VOCÊS ESTÃO APRENDENDO A VER O MUNDO COM NOVOS OLHOS…

O Despertar

ESTADO DE CONSCIÊNCIA

O_Grupo_ArcturianoMensagem do Grupo Arcturiano

Canalizada por: Marilyn Raffaele
Em 10 de maio de 2015

Saudações, queridos.

Nós observamos que tudo está procedendo de acordo com o plano, e a maioria de vocês está começando a reconhecer e experienciar as novas e poderosas energias da transformação.

A experiência de todos pode ser diferente, então tentem não comparar a sua com o que vocês podem ler ou tomar conhecimento a respeito das experiências espirituais de outros.

Toda pessoa é única em virtude de ter vivido experiências diferentes por muitas vidas e finalmente chegar ao estado de consciência atual.

Vocês estão limpando os resíduos de centenas de vidas vividas na ignorância e nenhuma pessoa é exatamente igual à outra.

A maioria de vocês está começando a ver e experimentar um mundo de uma perspectiva dimensionalmente superior, que está se manifestando como novas maneiras, formas e ideias, dessas coisas com que vocês já estão familiarizados.

A realidade (Ideia Divina) de tudo no mundo exterior sempre permanece presente e infinita na Consciência Divina.

A evolução espiritual permite que vocês interpretem e manifestem essas Ideias Divinas em níveis novos e superiores.

Um exemplo poderia ser como o mundo tridimensional vê a morte.

A morte significa a destruição completa para aqueles que acreditam que não existe nada além de uma vida, exceto a pequena chance de um céu ou inferno baseado em quanto a pessoa foi “boa”.

Então, a morte para eles é algo para ser temido e evitado a todo custo.

Aqueles com uma consciência mais iluminada, que percebem que jamais poderia existir a morte real, estão bastante livres deste medo intenso e ansiedade.

Sempre existe alguma tristeza com a despedida, mas nada do terror e da resistência nascida da ignorância.

A morte é reconhecida como sendo transição, não um fim – uma parte da jornada evolucionária de todos na Terra, frequentemente bem-vinda para aqueles que estão cansados e prontos para ir para casa.

A Ideia Divina aqui é Onipresença.

Vocês, como expressões do Divino, sempre serão… o lugar não importa.

Logo vocês começam a ver mudanças nos governos e na lei, pois a consciência da humanidade está despertando rapidamente e está preparada para recuperar os poderes pessoais ignorantemente entregues durante vidas.

Mais e mais pessoas estão começando a perceber que elas não são impotentes e esta mudança no interior por sua vez se manifestará como mudanças no exterior.

A contínua limpeza da energia antiga não deve continuar eternamente, e muitos de vocês agora estão mudando para um tempo de criar.

Porque vocês estão começando a aceitar que de fato são seres espirituais poderosos, seus pensamentos e palavras estão começando a se manifestar mais rapidamente.

Como agora vocês estão mudando para um estado mais evoluído de consciência a maioria da programação antiga de vidas de ignorância que serviu para bloquear sua capacidade de manifestar conscientemente tem se dissolvido ou está em processo de dissolução.

Por milhares de anos a humanidade em sua maior parte esteve inconsciente de sua verdadeira natureza e consequentemente uma consciência mundial de impotência individual tornou-se a crença de consenso.

Aqueles em posições de domínio sempre trabalham para convencer a maioria de que ela não tem poder próprio e então deve contar com os outros (eles) pelo seu bem.

O resultado tem sido um mundo de pessoas ignorantes de quem elas realmente eram, acreditando, obedecendo e seguindo as demandas do rico e poderoso sem questionar.

Isso acabará quando a maioria despertar, servindo para elevar e abrir a consciência mundial para os novos níveis mais altos de conscientização.

Levantem-se, queridos, e se lembrem de quem vocês são.

É hora de reivindicar sua filiação divina, estando sempre atentos de como vocês falam e pensam, pois vocês são criadores.

Notem como alguns indivíduos que são especialistas em certas áreas da medicina ou ciência por estudo intenso, pesquisa e crença, frequentemente descobrem esses exatos problemas se manifestarem em suas próprias famílias ou neles mesmos.

Todo painel, propaganda ou anúncio relacionado a alguma campanha para lutar contra uma doença ou condição serve para materializá-la mais firmemente no sistema de crença de todos que o leem e assim manifestar mais dela.

Quando um indivíduo está enredado no sistema de crença humano da dualidade e separação, sua vida reflete algo bom e algo ruim.

Lições de vida dolorosas normalmente fazem parte do contrato pré-natal da alma para resolver alguma questão kármica ou aprender alguma lição necessária, mas as experiências tridimensionais também podem ser impessoais, simplesmente refletindo um estado de consciência que aceita dois poderes.

Não era para o homem escorregar tão fundo na densidade tridimensional, mas vocês estão concluindo o árduo trabalho necessário para ir além dela e estão fazendo um bom trabalho.

Um trabalho que exigiu vidas normalmente de experiências dolorosas necessárias para criar coragem e força.

Lembrem-se desse fato sempre que estiverem tentados a acreditar que vocês são um fracasso de algum modo, pois na realidade não pode haver fracasso, somente experiências de aprendizagem.

É difícil ir além do pensamento popular até a verdade se tornar um estado de consciência atingido e nesse ponto muito do sistema de crença tridimensional começa a simplesmente perder sua relevância e poder sobre vocês.

Vocês veem e ouvem essas mesmas coisas como todos os outros, mas vocês não reagem mais do mesmo modo.

Aqueles de vocês lendo essas mensagens estão rapidamente mudando para uma consciência capaz de discernir a verdade onde o mundo vê discórdia e estão começando a reconhecer instintivamente o que é propaganda e promoção para o benefício financeiro de uns poucos.

Vocês estão aprendendo a ver o mundo com novos olhos e a viver a partir de uma conscientização maior do que está acontecendo ao seu redor.

Por causa disso, vocês estão ajudando a mudar a consciência mundial para novos níveis.

Olhem para as suas vidas anos atrás numa época anterior, queridos, e vocês rapidamente perceberão como vocês chegaram longe em um tempo tão curto.

Apenas alguns anos atrás vocês poderiam entrar na onda de crenças tridimensionais muito populares, aquelas mesmas crenças que vocês claramente veem de modo diferente hoje.

Vocês estão despertando e se lembrando de quem vocês são – percebendo que vocês não mais precisam procurar, implorar ou invocar para algum deus “imaginário” pelo bem que vocês têm procurado em vão vida após vida.

Regozijem-se, pois vocês finalmente descobriram onde ELE sempre esteve – dentro – paciente e amorosamente aguardando seu reconhecimento.

Nós somos o Grupo Arcturiano

……………………………………………………………………………………………………………

Fonte: http://www.onenessofall.com/ / Golden Age of Gaia | The Arcturian Group via Marilyn Raffaele: May 10, 2015
Tradução: Blog SINTESE

Via: SINTESE: GRUPO ARCTURIANO – ESTADO DE CONSCIÊNCIA

 


Ouça atambém a mensagem através deste vídeo…

MORTE, NÃO ERA PARA SER ASSIM p/ Grupo Arcturiano

Por: ESSENCIA AYAM Mensagens de Luz

 

Fonte: http://www.onenessofall.com/
Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com  /  Golden Age of Gaia | The Arcturian Group via Marilyn Raffaele: May 10, 2015

Via: ESSENCIA AYAM | MORTE, NÃO ERA PARA SER ASSIM p/ Grupo Arcturiano – YouTube


 

 

CONHECENDO MELHOR SUA MENTE MULTIDIMENSIONAL…

mente multidimensional

MYTRE – CRIANDO FORMAS-PENSAMENTO MULTIDIMENSIONAISBirthingNewEarth copyE CAMPOS DE ENERGIA PARA A ASCENSÃO DE GAIA

Mytre, o Pleiadiano
Canalizado por:
Suzanne Lie PhD

Queridos voluntários a assumir um vaso terreno, nós queremos que vocês saibam que nós, sua família galáctica e celestial, estamos aqui. Nós estamos aqui na Terra, mas ressoamos a um padrão de frequência ligeiramente mais alto do que a humanidade. Esse padrão de frequência serve como uma camuflagem para que possamos andar livremente pela sua zona de habitat sem sermos vistos.

Entretanto, se vocês expandirem sua consciência multidimensional inata para a ressonância da quinta dimensão, vocês podem fechar seus olhos físicos e enxergar pelo seu Terceiro Olho. Quando vocês “olharem” pelo seu Terceiro Olho vocês terão um conhecimento de nossa presença.

Em outras palavras, aqueles que podem expandir a consciência, e consequentemente as percepções para a frequência da quinta dimensão podem perceber a nossa presença. No início vocês somente nos perceberão como campos oscilantes de energia porque levará um pouco do seu “tempo” para se lembrar de como aceitar a quinta dimensão em seu campo perceptivo.

Esse processo de perceber conscientemente a quinta dimensão começará por honrar sua habilidade de conscientemente perceber formas-pensamento e campos de energia multidimensionais. As formas-pensamento multidimensionais (uma criação individual) e os campos de energia multidimensionais (uma criação coletiva) são iniciados na terceira dimensão e rapidamente expandem para as dimensões mais altas.

Primeiro vocês perceberão essas formas-pensamento e campos de energia no plano etéreo, que é a primeira ressonância acima do plano físico. Essas formas-pensamento e campos de energia se originam no reino físico e expandem para as dimensões superiores.

Formas-pensamento e campos de energia são baseados em pensamentos altruístas de frequência mais alta a respeito da transmutação coletiva de Gaia e Seus habitantes. Quando o ingrediente importante de amor incondicional, e é aficionada uma pitada de fogo violeta, uma forma-pensamento e/ou um campo de energia multidimensional é criado.

Quando vocês criam uma forma-pensamento ou um campo de energia multidimensional, vocês verdadeiramente criam um portal que se origina na terceira dimensão e expande para as dimensões superiores. Esse portal serve como um caminho para o Lar, para a realidade dimensionalmente superior de sua escolha.

Mas lembrem-se: se sua forma-pensamento ou onda de energia for para seu ganho pessoal, ela somente ressoará à terceira/quarta dimensão. Para garantir que sua forma-pensamento seja multidimensional, por favor, lembrem-se de incluir Gaia e TODOS os Seus habitantes.

Esses habitantes também incluem os escuros que parecem tornar sua vida muito difícil. Entretanto, VOCÊ é o criador de sua vida. Você incluiu em seu contrato pré-natal qualquer compromisso com a escuridão que fosse necessário para você transmutar totalmente seu ciclo inteiro de encarnações na Terra de Gaia.

Você veio para Gaia neste AGORA para transmutar qualquer resíduo de escuridão de suas inúmeras encarnações terrenas. E mais importante: você está transmutando esse resíduo, não para seu eu pessoal, mas para o planeta.

Quando você escolhe servir seu planeta desta maneira, sua consciência expande da consciência pessoal para a consciência planetária. É vital que você entenda este ponto porque se você tiver uma meta egoísta de “sair deste planeta”, você não expandirá sua consciência para a quinta dimensão.

Mais importante: você não estará assistindo a ascensão planetária se estiver criando forma-pensamento egoísta, que somente pode ressoar à quarta dimensão média. Por toda a sua encarnação presente você tem limpado seu campo de energia pessoal por dominar suas lições de “causa e efeito”.

A lei de causa e efeito é “energia emitida SEMPRE é energia que volta”. Simplesmente, essa lei declara que aquilo que você enviar para a sua realidade retornará para você. Se você tiver uma frequência mais baixa de consciência, levará mais “tempo” para aquilo que você enviou retornar.

É por essa razão que aqueles do poder sobre não tiveram seus campos de energia de volta ainda. Entretanto, os perdidos não podem expandir sua consciência, mesmo para a quarta dimensão, pois os efeitos de suas causas estão esperando por eles nessa frequência de realidade.

Aqueles de vocês que alcançaram um grau de mestria da Lei da Causa e Efeito, estão começando a ter experiências do retorno/efeito pentadimensional de suas causas multidimensionais. Em outras palavras, vocês estão se lembrando de como criar formas-pensamento e campos de energia multidimensionais.

Quando você estava começando a ser o criador de sua realidade, você inconscientemente emitiu formas-pensamento baseadas no medo, do tipo “Eu não tenho o suficiente”. Então, “o não suficiente” retornaria a você. Felizmente, com o passar do o seu “tempo” você percebeu seu erro e começou a ouvir seus pensamentos antes de enviá-los para o seu mundo.

Você aprendeu que se enviasse “gratidão pelo que você já tem”, você poderia liberar todo o medo de perda e criar abundância por ser grato pelo que você tem. Desta maneira você obteve um grau de mestria de uma das principais construções operacionais de que energia emitida é igual à energia que volta.

Portanto, você passou para a percepção de que todos os pensamentos e as emoções se unem em poderosas formas-pensamento para criar a matriz em que sua encarnação pessoal ou coletiva está baseada.

Felizmente, sua crescente mestria da causa e efeito tem lhe ensinado que quando você emite formas-pensamento e campos de energia positivos, eles retornarão para você. É através da prática dessa lei de “se você quer alguma coisa – a dê para o outro”, que sua vida começa a transmutação para estados cada vez mais altos de consciência.

Quando você mudar para consciência mais alta, você começará a perceber frequências mais altas de realidade. Através dessas percepções dimensionalmente superiores, você lembra cada vez mais sobre seu EU dimensionalmente superior. Essas percepções serão provavelmente capturadas com seu Terceiro Olho aberto e/ou o Coração Superior.

Você usará seu Terceiro Olho e Coração Superior porque seus olhos físicos não estão calibrados para reconhecer essa frequência de realidade como “real”. Seu cérebro físico está calibrado para perceber a quinta dimensão como “apenas a sua imaginação”. Mas lembre-se de que sua “imaginação” é o seu pensamento pentadimensional.

Nós, eu mesmo, Mytre e o Arcturiano, estamos na sua frente em nosso Corpo de Luz pentadimensional. Isto é, eu estou no meu Corpo de Luz pentadimensional, mas o Arcturiano permanece em uma forma sem forma que oscila para cima e para baixo na escala de frequência da realidade.

O Arcturiano está alterando as frequências para lembrar que nós, vocês e toda a vida é multidimensional. E também os Arcturianos raramente descem seu pacote de energia abaixo da décima dimensão. Em breve vocês – os membros de nossa equipe à distância – raramente descerão sua frequência abaixo de seu Corpo de Luz.

Claro, “em breve” é um termo tridimensional vinculado ao tempo. Consequentemente ele não tem qualquer significado nos reinos do AGORA. Nós lhes pedimos que meditem por um momento para expandir sua consciência além do tempo. Sim, é bastante simples para vocês agora. Seu desafio mudou de sair das restrições do tempo para permanecer nas restrições do tempo.

Este desafio logo se referirá a todos os nossos voluntários, pois seu AGORA de retornar ao EU está se aproximando. Entretanto, nós não podemos lhes dar um “tempo” porque a alteração não se trata de tempo e sim, de frequência.

Quando vocês totalmente lembrarem e obtiverem um grau de mestria de sua consciência multidimensional, vocês serão capazes de estar no tempo e também no AGORA. Entretanto, vocês parecerão aos que estão vinculados ao tempo do mesmo modo como parecemos para vocês – como formas oscilantes de luz.

Quando vocês começarem a experimentar as transmissões pentadimensionais enquanto também estão ligado à sua consciência habitual de 3D/4D, vocês terão breves experiências de “piscar para fora” de qualquer que seja a experiência 3D que estiverem tendo.

Visto que seu cérebro físico é incapaz de aderir a essa frequência mais alta de informação, vocês precisarão se lembrar de armazenar suas comunicações superiores em sua Mente Dimensional antes de retornar totalmente à sua realidade 3D.

Sua Mente Multidimensional é capaz de experimentar tanto as realidades físicas como as dimensionalmente superiores no mesmo AGORA. Provavelmente, precisará de alguma “prática” e também conexão consciente com seu Eu Superior para integrar suas experiências pentadimensionais em sua vida física.

É neste ponto da integração multidimensional que seu processo de criar e/ou ler formas-pensamento será muito útil. Essas formas-pensamento multidimensionais na verdade são portais que podem guiar sua consciência por um “caminho sequencial” em que vocês podem lentamente se adaptar a cada frequência de realidade antes de passar para a seguinte.

Todos vocês têm experiências tetradimensionais através de seus sonhos que falam uma linguagem “simbólica” que pode ser difícil de entender. Uma forma-pensamento é um campo de energia pura que vocês podem ou não estar conscientes de experimentar.

Isto é, seu eu tridimensional pode NÃO estar consciente dessa experiência, mas seu eu tetra e pentadimensional estarão. Seu eu físico pode experimentar uma “falha de tempo”, “repartição espacial” e/ou momentos de esquecimento.

Entretanto, na verdade esse é um momento de lembrança do VOCÊ Multidimensional que estava esquecido na pressa da vida diária. Portanto, nós recomendamos que vocês comecem cada dia permitindo-se reconectar com seu EU Multidimensional.

Nós recomendamos que vocês encontrem um tempo, mesmo que não seja no auge do dia, em que vocês possam tirar pelo menos 15 minutos para sintonizar em seu EU. Se vocês puderem estabelecer um ritual, tal como:

  • Ir ao mesmo lugar na mesma hora
  • Levar algum meio com que possa escrever sua experiência
  • Se gostar de música ouvir alguma música suave
  • Ler alguma coisa espiritual por um momento para “se livrar da 3D”
  • Fechar os olhos para refletir sobre o que leu
  • Com suas mãos no teclado ou caneta e papel, relaxar e respirar para passar a um estado mais alto/relaxado de consciência
  • Para começar, pode-se sempre escrever alguma coisa como: “QUERIDO (EU Superior, etc.), Você tem alguma mensagem para mim AGORA?”
  • Relaxar e liberar toda expectativa ou pensamento
  • Permitir sua caneta escrever, ou suas mãos se moverem no teclado

Se vocês permanecerem com esse plano simples, gradualmente vocês criarão um relacionamento pessoal com o seu EU Superior. É útil praticar esse exercício à mesma hora e no mesmo lugar em todas as vezes.

Se vocês puderem manter esse compromisso todos os dias por 21 dias, vocês criarão um “hábito”. Então, se vocês pularem um dia vocês “sentirão falta desse tempo com o seu EU”. Vocês também perceberão a importância de manter sua promessa com o seu EU.

Se vocês não puderem ter essa reunião todos os dias, então tentem ser constantes com os dias que vocês escolhem para que possam “manter seu acordo de encontrar-se com o seu EU”. Lembrem-se: VOCÊS são importantes e Gaia precisa de VOCÊS

Assim que vocês se lembrarem de como se comunicar com seu EU Multidimensional, seu “canal” – significando o campo de frequência de seu pacote de energia – estará aberto para todos os inúmeros Galácticos, Celestiais e Mestres Ascendidos que AGORA estão preparados para se comunicar com VOCÊS!

Bênção, QUERIDOS que assumiram um vaso terreno para assistir Gaia.

Nós agradecemos por seu serviço e os elogiamos por sua coragem.

Bênçãos,

Mytre, o Pleiadiano


Fonte:  Awakening with Suzann Lie | Creating Multidimensional Thought-forms by Mytre, The Pleiadian
Tradução: Blog SINTESE   

Via: SINTESE: MYTRE – CRIANDO FORMAS-PENSAMENTO MULTIDIMENSIONAIS

TODOS SOMOS CAPAZES DE AJUDAR NA TRANSIÇÃO PARA A NOVA TERRA…

voce-e-um-ser-divino

Maravilhosa Rede de Luz

 

aequipe-peggyblack

A Equipe

Canalizado por: Peggy Black

 

Estamos aqui, oferecendo-lhe o nosso reconhecimento e gratidão. Estamos estendendo o nosso apoio e encorajamento para lembrá-lo novamente do seu poder pessoal e magnificência. Estamos conscientes da energia do caos que está sendo gerado pela consciência coletiva.

Lembre-se, você realmente escolheu estar presente na Terra durante estes tempos. Você está aqui para ancorar uma nova realidade. Você está aqui nesta dimensão para elevar sua vibração. Você está aqui na forma física para transmutar e transformar toda a disfunção energética que está testemunhando. Você não é incapaz de ajudar na mudança

Como um ser divino de amor e luz, você é verdadeiramente poderoso além da medida. Você não está sozinho neste esforço. Queremos que você perceba que existe uma rede de energia ancorada por você e por outras pessoas que estão se lembrando de quem são e por que estão aqui. Compreendemos a sua preocupação com o bem-estar dos seus entes queridos e do seu amado planeta. Essa paixão é a chave que está sendo usada para acionar o seu despertar e lembrar quem você é e porque está aqui.

Não importa a sua situação financeira, seu status ou sua idade. Você está aqui para ancorar um estado mais elevado de consciência e transformar as emoções e vibrações mal qualificadas/negativas que estão sendo transmitidas por aqueles que estão inconscientes, assustados e sentindo-se sem poder.

Lembre-se, esta realidade, esta dimensão, é energia. É vibração e frequência. Esta dimensão é criada por camadas e camadas de vibrações oferecidas por todos aqueles que estão presentes nesta dimensão. Cada ser humano, cada indivíduo, adiciona sua própria energia e vibração à mistura. A maioria dos indivíduos oferece sua energia de modo desinformado, mal-entendido e sem amparo. Você está aqui neste momento para energizar, imaginar e transformar estas energias.

Nós pedimos que você perceba que tem o apoio e a assistência de sua família celestial e galáctica. Existe cada vez mais indivíduos despertando a cada dia para a sua consciência e propósito nesta incrível oportunidade de transformar e elevar a consciência de um planeta inteiro.

Sinta esta consciência impressionante e poder verdadeiro que você é. Esta é a hora. Convidamos você para limpar sua própria sombra pessoal de emoções reprimidas. Isso não precisa ser doloroso ou mesmo difícil. Você pode colocar o seu foco amoroso em qualquer vibração emocional que surge e dar a esta emoção um som com a intenção de mudar e limpar aquela vibração emocional que você tem evitado, suprimido ou até mesmo negado. Substitua o que foi limpo por uma vibração emocional mais coerente e mais elevada. Ancore esta emoção com vibrações sonoras. Este é o trabalho de um verdadeiro alquimista.

Você está aqui para transformar toda a energia mal qualificada/negativa que encontra. Cada vez que você conscientemente limpa um aspecto desqualificado/emoções negativas do seu próprio campo de energia pessoal, você também está limpando um aspecto da consciência coletiva.

