimensão da confiança profunda e um conhecimento interior de que tudo está acontecendo perfeitamente como deve. Neste plano, aprendemos a seguir com o fluxo e deixar a Fonte trabalhar através de nós criando milagres.

Não existe necessidade de estar certo na 5ª dimensão, já que o ego não existe. Nosso ego transcendeu para um espírito livre e está trabalhando lado a lado com o corpo e a alma. Na 5ª dimensão não levamos nada mais para o lado pessoal daqueles que não tenham atingido esse plano ainda. Nós sabemos sobre a sua própria bagagem e viagem e não julgamos ou culpamos, mas amamos incondicionalmente porque sabemos que todos são parte do todo. Sabemos que não existe perigo, por isto sabemos que não existe necessidade de proteção. Sabemos que a nossa luz brilha tão forte que absorve automaticamente a escuridão ao nosso redor.

Na 5ª dimensão vivemos de acordo com as leis energéticas universais, sabendo que criamos o que nós pensamos. Não existem regras ou leis feitas pelo homem, porque as pessoas confiam plenamente no fluxo energético e somos orientados onde é preciso. Não existe necessidade de posses ou status, já que não existe competição e nada para comparar. Tudo se torna uma partilha. Nós apenas somos. Amamos a nós mesmos e apreciamos a nossa individualidade como parte do todo. Sabemos que nossas necessidades são sempre satisfeitas e somos sempre cuidados. A gratidão está sempre presente. Quando vivemos na 5ª dimensão permanentemente nos mantemos em um estado de iluminação. Não é à toa que ela é conhecida como o céu na Terra.

©Vera Ingeborg


Origem: THE WAKE UP EXPERIENCE | 3D, 4D and 5D – The Dimensions and their Differences
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

Via: 3ª, 4ª e 5ª – As Dimensões e Suas Diferenças | A Luz é Invencível

O SOL SEMPRE BRILHA ACIMA DAS NUVENS…

photo-1427348693976-99e4aca06bb9

Por: Cida Pereira

Muitas vezes nos sentimos sozinhos, perdidos, seguindo um caminho cheio de barreiras intransponíveis, que nos fazem parar desacorçoados, acreditando que não podemos prosseguir, ou mesmo, que chegamos a tomar o rumo errado em alguma parte do caminho.

Mas, na verdade, esses impedimentos são apenas parte do aprendizado espiritual. Assim como os atletas, em seus treinos, fazem com que o esforço físico tornem seus corpos mais ágeis, mais flexíveis e mais fortes, da mesma forma nosso espírito precisa de exercícios para se desenvolver. Se olharmos para trás, vamos perceber que, ao longo de nossa história, foram sempre as experiências mais difíceis e doídas que nos tornamos mais fortes.

Por isso, não precisamos nos afligir nos momentos mais complicados, quando nos encontramos em enredados por situações e problemas que parecem não ter solução. É apenas nossa alma se exercitando. Talvez estivéssemos muito sedentários, precisando de novos ares, novas realidades, que jamais surgiriam em nossas vidas se permanecêssemos acomodados em nossa zona de conforto.

E assim, após nos lançarmos na nova aventura, galgando altos montes, cobertos de pedras, sobressalências, que dificultam a subida, depois de transpor todos os obstáculos, passando por todas as dificuldades, poderemos, mesmo num dia nublado, finalmente, chegar ao topo do mais alto deles e nos supreendermos ao depararmos com o sol brilhando em um lindo céu azul.

É nessa hora que  percebemos que, da mesma forma que o sol sempre brilha acima das nuvens, por mais espessas que sejam, a alma aparentemente obscurecida, por ter sua luminosidade velada pelas adversidades, também pode superá-las e revelar sua a verdadeira luz, que nunca é perdida.

A luz da alma sempre brilha!

 

Amor e Luz,

Cida Pereira