Continuaremos a partilhar a importância desta ação e prática diária. Como um verdadeiro alquimista, você pode colocar seu foco em qualquer aspecto da sombra ou disfunção coletiva que você está testemunhando de caos e oferecer uma vibração sonora para esta energia emocional. Então você pode oferecer uma frequência ou som para a angústia, a raiva/ódio, o conflito, o julgamento. Depois de ter expressado esta emoção com um profundo e verdadeiro poder transformador, certifique-se de gerar o som e a intenção de uma vibração emocional de amor, cura, perdão abundância.

Faça um convite também. Divinos seres conscientes de luz e amor estão sempre prontos para responder à sua chamada e pedido de apoio e assistência. Esta é uma parceria. Seres não-físicos de amor e luz estão apenas aguardando o seu convite.

Seu planeta está no processo que você chama de ascensão. O aumento da frequência do planeta, a ressonância a que todo ser vivo se sintoniza, está ativando e despertando todos aqueles que estão adormecidos. Seu planeta está sendo banhado com vibrações elevadas do centro galáctico. O aumento da ressonância do planeta e a energia oferecida pelo centro galáctico, está apoiando e auxiliando seu trabalho pessoal e serviço.

Perceba que você faz parte de uma incrível rede de seres conscientes multidimensionais que sabem quem são e sabem o trabalho que vieram fazer aqui. Esta rede está disponível para você em todos os momentos. Você não está sozinho em seus esforços, muito pelo contrário. A conexão com esta rede é através da sua intenção. A sua imaginação é a porta ou portal.

Lembre-se que você é pura energia e onde você coloca seu foco é onde sua energia vai. Portanto, concentre-se em se conectar a esta rede invisível de seres conscientes de energia pura. Ela vai ajudar você, imagine que está se conectando à um lugar sagrado. Crie este espaço ou câmara alquímica. Veja, sinta, imagine outros seres de energia pura se juntando a você. Pratique isto. Faça disto um treino diário. Não precisa levar muito tempo. Lembre-se, o importante é a vontade, a intenção e permitir.

Imagine, ou sinta se unindo aos outros seres conscientes neste reino superior. Saiba que você é uma parte significativa de muitos milhões que também estão criando esta rede de energia, amor e luz. Envolva seu amado planeta Terra nela. Respire vida em sua intenção enquanto você se concentra e oferece suas próprias vibrações puras para este campo surpreendente que está sendo criado momento a momento nas dimensões superiores.

Você está energizando o campo quântico de todas as possibilidades com um futuro que sustenta a vida para todos. Você está criando e influenciando este campo de energia com realidades que melhoram a vida para todos. Confie em seu conhecimento. Confie que a paz e a harmonia estão sendo ancoradas neste reino que ajudarão na ascensão da consciência para todos. Cada pessoa que faz este trabalho e serviço dedicado acrescenta ao seu desdobramento glorioso.

Lembre-se de mudar seus próprios problemas e limitações para um lugar de transformação. Levante-os usando todas as ferramentas e processos disponíveis. Agora é o momento de realmente assumir seu conhecimento pessoal e se unir de mente e coração aos outros que estão em suas formas físicas ou não físicas. Juntos em parceria, criando uma tecelagem de luz que abraça toda a humanidade no amor de cura.

Os seres divinos estão aguardando o seu pedido. Peça ajuda a cada momento. Junte-se a outros terráqueos que sabem que estão presentes em uma experiência limitada, mas se conectam às mais altas possibilidades da verdade que podem chamar e ancorar. Os seres celestiais celebram sua coragem a cada dia por sua presença nesta dimensão limitada. Não importam as circunstâncias que você se encontra experimentando, você está aqui para transformar o que encontra e testemunha. Você é um ser divino encarnado.

Nós o abraçamos na mais profunda gratidão por sua disposição de fazer este trabalho. Estamos sempre disponíveis para apoiá-lo e auxiliá-lo. Lembre-se de fazer o convite para todos os seres dos reinos do amor e da luz, nomeados ou sem nome. Legiões de seres divinos virão para atender o seu pedido. Confie nesta verdade.

A Equipe

©Peggy Black


Origem: Morning Messages   /   Golden Age of Gaia | The Team’ via Peggy Black: Amazing Network of Light
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

Via: A Luz é Invencível | Maravilhosa Rede de Luz

UM LIVRO SOBRE A IMPORTÂNCIA DO AMOR NA SALVAÇÃO DA HUMANIDADE…

Ami, o menino das estrelas

Ami, O Menino das Estrelas

  (DIÁLOGO ENTRE UMA CRIANÇA TERRESTRE (PEDRINHO) E UMA OUTRA EXTRATERRESTRE (AMI))

ami_o_menino_das_estrelas

Postado por Bernardo Melgaço

 

Na página de apresentação do livro encontramos:

“É difícil aos dez anos de idade escrever um livro. Nesta idade ninguém entende muito de literatura… nem se interessa demais; mas eu [Pedrinho] vou ter que fazer isso, porque Ami disse que se eu o quisesse ver novamente deveria relatar em um livro o que eu vivi a seu lado.

Ele me advertiu que entre os adultos, muito poucos me entenderiam, porque para eles era mais fácil acreditar no terrível do que no maravilhoso.

Para evitar problemas ele me recomendou que dissesse que tudo era uma fantasia, uma história para crianças.

Eu vou obedecer-lhe ISTO É UMA HISTÓRIA” (p.3).

DIÁLOGO ENTRE O MENINO CHILENO (Pedrinho) E O “MENINO” EXTRATERRESTRE (Ami):

“- [Pedrinho] Mas talvez existam mundos com seres inteligentes e malvados…
“Inteligentes e malvados”! – Ami dava risada – Isso é como dizer bons-maus.
Eu [Pedrinho] não conseguia compreender. E esses cientistas loucos e perversos que inventam armas para destruir o mundo, contra os quais Batman e Superman lutam? Ami captou meu pensamento e explicou rindo:
Esses não são inteligentes; são loucos.
– Bom, então é possível que exista um mundo de cientistas loucos que poderiam nos destruir…
– Além dos daqui da Terra, impossível…
– Por quê?
– Porque se são loucos, destroem-se a si mesmos primeiro. Não conseguem obter o nível científico necessário para poder abandonar seus planetas e partir para invadir outros mundos. É mais fácil construir bombas do que naves intergaláticas, e se uma civilização não tem bondade e alcança um alto nível científico, mais cedo ou mais tarde vai utilizar seu poder científico contra si mesma, muito antes de poder partir para outros mundos.
– Mas em algum planeta poderiam sobreviver, por casualidade…
– Casualidade? No meu idioma não existe essa palavra. Que significa casualidade?
Tive de dar vários exemplos para que ele compreendesse. Quando consegui, ele achou engraçado. Disse que tudo está relacionado, mas que nós não compreendemos a lei que une todas as coisas, ou não a queremos ver.
– É que se são tantos os milhões de mundos, como você diz, poderiam sobreviver alguns malvados sem se destruir. Eu continuando na possibilidade dos invasores. Ami tentou fazer-me compreender:
– Imagine que muitas pessoas têm que pegar uma barra de ferro quente, uma a uma, com as mãos nuas. Qual é a possibilidade de que alguma não se queime?
– Nenhuma; todas se queimam – respondi.
– É assim mesmo, todos os malvados se autodestroem se não conseguem superar sua maldade. Ninguém escapa da lei que rege esse assunto.
– Que lei?
– Quando o nível científico de um mundo supera em muito o nível de amor, esse mundo se autodestrói…
– Nível de amor?
Podia entender com clareza o que é o nível científico de um planeta, mas não compreendia o que era o “nível de amor”.
– A coisa mais simples é, para alguns, a mais difícil de compreender…o amor é uma força, uma vibração, uma energia cujos efeitos podem ser medidos por nossos instrumentos. Se o nível de amor de um mundo é baixo, existe infelicidade coletiva, ódio, violência, separatismo, guerras e…com um nível perigosamente alto de capacidade destrutiva…compreende-me, Pedrinho?
– Em geral, não. O que você quer dizer?
– DEVO lhe dizer muitas coisas, mas vamos aos poucos. Começamos por suas dúvidas.
Ainda não podia acreditar que não existissem monstros invasores. Contei-lhe um filme no qual “extraterrestres lagartos” dominavam muitos planetas porque estavam muito bem organizados. Ele disse:
– Sem amor não pode existir uma organização duradoura. Nesse caso, é preciso obrigar, forçar. Ao final, aparece a rebeldia, a divisão e a destruição. Só existe uma forma universal perfeita de organização, capaz de assegurar a sobrevivência, e é possível naturalmente quando uma civilização se aproxima ao amor, quando evolui. Os mundos que chegam a isso são evoluídos, civilizados, não fazem mal a ninguém. Não existe nenhuma outra alternativa em todo o universo. Uma inteligência maior do que a nossa inventou tudo isso….
Eu continuei sem compreender nem uma palavra, apesar de que depois ele conseguiu me explicar melhor; no momento eu continuava com dúvidas a respeito dos monstros inteligentes e malvados.
Televisão demais! – exclamou Ami, para logo acrescentar:
Os monstros que imaginamos estão dentro de nós mesmos. Enquanto não os abandonamos, não merecemos alcançar as maravilhas do universo… Os malvados não são bonitos nem inteligentes.
– Mas… e essas mulheres lindas e malvadas que aparecem nos filmes?
– Ou não são lindas ou não são más…A verdadeira inteligência, a bondade e a beleza andam de mãos dadas; tudo é conseqüência do mesmo processo evolutivo que leva ao amor.
– Então você quer dizer que não há gente malvada no universo, além dos daqui da Terra?
– Claro que há. Existem mundos nos quais você não poderia sobreviver nem meia hora. Aqui mesmo, na Terra, há um milhão de anos… Existem mundos habitados por verdadeiros monstros humanos…
– Está vendo, está vendo? – exclamei triunfante – você mesmo reconhece, eu tinha razão; eu estava me referindo a esses monstros…
Mas não se preocupe; eles estão “embaixo”, não “em cima”, habitam mundos mais atrasados do que este; suas mentes não lhes permitem nem mesmo conhecer a roda, assim que não vão chegar até aqui…
Isso era tranqüilizador.
– Então depois de tudo, os terrícolas não são os mais malvados do universo…
– Não; mas você é um dos mais bobinhos da galáxia!
Rimos como bons amigos.”(p.19-21).

“- Ah, sim! Você quer dizer que aqui também estamos correndo perigo, como nos mundos dos malvados?
– Existem muitas possibilidades. A relação entre a ciência e o amor está terrivelmente inclinada para o lado da ciência; milhões de civilizações como esta se autodestruíram. É um ponto de mudança…perigoso”
(p.26).

“Eu estava realmente nervoso. Comecei a procurar uma solução para evitar a guerra e a possível destruição da humanidade. Pensei que os extraterrestres poderiam tomar o poder pela força na Terra, destruir as bombas e nos obrigar a viver em paz. Disse isso a ele. Quando parou de rir, afirmou que eu não conseguia deixar de ser terrícola ao pensar.
– Por quê?
– Pela força, destruir, obrigar, tudo isso é terrícola, incivilizado, violência. A liberdade humana é algo sagrado, tanto a nossa como a alheia. Obrigar não existe em nossos mundos; cada pessoa é valiosa e respeitada. Pela força e destruição é violência, o que vem de “violar”; violar a Lei do Universo…
– Então vocês não fazem a guerra?
– Ainda não tinha terminado de fazer esta pergunta quando me senti estúpido por tê-la feito.
Olhou-me com carinho e colocando sua mão no meu ombro, disse:
– Nós não fazemos a guerra, porque acreditamos em Deus.
Sua resposta surpreendeu-me muito. Eu também acreditava em Deus, mas ultimamente estava pensando que somente os padres do meu colégio acreditavam Nele, e também as pessoas com pouca cultura, porque tenho um tio que é físico nuclear da Universidade e ele diz que “a inteligência matou Deus”.
– Seu tio é um tolo
– afirmou Ami, depois de ler meus pensamentos.
– Não acho; ele é considerado um dos homens mais inteligentes do país.
– É um tolo
– Ami insistia – a maçã pode matar a macieira? A onda pode matar o mar?’…
– Pensei que…
– Enganou-se. Deus existe.”
(p.27).

“Começamos a andar pelo caminho que vai ao povoado. Colocou seu braço no meu ombro e senti nele o irmão que nunca tive.
De longe se escutavam algumas aves noturnas a grasnar. Ami parecia deleitar-se com esses sons; inspirou o ar marítimo e disse:
– Deus não tem aparência humana – seu rosto brilhava na noite ao falar do Criador – não tem forma alguma, não é uma pessoa como você ou como eu. É um Ser infinito, pura energia criadora… puro amor…
– Ah!
Ele dizia isso de uma maneira tão bela, que conseguia que eu me emocionasse.
– Por isso, o universo é lindo e bom…É maravilhoso” (p.28).

“- Ah, sim!
– Aqueles que viveram existências difíceis, violentas, quando conseguem atingir uma vida mais humana a valorizam como ninguém… Se nunca existisse noite, não poderíamos desfrutar o amanhecer…”
(p.28).

“Enquanto caminhávamos, ele se detinha para olhar a lua entre as folhas de eucaliptos, às vezes me dizia que ficássemos a ouvir o coaxar das rãs, o canto dos grilos noturnos, o longínquo ruído das ondas. Detinha-se a respirar o aroma dos pinheiros, do córtex das árvores, da terra, a observar uma casa que ele achava bonita, uma rua ou um cantinho em uma esquina.
– Veja que lindos esses candeeiros… parecem um quadro… observe como cai a luz sobre essa trepadeira… e essas anteninhas recortadas contra as estrelas… A vida não tem outro propósito que o de se desfrutá-la de uma maneira sã, Pedrinho.
Procure colocar sua atenção em tudo o que a vida lhe proporciona… A maravilha está em cada instante… Tente sentir, perceber, em lugar de pensar. O sentido profundo da vida está além do pensamento… Sabe, Pedrinho, a vida é um conto de fadas feito realidade… é um dom maravilhoso que Deus lhe brinda… porque Deus o ama…
Suas palavras me faziam ver as coisas de um novo ponto de vista. Parecia-me incrível que esse mundo fosse o habitual, o de todos os dias, ao qual eu jamais prestava atenção…agora percebia que vivia no Paraíso, sem nunca ter percebido antes…”(p.31).

“- Incivilizados?
– Chamamos incivilizados aos mundos que não respeitam os três requisitos básicos…
– Quais são?
– Os três requisitos básicos que um mundo deve respeitar para ser considerado civilizado são: primeiro, conhecer a Lei fundamental do universo; uma vez que se conhece e se pratica esta lei, é muito fácil cumprir os outros dois. Segundo, constituir uma unidade: devem ter um só Governo Mundial. Terceiro, devem organizar-se de acordo com a Lei fundamental do universo”
(p.32).

“Ami parecia saber mais de mim, do que eu mesmo…
– Esse livro vai ser informação também. Mais do que fazemos, não nos é permitido. Você gostaria que não existisse a menor possibilidade de que uma civilização de malvados venha invadir a Terra?
– Sim.
– Está vendo? Mas se vocês não deixam de lado a sua maldade e nós os ajudamos a sobreviver, rapidamente estariam tentando dominar, explorar e conquistar outras civilizações do espaço…mas o universo civilizado é um lugar de paz e de amor, de confraternização. Além disso, existem outras qualidades de energias muito poderosas. A energia atômica ao lado delas é como um fósforo ao lado do sol…Não podemos correr o risco de que uma espécie violenta chegue a controlar essa energia e colocar em perigo a paz dos mundos evoluídos, e, muito menos, que chegue a produzir um descalabro cósmico”
(pp.34-35).

“Ami riu muito da minha afirmação.
– Você se lembra quando vínhamos pelo caminho?
– Sim, lembro-me.
– Ali tudo lhe pareceu diferente, tudo lhe pareceu lindo, não é verdade…?
– Ah, sim…parece que lá era como se eu estivesse hipnotizado…Talvez você tenha me hipnotizado!
– Estava acordado! Agora está adormecido, pensando que a vida não tem nenhuma maravilha, que tudo é perigoso. Você está hipnotizado, não escuta o mar, não percebe os aromas da noite, não toma consciência de seu caminhar nem de sua vista, não desfruta da sua respiração. Você está hipnotizado com hipnose negativa, está como essas pessoas [indivíduos] que pensam que a guerra tem algum sentido “glorioso”, como os que supõem que quem não compartilha sua própria hipnose é seu inimigo, todos estão hipnotizados, adormecidos. Cada vez que alguém começa a sentir que a vida ou um momento são lindos, então este alguém está começando a acordar. Uma pessoa desperta sabe que a vida é um paraíso maravilhoso e o desfruta instante a instante…mas não vamos pedir tanto a um mundo incivilizado…Imagine que tem pessoas [indivíduos] que se suicidam…já pensou que loucura? Suicidam-se!
…Veja, Pedrinho, todas as pessoas [indivíduos] têm um lado bom, um lado infantil. Quase ninguém é completamente mau. Se você quiser, vamos a uma prisão e rocuramos o pior criminoso.
– Não, obrigado.
– Em geral, as pessoas [o ser humano] são mais bondosas do que malvadas, inclusive neste planeta. Todos pensam que estão fazendo um bem com o que fazem. Alguns se enganam, mas não é maldade, é erro. É certo que quando estão adormecidos ficam sérios e até perigosos, mas se você os toca pelo lado bom, eles vão lhe devolver o que há de bom neles; se você os toca pelo lado negativo, eles vão lhe devolver o que há de negativo neles; apesar disso, todo mundo gosta de brincar de vez em quando.
– Então por que neste mundo existe mais infelicidade do que felicidade?
– Não é que as pessoas [indivíduos] sejam malvadas, são os sistemas que utilizam para se organizar que são velhos. As pessoas evoluíram, os sistemas ficaram atrasados. Sistemas ruins fazem as pessoas [indivíduos] sofrer, vão fazendo as pessoas [indivíduos] ficar infelizes, e no final as levam a cometer erros. Mas um bom sistema de organização mundial é capaz de transformar os maus em bons.
Não compreendi muito bem suas explicações” (pp.37-38)

“Em outra das telas apareceu o homem, mas estava quase transparente. No centro de seu peito brilhava uma luz dourada muito linda.
– Que luz é essa?
– Podemos dizer que é a quantidade de amor que existe nele, mas não seria tão exato; é mais certo dizer que é o efeito que a força do amor exerce sobre a sua alma. E também seu nível de evolução. Ele tem setecentas e cinqüenta medidas.
– E isso que significa?
– Que ele é interessante.
– Interessante por quê?
– Porque seu nível de evolução é realmente bom…para ser terrícola.
– Nível de evolução?
– Seu grau de aproximação com o animal ou com o “anjo””
(pp.49-50)

“- Você tem razão, mas meu tio, o que é físico nuclear, também deve ser muito valioso…
– Famoso talvez…A que se dedica o seu tio, dentro da física?
– Esta desenvolvendo uma nova arma, um raio ultra-sônico.
– Se ele não acredita em Deus, e além disso se dedica à fabricação de armas…penso que tem um nível bem baixo.
– O quê?! Mas ele é um sábio!
Protestei.
– Você está confundindo as coisas de novo. Seu tio tem muita informação, mas ter informação não significa necessariamente ser inteligente, e muito menos um sábio. Um computador pode ter armazenado muita informação, mas nem por isso é inteligente. Você acha muito sábio um homem que cava uma fossa, ignorando que ele mesmo vai cair nela?
– Não, mas…
– As armas se voltam contra aqueles que as apóiam…
Não me pareceu muito evidente essa afirmação de Ami, mas decidi acreditar nele. Quem era eu para duvidar de sua palavra? Apesar disso, estava confuso…meu tio era meu herói…um homem tão inteligente…
– Tem um bom computador na cabeça, isto é tudo. Aqui existe um problema de terminologia: na Terra dizem inteligentes ou sábios aos que têm uma boa capacidade cerebral em só um dos cérebros, mas temos dois…
– O quê!
– Um na cabeça. Esse é o “computador”, o único que vocês conhecem. O outro está no peito, não é visível, mas existe. É o mais importante, é essa luz que você viu pela tela no peito do homem. Para nós, inteligente ou sábio é aquele que tem ambos os cérebros em harmonia, mas isso quer dizer que o cérebro da cabeça, está a serviço do cérebro do peito, e não ao contrário, como na maioria dos “inteligentes”.
– Tudo isso me surpreende, mas agora entendo melhor. O que acontece com aqueles que têm mais desenvolvido o cérebro do peito do que o da cabeça?
– perguntei.
– Esses são os “tolos bons”. São fáceis de enganar, é simples para os outros, os “inteligentes maus”, como você dizia, colocá-los a fazer o mal enquanto pensam que estão fazendo o bem…o desenvolvimento intelectual deve estar em harmonia com o desenvolvimento emocional, só assim se produz um verdadeiro inteligente ou sábio. Só assim a luz pode crescer” (p.50-51).

 

Via: TUDO QUE NECESSITAMOS É AMOR: MINHAS EXPERIÊNCIAS ESPIRITUAIS INEXPLICÁVEIS E EXTRAORDINÁRIAS: LIVRO RECOMENDADO PELO NOSSO BLOG: AMI – O MENINO DAS ESTRELAS (DIÁLOGO ENTRE UMA CRIANÇA TERRESTRE (PEDRINHO) E UMA OUTRA EXTRATERRESTRE (AMI))


Assista também ao vídeo sobre o livro e toda a trilogia…

AMI, O MENINO DAS ESTRELAS

Camila Rodrigues dos Santos

Uma breve história sobre Ami, seus projetos, suas inspirações e afins…

 

Via: Camila Rodrigues dos Santos | AMI, O MENINO DAS ESTRELAS – YouTube


VOCÊS SÃO O CRISTO A RETORNAR À TERRA…

Incarnare la Luce

Sananda – Todos se tornarão mestres

Mensagem canalizada por: Sandra Ramos

Mensagem canalizada em 1° novembro 2016   – Sananda, Salusa, Iamon e Nada.

Olá aqui é Sananda e vim lhes dizer que vocês atingiram o ponto de retorno, que já se demonstra nítido que a fragmentação das consciências dá cada vez mais lugar à união das consciências, um a um vocês vão se encontrando, quantas almas gêmeas perdidas terão a oportunidade de se reencontrar e de se sentir um só novamente!

É mágico de ver vocês encontrando amigos por todo o planeta, sentindo conexões poderosas e bem maiores de que a internet em seus corações, vemos reencontros de seres encarnados ou não, não importa mais a dimensão a que habitam, agora é a hora do reencontro… de entenderem um vazio que sentiram por anos e anos, é hora de encontrar grandes amigos das estrelas… não importa sua distância física, nem a linguagem, simplesmente são seus amigos e a tecnologia está pronta para este reencontro.

Tudo foi planejado para este momento, toda a informação, conexão, tradução está disponível nesta internet que imita suas conexões energéticas… não se enganem a internet é que é inspirada na tecnologia natural de suas telepatias há tanto tempo perdidas… e com ajuda da tecnologia estão retreinando suas aptidões naturais, estão se reconectando em energia. Cada vez mais, cada um percebe uma sensibilidade… uns veem , outros ouvem e uma grande maioria está sentindo cada vez mais forte a nossa aproximação como almas amigas e felizes por finalmente nos sentir.

Não duvides do que sente, não tenha medo do amor, nós te amamos profundamente pois somos um, não tenha medo de reencontrar seus amigos das estrelas que resolveram não nascerem no planeta Terra… Eles também sentem falta de você, da troca de amor entre almas antes tão unidas, muitas almas gêmeas tão ligadas que não vivem no mesmo plano se reencontram e finalmente podem se completar em luz e amor…

O véu está finalmente caindo, agora podemos ver o tão comentado retorno do Cristo… que não é apenas o meu retorno, mas também o retorno de sua alma de luz, seus grandes amigos de luz, seu complemento de luz, seu Cristo interno brilha mais e mais, e o sentimento se torna cada vez mais inegável, vocês estão cada vez mais abertos à verdade.

Nesta verdade o reencontro, o amor e a luz se ampliando se tornam nítidos, a união em intensão se espalha mais e mais de forma exponencial… muitos e muitos encontros se dão e a Re União será a próxima característica.

Até há pouco tempo, o Universo se expandia, dividia, explodia de alegria experienciando formas mais fragmentadas de pontos de vista, como se Deus estivesse se expandindo, Respirando profundamente e enchendo ao máximo seu corpo de prana.

Agora, na nova Era o ponto de retorno nos faz buscar as almas separadas de nós, conforme afinidade e nos reunirmos um a um, primeiramente em simples reencontros enquanto vivem experiências fora da 5a dimensão, e logo a união será real… 1+1 será 1 cada vez maior em luz, e cada vez círculos de almas gêmeas ainda maiores se unirão, mais e mais até que toda a expansão se reúna novamente e sinta a unicidade do 1 , do Todo, se sintam novamente o Universo, que todos sejam Deus… que desta vez comprimiu toda a respiração unificando a todos novamente… Para então, logo que haver frequência, o ciclo de expansão e união recomece.

Vocês estão neste momento mágico de vivência… onde a luz e o conhecimento se agregam a vocês, os aumentam em sua luz, e isto faz atrair ainda mais luz e consequentemente sentir sua alma gêmea somando à sua luz… é lindo de se ver, o quanto se abrem para sentir mais e mais energias da luz e de seus grandes amigos que aguardavam a tanto tempo para serem realmente sentidos por vocês.

Sinta sem medo, sinta-se unindo à natureza, ao céu, ao desconhecido na rua, se unindo ao amor incondicional, sintam-se o Cristo… pois vocês são o Cristo a retornar à Terra… eu apenas descobri isto um pouco antes.

Quando além de descobrir, vocês acreditarem completamente que são o Cristo, são perfeitos e toda a energia que sentem é 100% real… Todos se tornarão mestres, todos irão sentir, ver, ouvir telepaticamente, não haverá diferença alguma no quão real será um ser com corpo físico ou não, estaremos conectados o tempo todo, cada vez agindo mais na unicidade do Deus que somos, haverá total controle do corpo ativado em 100% de saúde, não haverá como mentir nem para si mesmo… o auto conhecimento estará em todos será um novo mundo com lindas e maravilhosas vivências mágicas, misturando as dimensões como queiram, não haverá limitações… Serão ilimitados assim como já acontece em outros sistemas planetários.

Resumindo as experiências com a dor terminarão por completo no planeta Terra nesta maravilhosa e acolhedora Mãe Gaia… Mas vamos galgar um degrau de cada vez e sentir cada descoberta única, cada reencontro, se entreguem, se joguem de cabeça, não temam o amor… sintam pra valer, vivam este momento de descobertas, de lembrar quem vocês são… Foi tão duro esquecer, e será um alívio lembrar-se de que são Deus em ação.

Sintam meu amor juntinho ao seu coração… agora.

Sou um contigo e te amo profundamente.

Nesta grande irmandade de luz Somos Um… cada vez maiores e mais brilhantes

Eu Sou Sananda, Eu Sou o Cristo, Eu Sou Jeshua,Eu Sou Jesus… não importa nomes.
apenas Sou o que Eu Sou.


Fonte: http://correntesdeluz.blogspot.com

Via: Trabalhadores da Luz | Sananda – Todos se tornarão mestres

OS MANTRAS NOS SINTONIZAM COM AS ENERGIAS POSITIVAS DO UNIVERSO…

gayatri-mantra

A CIÊNCIA DOS MANTRAS: COMO OS SONS SAGRADOS CURAM O CORPO, A MENTE E O ESPÍRITO

Por: Paul Harrison,
colaborador do Waking Times

Por mais de 3000 anos os mantras (sons sagrados) tem sido entoados com o propósito de cura espiritual.

Durante os períodos iniciais do Hinduismo, gurus espirituais ficaram fascinados por poesia e começaram a escrever sons nos textos sagrados como o Rigveda.

Estes mesmos sons tem ecoado através do Oriente todo até os dias de hoje, e agora são entoados por milhares de Hindus, Budistas e espiritualistas em todo o mundo.

Hoje em dia, mantras são entoados por uma miríade de razões. Existem mantras para curar a depressão e a ansiedade, mantras que são indicados para criar riqueza, mantras usados para atrair saúde… Para quase qualquer objetivo, existe um mantra correspondente.

Apesar de bilhares de pessoas cantarem mantras, e sua ampla gama de utilizações, o mundo ocidental tem, obstinadamente, fechado os olhos para essa que é uma das mais antigas práticas espirituais.

É espantoso pensar que, depois de 3000 anos, não há praticamente nenhuma pesquisa científica para comprovar os mantras, mas nenhum financiamento foi investido para investigar cientificamente essa pratica espiritual tão importante. E ainda, a comunidade espiritual tem falhado em comprovar o uso dos mantras.

Então, honestamente, conhecemos realmente algo sobre mantras?

Mestres de Yoga afirmam que os mantras tem o poder de criar mudanças químicas no corpo. O argumento é que, qualidades vibracionais especificas dos mantras, criam uma reverberação no corpo que leva à mudanças a nível molecular.

Podemos entender mais deste trabalho considerando a relação do homem com o som.

Nossas faculdades auditivas desenvolveram-se através de milhares de anos de modo a incluir constantes que formam a verdadeira base de nossas composições auditivas. Muitos dos sons que emitimos hoje em dia, como grunhidos e algumas silabas, tem sido usadas por milhares de anos, muito antes de nos tornarmos homo-sapiens.

Da mesma forma que os pássaros usam o som para comunicar informações sobre o tempo, nós utilizamos grunhidos e silabas para formar nossa compreensão do mundo.

A razão pela qual muitas das palavras de hoje são onomatopeias é porque as cordas vocais humanas foram criadas como um eco da natureza.

Os primeiros homens usavam silabas como um modo de imitar o som de coisas que eles estavam tentando descrever. Por isso é que a palavra “bob” em inglês, soa como algo balançando na água. Ainda em inglês, as palavras “crash” (como o barulho de uma trombada), “bang” (como o barulho de uma batida seca) “Honk” (como o grasnar do ganso, com o significado de buzina) e “chime” (como sons harmônicos, melodiosos) são outros exemplos.

Com a evolução da humanidade, evoluímos para além das onomatopeias. Por isso é que a Língua Inglesa usa bem menos onomatopeias que o Sânscrito, por ser, esse último, uma Língua muito mais antiga.

As palavras sagradas em Sânscrito como o “Om”, por exemplo, significa “Universo” e podemos ouvir um eco do Universo no som do mantra.

Temos uma sensação de que se abre a natureza infinita do Universo quando ouvimos esse som. “Om” é um som bastante aberto. Parece conjugar pensamentos em um espaço aberto, reconectando-nos com a vastidão do Universo.

Dizer que “Om” soa como um espaço aberto, tem o intuito de significar que tem sua composição auditiva parecida com o modo como o som vibra em um espaço aberto real. A qualidade do som é a recriação do som da coisa real.

O que vem a significar que “soa como o som da coisa real?”

Significa que o som do mantra e o som de um espaço aberto verdadeiro são muito similares.
Em outras palavras, quando recitamos o “Om”, recriamos a qualidade vibracional de um espaço aberto físico, e fazemos isso dentro do corpo.

É como se estivéssemos trazendo essa parte da natureza, a vastidão do espaço aberto do “Om” para dentro do seu próprio ser. Não apenas recriamos esse espaço aberto de uma maneira auditiva e física, mas também o recriamos na mente.

Quando recitamos mantras, não fazemos apenas sons. Nos meditamos neles. Meditar significa focar conscientemente em um espaço determinado. Quando meditamos no “Om”, focamos conscientemente no próprio mantra. Em outras palavras, colocamos nossa consciência dentro do som, dentro do “OM” e, por conseguinte, dentro de uma espaço aberto que esse “Om” representa.

Essa é a ciência dos mantras. Uma das técnicas de cura mais antigas da humanidade.

Por milhares de anos temos recriado as qualidades vibracionais da natureza usando a voz. Mantras simplesmente vão além. Quando meditamos nestes sons primordiais, colocamos consciência dentro do som, curando a mente ao reconectá-la com essas representações auditivas do mundo natural.

Ao mudar a qualidade vibracional destes sons, mudamos o efeito que o som tem na mente.

O mantra do chakra raiz “Lam”, por exemplo, faz a ancoragem à terra e cria um sentimento de pertencimento, onde “Ah” cria liberação, ajudando-nos a soltar, a deixar ir.

Esse é o poder que os mantras em Sânscrito trazem. São uma maneira de recriar a qualidade vibracional de eventos do mundo real, objetos, ou espaços dentro no corpo, e então colocar consciência dentro destes sons pela meditação. Simplesmente cantar um mantra em Sânscrito nos coloca em sintonia com energias vibracionais positivas que curam o corpo, a mente e o espírito.

………………………………………………………………………………………………………………………..

Direitos Autorais:
Sobre o Autor:

Paul Harrisson é professor de meditação e autor do TheDailyMeditation.com. Sua paixão e objetivo é trazer espiritualidade a milhares de pessoas e ajudar a tornar o mundo mais amoroso, com mais compaixão, um lugar mais acolhedor. Esse artigo foi criado e publicado originalmente para o Waking Times e tem uma Licença concedida pelo autor para ser compartilhado e distribuído gratuitamente, mantendo os créditos devidos. Mais informações em https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/ .

Fonte: Waking Times|THE SCIENCE OF MANTRAS: HOW SACRED SOUNDS HEAL BODY, MIND AND SPIRIT
Tradução: Milena Morvillo millamorvis@yahoo.com.br

 


Via: Luz de Gaia | A Ciência dos Mantras:  Como os Sons Sagrados Curam o Corpo, a Mente e o Espírito Paul Harrisson 31.05.17

A MUDANÇA NA SUA REALIDADE EXTERIOR PRECISA COMEÇAR DENTRO DE VOCÊ…

special-dream

A Realidade Está Dentro da Sua Consciência

BasharBashar

Canalizado por: Darryl Anka

“A realidade física, como vocês a chamam, como nós dissemos muitas vezes, é um reflexo. Um reflexo do seu estado de ser, do seu estado de consciência. Não existe realmente nada fora de você. Você não está dentro da realidade física. A realidade física é que está dentro de você, está dentro da sua consciência. (Todos são um. A consciência de todas as coisas é compartilhada por todos.) É um conceito que você está permitindo a você mesmo, deixando-se experimentar, por uma perspectiva. Contudo, nós entendemos que o modo no qual vocês escolhem ter essa experiência nessa dimensão, essa experiência física, parece colocar vocês em um local de espaço-tempo, como vocês chamam. Mas o que é isso exatamente? O que é espaço? O que é tempo? Novamente, embora eles sejam ilusões, vocês ainda criam os efeitos deles, vocês criam a experiência deles na sua experiência de vida, como um ser físico, como um ser materializado, por assim dizer.”

“Então você usou a sua energia, a energia elevada de sua natureza espiritual, sua natureza não física, e de certo modo baixou a frequência dessa energia, cristalizando-a, dentro do que vocês chamam de experiência, na matriz, na estrutura da realidade física.”

“Agora, novamente, isso está acontecendo DENTRO da sua consciência, não fora. Você não está em nenhum lugar chamado realidade física. TUDO está dentro de você. (Não há separações, compartimentalizações, nem individualidades, todos fazem parte da mesma estrutura.) Mas, nós entendemos que o modo como vocês escolhem ter essa experiência faz parecer estar fora de vocês. Então, o modo de lembrar, com o propósito de lhes dar mais oportunidades, de escolher e ter experiências do tipo: “a realidade física que você prefere”, do tipo que está em equilíbrio com a sua verdadeira vibração, é começar a ver e viver a “realidade física” como sendo um reflexo. Similar à ideia do reflexo no espelho. Você sabe, quando olha para um reflexo, que você não está lá. Você sabe que para mudar o reflexo no espelho você não precisa ir até o reflexo. Você precisa mudar a si mesmo para ver a mudança no reflexo.”

“Então, a realidade física, sendo um reflexo, uma sala de espelhos, opera sobre o mesmo tipo de estrutura. Qualquer mudança que você quiser ver no chamado reflexo, “realidade exterior”, precisa começar por dentro, precisa começar na “realidade interior”, que é você, dentro da sua consciência, dentro da sua vibração, dentro do seu estado de ser.”

……………………………………………………………………………………………………………………

Revisado por Alexey Rickmann

Via: A Realidade Está Dentro da Sua Consciência – Bashar – Evolucionistas Quânticos


ASSISTA TAMBÉM AO VÍDEO:

A Realidade está na sua Consciência Bashar

Publicado por: Garcia Neto em 9 de mai de 2015

 

Via: A Realidade está na sua Consciência Bashar – YouTube


A MAIOR ENERGIA DO CRIADOR ESTÁ DENTRO DE CADA SER HUMANO…

Benediction_of_God_the_Father_by_Luca_Cambiaso,_c._1565,_oil_on_wood_-_Museo_Diocesano_(Genoa)

A HUMANIZAÇÃO DE DEUS

Uma mensagem de Kryon, canalizada por Lee Carroll
em 16 de Julho de 2011

 

Saudações, queridos, EU SOU KRYON do Serviço Magnético.

Eu retorno novamente com uma mensagem sobre a percepção. A mudança que está acontecendo agora com este planeta, no momento, refere-se a vocês. Trata-se de comunicação. Pois aquilo que está em seu interior, chamado seu Eu Superior, que permanece inidentificável, simplesmente não pode ser definido apropriadamente em três dimensões. Por isto, é muitas vezes incompreendido.

É o momento para todos ouvirem esta mensagem, ainda que haja partes disto que possam não compreender. A caixa em que vocês estão é uma caixa de sobrevivência em três dimensões. É tudo o que vocês sabem. Assim vocês se basearão em todas as coisas que vocês veem e tomarão decisões somente sobre aquilo que acham que conhecem. Na verdade, basear as coisas naquilo que vocês não conhecem, é impossível – entretanto, pedimos-lhes que tentem.

As coisas multidimensionais são difíceis para a humanidade refletir. Se vocês se afastassem do paradigma em que foram criados e da realidade em que têm sobrevivido, seria uma experiência desconcertante. Como então, podemos lhes pedir que pensem de maneiras que estão além do que vocês conhecem ou já experimentaram?

A energia deste planeta está mudando. Vocês poderiam dizer que a caixa de ferramentas do Trabalhador da Luz está sendo reforçada. Assim, a nova caixa de ferramentas é a chave para ter a capacidade de fazer o que eu estou dizendo que é agora possível, e começar a pensar de uma forma multidimensional, mesmo sem saber que isto é o que vocês estão fazendo. Percebam, parte da caixa de ferramentas é nova ajuda. Ela começa com o aumento da intuição da velha alma.

Vamos começar, portanto, com uma afirmação, uma declaração da intenção para a compreensão. Enquanto vocês estão diante do Espírito em um grupo como este, ou sozinhos e ouvindo ou lendo como alguns de vocês estão agora, peçam uma revelação da sabedoria: “Querido Espírito, ajude-me a compreender em um nível multidimensional os conceitos que estão sendo apresentados.”Pois se vocês puderem reforçar a sua sabedoria, ela aumentará a comunicação entre os dois lados do véu.

A HUMANIZAÇÃO DE DEUS

Eu intitularei esta canalização de modo que o meu sócio não o faça. Eu nem sempre dou um título a elas, pois rotular os itens é algo feito por razões de 3D. Em sua realidade, vocês querem um rótulo para a mensagem que estão prestes a ouvir. Assim eu o darei a vocês, assim como um exercício dicotômico. O seu título será: “A Humanização de Deus.”

Meu sócio está sentado em uma cadeira. Ao longo de 22 anos ele trouxe os meus pensamentos conceituais a vocês. Ainda que estes pensamentos conceituais do outro lado do véu estejam também dentro de cada Ser Humano, dentro do seu Eu Superior, eles não são fáceis de acessar. Isto é porque eles existem em um estado multidimensional e não em um que o ser humano se relacione. Portanto, foram necessários 22 anos para que o meu sócio aprendesse a linearizar os conceitos em uma sequência de palavras, apresentadas em uma linguagem que vocês compreendam.

Nem todos vocês aqui e lendo isto compreenderão o que eu estou ensinando hoje. Eu estou consciente disto, pois o Espírito não se comunica com os Seres Humanos com palavras desta forma. Em vez disto, a linguagem do Espírito se expressa no que vocês chamam de flashes intuitivos, fora do tempo linear, e de uma só vez. É assim que vocês obtêm a sua melhor informação.

EXEMPLOS DE LINEARIDADE

Enquanto eu estou aqui, talvez um indivíduo que possa estar aqui pela primeira vez, faça a pergunta: “Quem é você, Kryon, e de onde você vem?” Agora estas duas questões podem ser absolutamente lógicas e normais a cada Ser Humano que ouve e lê esta mensagem, mas eu lhes direi que as próprias questões tendenciosas traem o pensamento linear. Pois Kryon não é um quem e de lugar algum. Como isto pode ser? A única maneira que eu posso explicar é lhes dar metáforas. Eu sei que as metáforas não se sustentam sob exame completo, desde que nenhuma analogia é perfeita. Assim, considerem isto apenas como um exemplo próximo para levá-los a começar o processo de compreensão.

Digamos que vocês sintam um amor incrível em sua vida por outro Ser Humano, ou por um animal, por exemplo, ou pelo seu filho. Digamos que isto é opressivo e talvez até vocês tenham que chorar de tanta alegria, tão forte que isto é! Agora, quando vocês se sentem assim, vocês olham ao redor e dizem: “Quem você é, realmente? Quem está ai?” Vocês se dedicariam a esta emoção amorosa como se ela tivesse um corpo e perguntariam: “De onde você vêm?” Vocês não o fariam! Em vez disto, vocês simplesmente o aceitariam e diriam: “Eu sei que isto está vindo de mim, mas realmente isto não parece parte de mim.”

Há algo em relação ao amor. Ele vem de toda parte. Ele permeia a alma do Ser Humano. Vocês sentem isto muito intensamente. Não estão conscientes de que ele lhes está sendo enviado, ou atraído para vocês; ele simplesmente é. Mas ele é extraordinário e profundo, quase como se fosse parte de algo mais, algo bem maior. Talvez fosse a parte Divina de vocês, expandindo-se? Vocês estariam certos quanto a isto. O amor não é individual. Vocês não o segmentam em partes, ou colocam nele um nome e lhe dão um nome. É um conceito que afeta cada célula do seu corpo e todas as funções corporais. Ele algumas vezes até assume! Esta é a beleza do amor.

Eu não sou um quem. Vocês me ouvem nesta voz, vindo de um corpo de um Ser Humano. Assim vocês querem, compreensivelmente, saber quem está falando. Mas a única coisa extraordinária aqui é o Ser Humano através do qual eu venho. Eu sou mais bem identificado como aquilo que é o acúmulo da confluência da fonte de energia criativa no Universo. Eu sou incontável e não estou isolado e nem sou individual. Vocês não podem me perceber (definir-me com atributos na 3D). Há vinte e dois anos, eu me identifiquei e disse: “Eu sou o que Eu Sou.” E então disse: “E assim são vocês!” Eu lhes disse que no centro do átomo é onde eu estou. Eu lhes disse que o espaço entre a nuvem de elétrons e o núcleo está cheio de amor. Eu lhes disse que a energia benevolente e criativa da fonte que é parte de vocês, é parte de mim. Todas as coisas estão unidas. Vocês a encontrarão em uma árvore, na terra e na grama. Vocês a encontrarão no ar e não podem perguntar quem, porque não somos individuais. Vocês não podem tomar em consideração o sabor da sopa, ou identificar “onde está o sal?”. Apenas “é” a sopa.

Deus não tem a mente de um Ser Humano com a consciência de um Ser Humano. Deus também não é uma reunião de muitas partes separadas da consciência, e isto é difícil para que vocês compreendam. Deus pode falar com cada Ser Humano – todos os 6 a 7 bilhões deles – ao mesmo tempo. Deus pode manter uma conversa amorosa de cura, sendo pessoal ao mesmo tempo com cada um de vocês. Pensem nisto! Isto não é um quem. Este é o Criador do Universo. Este é uma energia divina, inteligente e amorosa. Não humanizem esta fonte! Não é como vocês!

O PENSADOR LINEAR

Os Seres Humanos querem fazer tudo separado e individualizado. Vocês querem separar, identificar e quantificar. Esta é a natureza humana, pois com cada coisa viva que entram em contato é separado e individual – um ser humano, um animal, um inseto, uma árvore. Todos eles têm isto em comum. Cada um é um sistema de vida fechado e é UMA coisa. Assim, colocar Deus nesta caixa os faz sentir melhor. Porque somente então vocês podem entender como deveriam agir e reagir com o Espírito. Linearizar Deus os ajuda a sentir o que vocês devem fazer e quando o farão. Todos os atributos de sobrevivência que vocês aprenderam por toda a vida entram nisto, e nós o chamamos de preconceito linear Humano. Deus é mais bem compreendido se for um homem com uma barba e uma voz baixa – a figura da autoridade. Mas o Espírito não é assim.

Deus não é uma figura de autoridade! Entretanto, muitos de vocês não aceitarão isto. “Você quer dizer que o Criador do Universo não está no comando?” Eu não disse isto. Eu disse que Deus não é uma figura de autoridade. Deus é família. Se há alguma figura de autoridade, então vocês a compartilham com Deus, pois Deus está em vocês. Portanto, VOCÊS são a figura de autoridade.

Não existe um protocolo, também! Vocês me ouviram? Não existe um protocolo genérico! Milhares de anos de religião criaram milhares de “regras” de como obter “a generosidade de Deus”. E se nada disto fosse assim? Deixem-me lhes perguntar algo: “Se vocês quisessem conversar com a estrutura celular do seu próprio corpo, qual seria o protocolo? Se fosse vocês com vocês, como vocês começariam? Vocês se vestiriam melhor, se ajoelhariam, se preparariam? Vocês inventariam algo, alguma série de movimentos, para que funcionasse melhor? Ou vocês simplesmente se interiorizariam com a sua mente, conversariam com aquilo que vocês possuem e realizariam o quebra-cabeça? Percebem o que eu quero dizer? Os seres humanos nunca consideram Deus neles. Em vez disto, eles desejam se separar de Deus. Eles desejam elevar a Deus e colocar o Espírito no altar, onde eles possam encará-lo e talvez até criarem uma estátua, para que possam visualizar com quem falam. Isto é humanizar Deus.

GUIAS E ANJOS

Vamos falar sobre o que eu chamaria do pior cenário ao humanizar Deus, e isto toca a essência de muitos de vocês. É na forma como vocês visualizam os guias e os anjos. Agora, isto será muito diferente de muito que lhes foi dito. Assim, estejam preparados para pensar de forma diferente. Isto não diminuirá qualquer entidade divina, apenas irá ajudar a trazer isto em alinhamento com o pensamento multidimensional.

Os Anjos existem? Absolutamente, mas não como vocês pensam ou lhes foi ensinado. Há ajudantes? Absolutamente, mas novamente, não como vocês pensam. Quando os anjos visitaram os Seres Humanos nos antigos dias e os eventos foram escritos por aqueles que estavam lá para testemunhar a experiência, eu posso garantir que foi muito diferente do que eles poderiam expressar no papel. Quando um anjo aparece diante de um ser humano, ele parece um turbilhão de bola de energia, até mesmo fogo, que não é quente e que a nada consome. Os anjos não estão na forma humana e nunca estiveram. Eles são seres multidimensionais, não em 3D. Entretanto, vocês querem colocar pele e asas neles e até lhes dar um nome! Por quê? Isto lhes faz sentir bem em relação a eles. Nós compreendemos isto.

“Quem são eles?” Vocês lhes dão nomes; vocês lhes dão atributos. Este anjo faz isto; este anjo faz aquilo. E se eu lhes dissesse que eles estavam todos juntos? Vocês reagiriam. Vocês diriam: “Eu não gosto disto. Eu quero que eles sejam individualizados e façam coisas diferentes.” Os seres humanos querem que os anjos sejam os “trabalhadores divinos da fábrica para Deus”, cada um com uma tarefa. Isto não é assim! Quando vocês respiram o ar, ele se alinha como moléculas individuais com nomes e tarefas, então entram em seus pulmões em fila? Acostumem-se com o conceito do que eles chamam de emaranhamento físico. É uma palavra usada no mundo quântico que descreve um estranho atributo da matéria que parece estar “conectado a tudo o tempo todo.”

Eu quero que vocês se acostumem a algo que é profundo e belo. Vocês são parte de tudo! Vocês não estão separados disto. Vocês podem ser corpos individuais na 3D, mas em um mundo multidimensional, estão conectados a tudo!

Vamos falar sobre guias e ajudantes em um contexto mais específico e histórico. As canalizações (escrituras) dos antigos vieram juntas com a sua visualização de três guias. Vocês deveriam estar conscientes deste número “três” nesta nova perspectiva, porque agora eu lhes darei algo que é diferente da 3D.

Há vinte anos, eu simplesmente apoiei a sua percepção de “três guias”. Isto lhes serviu, e não houve nenhuma sabedoria para compreender qualquer outra coisa. Agora há. Eu tenho notícias para vocês: Vocês não têm três guias. O três é somente a identificação numerológica da energia auxiliar. O número três se torna um “indicador” para outro significado.

Eu disse hoje cedo (em uma canalização anterior), que todos vocês participam de uma terceira linguagem durante as minhas canalizações. Alguns de vocês não estão ouvindo o que eu estou fazendo com o meu parceiro sob qualquer condição (a canalização que vocês estão lendo). Em vez disto, vocês obtiveram as suas próprias mensagens pessoais e elas estão sendo transmitidas agora.

Portanto, o que chamamos de “Terceira Linguagem”, é uma linguagem catalítica, multidimensional. Ela catalisa a energia entre vocês e eu, e quando vocês estão diante de mim e abrem aquilo que é o seu terceiro olho, a pineal é aberta amplamente. É quando o catalisador começa o seu trabalho e vocês obtêm as mensagens intuitivas, comunicativas.

O catalisador está entre esta energia que vocês chamam de inata, ou o seu Eu Superior, e este lado do véu onde eu estou. Esta linguagem está operando com a sua intuição, dando-lhes flashes, dando-lhes instruções, segurando a sua mão, dando-lhes amor. Esta é a Terceira Linguagem.

VOCÊS NÃO TÊM TRÊS GUIAS

Agora parece que vocês têm três guias porque há três energias distintas que são Divinas e que o Espírito usa com a humanidade. O primeiro ser humano a vê-las e publicar este fato foi Eliseu, substituto do profeta Elias. Quando ele viu Elias ascender, parecia haver uma carruagem puxada por três cavalos brancos e Elias se elevou nas nuvens em sua ascensão voluntária. Ele chamou a toda esta experiência de Merkabah. Esta é uma palavra hebraica que significa “viajar”.

O que Eliseu estava vendo era três energias que pertenciam à Elias, e elas não eram guias ou anjos que faziam parte dele. Em vez disto, Elias chegou com elas e partiu com elas. Queridos, vocês vieram com uma energia divina, que é tão profunda que parte dela está além de vocês, para o resto da vida.

Vocês são maiores do que pensam. Seus guias são parte de vocês! Eles não estão separados, eles não são de outros lugares e eles não mudam. “Oh, Kryon, em livros do passado, você disse que eles mudaram.” Realmente, eu disse, e isto foi para que vocês compreendessem uma realidade mais simples da divindade. Agora vocês estão graduados.

A NOITE ESCURA DA ALMA – UMA APARENTE MUDANÇA DE GUIAS

Agora eu lhes darei algo mais que deveriam ouvir. Muitos de vocês tiveram a situação onde acreditam que os seus anjos, seus guias, seja como for que os chamem, desapareceram por algum tempo. No início do trabalho de Kryon, nós lhes dissemos que acima de 90 dias, vocês poderiam experienciar o que agora chamamos de recalibração. Naquela época, nós chamamos a isto de “Implante”. Foi a “Implantação de sua permissão para mudar.” Isto seria muitas vezes acompanhado por uma percepção dos guias e anjos que os deixavam por até 90 dias.

Cada ser humano que recalibra, não importa quantas vezes eles o façam, terão um período de tempo onde, aparentemente, não há ajuda, e um período onde o Espírito pareceu se afastar de vocês. Agora, eu estou lhes dando esta informação porque alguns de vocês estão passando por isto, e alguns já passaram por isto, e não é o que vocês pensam. Agora, eu quero que me ouçam, pois finalmente explicarei o que está acontecendo.

Durante este período de recalibração quando vocês sentem que o Espírito não os está ouvindo ou os seus guias partiram, a melhor coisa a fazer é simplesmente ler um bom livro. Não tentem imaginar isto. Não tomem quaisquer decisões. Não mudem do lugar em que vivem. Se quiserem fazer algo, por que não se sentam na cadeira e dizem: “Obrigado, Deus, que se importou comigo o suficiente, para que eu esteja passando por isto. Porque quando eu passar por isto, eu estarei diferente.” Vocês estarão!

Os Seres Humanos se recalibram com a intenção e o livre arbítrio para uma vibração mais elevada. Com a recalibração vem mais a visão divina, mais intuição, mais luz e mais uma revelação de quem são vocês. Quando eles ressurgem recalibrados com o grau de mudança de energia que eles conseguiram, aparentemente, retornam aqueles guias! Mas eu lhes direi a verdade. Vocês acham que eles mudaram? Há, há! Eles não mudaram. O mesmo conjunto de energias está lá como sempre esteve, exceto que agora vocês os percebem melhor! Vocês compreendem o que eu estou dizendo? Entretanto, na 3D parece que um grupo desapareceu e outro chegou. A realidade é que vocês mudaram a tal grau que eles apenas parecem diferentes a vocês! Isto é quanto vocês mudaram! Vocês mudaram. Eles não.

Existe precedente para isto? Sim, está em suas escrituras, profundamente, e eu o darei a vocês. Isto não é dado para ofender a ninguém, mas eu irei a algum lugar nesta discussão que vocês não esperavam que eu fosse. Eu lhes direi a verdade, e ela é maravilhosa.

Em suas escrituras históricas, foi relatado de forma tão clara e tão inexplicável. O mestre do amor morto, pendurado na cruz. É um dia sombrio, quando determinados seres humanos no controle decidiram matar o único mestre que lhes poderia mostrar mais. Ele clama em desespero e as Suas lágrimas são imensas e Ele diz: “Meu, Deus, por que Me desamparaste?” Vocês esperavam esta frase do mestre? Este foi o filho proclamado de Deus!

Assim, eu lhes darei a razão: Ele estava prestes a mudar! E dentro da mudança que Ele estava prestes a ter, precisava da aparente energia dos guias para se tornar recalibrado. Para o Cristo humano, parecia que Ele tinha perdido tudo isto, mas somente por um momento. No entanto, era evidente que ele estava angustiado, pois subitamente ele estava nas trevas, sem o apoio a que ele tinha se acostumado durante toda a Sua vida. Então todos eles retornaram, e a divindade foi restaurada, intensificada. Este é o processo da ascensão.

Vocês também têm este atributo. Este “Filho de Deus” lhes disse que vocês eram também “Filhos de Deus”. Ele queria claramente que vocês compreendessem que tudo o que Ele fez enquanto esteve aqui, era um exemplo do que vocês poderiam fazer também. Se vocês passam por este processo, quero lhes dizer isto: Deus nunca os abandonará! Vocês não podem tirar Deus do seu corpo. Vocês podem negar a Deus durante toda a sua vida, mas o mesmo número de anjos sai com vocês, queridos, assim como com o curador ou o canalizador. Não há julgamento de sua crença, somente amor.

COMUNICAÇÃO COM DEUS

Vamos falar sobre o próximo item – comunicação. Por que é que vocês querem humanizar Deus?

Como eu indiquei há um momento, vocês fizeram Dele um homem, deram-Lhe uma barba e uma voz grossa. Vocês Lhe atribuem um status de ancião e conversam com ele, adoram-No e constroem estátuas para humanizá-Lo. Deus está dentro! A maior energia do Criador da Terra está em cada Ser humano, interiormente. Cada fragmento do DNA, tem esta energia, os 100 trilhões deles. Há uma consciência e até uma comunicação entre as moléculas do DNA que a ciência nem mesmo conhece. Deus está em vocês! Assim, por que vocês O removem e constroem edifícios para manter isto?

Deixem-me lhes perguntar algo: Vamos dizer que seja o momento de vocês conversarem com um dos órgãos do seu próprio corpo, e o exercício do dia seria falar com o seu rim. Vocês então construiriam um rim gigantesco e o adorariam? Oh, como vocês são 3D! Percebem o que eu estou dizendo? Por que vocês fariam isto quando ele está dentro do seu corpo? É porque vocês não percebem Deus como vindo de vocês. Então, trata-se de percepção divina. É o momento para que vocês mudem a sua imagem de vocês! Quando o fizerem, abrirão os seus olhos, olharão no espelho e dirão: “Eu Sou O Que Eu Sou. Deus está em mim.” É difícil fazer isto como um Ser Humano. Isto exige que vocês saiam da sua velha realidade de condição de vítima.

O que a sua cultura lhes diz sobre a sua divindade? Tudo o que vocês veem na mídia lhes diz que vocês estão enfraquecidos. Vocês precisam disto, precisam daquilo. Vocês já viram um comercial onde eles olham para vocês e dizem: “Vocês não precisam de nada, além de si mesmos. Agora concordam com isto?” Não.

Como podem se comunicar melhor com o Espírito? Eu lhes direi. Vocês conseguirem se apaixonar por vocês mesmos! Esta é a chave. Este é o portal. Está certo ter Deus dentro de vocês. Vocês não nasceram em pecado. Vocês nasceram magníficos – magníficos! E aqueles nesta sala que descobriram a sua magnificência não são dirigidos pelo ego. Eles são dirigidos pelo amor, e esta é uma grande diferença. Eles amam a si mesmos, como amariam a Deus. Eles compreendem o equilíbrio de se posicionar pelo que acreditam, como sendo parte da luz, e rejeitando coisas que representem a velha energia e a escuridão. Ao mesmo tempo eles mantêm os seus egos em xeque para que eles nunca os controlem. É isto o que os mestres fizeram e ensinaram. A comunicação com Deus é automática quando vocês tocam esta parte do Criador que está em seu interior. Isto abre o portal.

GUERRAS NO CÉU?

Observem a História por um momento, e vejam o que os seres humanos decidiram sobre Deus e a história de Deus. Deixem-me lhes contar a história que é ensinada hoje. Era uma vez, Deus, o Criador do Universo, e Ele teve um problema. Parecia haver uma guerra acontecendo. De alguma forma, era uma guerra com os anjos envolvidos, e determinados anjos não gostavam do jeito que Deus estava fazendo as coisas. Agora, de imediato, isto parece Deus, ou os homens?

A história continua. Finalmente, porque a guerra estava prosseguindo muito mal, o instigador foi expulso do céu (ou seja como for que o chamem), e caiu na Terra. Ele levou os seus seguidores com ele e passaram à clandestinidade. Agora, ele tem um rabo, chifres e faz fogo. Novamente, queridos, isto soa como o Criador do Universo para vocês? Isto se assemelha à essência do amor, a fonte multidimensional de tudo o que há? Não. Isto parece uma história infantil que humaniza Deus, de modo que as massas possam ser controladas. As guerras são os humanos que fazem, não o Criador do seu Universo. Uma guerra no céu? A história em si é a humanização final de Deus. Os seres humanos criam cenários de julgamento, de punição, de vingança e drama e então os colocam sobre Deus. Se vocês tiverem qualquer faísca de lógica espiritual, isto gritaria que esta é a personalidade dos seres humanos, não é Deus.

O AMOR DE DEUS

Eu lhes disse antes que a mãe que olha para o filho, nada tem além de amor. Este membro da família nunca diz à criança que ela irá ignorá-la, ou que a vida com ela será difícil. Em vez disto, há amor, compreensão, paciência e ajuda. Isto é tudo. E isto é o que vocês obtêm do outro lado do véu, queridos. É por isto que estou diante de vocês agora. Por que vocês humanizam Deus e reduzem o esplendor desta energia criadora a uma dualidade comum? A razão é que isto representa uma velha energia do pensamento Humano, e não a sabedoria de uma nova terra. A Humanidade está mudando, e assim está a compreensão do Deus interior.

UMA ADMOESTAÇÃO PARA A NOVA ENERGIA

Agora, eu lhes darei algo do qual deveriam estar conscientes na nova energia. Não se afastem da sua cultura. Na velha energia, vocês tinham uma tendência a se afastar das coisas escuras, para encontrar outras pessoas esclarecidas, e construir comunidades, ou talvez caminhar no deserto, sozinhos. Os homens santos da tribo sempre viveram sozinhos. Isto foi considerado para aumentar a sua pureza, de modo que pudessem ser mais úteis ao Espírito.

Agora, entretanto, eu os estou chamando de Portador do Fósforo, e vocês sabem o que é, Farol. Vocês fornecem luz na escuridão, e é por isto que estão aqui. Menos da metade de um por cento de vocês têm que acender este fósforo para criar a paz na Terra. As sementes disto já estão sendo plantadas enquanto falamos. Na velha energia, vocês se afastaram da escuridão. Agora, desejamos que permaneçam dentro de sua cultura e simplesmente resplandeçam a sua luz.

Então, aqui está o que eu quero lhes dizer. Há aqueles na sala que estão dizendo: “Por que eu tenho que trabalhar onde eu trabalho? Não há ninguém de mente afim, e é um lugar sombrio. Eu não gosto dele, mas tenho que ir lá”. E, novamente, nós lhes dissemos durante décadas, que se vocês são o Farol, vocês estarão onde nenhum outro Farol está. Vocês podem ter a única luz ao redor. Vocês não têm idéia de quantos navios vocês estão dirigindo em segurança. É por isto que estão aqui – para passar por lugares em que nunca passaram, ou permanecer em lugares que são escuros, talvez.

Há a promessa do Espírito que nesta nova energia, a escuridão não pode afetá-los. Se estiverem mantendo a única luz, a escuridão não poderá tocá-los. A ausência da luz não pode suplantar a luz. Não se preocupem com algo chegando até vocês porque está escuro. Não pode! Não pode! Vocês não deveriam mais se afastar da sociedade. Não se orgulhem, por exemplo, por não irem lá, ou que não fazem isto ou aquilo, porque parece que estão se misturando com aqueles que não são de mentes afins. Não julguem aqueles a sua volta. Saibam que todos eles são partes de Deus, como vocês. A única diferença é que vocês são uma velha alma e vocês têm um fósforo! Vocês têm as sementes do mestre. Não gostariam de acendê-lo para que eles possam ver melhor?

Outros seres humanos podem nunca saber de onde está vindo esta luz restauradora. Eles poderiam nem saber o seu nome. Mas se vocês permanecerem entre eles, acendendo um fósforo, eles se verão melhor. Abençoados sejam os Seres Humanos que se vêem na luz, pois eles são menos propensos a ir à guerra – tudo porque alguém acendeu um fósforo.

O fósforo é a metáfora para a velha alma iluminada, vivendo neste planeta com conhecimento. “Então o que deveremos fazer?”, vocês dizem. “Qual é a tarefa?” Vocês não deverão fazer nada. Vocês deveriam ser. O farol não tem comunicação com os navios no mar. Ele somente resplandece a sua luz. Vocês não têm que andar por aí evangelizando. Não têm que andar por aí dando a qualquer pessoa um livro de Kryon. Não têm que dizer nada. A luz que vocês mantêm se mostra pela forma como vocês tratam os outros, a sua família, ou o que fazem em situações que são tipicamente Humanas. É como vocês refletem o amor de Deus.

A MÁQUINA DO DRAMA

Tudo é um problema? Há drama o tempo todo em sua vida? Há ansiedade? Parece que coisas assim são atraídas para vocês o tempo todo? Se a resposta for sim, eu lhes direi: vocês não acenderam o seu fósforo. Oh, vocês podem ser um Trabalhador da Luz, mas, realmente, não riscaram o fósforo. Vocês apenas conseguiram a caixa de ferramentas. Mas nunca a abriram.

COMO ISTO FUNCIONA

Querido Ser Humano, vocês têm um propósito ativo neste planeta e nasceram por uma razão. Quando vocês elevam a sua vibração, a Grade Cristalina, que é uma grade esotérica deste planeta, sabe quem vocês são. Assim que vocês começam a elevar a sua vibração, entram em contato com o planeta, com a própria Gaia. Isto começa a mudar a vibração dela, porque vocês estão mudando a sua. Se vocês acenderem um fósforo em um quarto escuro, ele iluminará o quarto. Eventualmente, haverá outros interessados em como eles podem ter o seu próprio fósforo e eles o encontrarão por si mesmos.

Então, eles também afetarão a Grade Cristalina, como vocês o fizeram. Esta grade é a consciência de Gaia. Quando a grade de Gaia muda, a humanidade muda. Vocês viram isto nas duas últimas gerações. Esta foi a mensagem de hoje (a palestra de Lee mais cedo, naquele dia.)

A consciência humana está mudando, exatamente como dissemos há 22 anos. O momento é agora, e a luz está começando a funcionar. Pode levar duas gerações antes que vejam realmente do que estamos falando a respeito de resolver os problemas no Oriente Médio, abrindo o caminho para uma paz duradoura no planeta. Mas isto começa agora, e vocês estão na vanguarda disto. É isto o que estão sentindo. O item de ação desta energia é permanecer em sua cultura e ser parte dela, enquanto seguram o fósforo.

Um Trabalhador da Luz é um trabalhador da luz. Simplificando, este é o ser humano que é capaz de descartar o drama e que está começando a compreender como ele pode viver mais tempo e estar em paz e curar a si mesmo, não importa o quê. Se é físico ou psicológico, os Trabalhadores da Luz estão aprendendo a reescrever o seu DNA. Este é o ensinamento. Isto é o que vocês estão começando a fazer. Sua caixa de ferramentas está começando a revelar as novas ferramentas da mestria. Algumas delas podem até parecer mágicas para vocês, pois elas estão fora do paradigma das três dimensões. Eventualmente, vocês verão isto em toda parte e a ciência começará a aperfeiçoar isto, verificando o que vocês estão sentindo.

Não humanizem Deus. Em vez disto, segurem a mão de Deus que lhes é oferecida através do seu Eu Superior e se tornem parte disto. Não adorem a Deus e nem se curvem diante de Deus. Tornem-se parte da essência do amor de Deus que está dentro de vocês. Pela primeira vez na história Humana, vocês estão se aproximando das sementes do estado de diplomados. Vocês estão prestes a alertar aqueles de uma parte distante da sua galáxia que vocês chegaram a este espaço de compreensão.

Oh, queridos, vocês não têm idéia do que isto significa!

Os Maias estavam certos. O potencial da consciência mais elevada da humanidade apareceu gradualmente. Não é uma coisa certa, por qualquer meio, mas através do seu livre arbítrio das duas últimas gerações, isto agora está mais perto do que nunca. Vocês não se destruirão desta vez. Em vez disto, começarão a transformar isto lentamente em solução.

A Terra (Gaia) irá cooperar. Isto já começou. As mudanças dos ciclos da vida e o resfriamento dos oceanos começaram, bem como programado. A Terra está aliada com vocês. Vocês estão juntos nisto, e não separados.

Queridos, todas estas coisas são verdadeiras. Algumas delas vocês não compreendem ainda, mas eu lhes digo isto: Abençoado seja o Ser Humano que reconhece a face do Planejador do Universo quando ele se olha no espelho. Pois ele então saberá que está tudo bem amar o que ele vê – Deus nele.
Esta é a mensagem deste dia. EU SOU KRYON, apaixonado pela humanidade.

E assim é.

………………………………………………………………………………………………………………..

A informação é gratuita e disponível para impressão, cópia e distribuição. Seus Direitos Autorais, entretanto, proíbem a venda sob qualquer forma, exceto pelo editor.

Fonte: Kryon | Channeling | Totowa, New Jersey-July 16, 2011 | The Humanization of God
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

 


Via: A HUMANIZAÇÃO DE DEUS – Kryon canalizado por Lee Carroll 16 de Julho de 2011

AS DIFERENTES REALIDADES NAS DIFERENTES DIMENSÕES…

Vivendo diferentes dimensões

3ª, 4ª e 5ª – As Dimensões e Suas Diferenças

post-10-20-1

Por: Vera Ingeborg

 Ao passar pelo processo de despertar espiritual, mais cedo ou mais tarde somos confrontados com o fato de que parece haver mais dimensões do que a única realidade que estamos vivendo e que conhecemos tão bem. Começamos a questionar a nossa vida e o que costumava ser verdade parece de repente começar a se desintegrar. Nós não temos mais tanta certeza se estamos realmente vivendo em uma realidade ou se ela não é tão real depois de tudo. As energias dimensionais mais elevadas estão nos chamando. Começamos a entrar em ressonância com elas e seguimos em nossa busca para saber mais sobre quem realmente somos. Nós aprendemos sobre as energias universais, as diferentes frequências e o que a ascensão realmente significa. Uma mudança energética da 3ª para a 5ª dimensão, aumentando nossas frequências a um nível muito mais elevado transmutando as baixas frequências do medo para o amor incondicional até um ponto onde não restar nenhum medo. Nos deparamos com muitas informações e estamos aprendendo bastante sobre nós mesmos, o Universo e a humanidade. Uma pergunta que muitas vezes nos mantém ocupados é como saber diferenciar entre as dimensões.

Para entender as diferentes dimensões e como sentir elas melhor, vamos descrever suas características individualmente.

A 3ª Dimensão – O Mundo Material do Medo

“Porque nós estamos vivendo em um mundo material eu sou uma garota materialista…” ~Madonna

post-08-09-11

A imagem da 3ª dimensão está perfeitamente descrita em sua música. Ela fala que só vai sair com homens que têm dinheiro para comprar as coisas do seu interesse e como ela teme perder seu dinheiro já que entrou no estado de acumular posses. A 3ª dimensão é tudo sobre o material, acumular bens materiais e viver com medo de perdê-los. Temos medo de perder o controle. Temos medo de não estar seguros, de não ser bom o suficiente. Nós não confiamos nas pessoas porque elas podem levar a nossa riqueza para longe de nós. Por isto tentamos obter o poder sobre os outros para estar em uma posição de força.

Nós nos definimos neste plano por aquilo que possuímos e o que fazemos para ganhar a vida. Acreditamos que estamos separados do Criador, de tudo e de todos. Enquanto nós não formos UM com a Fonte, não podemos experimentar a unidade com O Tudo O Que É. Acreditamos que a morte é algo doloroso, escuro e finito. Acreditamos que vivemos uma vida e que quando morremos termina tudo. Acreditamos que este mundo é um lugar de escassez. Por isto acreditamos que temos que lutar muito para o nosso bem-estar, porque não existe o suficiente para todos. Nós pensamos que a vida é uma competição com ganhadores e perdedores. Nós pensamos que é bom mentir porque todo mundo faz isto nesta realidade/ilusão. Estamos convencidos de que temos que estar sempre certos sobre as coisas. Nós acreditamos que existem papéis para homens e mulheres. Homem sendo forte e lutador, mulher sendo sensível e fraca.

Isto vem mudando com a elevação do feminino nas últimas décadas, mas a verdadeira natureza do masculino e feminino ainda não foi compreendida com relação ao relacionamento, acreditamos que não podemos estar completos sem outra pessoa. Nós acreditamos que precisamos de alguém para nos fazer feliz e inteiro. Nós experimentamos a alegria em ocasiões muito raras. Em belas situações de tirar o fôlego, seja no contato com a natureza ou durante um estado de meditação profunda. Estes são os raros momentos que nos levam para o AGORA. O único lugar onde o ego não existe. Estamos tão acostumados com o ego que não questionamos se a forma como vivemos é normal, nós gastarmos todo o nosso tempo no passado ou no futuro. O ego interpreta o “deve ter, poderia ter, no jogo da posse” jogando o jogo de saltar para o passado e para o futuro “criando cenários”, nos preparando para todas as possibilidades. Nós não percebemos que o único lugar real que devemos estar é no AGORA.

Os seres humanos na 3ª dimensão buscam o sexo físico porque esta é a única oportunidade para experimentar a fusão das energias masculinas e femininas em perfeito equilíbrio. Essa é a causa raiz para este desejo. Na 3ª dimensão, não entendemos que este é o sentido da carência de um(a) parceiro/parceira. Nós não entendemos que podemos criar esta totalidade para nós mesmos. Nós não só podemos como devemos para podermos acessar as dimensões superiores. Não conseguimos pensar que os desejos sexuais podem mudar de uma necessidade para um compartilhamento. Na 3ª dimensão nunca aprendemos a amar a nós mesmos. Pelo contrário, somos ensinados a acreditar que isto é egoísmo. Mas o oposto é que é verdade. Não amar a si mesmo é um pensamento “ego-ai-está” e é o que o impede de sermos inteiros e mantermos o nosso interior vivo.

Energeticamente a 3ª dimensão é um lugar de baixa vibração que aumenta a ilusão de separação, dualidade e livre arbítrio. O nosso EU superior não está integrado no corpo físico porque não consegue lidar com a baixa densidade e frequência. Ele está conectado conosco através do nosso corpo espiritual, mas quando nossos chacras estão bloqueados, dificilmente ele consegue chegar até nós. Isto cria a ilusão de que estamos separados da Fonte. Na 3ª dimensão nós realmente achamos que a nossa vida é baseada em coincidências e que não existe destino, nem que planejamos as experiências que vamos viver nesta dimensão, pois não temos conhecimento da nossa verdadeira identidade, somos um ser espiritual em um corpo físico sofrendo de amnésia.

À medida que encarnamos na 3ª dimensão, esquecemos quem realmente somos e recebemos uma mente/ego que só tem conhecimento desta encarnação. Não nos lembramos de nenhuma de nossas vidas anteriores porque a memória não nos acompanhou. Apenas a nossa estrutura celular e DNA carregam as memórias da nossa linhagem da família, nosso EU superior também sabe sobre as nossas experiências de vidas passadas. Enquanto a mente/ego está na liderança e nosso coração está fechado, a conexão com o nosso EU superior na maioria das vezes está bloqueada. A comunicação com o nosso EU superior e os reinos mais elevados só pode ser sentida, não compreendida com a mente racional.

A mente/ego não é capaz de processar esta quantidade de energia. Enquanto nós estamos bloqueados não podemos sentir a verdade, acreditamos que nossa mente/ego deve estar na liderança, pois é “oh tão inteligente”. E sim, é, mas para nos manter longe do nosso verdadeiro EU e nos manter presos nas ilusões e crenças. Toda vez que a nossa intuição vem e expressa a verdade, a mente/ego grita: “Prove!” Então, nós ignoramos a intuição novamente porque somos incapazes de provar o que nós sentimos. Continuamos a correr em círculos de olhos vendados, tentando descobrir como a vida funciona e o que devemos realmente fazer. Acreditamos que vamos encontrar as respostas para a nossa busca pela felicidade no exterior, fora de nós. Nos adaptamos ao jogo e aceitamos as ilusões da 3ª dimensão como nossa realidade, porque é o que todo mundo faz. Nós suprimimos as dúvidas sobre o nosso propósito, a nossa verdadeira origem, nossos talentos e dons. Acreditamos que devemos esquecer estas perguntas, porque todo mundo está vivendo de acordo com as mesmas regras.

Se falarmos em voz alta nossas dúvidas e nossos verdadeiros desejos, nos consideram louco e sonhador irrealista. Então, nós apenas obedecemos o sistema, não percebemos que fomos escravizados pela nossa mente/ego que foi programado com todos os tipos de crenças falsas. Não percebemos que todo o sistema é uma matrix falsa baseada no medo. Enquanto as pessoas estão com medo, podem ser mantidas sob controle e os que detêm o poder ganham dinheiro com elas. Muito dinheiro. Seguros, produtos farmacêuticos, veículos, produtos eletrônicos e moda são apenas alguns exemplos de como uma quantidade enorme de dinheiro é gerada através dos nossos medos.

Ficamos obcecados em adquirir mais e mais dinheiro para sermos capazes de compensar estes medos e justificar a nossa falta de conexão com a Fontes adquirindo bens materiais inúteis. Achamos que temos de melhorar o nosso status para sermos bons e ganhar respeito. Nós nem sequer percebemos o quanto as nossas posses do mundo material estão nos controlando e nos mantêm dependentes em um círculo vicioso que só perpetua a insatisfação. Nós precisamos proteger o que conquistamos e estar preparados para tempos difíceis (medo). Na terceira dimensão, estamos sempre gerando pensamentos negativos e desconfiando de tudo e de todos.

A ilusão da dualidade na terceira dimensão nos permite experimentar a luz e a escuridão, o bem e o mal, a alegria e o desespero, o melhor e o pior. Temos a opção de agir como santos ou demônios. Mas realmente a única escolha que temos neste plano é: Amor ou medo. Luz ou escuridão. Isso é o que o livre-arbítrio nos permite. Enquanto seguirmos escolhendo o medo, estamos repetindo as nossas experiências e padrões até entendermos que devemos escolher o amor. Este é o segredo da terceira dimensão.

Quando aprendemos a escolher o amor de forma permanente, alcançamos a iluminação, o que aumenta a nossa frequência significativamente. Desta forma, podemos superar os limites do nosso ego/mente. Aprendemos a deixar o coração e a alma assumirem a liderança, transformando o ego em um auxiliar. Aprendemos como as energias universais funcionam e como podemos criar a nossa realidade. Entendemos que tivemos o controle à nossa disposição o tempo todo, apenas não o enxergamos. Aprendemos que não existem vítimas ou carrascos, existem apenas professores cujas lições nos ajudam a crescer. Não precisamos esperar morrer para ir para a luz. Podemos fazer isto estando em um corpo humano.

A 4ª Dimensão – O Mundo Mágico dos Sonhos

post-10-20-2
A 4ª dimensão é o mundo dos sonhos. É também chamado de plano astral. É uma dimensão que é menos densa e muito mais fluida do que a 3ª dimensão, mas ainda abriga a ilusão da dualidade e o ego é capaz de existir aqui também. É a dimensão do tempo. Imagine que ela seja um fluxo de energia que hospeda todos os eventos de um cronograma específico. Nós geralmente visitamos este plano naturalmente durante a noite. Nela em nossos estados de sonhos, tudo é possível. Um rato pode se transformar em um leão, que pode voar ou respirar debaixo de água, que pode estar em muitos lugares ao mesmo tempo e temos conversas com criaturas estranhas.

Os viajantes astrais experientes são capazes de acessar este plano também durante o dia. Isso pode se tornar tão real que eles estão realmente tendo aventuras fora do corpo ou intensas experiências. Este é o plano para o qual os xamãs de civilizações antigas viajavam para saber mais e se conectar aos reinos espirituais. Estas viagens davam-lhes o acesso ao submundo e partes do mundo superior. Muitos deles usaram drogas e cerimônias de transes especiais para conseguir seu intento. Dependendo da vibração energética da pessoa, viajar no plano astral pode ser muito amoroso e agradável ou pode ser uma experiência muito assustadora e terrível. Drogas nunca vão nos levar acima da quarta dimensão inferior.

No entanto, viajar no plano astral pode ser muito instigante para aprendermos mais sobre nós mesmos, sobre o nosso propósito e sobre os nossos medos, também podemos manter um estreito intercâmbio com o nosso EU superior. Não importa o quão longe viajamos nesta dimensão, nós sempre ficamos na mesma linha de tempo. Neste plano também é possível aproveitar a consciência coletiva e aprender mais através dela. O reino astral é um lugar onde a luz e a escuridão entram em conflito com facilidade. A magia negra está disseminada no seu plano inferior, os viajantes astrais, por exemplo, podem nos influenciar neste plano facilmente quando estamos cheios de medo e ainda não aprendemos a definir limites energéticos saudáveis, ou seja, sermos capazes de criar a nossa própria luz e sustentá-la de modo que ela simplesmente absorva a escuridão. A maioria das pessoas não se lembra de suas experiências astrais conscientemente neste plano, o que torna ainda mais difícil detectar manipulações energéticas ocasionadas.

A 4ª dimensão conecta a escuridão e a luz. Neste plano, podemos nos proteger apenas aplicando as leis universais energéticas, pois não existem leis ou regulamentos humanos de controle.

As pessoas de frequência superior não estão experimentando o plano astral conscientemente. É por isto que muitas vezes se sentem sozinhas ou pensam que está demorando o seu despertar e ascensão, porque elas não têm todas essas experiências loucas que as outras pessoas tem e ficam tão animadas. A frequência do corpo destas pessoas já é maior do que a frequência da 4ª dimensão desde o seu nascimento. Elas muitas vezes experimentam um cansaço inexplicável durante toda a sua existência na 3ª dimensão, porque a diferença entre as frequências densas da 3ª dimensão e as frequências mais leves da 5ª dimensão provocam um atrito permanente e o corpo tem dificuldades em lidar com isto. Elas passam pela programação da 3ª dimensão assim como todo mundo, embora muitas vezes elas tenham um sentimento muito forte de “não está certo o que está acontecendo aqui” e estão frequentemente questionando e sabotando o sistema. Algumas pessoas de frequências superiores se envolvem com álcool e/ou drogas porque elas não são capazes de lidar bem com a baixa densidade, pois pelas sentem que estão negando seus dons e talentos espirituais. Elas só querem ser normais e se encaixar na vida. O problema é que drogas e álcool são de frequência muito menor do que os seus corpos, o que pode causar ansiedade permanente e depressão.

As pessoas de frequências superior não experimentam pesadelos. Elas podem ter ataques de pânico e espirais de pensamentos antes de dormir ou quando elas estão meio cochilando meio acordada, mas seus sonhos quando elas se lembram, estão ocorrendo na 5ª dimensão e acima. Estes sonhos não contêm medo ou escuridão, pois eles acontecem nos planos do amor incondicional.

Elas estão experimentando sua ascensão de forma diferente, muito mais sutil, sincera. Uma vez que o seu despertar é iniciado e elas se abrem para a sua espiritualidade, o processo geralmente acontece mais rápido do que a média e elas limpam a programação da 3ª dimensão rapidamente já que o seu sistema quer voltar para a sua frequência natural o mais cedo possível. Elas são claramente conscientes, o que significa que de repente, elas sabem coisas sem saber por que. Isto acontece porque elas têm acesso a outras linhas de tempo e dimensões. Normalmente é de forma inconsciente. Elas simplesmente se desligam alguns minutos, sentem frio e ficam confusas depois de tal experiência. Não é melhor ou pior ser de frequência superior ou não, as experiências são simplesmente diferentes.

A 5ª Dimensão – O Plano de Luz

post-10-20-4De todas as dimensões superiores a 5ª dimensão é a última de pura luz e amor incondicional, ou seja, a energia da Fonte no caminho para baixo antes de entrar nos reinos de limitações e dualidade. Esta é a dimensão além do tempo linear, o que significa que muitas linhas de tempo diferentes estão disponíveis para acessar simultaneamente. A existência física ainda é possível neste plano, embora o corpo seja mais leve e de uma estrutura celular diferente. Quando o corpo físico está totalmente transformado para esta estrutura não existe nenhuma dor, não existe medo. É o plano da abundância e do amor incondicional manifestado no físico. O nosso EU superior está integrado no nosso corpo físico e assumiu a nossa orientação.

A sensação é muito diferente até por apenas canalizar seu EU superior. A primeira vez que seu EU superior se move totalmente para o seu corpo físico é uma sensação indescritível. É um fluxo energético intenso de amor incondicional e você sente tudo leve e fácil. Antes do seu EU superior estar totalmente ancorado no corpo físico, a cura do (mental, emocional e físico) deve estar concluída. Portanto, o seu EU superior vai entrar e sair por algum tempo até que ele possa ficar de forma permanente. Você saberá quando o seu EU superior está integrado, pois você não vai mais questionar o fluxo universal e simplesmente confiará em sua jornada. Você não sentirá mais necessidade de interferir ou controlar este fluxo.

Na 5ª dimensão, todas as nossas ações são baseadas no amor. É o plano da unidade, onde nos sentimos em conexão com tudo e todos ao nosso redor, incluindo a energia da Fonte. Na 5ª dimensão vivemos em unidade de consciência, mas ainda nos reconhecemos como um ser individual que faz parte do todo. Neste plano lembramos quem realmente somos e estamos conscientes da nossa alma eterna. A manifestação é fácil e a vida que imaginamos é a nossa realidade. Na 5ª dimensão tudo vem sem esforço porque redescobrimos o fluxo energético Universal que sempre nos orienta perfeitamente. Não existem limites. Vivemos em completa liberdade e autenticidade. Como não existe medo, não existe envelhecimento nem doenças. Nós vivemos no corpo enquanto nós queremos, até que decidimos deixar o corpo, o que acontece de forma suave e sem qualquer dor.

Quando alguém elevou a própria frequência para o nível da 5ª dimensão, o retorno às dimensões inferiores não é mais possível, a menos que a alma escolha conscientemente. Esta foi a escolha de muitas sementes estelares e seres angélicos que decidiram ajudar a humanidade e Gaia a ascender. Pessoas na 5ª dimensão são imunes as baixas frequências, já que não existe ressonância. Elas não atraem a escuridão e vivem exclusivamente na luz. Elas não podem ser vistas por pessoas da 3ª dimensão, caso estas pessoas não tenham começado o seu processo de ascensão e estiverem abertas para as frequências superiores.

Ou seja, quando a dualidade e o tempo linear se dissolverem, tudo o que existirá é uma vida no AGORA. Todas as experiências são abraçadas com gratidão, pois a alma sabe que tudo tem um propósito para o crescimento e expansão da consciência. O contato com os extraterrestres e os seres angélicos torna-se fácil e está integrado na experiência diária. Nós recebemos informações diretamente dos planos elevados, telepatia, teletransporte e telecinese se tornam possíveis. A 5ª dimensão é a dimensão da confiança profunda e um conhecimento interior de que tudo está acontecendo perfeitamente como deve. Neste plano, aprendemos a seguir com o fluxo e deixar a Fonte trabalhar através de nós criando milagres.

Não existe necessidade de estar certo na 5ª dimensão, já que o ego não existe. Nosso ego transcendeu para um espírito livre e está trabalhando lado a lado com o corpo e a alma. Na 5ª dimensão não levamos nada mais para o lado pessoal daqueles que não tenham atingido esse plano ainda. Nós sabemos sobre a sua própria bagagem e viagem e não julgamos ou culpamos, mas amamos incondicionalmente porque sabemos que todos são parte do todo. Sabemos que não existe perigo, por isto sabemos que não existe necessidade de proteção. Sabemos que a nossa luz brilha tão forte que absorve automaticamente a escuridão ao nosso redor.

Na 5ª dimensão vivemos de acordo com as leis energéticas universais, sabendo que criamos o que nós pensamos. Não existem regras ou leis feitas pelo homem, porque as pessoas confiam plenamente no fluxo energético e somos orientados onde é preciso. Não existe necessidade de posses ou status, já que não existe competição e nada para comparar. Tudo se torna uma partilha. Nós apenas somos. Amamos a nós mesmos e apreciamos a nossa individualidade como parte do todo. Sabemos que nossas necessidades são sempre satisfeitas e somos sempre cuidados. A gratidão está sempre presente. Quando vivemos na 5ª dimensão permanentemente nos mantemos em um estado de iluminação. Não é à toa que ela é conhecida como o céu na Terra.

©Vera Ingeborg


Origem: THE WAKE UP EXPERIENCE | 3D, 4D and 5D – The Dimensions and their Differences
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

Via: 3ª, 4ª e 5ª – As Dimensões e Suas Diferenças | A Luz é Invencível

A PERFEITA UNIDADE ESPIRITUAL DO ORIENTE E COM O OCIDENTE…

Ramatis

RAMATÍS – O MESTRE DA LUZ UNIVERSAL

Postado em Mythos Editora

Ramatís, ou Swami Rama-Tys, é uma presença polêmica no mundo espírita, com obras psicografadas que abrangem inúmeros aspectos das atividades espirituais. Os textos vão desde fatos da vida de Cristo à bomba atômica e se constituem em uma leitura que revela um caminho de luz acessível a todos.

– Alex Alprim –

Para conhecermos melhor a história de Ramatís, precisamos retroceder até o século 11, na região que viria a ser conhecida como Indochina, e que na época era dominada pelo império chinês. Do amor entre um hindu e uma chinesa, nasceu uma criança que iria se tornar um grande ser de luz. Tinha cabelos negros, pele cor de cobre e olhos castanho-escuros, iluminados.

Pouco se sabe de sua infância. Alguns parcos registros relatam que desde tenra idade ele possuía grande sabedoria, uma vez que já a carregava há várias encarnações. Ele iria estimular as almas a conhecer a “Verdade”.

A criança cresceu e se tornou um verdadeiro guru, ingressando em um dos muitos santuários iniciáticos da Índia. Entretanto, em encarnações anteriores, diz-se que ele já tinha sido o grande matemático e filósofo Pitágoras (cerca de 570 – 496 a.C.), bem como Filon de Alexandria (cerca de 30 a.C. – 40 d.C.), um filósofo judeu responsável pela famosa Biblioteca de Alexandria. Nesse mesmo período, ele desfrutou da companhia inesquecível do mestre Jesus Cristo. Encarnou igualmente como Koot-Humi, um dos mentores de Helena Petrovna Blavatsky (1831 – 1891), a fundadora da Sociedade Teosófica.

Em época ainda mais recuada, ele viveu na Atlântida, quando conheceu o espírito que seria conhecido como Alan Kardec, e com o qual se encontraria novamente em sua passagem pelo Egito, no templo do faraó Mernefta, filho de Ramsés; no Egito, Ramatís era então o sacerdote Amenófis.

Ao longo de suas encarnações, Ramatís sempre teve contato com os grandes sábios de cada era. Em sua vida na Grécia Antiga, no período em que ela estava em plena ebulição cultural, segundo informam algumas psicografias, ele já tinha conhecimento da imortalidade da alma, da purificação através de sucessivas reencarnações, e seus ensinamentos buscavam mostrar as nítidas vantagens de espiritualizar a vida. Ainda cultivava a música, a matemática e a astronomia. Nessa época, ele começou os estudos sobre o deslocamento dos astros e conclui que a Ordem Superior domina o Universo.

Em sua encarnação como Ramatís, ele se distinguiu como grande sábio, tendo feito parte da história da Índia no período da invasão dos arianos, por volta do século 4 a.C. Diz-se ainda que ele teria participado dos acontecimentos narrados no conto épico conhecido como Ramaiana.

Nessa ocasião, realizou seus estudos iniciáticos na China. Posteriormente, fundou um pequeno templo na Índia, sendo adepto da tradição de Rama. Desencarnou jovem, pois sua missão já havia sido cumprida.

Depois disso, no Plano Superior das Inteligências Espirituais, filiou-se definitivamente a um grupo de trabalhadores espirituais conhecido como Templários das Cadeias do Amor. Trata-se de um agrupamento nas colônias invisíveis do Além, que se dedica a trabalhos ligados à corrente oriental de pensamento.

O nome Ramatís (Rama – Tis), ou Swami Rama Tys, como era conhecido em sua época, é uma designação de sua hierarquia e dinastia espiritual. Rama é o nome que se dá à própria divindade, o Criador, cuja força criadora emana para as nossas vidas quando pronunciado corretamente; é um poderoso mantra que ativa os princípios masculino e feminino contidos no Universo. A saudação se torna plena, ativando a semente divina interior, quando se pronuncia Ramaatis.

Os Discípulos de Ramatís

O templo que ele fundou foi erguido por seus primeiros discípulos. Nesse local, ele ministrou e aplicou todos os conhecimentos adquiridos até aquela vida. Diz-se que as pedras usadas em sua construção receberam energias especiais, fruto da evolução de cada discípulo no caminho por ele delineado.

Muitos desses discípulos estão hoje encarnados em nosso mundo. Em sua última estada na esfera física, Ramatís teve setenta e dois discípulos, vindos das mais diversas linhas religiosas e espiritualistas do Egito, Índia, Grécia, China e até mesmo da Arábia; todos queriam ir além e unir-se à irmandade que Ramatís formara.

Após sua passagem, muitos deles não conseguiram se manter dentro do padrão iniciático original, e decaíram. Apenas dezessete conseguiram envergar a simbólica “Túnica Azul” (o domínio da Vontade) e atingir o último grau do ciclo iniciático em seus invólucros físicos.

Mas em seu trabalho espiritual, Ramatís teve contato com os outros discípulos e muitos, ao longo de suas vidas físicas, retornaram ao seio dos seus ensinamentos. Existem vinte e seis adeptos que estão no Espaço Espiritual (desencarnados), cooperando nos trabalhos da “Ordem da Cruz e do Triângulo”; outros se espalharam pela Terra. Sabe-se que dezoito reencarnaram no Brasil, seis nas Américas, e outros, na Europa e Ásia.

Dos dezoito que reencarnaram no Brasil, um deles, Atanagildo, já desencarnou e encarnou novamente, no estado de São Paulo. Outro desencarnado, o professor Hercílio Maes, é considerado um dos que mais contribuiu para a obra de Ramatís no Brasil, tendo publicado vários livros psicografados com mensagens do seu mestre. Outros são: Demétrius, chefe espiritual do GEID (Grupo Espírita Irmão Demétrius); e o dr. Atmos (hindu, guia espiritual e diretor-geral de todos os grupos ligados à Fraternidade da Cruz e do Triângulo), chefe espiritual da Sociedade Espírita Ramatís.

Os discípulos de Ramatís usam os conhecimentos adquiridos para ultrapassar as experiências físicas e sensoriais limitadas pela matéria, respeitando todas as linhas espirituais e compreendendo a necessidade que os homens têm de buscar a Verdade. Essa busca, segundo explicam, ativa o exercício de vôos mais amplos, que acabam por desvendar a verdade crística do mundo.

Diz-se que a Europa se encontra no final de sua grande missão civilizadora e, devido a esse desenlace cármico e espiritual, muitos dos discípulos reencarnados naquelas terras emigrarão para o Brasil. Segundo Ramatís, aqui reencarnarão os que vão anteceder a generosa humanidade do terceiro milênio.
O médium Hercílio Maes, embora fosse reservado quanto a esse assunto, escreveu extensa obra psicografada de Ramatís e, segundo conversas íntimas com pessoas próximas a ele, relatou que teria sido “adotado” por Ramatís quando de sua primeira encarnação expiatória, no Egito, no reinado de Akenaton (Amenófis IV, cerca de 1370 – 1352 a.C.), na qual exercia a modesta profissão de aguadeiro.
Em determinada ocasião, respingou água nas sandálias de uma dama da corte e, num julgamento sumário, foi condenado à morte. Ramatís intercedeu e o faraó ofertou-o a Ramatís. Colaborando com esse relato, em 2002, durante a revisão do livro Akhenaton, obra histórica psicografada pelo médium Roger Bottini Paranhos, constatou-se que Ramatís aparece ali como o sumo sacerdote do faraó, com o nome de Meri-Rá.

A Fraternidade da Cruz e do Triângulo

Na dimensão espiritual, Ramatís exerce uma forte atuação junto à Fraternidade da Cruz e do Triângulo e se empenha em divulgar os ensinamentos de Jesus Cristo. Paralelamente, ensina a atuar segundo a antiga tradição espiritualista do Oriente, estabelecendo assim um intercâmbio entre as correntes espiritualistas do Ocidente e do Oriente.

Segundo relatos de vários espiritualistas, no final do século 19, no Oriente, houve uma fusão entre duas importantes fraternidades. Tratava-se da Fraternidade da Cruz, que divulga os ensinamentos de Jesus, e a Fraternidade do Triângulo, ligada à tradição espiritual oriental. Após essa união, as duas fraternidades – consideradas Fraternidades Brancas – consolidaram uma série de práticas e trabalhos espirituais que resultaram na formação da Fraternidade da Cruz e do Triângulo.

Seus membros usam vestes brancas com cintos e emblemas de tonalidade azul-clara esverdeada. Sobre o peito, trazem suspensa uma corrente com um triângulo lilás luminoso, no qual se encontra uma cruz em forma de lírio, símbolo que exalta a obra de Jesus e da mística oriental. O que os mentores informam é que todos os discípulos da Fraternidade que se encontram reencarnados na Terra são profundamente devotados às duas correntes espiritualistas.

Em seu trabalho no plano espiritual, Ramatís supervisiona as tarefas ligadas aos discípulos na Metrópole Astral do Grande Coração. Segundo informações de seus psicógrafos, atualmente ele participa de um colegiado no Astral de Marte. Os discípulos dessa ordem cultuam os ensinamentos de Jesus, que foi o elo definitivo entre todos os instrutores terráqueos, assim como a sabedoria e o trabalho espiritual de Antúlio, de Hermes, de Buda, de Confúcio e de Lao-Tsé.

Esse é um dos motivos pelos quais os seguidores de Ramatís na Terra – embora profundamente devotados ao pensamento cristão – também têm profundo respeito pela espiritualidade do Oriente.

Ensinamentos e Mensagens

A temática ensinada e discutida nas obras de Ramatís é sempre apresentada a partir de um enfoque universalista, e também encontra paralelo nos temas abordados por André Luiz e outros espíritos do bem. Em suas psicografias,

Descrição de RamatÍs

A aparência de Ramatís, conforme geralmente é apresentada em pinturas e desenhos, deve-se às visões de vários médiuns que entram em contato com ele, recebendo suas mensagens. Ele é apresentado como um espírito que surge envolto em uma luminosidade intensa, com uma aura amarelo-clara com nuanças douradas, circundada por traços finos em azul celeste e carmim.

Seu traje é composto por uma capa que se estende até seus pés, além de uma túnica com mangas muito longas, ajustada por um cinto largo, esverdeado e tão luminoso quanto o restante de suas vestimentas. As calças são fechadas nos tornozelos. A textura das vestes lembra a da seda, imaculada e brilhante, como se fosse feita da pétala de um maravilhoso lírio translúcido. Os sapatos são de cetim azul esverdeado, amarrados por cordões dourados que se enlaçam atrás, acima do calcanhar, à moda dos antigos gregos.

A cabeça é coberta por um turbante com muitas pregas, tendo no meio uma cintilante esmeralda, ornamentada por vários cordões finos de várias cores, que lhes caem sobre os ombros.

Sobre o peito, ele carrega uma corrente,formada de pequenos elos, da qual pende um triângulo de suave luminosidade, emoldurando uma delicada cruz. Sua indumentária sugere a sua posição iniciática, mas sem deixá-la clara; parece uma mistura de culturas, desde o traje até os seus acessórios, parecem banhar-se tanto na cultura oriental quanto ocidental. Embora possa parecer exótico, diz-se que esse tipo de vestimenta era comum aos altos sacerdotes da antiga Atlântida. Ramatís acrescenta temas e mensagens que, geralmente, são abordados pelos chamados ocultistas, esclarecendo pontos obscuros das práticas espirituais.

Outro aspecto interessante no trabalho de Ramatís é o quanto suas revelações e profecias encontram semelhança com as de outros videntes, mencionados no livro Mensagens do Astral.

O ponto central das mensagens e do trabalho de Ramatís – que é seguido por diversas casas espíritas que recebem suas indicações espirituais – é a postura universalista e não-sectária, que permite absorver os conhecimentos espirituais das mais diversas linhas, convergindo dessa forma para uma união semelhante à que se dá no plano etérico entre as fraternidades da Cruz e do Triângulo, refazendo a máxima hermética de que o macrocosmo e o microcosmo estão correlacionados e se influenciam. Segundo relatos, numa conferência pública realizada em 1969, no Instituto de Cultura Espírita do Brasil, o médium Hercílio Maes disse que recebeu informações dos espíritos superiores referentes tanto à atuação de Emmanuel e Chico Xavier, quanto à de Ramatís e do próprio Hercílio Maes, assim como de outros integrantes de futuras equipes de trabalhos espiritualistas. A idéia é que cada qual teria sua função e atuação específica, no sentido de constituir um amplo movimento de unificação que resultaria na implantação, no futuro, de um só rebanho para um só pastor: Jesus Cristo.

…………………………………………………………………………………………………

Para saber mais:

Sociedade Espírita Ramatis http://www.ramatisrio.com.br
Fone: (21) 2572-7926

Grupo Espírita Irmão Demétrius http://www.geid.hpg.ig.com.br
Fone: (21) 396-0374

Mensagens do Astral – Ramatís, psicografado por Hercílio Maes
Editora do Conhecimento
www.edconhecimento.com.br
Fone: (19) 3451-0143

Via: RAMATÍS – O MESTRE DA LUZ UNIVERSAL – Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas


Assista também ao vídeo:

A vida de Ramatis – A história de um grande Mestre Universalista

Publicado por: ISC Instituto de Sensibilização Consciencial  em 15 de abr de 2009

Via: A vida de Ramatis – A história de um grande Mestre Universalista – YouTube


 

O SEGREDO POR TRÁS DA MATÉRIA…

percepcao_ou_realidade

Universo Holográfico, um novo paradigma

 

Publicado por: O Arquivo

Baseado no documentário “Universo Holográfico”

Parte 1

holo1

Aviso: o tema deste texto que você esta para ler, revela um segredo crucial em sua vida. Você deve ler atentamente pois refere-se a um tema que poderá provocar alterações fundamentais em sua visão do mundo material. O conteúdo desse texto não é apenas uma visão diferente ou um pensamento filosófico. Na realidade são fatos comprovados pela ciência hoje.

O Segredo por trás da Matéria – O homem é condicionado desde o seu nascimento, a pensar que o mundo em que vive é uma realidade absolutamente material. Assim ele cresce sob o efeito deste condicionamento e constrói toda a sua vida baseado neste ponto de vista.

As descobertas da ciência moderna, entretanto, revelaram a completa diferença entre a realidade significativa e o que é presumido. Toda a informação que recebemos de nosso mundo exterior nos é transmitida por nossos cinco sentidos. O mundo que conhecemos consiste do que nossos olhos veem, nossos ouvidos ouvem, nossos narizes cheiram, nossa língua saboreia e nossas mãos sentem. O homem depende, desde o nascimento, destes cinco sentidos. Assim ele conhece o mundo exterior apenas da forma com que é apresentado por estes cinco sentidos.

Atualmente, pesquisas científicas sobre os nossos sentidos revelaram fatos bem diferentes daquilo que denominamos de “mundo externo”. E estes fatos trouxeram a luz um importante segredo sobre a matéria de que é feito o “mundo externo”. um pensador contemporâneo, Frederick Vester, explica as declarações de alguns cientistas, afirmando que “o homem é uma imagem, toda experiência é temporária e ilusória, e este universo é uma sombra”, parecem estar sendo comprovadas pela ciência em nossos dias.

Para melhor captar este segredo por trás da matéria, devemos nos relembrar de como captamos a informação da realidade que nos prove com a mais extensa informação de nosso mundo exterior.

Como vemos?

A visão ativa ocorre progressivamente. No momento da visão, partículas luminosas, denominadas fótons viajam do objeto até o olho e passam pelo cristalino onde são refratados e focados na retina, no fundo do olho. Aqui, os raios luminosos são transformados em sinais elétricos e transmitidos por neurônios até o centro da visão no parte posterior do cérebro. A visão realmente ocorre no centro da visão no fundo do cérebro. Todas as imagens que vemos durante a vida e todos os eventos que experimentamos são na realidade experimentados neste pequeno e escuro lugar. Tanto o texto que você esta vendo agora, bem como as paisagens sem fronteiras que você vê quando mira o horizonte, na realidade comprimem-se neste espaço de poucos centímetros.

Agora, vamos reconsiderar alguns conceitos, cuidadosamente. Quando dizemos “nós vemos”, na realidade vemos o efeito dos raios atingindo os olhos convertidos em sinais elétricos e formados no cérebro. Quando dizemos “nós vemos”, na realidade observamos os sinais elétricos em nosso cérebro.

A propósito, há um outro aspecto a considerar.

O cérebro esta “selado” para a luz e esta sempre em completa escuridão. Assim, não é possível ao cérebro contatar a luz, por si mesmo. Podemos explicar este interessante fenômeno com um exemplo. Vamos supor que a nossa frente esta uma vela acesa e nós vemos sua luz. Durante o período em que vemos a luz da vela, o interior de nosso crânio e o cérebro estão em completa escuridão. A luz da vela jamais ilumina nosso cérebro e nosso centro de visão.

Entretanto, nós vemos um mundo luminoso e colorido dentro de nosso cérebro sem luz. O mesmo se aplica a todos os nossos outros sentidos, som, tato, sabor e olfato, que são percebidos no cérebro como sinais elétricos. Desta forma, o cérebro, durante nossa vida jamais se confronta com a fonte original da matéria existente fora de nós, mas apenas uma cópia elétrica da mesma, formada dentro do nosso cérebro. Neste ponto somos iludidos a pensar que estas cópias são instancias da realidade material fora de nós.

….

Parte 2

holo11aexteriorO mundo exterior em nosso cérebro – Estes fatos físicos nos fazem chegar a uma indiscutível conclusão. Tudo aquilo que vemos, ouvimos, tocamos e sentimos como matéria, o mundo e mesmo o universo são apenas sinais elétricos em nosso cérebro. Por exemplo, vemos um pássaro em nosso mundo exterior. Mas na realidade este pássaro não esta em nosso mundo exterior, porém em nosso cérebro. As partículas de luz refletidas pelo pássaro alcançam nosso olho e de lá convertidas em sinais eléticos. Esses sinais são transmitidos por neurônios para o centro de visão no cérebro. O pássaro que vemos é na realidade o resultado de sinais elétricos em nosso cérebro.

Se o nervo conduzindo a informação fosse desconectado o pássaro desapreceria subitamente. Da mesma forma os sons dos pássaros são também formados em nosso cérebro, não haveria qualquer som. Colocando de forma simples, o pássaro, a forma do pássaro que vemos e o seu som que ouvimos é apenas a interpretação, efetuada pelo cérebro, de sinais elétricos.

holo11bexterior    holo11cexterior

Outro ponto a ser considerado é a sensação de distância. Por exemplo a distância entre você e a tela do computador. É apenas uma sensação de espaço formada em seu cérerbro, também, objetos que parecem estar muito distantes na visão de um indivíduo, são na realidade imagens plasmadas em um ponto dentro do cérebro.

holo11fexterior    holo11gexterior

holo11hexterior    holo11iexterior

Por exemplo, alguém que observe as estrelas, assume que elas estão a milhóes de anos luz distantes dele. Na realidade as estrelas estão dentro dele. É a visão em seu cérebro. Enquanto voce vê um filme, você assume que você esta em um ambiente, mas na realidade o ambiente esta em você. Você vendo seu corpo o faz pensar que esta dentro dele, entretanto você deve observar que seu corpo também é uma imagem formada em seu cérebro.

holo11jexterior    holo11kexterior

holo11lexterior    holo11mexterior

Até agora falamos de um mundo exterior, de um mundo de percepções formadas em nosso cérebro do que vemos. Entretanto como nunca podemos alcançar o mundo externo, como podemos estar certos de que este mundo externo realmente existe? Definitivamente, não podemos. A única realidade com que lidamos é o mundo de sensações nas quais vivemos em nossa mente.

holo11nexterior    holo11oexterior

holo11pexterior    holo11qexterior

holo11rexterior

Nós acreditamos na existência de objetos somente porque os vemos e tocamos e eles são refletidos para nós por nossas percepções. Entretanto nossas percepções são somente ideias em nossa mente. Assim, objetos que captamos por percepções não são nada além de ideias e estas ideias existem apenas em nossa mente. E se tudo isto existe apenas em nossoa mente, isto significa que nos somos iludidos por enganos quando imaginamos um universo e objetos com existência fora de nossas mentes.

holo11sexterior   holo11uexterior

holo11vexterior   holo11xexterior

Imaginar a matéria como tendo uma exintência fora de nossa mente é na realidade um engano ou ilusão. As sensações que observamos podem estar vindo de uma fonte artificial. É possível ver isto com um exemplo. Primeiro vamos supor que podemos retirar o cérebro de nosso corpo em mantê-lo vivo em uma caixa de vidro. Vamos adicionar um computador com toda a sorte de informações e finalmente vamos enviar todos os sinais elétricos (dados) que temos de luz, som, sabor, tato, olfato para este computador. Vamos conectar esse computador aos sensores de sentidos de nosso cérebro com conectores, e vamos eviar-lhe os dados previamente gravados.

holo11x1exterior   holo11x2exterior

holo11x3exterior   holo11x4exterior

Quando nosso cérebro perceber estes sinais ele vai “ver”, “sentir” e “viver” as cenas que lhe apresentamos. Deste computador também podemos enviar sinais elétricos referentes a imagens e cenas criadas. Por exemplo, podemos mandar sinais referentes ao que percebemos e sentimos enquanto estamos sentados a nossa mesa de trabalho. Neste estágio o cérebro pensará que é um homem de negócios sentados em seu escritório. Este mundo imaginário continuará enquanto a estimulação vinda do computador persistir. Nós nunca nos daríamos conta de que apenas somos um cérebro.

holo11x5exterior   holo11x6exterior

É de fato muito simples para nós, sermos enganados acreditanto que percepções sem qualquer causa material sejam reais. Isso é o que ocorre em nossos sonhos.

…..

PARTE 3

holo12asonhosO Mundo em Sonhos – Para você realidade é tudo aquilo que pode ser tocado com as mãos e visto com os olhos. E nos sonhos também podemos tocar com as mãos e ver com os olhos. Mas na realidade você não tem mãos, olhos e nem existem algo que possa ser tocado ou visto. Tomando o que você percebe no sonho pela realidade material você esta preparado para ser enganado. Por exemplo, uma pessoa profundamente adormecida em sua cama pode ver a si mesma em um mundo totalmente diferente em seu sonho. Ela pode sonhar que é um piloto que comanda um grande jato. E mesmo pode despender muito esforço para comandar o avião.

De fato esta pessoa não se afastou um único passo de sua cama. Em seus sonhos ela pode viver em diferentes cenários e se encontrar com amigos, conversar com eles, come e beber com eles.

holo12bsonhos   holo12csonhos

holo12dsonhos   holo12esonhos

Somente quando a pessoa deperta de seu sonho que ela se dá conta que tudo foram apenas percepções. Se somos capazes de viver facilmente em um mundo irreal durante nossos sonhos o mesmo pode ser também verdadeiro para o mundo no qual vivemos. Quando despertamos de um sonho, não há razão lógica para não pensar que entramos em um sonho mais longo que denominamos de “vida real”.

A razão pela qual consideramos nossos sonhos como fantasia e o mundo como real nada mais é do que o produto de nossos hábitos e preconceitos. Isto sugere que podemos ser despertados de uma vida na terra que acreditamos estar vivendo neste momento. Da mesma maneira que somos depertados de um sonho.

Quem percebe?

Após todos estes fatos físicos, levanta-se a pergunta primordial. Se todos os eventos físicos que conhecemos são essencialmente percepções o que é nosso cérebro? Desde que nosso cérebro é matéria como nosso braço, perna ou qualquer outro objeto, ele também deve ser uma percepção como todos os outros objetos. Um exemplo vai clarear mais este assunto.

holo13apercebe   holo13bpercebe

holo13cpercebe   holo13dpercebe

Vamos imaginar que estendemos os nervos que atingem nosso cérebro e o colocamos fora de nossa cabeça, onde podemos ver com nossos olhos. Neste caso seríamos capazes de ver nosso cérebro e tocá-lo com os dedos. Neste caso podemos perceber que o cérebro nada mais é do que uma percepção formada pela sensação da visão e do tato.

Então qual é a vontade que vê, ouve, sente e percebe todos os outros sentidos, se não é o cérebro? Quem vê, ouve, toca e percebe o sabor e o aroma? Que é este ser que pensa, raciocina, tem sensações, e mais, diz EU e MIM?

holo13epercebe   holo13fpercebe

Um dos importantes pensadores de nossa época, Ken Wilber (Holographic Paradigm, p37), também coloca a mesma pergunta. Desde os gregos, os filósofos pensam sobre os “espíritos na máquina”, o pequeno homem dentro de um pequeno homem. Onde esta o EU, a pessoa que usa o cérebro? Quem é que se da conta da ação do conhecimento? São Francisco de Assis dizia: “Procuramlos aquele que vê.”

Na realidade o ser metafísico que usa o cérebro, que vê e sente, é o espírito. O que denominamos de mundo material é o agregado de percepções vistas e sentidas pelo espírito. Assim como os corpos que possuimos e o mundo material que vemos em nossos sonhos não possuem uma realidade física, o universo que ocupamos e os corpos que possuimos tampouco tem realidade material.

holo13gpercebe   holo13hpercebe

Sim, mesmo se inciamos com ferrenha oposição, afirmando que matéria é real, as leis da física, química e biologia, nos levam todas ao fato de que a matéria consiste em uma ilusão, e a inevitável atualidade de uma “matéria metafísica”.

Este é o segredo por trás da matéria. Este fato é tão definitivo que alarma alguns cientistas materialistas que pensam ser a matéria o absoluto ser. O escritor científico, Lincoln Barnett, diz no seu livro “O Universo e Einstein” que “Em conscordância com a afirmação dos filósofos da redução de toda a realidade objetiva a um mundo paralelo de percepções, os cientistas começaram a se conscientizar da alarmante limitação dos sentidos humanos.”

Todos estes fatos nos conduzem a uma importante e significativa pergunta: Se as coisas que aceitamos ser o mundo material são na realidade formadas por percepções, transmitidas ao nosso cérebro então qual a fonte destas percepções? Respondendo esta pergunta, devemos considerar o fato de que a matéria não tem apenas uma existência autônoma, mas é uma percepção. Assim, esta percepção deve ter sido causada por algum outro poder. O que significa que tem que ter sido criada.

Mais ainda, esta criação tem que ser contínua. Se não fosse uma criação contínua e consistente então o que nós denominamos “matéria” desapareceria e seria perdida. Isto pode ser parecido a uma televisão onde uma imagem é mostrada enquanto o sinal da antena é contínuo. Se a transmissão interrompe a imagem na tela também desaparece.

O ser real e absoluto

holo14aabsoluto

Então, quem faz nosso espírito ver o planeta Terra, corpos, plantas, nossos corpos, e tudo o mais que vemos? É muito evidente que existe um criador superior, que criou todo o universo material. Esta é a soma de todas as percepções e continua sua criação sem interrupção.

Desde que este criador mostra uma tal magnífica criação ele seguramente tem o poder e direitos eternos. Todas as percepções que ele cria são criadas por sua vontade e ele domina a tudo que criou em qualquer instante.

Este criador é DEUS, o Senhor dos céus e da terra. O único ser absoluto é Deus. Tudo fora Ele, são sombras de seres que Ele criou. Esta realidade é explicada da seguinte maneira pelo grande estudioso islâmico Imam Rabani: “Deus, a substância dos seres que Ele criou é o inexistente. Ele criou tudo no âmbito dos sentidos e ilusões. A existência do universo é no âmbito dos sentidos e ilusões, e não é material. Na realidae nada existe fora com a exceção do Glorioso Ser que é Deus.”

holo14babsoluto

Nos quatro cantos deste universo, formado por percepções, está Deus, o único ser real. Assim o ser mais próxomo ao homem é Deus. Isto é explicado no Alcorão com o verso: “Nós criamos o homem e nós estamos mais próximo a ele do que sua veia jugular”. Aonde quer que estivermos Deus estará conosco. Enquanto você lê este texto o ser mais próximo a você é Deus que cria tudo o que você vê em todos os instantes.

holo14cabsoluto

Enquanto Deus nos fizer ver imagens e nos provê com sensações relacionadas ao mundo, continuaremos a viver neste mundo. Quando ele cessa com as imagens e sensações pertencentes a este mundo, mostra-nos o anjo da morte e nos dá percepções de uma dimensão diferente, significa que morremos. O dia da ressureição, julgamento, céu, inferno e a vida eterna será criado por nós da mesma maneira. Criar todas estas coisas é simples para Deus, que nos mostra a evidência de seu eterno poder e infinita sabedoria. Sim, neste mundo.

………………………………………………………………………………………………………..

Fonte: Compilação de textos e imagens, Renato, Gestor de conteúdo do Arquivo. Baseado no documentário “Universo Holográfico


Via: O Arquivo | Universo Holográfico, um novo paradigma – Parte 1
Via: O Arquivo | Universo Holográfico, um novo paradigma – Parte 2
Via: O Arquivo | Universo Holográfico, um novo paradigma – Parte 3

CONHECENDO MELHOR O SEU EGO…

o-que-e-o-ego

O que é o ego e como podemos transcendê-lo?

post-04-30

Por: Michelle Walling

O ego é uma ferramenta de 3ª dimensão que nosso corpo humano usa para sua identidade e proteção, à medida que avançamos em direção à 5ª dimensão alguns dizem que precisamos nos livrar dele, outros dizem que precisamos treiná-lo, outros dizem ainda que devemos amá-lo, o que realmente é o nosso ego e o que devemos fazer com ele?

Por que temos um ego ?

O trabalho do ego é nos proteger e nos impedir de saber quem somos na experiência velada da encarnação na 3ª dimensão, ele tem sido chamado de “eu inferior” em comparação com os aspectos da nossa alma superior que existem em dimensões de vibração mais elevada, como seres multidimensionais quando viemos a este corpo nós sabíamos que iriamos esquecer quem éramos como parte da experiência na existência dimensional inferior.

O ego não é quem você realmente é, ele é a sua autoimagem e nem sequer é a imagem que os outros podem ver.

post-04-30-1É uma máscara de aprovação, ele quer estar no controle, e é conduzido pelo medo, ele é parcialmente responsável por não permitir que você ame a si mesmo 100%, porque ele esconde quem você é.

Identificar porque nós temos esse eu inferior e seus aspectos é essencial no processo de despertar para a ascensão, remover este véu lança mais luz sobre áreas de nós mesmos que precisam de cura, a fim de chegar à essência do ser temos que começar a descascar as camadas de máscaras para revelar o que se encontra abaixo.

A auto sombra

A auto sombra é parte do “alter ego” e enfrentá-la é chamado de atravessar a noite escura da alma, uma das tarefas do ego é permitir que outras partes de sua alma sejam expostas para serem curadas nesta realidade, pois não podemos levar estas partes conosco para as dimensões mais elevadas devido à lei da realização vibracional, o objetivo é curar todas as nossas energias mais baixas e nos tornarmos inteiros novamente em uma existência de vibração mais elevada.

Enfrentar nossa própria sombra pode ser uma experiência assustadora e é provavelmente o medo número um de alguns indivíduos, quando estiver pronto através do espelho do terceiro olho é uma boa maneira de ver os diferentes aspectos multidimensionais de si mesmo, reconhecendo que eles são uma parte de você, mas com a intenção de que eles possam ser curados e integrado em seu espaço do coração a luz é lançada sobre as sombras e um novo modo de ser finalmente é alcançado.

Nossa mente subconsciente está conectada com a Fonte, nossa mente consciente (ego) às vezes sente o oposto, por exemplo, se uma pessoa tem uma doença fatal o ego pode estar com medo de morrer, ao passo que a mente subconsciente ou o EU superior sabe que não há morte real da energia que é a sua alma.

Despertar para quem realmente somos

post-04-30-2Como nós planejamos um ponto de disparo em nossa vida, começamos a despertar para o fato de que somos almas multidimensionais tendo uma experiência humana física, quando nos damos conta de que há um aspecto mais elevado de nós a que estamos amarrados o ego começa a temer a perda da sua identidade, parte da ascensão na escada espiritual é “perder” o ego e expandir sua consciência para se concentrar em um aspecto mais elevado de si mesmo.

Finalmente quando fortalecermos esta conexão com nosso EU superior e nossa alma superior, não precisaremos mais da identidade do ego ou da experiência na 3ª dimensão, no entanto, perder completamente a identidade iria contra o objetivo de viver no mundo físico agora, em vez disso podemos trabalhar com o ego ajudando-o a diminuir o seu domínio sobre o véu que nos esconde a verdade à medida que continuamos elevando nossa capacidade de lidar com a verdade.

Como trabalhar com o ego

Para “perder” o ego é importante primeiro reconhecer que ele foi um componente muito necessário do nosso processo de despertar espiritual, ter uma identidade diferente da que nós realmente somos provocou uma retirada profunda de algo necessário que precisávamos atender, isso nos levou a tentar buscar muitas coisas mais e mais, até que percebemos que não havia nada que nos satisfizesse, mas somente o amor por nós mesmos.

post-04-30-3Neste ponto devemos ao nosso ego uma grande salva de palmas por levar-nos ao ponto de ruptura na busca de respostas fora de nós mesmos, a gratidão é necessária a fim de liberar o ego do trabalho para o qual ele foi criado.

Trabalhe com o ego liberando-o do seu dever, agradeça o seu ego em voz alta pelo trabalho estelar que ele fez ao fornecer identidade durante o aspecto velado de sua consciência na expressão da 3ª dimensão, deixe-o saber que agora você deseja explorar os aspectos mais elevados de si mesmo e que vocês precisam trabalhar em conjunto para permitir que isso venha à tona em sua realidade, mesmo que isso signifique que ele tenha que finalmente se afastar a fim de deixar o seu EU superior assumir o volante.

Tornar-se consciente da programação

Parte do “treinamento” do ego envolve reverter à programação que recebemos como parte da vida social, se o aspecto inferior do ego é o computador, então a programação é o software, é hora de desinstalar o software que nos mantém na realidade vibracional inferior ilusória.

Aqui estão alguns “programas” que podem ser revertidos com consciência e pensamento intencional

  • Pare de se sentir ofendido, como Don Miguel Ruiz diz, não assuma nada como pessoal, o que os outros dizem ou fazem é uma projeção de sua realidade através de seu próprio falso eu, muitas vezes as pessoas conscientemente dizem o oposto do que o seu subconsciente está pensando, o nosso subconsciente segue a regra de ouro e à medida que nós seguirmos mais o nosso subconsciente ou EU superior em nossa realidade, começamos a abster-nos de dizer coisas para os outros que possam ofendê-los também.
  • Deixe de lado a necessidade de vencer, embora os jogos e desafios às vezes podem ter uma influência positiva sobre o nosso progresso, estamos no processo de deixar ir os jogos de 3ª dimensão, à medida que avançamos em direção a uma forma de vida mais elevada, onde não há concorrência.
  • Deixe de lado a necessidade de estar certo, o certo de uma pessoa não é necessariamente o certo de outra pessoa, todos nós vemos as coisas de forma diferente, quando você deixar ir a necessidade de provar que você está certo, você reduz a oportunidade para o atrito e o argumento, isto não significa tornar-se passivo ou parar em pé diante da sua verdade, pelo contrário, é melhor se afastar de situações de baixa vibração e se concentrar em manter a sua vibração elevada ficando na sua verdade, escolhendo suas batalhas com sabedoria, esta é a chave para o avanço.
  • Deixe de lado a necessidade de ser superior, somos todos post-04-30-4uma centelha do Criador tendo uma experiência individual, alguns estão em um caminho mais rápido para a iluminação do que os outros, mas não devemos julgar aqueles que tomam um caminho diferente, pois todos os caminhos convergem para o mesmo destino, nas dimensões mais elevadas ainda mantemos a nossa individualidade pois sabemos que todos nós estamos nadando no mar de amor que compõe o todo, a superioridade é muitas vezes confundida com ter conhecimento ou experiência e é um dos padrões que ocasionaram a queda das civilizações ao longo dos tempos.
  • Deixe de lado a necessidade de ter mais, o materialismo movido pelo ego é a queda da humanidade e é alimentado por aqueles que desejam manter-nos em dívida como escravos de um sistema econômico, quando você percebe que essas coisas não preenchem o interior do buraco negro, você deixa de ficar obcecado pela necessidade na qual eles tentam direcioná-lo, um equilíbrio é somente ter coisas que são necessárias para o conforto, perder a obsessão ou o apego emocional a elas é o caminho mais elevado, ao se livrar da desordem desnecessária na sua vida você abre espaço dentro de si mesmo para a expansão.
  • Deixe de se identificar com suas realizações, muitas pessoas temem olhar para dentro de si e descobrir quem realmente são além do seu título no trabalho ou da situação familiar, isto leva a crise na vida quando chega o tempo da aposentadoria ou quando as crianças vão para a faculdade, não há diploma universitário, cargo, status social, ou prêmio que irá ajudá-lo no processo de ascensão.
  • Deixe de lado a sua reputação, o que as outras pessoas pensam de você não é da sua conta, algumas pessoas ficam tão obcecadas com a forma como são vistas pelos outros que se perdem em identidades falsas, torna-se uma tarefa árdua tentar lembrar se eles são uma ou outra pessoa, sendo verdadeiro, autêntico, é a melhor maneira de mostrar amor por si mesmo, algumas pessoas têm muito o que compartilhar com os outros sobre o seu processo de despertar ou sobre contato extraterrestre, mas seu ego não permite que compartilhem com medo de arruinar sua reputação.

Algumas pessoas precisam de mais ego do que outras

Determinar quanto ego você deseja permitir que molde a sua identidade ainda é uma escolha pessoal, por exemplo, existem grandes mestres espirituais que falam na frente de milhares de pessoas que eles precisam de algum ego a fim de terem a autoconfiança necessária para estarem no olho do público, muitos músicos precisam de algum ego para serem capazes de se apresentar na frente das pessoas, por isso que é melhor trabalhar com o ego em vez de dizer para ele dar uma caminhada, e cada dia pode exigir mais ou menos ego do que o próximo.

post-04-30-5Conhecer-se, envolve conhecer todos os aspectos inferiores e superiores de si mesmo, para manter-se ancorado em um corpo físico um aspecto menor pode precisar ser retido até que nossos corpos assumam formas corporais leves, é bom a auto sombra surgir e estar presente, para que você possa transmutar qualquer energia que não vai passar pelo buraco da agulha conforme as nossas células mudam de base carbono para base cristalina.

O processo gradual de integração holística envolve conscientização e reconhecimento das ferramentas que nosso corpo nos presenteou com a finalidade de concluirmos o nosso trabalho de ascensão, nosso ego pode ser visto como uma ferramenta de despertar para o que estamos fazendo aqui, com ele nos apresentando a oportunidade de vermos o que não somos, em última análise perdoando a nós mesmos, amando a nós mesmos, e deixando de lado o julgamento de nós mesmos, o ego se curva naturalmente e os aspectos mais elevados de nós mesmos, brilham naturalmente.

 


Origem: In5d | What Is The Ego And How Can We Transcend It?
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

Via: O que é o ego e como podemos transcendê-lo ? | A Luz é Invencível

COMPREENDENDO MELHOR A DUALIDADE…

ciclo do tao

A Dualidade

Por: Bernardo Sommer

Yin (Lado Preto): Vazio, Frio, Sombra, Abstrato, Subjetivo, “Caos”, Feminino
&
Yang (Lado Branco): Forma, Calor, Luz, Lógico, Objetivo, “Ordem”, Masculino.

A dualidade é uma das formas que a Fonte (Singularidade) manifesta-se, onde Yang tende a se expandir, se afastar do centro, se tornar mais complexo, gerando variações e Yin tende a contrair, ir em direção do centro, retornar a simplicidade da unidade.

tumblr_mcn95tApEP1qalxxzo1_500Alguns exemplos que dei acima estão relativos a interpretação, eu cito-os apenas para mostrar como é inerente desta existência a interação entre os “opostos”, mas que na realidade não são opostos, apenas diferentes processos dentro do mesmo campo de existência, que em suma, funciona como um grande processo só. Para demonstrar como estas forças não são opostas, mas complementares, cito o exemplo maravilhosamente oferecido pela Psicologia Gestalt, a ideia de Figura e Fundo, que postula que a mente não pode reconhecer objetos sem a presença de um fundo, da mesma maneira que não perceberíamos a existência de um fundo sem a presença de objetos, nem que seja em um aspecto bidimensional, como exemplificado nas imagens do Teste de Rorschach. Normalmente pensamos em preto e branco como algo que se anulam mutuamente, mas, imagine uma situação hipotética onde existisse apenas preto, isso seria o mesmo que ser cego, nada existiria, nada importaria. O mesmo se aplica caso houvesse apenas branco. É somente através do contraste que percebemos a existência de algo, como o exemplo de preto e branco, que são diferentes, mas implicitamente eles são um processo.

As polaridades ditas opostas não devem ser interpretadas como “bem” e “mal”, pois isso é uma criação da mente humana, é uma questão de opinião, de preferências, optamos pelo que nos é agradável e não pelo o que é desagradável, mas na realidade não existe tal coisa, a Singularidade não opina, ela é.
Uma visão mais apropriada seria falar em termos de “positivo” e “negativo”, mas novamente, um precisa do outro para existir, da mesma maneira como você não tem como saber se está certo a não ser que alguém esteja errado. Assim como o “nada”(“negativo”) e o “tudo”(“positivo”) precisam um do outro para existir, pois o nada não seria nada se não houvesse um conteúdo para compararmos o que cada um é, da mesma maneira o conteúdo não poderia existir se não houvesse um espaço no qual ele pudesse estar.

Temos o costume de ver as diferenças como uma dicotomia. Exemplo: a vida é diferente da morte, o bem é diferente do mal, a luz é diferente da escuridão, etc., embora isso seja verdade por um lado, de maneira oculta, ambas polaridades são diferentes partes de um processo só.
Uma dicotomia é uma divisão na qual o campo não é considerado como uma totalidade que possui suas características diferentes e interconectadas, mas como uma diversidade de forças não relacionadas e/ou competidoras entre si. O pensamento dicotomizado interfere na autogestão da consciência, pois gera tendências intolerantes em relação às diversidades que existem nas pessoas, nas situações e as várias faces da existência em si, que são muitas vezes paradoxais.

Existe grande importância em desenvolver o que Alan Watts chamava de “pensamento polar“, apesar de não ser exatamente um pensamento e sim uma forma de percepção, onde a sensação e sentimento também estão envolvidos. O “pensamento polar” é ver a interconexão entre todas as coisas que parecem anularem-se mutuamente por serem “opostas”. A importância nisso é enxergar a si mesmo de uma maneira completa, integrada, pois assim os conflitos podem ser usados de maneiras produtivas para gerar aprendizados e a criatividade necessária para transformarmos a nós mesmos, e assim o mundo. Sem essa visão abrimos espaço para o conflito, e este é o motivo pela qual os administradores da nossa sociedade se utilizam tanto da estratégia de dividir e conquistar.

O externo é reflexo do interno, e os administradores do mundo sabem disso. Toda a ignorância do mundo está dentro de cada um de nós, aquilo que chamamos de maldade está no coração humano, e eles se aproveitam da nossa ignorância, da nossa inconsciência sobre nós mesmos, para nos empurrarem de um lado para outro e servirem suas vontades.
É muito fácil cairmos na crença de que o mal mora no coração dos criminosos, dos traficantes de drogas, dos terroristas, das pessoas de caráter duvidoso, etc. A ideia de que mal mora no coração do outro é um dos pilares que sustenta a teia de ilusões disseminadas pelo Governo Oculto. Nós somos os cocriadores de tudo o que existe, um “pequeno” ato afetará toda existência, pois tudo está interconectado, e isso pode ser usado de maneira produtiva ou destrutiva.

  • Uma visão integradora

“Procurei por Deus e só achei a mim mesmo. Procurei a mim mesmo, e só achei Deus.”

— Proverbio Sufi

O Buddha disse: “Aquele que tem a experiência de unidade da existência vê seu próprio ser em todos os seres, e todos seres em seu próprio ser, com isso ele vê tudo com olhos imparciais.”, com essa percepção jamais faríamos mal a nossos irmãos.

Esse tipo de ensinamento, de que tudo é um, não costuma ser compartilhado na religião cristã com muita frequência, embora esteja na própria bíblia, segundo o profeta Isaías (45:5 e 7): “Eu sou o senhor e não há nada além de mim”, “Eu formo a luz e crio a escuridão, eu trago a prosperidade e crio a desgraça, eu, o senhor, faço todas as coisas”. O motivo disso não ser propagado entre os cristãos é porque abre espaço para o questionamento sobre o conceito que temos de “deus”, e principalmente, quem somos nós e qual nosso papel, de fato, nesta existência. E isso não interessa àqueles que possuem monopólio sobre as crenças humanas, já que sem a nossa crença de medo da morte, de que nossa ganância é justificada, ou qualquer crença de preservação do “eu” nos afasta da conexão com a unidade, e portanto, da compaixão para com todos os seres vivos.

“Quem não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor.”       

— 1 João 4:8

Amor não é apenas ter relação sexual, não é atração emocional ou intelectual, ou sequer uma “troca de energias”, e certamente o amor não é a fome do coração pelo afeto. O amor é uma poderosa vibração vindo direto da Fonte. O amor que falamos aqui não é uma emoção, na verdade, é um estado de consciência, uma forma de estar no mundo, uma maneira de ver a si mesmo e aos outros, é o que podemos chamar de empatia ou compaixão, mas no fundo é percepção que nós somos “o outro”.
Apesar desta minha tentativa de definir amor, é importante destacar que o amor não pode ser definido, quando definimos algo estamos usando nosso intelecto para limitar este algo em conceitos e com isso deixamos de amar.
O amor não se encontra no pensar, nem no sentir, ele se encontra no ser.

  • A Dualidade na Cabala

A explicação da origem do Universo, segundo a Cabala, também se resume a dois personagens: a Luz (Yang) e o Recipiente (Yin). Num dado momento, a Luz, que é puro amor infinito, sentiu vontade de compartilhar todo aquele amor e criou o Recipiente, apenas para receber o que ela tinha a oferecer, numa união perfeita. Só que, um dia, de tanto receber amor, o Recipiente começou a absorver as características da própria Luz e também sentiu necessidade de compartilhar. Como a Luz não podia receber do Recipiente, pois ela já contém tudo que existe, este começou a se sentir inferior e usando de seu livre arbítrio, “se separou da Luz” e criou o seu próprio mundo, finito, limitado. Para a Cabala, esse é o instante que os cientistas definem como Big Bang, a criação do Universo a partir de uma gigante concentração de matéria e energia em um único ponto.

Para a Cabala, os seres humanos são descendentes diretos do Recipiente e portanto, essencialmente recebedores. Isso explica a imensa dificuldade de doar e compartilhar e o desejo de sempre receber. Basta observar as crianças. Antes de elas aprenderem a dividir com os amigos, são naturalmente egoístas e querem tudo para si. Faz parte da essência humana.

No fundo, não há nada de errado com o fato de desejarmos bens materiais e não-materiais. A grande questão é o propósito com que pedimos e o que fazemos com o que conquistamos. Nosso grande desafio no mundo da matéria é aprender a transformar o egoísmo extremo em que vivemos hoje – e que gera uma série de conflitos internos e externos – num ato de receber para compartilhar amor, alegria, bondade, tempo, saúde e conhecimento. Exatamente como desejava o Recipiente, no momento em que se separou da Luz.

  • A Separação

O Jogo de Tempo e Espaço

Destacar que a separação é uma ilusão é fundamental aqui, jamais podemos nos separar da totalidade, pois sem nós tudo que existe não seria tudo que existe, seria “tudo que existe, exceto nós”.
A dualidade é só um JOGO, estamos dando forma a parte de nós que é abstrata. Essa realidade é real somente até certo ponto, mas mesmo sendo “real”, não faz dela nossa verdade absoluta. E se existe uma verdade absoluta, ela certamente é o conjunto de verdades relativas, pois necessariamente precisa englobar tudo que existe. O que não existe simplesmente não existe, é impossível sequer imaginar a “não-existência”.

Por isso a pergunta “porque nós existimos” é insignificante, pois nós precisamos existir. Colocando de outra maneira, a existência simplesmente é, a pergunta “porque a existência existe” é uma pergunta criada dentro da existência, portanto, a pergunta está subjugada à existência, mas a existência não está subjugada à pergunta. Além do mais, a característica fundamental da existência é existir, ela não precisa justificar a si mesma seu motivo de existir. Todas as coisas que nunca irão existir já não existem, não há espaço na “não-existência” para algo que existe. E como vimos aqui [A Ilusão de Tempo e Espaço: Matrix] todos os momentos (tempos) e todos os lugares (espaço) existem no eterno agora, portanto, nunca deixaremos de existir, apenas deixaremos de existir nesta forma que estamos vivenciando.

“Pois eu estou dividido pelo bem do amor; para haver a possibilidade de união.”

— “O Criador” (AL I:29) O Livro da Lei. 93

“Toda matéria é somente energia condensada em vibrações baixas, somos todos a mesma consciência tendo experiencias de maneira subjetiva. Não existe o que chamamos de morte, a vida é só um sonho, e nós somos a imaginação de nós mesmos”

— Bill Hicks

  • Concluindo

Como historicamente essa visão de polaridade, Yin e Yang, foi popularizada pelo I-Ching, vou deixar abaixo sua descrição de como funciona a interação entre ambos os lados.
O I-Ching nos diz que para termos corpo e mente saudável é preciso estarmos em equilíbrio com Yin e o Yang, Para entendermos como podemos estar em harmonia entre ambas polaridades há 7 leis, ou padrões que a existência dualística segue, e 12 teoremas das possíveis combinações neste modo da energia interagir.

Os padrões são:
  1. Todo o universo é constituído de diferentes manifestações da unidade infinita;
  2. Tudo se encontra em constantes transformações;
  3. Todas as contrariedades são complementares;
  4. Não há duas coisas absolutamente iguais;
  5. Tudo possui frente e verso;
  6. A frente e o verso são proporcionalmente do mesmo tamanho;
  7. Tudo tem um começo e um fim.
Os teoremas são:
  1. Yin e Yang são duas extremidades de pura expansão infinita: ambas se apresentam no momento em que a expansão atinge o ponto geométrico da separação, ou seja, quando a energia se divide em dois, ou seja, no momento de criação deste universo;
  2. Yin e Yang originam-se continuamente da pura expansão infinita;
  3. Yang tende a se afastar do centro; Yin tende a ir para o centro; E ambos produzem energia;
  4. Yin atrai Yang e Yang atrai Yin; Yin repele Yin e Yang repele Yang;
  5. Quando potencializados, Yin gera o Yang e Yang gera o Yin;
  6. A força de repulsão e atração de todas as coisas é proporcional à diferença entre os seus componentes Yin e Yang;
  7. Todos os fenômenos têm por origem a combinação entre Yin e Yang em várias proporções;
  8. Os fenômenos são passageiros por causa das constantes oscilações das agregações dos componentes Yin e Yang;
  9. Tudo tem polaridade;
  10. Não há nada neutro;
  11. Grande Yin atrai pequeno Yin; o grande Yang atrai o pequeno Yang;
  12. Todas as solidificações físicas são Yin no centro e Yang na periferia.

Não somos anjos ou demônios, somos os dois.”
— Carl Jung 

Por isso…
A coisa mais assustadora que existe é aceitar a si mesmo completamente.”
Carl Jung

Mas…
Não existe como criar consciência sem dor. As pessoas farão de tudo, não importa o quão absurdo seja, para evitar encarar a própria alma. Não nos tornamos iluminados apenas imaginando figuras de luz, mas criando consciência da escuridão. Porém, esse procedimento é desagradável, portanto, não popular.
Carl Jung

Então…
Aprenda a amar com todo o seu coração e aceitar o lado desagradável dos outros (e o seu). Qualquer um pode amar uma rosa, mas é preciso ter um grande coração para incluir os espinhos.
Ditado Budista

 


Via: Evolução da Consciência: A Dualidade

ESTAMOS AQUI PARA INTEGRAR NOSSO EU HUMANO E NOSSO EU ETERNO…

meditatorheartblue_danielbholeman

ILUMINAÇÃO – ALGUNS LEMBRETES

Por: Maria Chambers

 

Lá se foram os tempos em que os mestres ascensos se retiravam para o topo das montanhas e ficavam afastados do convívio. Enquanto para alguns isso possa ser uma escolha viável, a maioria de nós aqui na vanguarda da iluminação, está aqui para usufruir a vida.

Embora achemos cada vez mais desafiador nos relacionar com a realidade que estamos deixando para trás, há ainda alegria em se participar da vida.

Pode parecer confuso porque alguns de nós abrimos mão de tanta coisa: família, amigos, companheiros, empregos, e estamos no processo de deixar de lado nossa linhagem, nossos antepassados, nossos velhos padrões, até mesmo nossas famílias espirituais de volta para casa. Tudo em nome de nos libertarmos e a todo mundo. A confusão vem porque, então, queremos saber por que nos sentimos tão sozinhos. Supõe-se que vamos viajar o resto de nossa vida sozinhos?

A resposta para isso é, claro, muito pessoal e cada um de nós possui o próprio e único caminho. Mas, ao mesmo tempo, sabemos que estamos aqui com o propósito de nos conectar ao nosso parceiro eterno, nossa Presença Divina e nossa alma.

EM NOSSOS PRÓPRIOS TERMOS

No entanto, como ser humano, e mesmo como uma alma, queremos experimentar a vida aqui no Planeta Terra de uma nova maneira. Uma em que não carreguemos mais a velha bagagem ancestral ou os fardos da consciência de massa.

Assim, não estamos virando as costas para a vida. Mas estamos querendo experimentá-la em nossos próprios termos agora. Estamos constatando que não sentimos mais a paixão das velhas maneiras, a partir de um lugar de drama ou de ocupação, de conquistas externas ou relacionamentos.

Podemos não estar nos sentindo apaixonados, em absoluto, ou apenas esporadicamente, conforme sentimos nossa alma em nosso corpo. Às vezes queremos saber se seremos capazes de nos conectar à vida aqui, ou nos relacionaremos cada vez menos com ela, à medida que ficarmos mais conscientes e despertos.

Quando nos sentimos assim, é importante nos lembrarmos de que, inicialmente, nós, como nossas almas, éramos cheios de fogo e paixão. Que este ser humano desapaixonado não é quem realmente somos.

De fato, se às vezes nos sentimos cansados, deprimidos e aborrecidos, é fácil demais nos identificar com isso e começar a acreditar que somos assim.

É muito fácil aceitar que somos essa pessoa, especialmente porque o processo de ascensão, de iluminação incorporada, parece estar se movendo no ritmo de um caracol, às vezes. E há momentos em que parece estar se movendo rápido demais, visto que parecemos estar nos transformando de dentro para fora, e a nossa vida externa parece que vai para o caos. E há momentos em que parece que nada está se mexendo, absolutamente.

E, para os que estão passando por algumas questões físicas difíceis, pode parecer uma eternidade.

Mas, apesar das dificuldades deste processo por que estamos passando, em algum lugar dentro de cada um de nós está a consciência de que não somos esses corpos, não somos essas personalidades, e não somos nossa história. Para aqueles dentre nós, na vanguarda da mudança da consciência, viajamos muito. Somos almas avançadas e não estamos aqui para mais lições.

POR QUE ESTAMOS AQUI?

Estamos aqui voluntariamente para inaugurar a mudança do humano para o Humano Divino. Até onde chegamos neste processo, é extremamente individual. Existem muitos fatores. Mas em última análise, realmente não importa. Como almas, não estamos realmente interessados em sermos os primeiros, embora com frequência somos os primeiros a passar pelas mudanças.

Na verdade, como almas, não estamos sequer interessados em ser apreciados por aquilo que estamos fazendo aqui. Apenas queremos experimentar. E outros humanos vão experimentar isso após termos pavimentado o caminho.

E o que vimos fazer é pavimentar o caminho.

Como humanos, tendemos a ser severos com nós mesmos. Fomos preparados para acreditar que somos fracassados, se não formos até o fim, seja lá o que isso signifique mesmo. (Basta olhar os esportes, o mundo empresarial ou como os líderes políticos se concentram na ‘vitória’ a qualquer custo).

Nós nos julgamos severamente se acreditamos que falhamos em algo. Ou se nossa perspectiva não é acolhida pelas massas.

Mas, como almas, valorizamos a experiência, onde quer que ela nos leve. E o que estamos fazendo nesta única existência nunca foi feito antes. Nem desta maneira. Morrer e ser renascidos na mesma vida. Uau! Integrar nosso eu humano e nosso eu eterno. Empalidece em comparação a escalar o Monte Everest, não é?

E até que ponto somos capazes de levar isso, não deveria importar.

Conforme olhamos para os grandes líderes da consciência na história, para outros inovadores das mudanças, muitos deles vão somente até certo ponto. Eles estavam também limitados pela consciência em que nasceram e em que tinham que viver. Eles estavam muitas vezes agindo sozinhos, em obscuridade virtual, sem o benefício do apoio de outras pessoas em sua vida, e mais definitivamente, não havia o apoio do restante da humanidade. Eles eram invisíveis às massas, ou eram vistos como um tanto loucos.

É um pouco diferente para nós, porque temos o apoio das almas de corações semelhantes, ao redor do globo, mesmo que esse grupo seja pequeno em número e seja na maior parte online. No entanto, ainda estamos sujeitos às leis deste mundo tridimensional, às vezes, o que tende a nos puxar para trás e nos desacelerar emocional e fisicamente.

GRANDES EXPECTATIVAS

Como almas, vimos nesta existência com entusiasmo e com fogo. Estávamos animados por estar aqui neste tempo importante na história da humanidade. Este famoso ditado: “É o melhor dos tempos e é o pior dos tempos”, não poderia ser mais adequado.

Mas, agora que estamos aqui, estamos nos sentindo, às vezes, como em uma sopa de ervilhas. E porque essa sopa de ervilha é espessa e lenta para se mexer, duvidamos de nós mesmos. Queremos saber por que não está indo tão suave ou rapidamente conforme esperávamos. Deixamos de sentir a sensualidade da vida com a nossa alma, para nos sentir completamente entediados. Mas isso não é incomum para um pioneiro da mudança. Eles muitas vezes duvidam de si mesmos ao longo do caminho. Eles normalmente subvalorizam o seu trabalho. E isso é porque, entre outras coisas, eles não estão recebendo um milhão de visualizações por semana em seu canal do YouTube. Seus livros não estão voando das prateleiras. Oprah ainda não os contatou. Em outras palavras, eles não são atraentes para as massas.

O trabalho que estamos fazendo é profundo. É revolucionário. E por esse motivo, as massas não estão prontas o suficiente para o que estamos oferecendo. Se estivessem, não seríamos os pioneiros.

E quando vocês olham para o estado do mundo, podem ver claramente que eles terão que fazer o que estamos fazendo, finalmente, ou eles não terão um futuro para aguardar com prazer.

E embora sejamos almas magníficas e capazes, é sempre mais difícil e desafiador com os que passam primeiro. Mas, é também o mais emocionante e o mais recompensador, tédio à parte.


Direitos Autorais:
Copyright © 2017, Maria Chambers. Todos os direitos reservados. Por favor, sintam-se livres para compartilhar este conteúdo com os outros, publiquem em seus blogs, página do Facebook, etc., mas mantenham a integridade deste artigo por incluir o autor, o tradutor e o link do site:

Maria Chambers – https://soulsoothinsounds.wordpress.com

Fonte: Soulsoothinsounds | Enlightenment-Some Reminders
Tradução de Ivete Brito – adavai@me.comwww.adavai.wordpress.com

Via: ADAVAI | ILUMINAÇÃO – ALGUNS LEMBRETES – 03/05/17

PODEMOS COCRIAR UMA NOVA REALIDADE E UMA NOVA TERRA…

cocriando uma nova terra

ASSUMINDO A RESPONSABILIDADE

Mensagem de P’taah através de Jani King

 

Então, saiba que você cria a sua realidade de forma absoluta. É sua responsabilidade. Bem, você sabe que há momentos em que você cria algo tão horrível e tudo o que você quer dizer é: “Bem, tenho certeza de que não criei isto.” Mas a verdade é que você o criou. É chamado de cocriação, e na verdade, é grandiosa.

Assim, o primeiro passo no milagre deste procedimento mágico para transformar a sua realidade é assumir a responsabilidade. “Eu fiz isto!” Não é tão difícil quando você se acostuma a dizer: “Eu fiz isto! Eu criei isto de forma absoluta.” Esta é a parte fácil, hum?

Então, entenda a dor. Como dissemos antes, você a sente fisicamente no estômago. Bem, isto é porque a emoção, como dissemos, é simplesmente energia. Quando você está cheio de riso e alegria, a energia se move através do corpo. E quando você está sentindo um amor apaixonado pelo seu filho, ou o seu companheiro, os pássaros e as flores, etc, quando você está sentindo um amor apaixonado e intenso, de fato, esta energia tem um fluxo livre porque não há julgamento aí.

E assim a dor é criada pelo julgamento e o julgamento coloca uma tranca na energia. Ela não pode se movimentar. Você pode imaginar que a dor, vamos chamá-la de julgamento, é como uma garra mantendo a energia em seu estômago. Bem, como você alinha o julgamento? Como você o muda.

Bem, primeiro, depois de você assumir a responsabilidade que você o criou, é saber por que você o criou. Você criou a situação, absolutamente, para que você saiba que você é Deus. Você a criou para alinhá-la, para transmutá-la. E assim é, então, e isto é um pouco difícil, hum, abençoar as pessoas que cocriaram-criaram a situação com você. Agradeça e abençoe a própria situação.

E uma vez que você possa alinhar o julgamento, compreenda que até o julgamento que criou a dor é parte da criação. É também parte de Deus, senão não existiria.

E desta forma, tudo está alinhado e o julgamento, você pode dizer, dissolve-se em si mesmo, fundido com a energia. E você conhece a paixão, a intensidade do sentimento é tão poderosa que quando o julgamento é alinhado, é simplesmente a energia sem rótulo. Mas o poder dela a fará disparar através do seu coração e através do seu chacra coronário e neste instante, você conhecerá o êxtase. Você conhecerá a Unidade. Você conhecerá a não separação. Você saberá, de fato, que é um reflexo da divindade. Esta é a verdade universal mais poderosa.

Há outra coisa. Você não pode fazê-lo. Você não pode “fazer” isto. Você pode simplesmente permitir que isto ocorra. E, assim, é importante que você compreenda que realmente você é um ser humano e não o humano que faz aquilo que você é na maior parte do tempo que está acordado!

Assim, isto é chamado de transmutação grandiosa e maravilhosa da agonia para o êxtase. E saiba, amado, isto é a base para tudo. Todos estão muito ocupados, lutando, forçando e se movimentando para encontrar a iluminação, para serem “Mestres Ascensionados”, e você está procurando por tudo “lá fora”. Bem, você sabe que não há nada lá fora, nada. Está tudo “aqui”. Isto é o que você irá descobrir.

E, saiba, você fica tão apavorado com o sentimento que fará tudo o que for preciso, criará diversões maravilhosas para si mesmo… Você fará qualquer coisa, para que não tenha que sentir! E você é tão inteligente nisto! Você fará qualquer coisa, de modo que não tenha que sentir.

Bem, você vê que o que cria o seu universo são os seus pensamentos, a sua imaginação empoderada pela emoção. Assim, é uma surpresa que você fique doente do corpo, porque todos vocês têm toda esta dor presa durante eons.

Bem, agora é o momento de mudar isto. Por que é que você acha que nasceu aqui e agora? Este é um momento mais maravilhoso. O momento do fim de um grande ciclo e o início de um novo. E assim você nasceu aqui para se tornar o Zelador e o Guardião para ajudar a Terra, e acima de tudo, para ajudar a si mesmo a saber quem você é.

E quem você é, é surpreendente! Você é um ser espiritual grandioso, belo e multidimensional que se criou para a experiência nesta dimensão da realidade.

Mas você se esqueceu. Bem, está tudo bem. É tudo parte do jogo, o esquecimento. Até a dor, mesmo o que você considera como “morte”, é tudo parte do grande jogo apenas para que você saiba que é Deus.

Bem, sabe, é bem engraçado – aqui estão todos, correndo para tentar chegar onde vocês já estão! E tudo o que você tem a fazer é relaxar nisto, permitir isto. Tirar de sua cabeça, hum? Tirar de sua cabeça e colocá-lo em outro lugar.

Sua mente lógica, que é maravilhosa, é para ser o seu servo, não para ser o seu escravo. E assim é que você aprendeu a não usar a sua imaginação, a não confiar em seus sentimentos. Você aprendeu que a vida não deveria ser fácil. É uma grande luta e você deve trabalhar muito para ter sucesso.

Bem, a linha básica é que você é bem sucedido. E assim é que você pode se revelar em seu próprio conhecimento e não tem que ir a um seminário, ler outra palavra. Você não tem mais que lutar. Você pode simplesmente relaxar em quem você é e permitir o desdobramento.

Você é digno de todas as coisas, senão não estaria aqui. Toda a abundância, todo o amor, toda a alegria. Você é digno de tudo isto porque você é, de fato, uma faceta gloriosa da Criação. Assim, Mestre Grandioso, eu o saúdo.

Desperte, Humanidade.

Agora é o momento!

………………………………………………………………………………………………………………..….

Direitos Autorais:

Jani King
PO Box 1251
Joshua Tree, CA 92252
760-366-0375 – 888-803-1777
Fax 760-366-0385
http://www.ptaah.com ptaah@ptaah.com

Fonte: P’taah | Weekly Quote Archive | June 21, 2010 – Jan 8, 2012
Traduzido por: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br


Via: Luz de Gaia | Assumindo a Responsabilidade – Mensagem de P’taah através de Jani King 06.05.17

A COMPREENSÃO DA NOVA REALIDADE NÃO SE DARÁ PELO CÉREBRO FÍSICO…

new brain

Mais Mudanças, a chegada do Homo Spiritus

a chegada do Homo Spiritus.jpg

Por: Prama Shanti

 

Mais uma etapa vencida, as mudanças dimensionais seguem na medida em que Gaia promove sua elevação dimensional. Pouco a pouco as micro dimensões se desdobram e causam novas mudanças em seu mundo.

Sua velha lógica linear deixa de funcionar. A primeira manifestação exterior de Gaia é seu clima, e ele não acompanha mais suas equações matemáticas. Agora nenhuma equação matemática consegue descrever o comportamento do clima. É Gaia que se desdobra !

Tudo parece confuso, e seus cérebros racionais tentam aumentar sua capacidade de processamento na tentativa de compreender o que se passa. Afastados de suas almas, vocês procuram compreender racionalmente o que não pode mais ser explicado desta maneira. Nesta tentativa desesperada, seus cérebros aproximam-se dos 20 ciclos por segundo, causando cada vez mais stress e dor.

O princípio de causa e efeito não funciona mais, outra dimensão temporal está sendo ativada e causa e efeito agora se referem às múltiplas linhas de realidades. Tudo lhes parece sem sentido, sem explicação. É a teia dimenso-temporal ativando-se, fazendo-se presente nos novos tempos. Na sua velha compreensão da lógica linear, fica mais fácil substituir causa e efeito por sincronicidade. Isto é, tudo está interligado e foge a compreensão de vocês. É o primeiro sinal de humildade de algumas mentes que começam a despertar.

Na medida em que se aproximarem da nova realidade, começarão a perceber que suas velhas mentes racionais precisarão ser substituídas, que novas formas de pensar precisam ser aceitas.

Seus velhos cérebros não possuem a capacidade de processamento necessária à nova compreensão. Coloquem esta calculadora no bolso e deixem surgir o novo cérebro que vai lhes acompanhar nesta nova etapa de sua humanidade. Este novo cérebro não é mais físico, porque a matéria possui limitações espaço-temporais e é incapaz de servir de suporte ao novo pensamento.

Esta nova forma de pensar não será mais consciente, na definição que vocês dão a este termo hoje. Para vocês, consciente é racional e controlado pelo ego. Este modo é muito lento e embora vocês tentem aumentar sua velocidade aproximando-se dos 20 ciclos por segundo, nada será suficiente porque este não é o caminho.

Para acompanhar os novos tempos e as novas mudanças, vocês precisam abrir seus chacras cardíacos, começar a sentir, perceber-se sem pensar. Permitir que o novo cérebro seja aceito e incorporado. Estreitar os laços com sua alma e pensar através dos sentimentos. Estamos presenciando o nascimento de um novo ser, o Homo Spiritus.

E este nascimento só é possível através da entrega, da aceitação do caminho. E esta entrega não é uma capitulação ou rendição, mas uma confiança, uma certeza que nasce da compreensão. E esta compreensão não pode ser atingida pela mente racional. Esta é a grande iniciação de seu tempo, uma iniciação onde você penetra na quinta dimensão, onde o efeito precede a causa e você tem a compreensão através do novo cérebro que terá no futuro.

Esta é a verdadeira iniciação, onde seu Mestre é sua própria alma.

Aproxime-se, nós lhe aguardamos.

Esteja Feliz !

através de Prama Shanti, em 21/03/2017
(sobre a autoria …)

 


Via: Mais Mudanças, a chegada do Homo Spiritus | Prama Shanti

PARA OS OLHOS DA CRIAÇÃO É CRUCIAL SERMOS PARTE DE TUDO O QUE EXISTE…

parte do todo

BASHAR

Bashar – Imagem canalizada por Vashta Narada – http://www.vashta.com/

Por: Flávia Criss

Darryl Anka

De acordo com o site original (em Inglês), Bashar é um ser de origem extraterrestre (ou um amigo do futuro) que se comunica conosco há mais de 21 anos  através do “canal” Darryl Anka, trazendo uma onda de novas informações que nos explica – claramente e em detalhes – o funcionamento do Universo e como cada um de nós cria a realidade que vivencia.

Ao longo desses anos, milhares de pessoas tiveram a oportunidade de aplicar seus princípios e ver se são realmente eficazes para mudarem as suas vidas e criarem a realidade que realmente desejam.

E a maioria esmagadora de pessoas afirma que  sim.

Alguns dos resultados reportados pelos que aplicaram os princípios ensinados por Bashar são:

  • aumento da criatividade e abundância
  • maior clareza mental & emocional
  • melhoria na saúde
  • melhoria dos relacionamentos amorosos
  • aumento da habilidade psíquica
  • aumento do amor-próprio e auto-aceitação
  • melhor auto-capacitação

Bashar explica a importância dos sistemas de crenças e nos ensina como mudar o que acreditamos a respeito de nós mesmos e do mundo em que vivemos para dramaticamente mudarmos aquilo que experienciamos em nossa vida. As novas perspectivas que ele compartilha nos ajuda a mudarmos a forma como vemos a realidade e nos ajuda, também, a entrarmos em contato com as nossas crenças e idéias que estão, no momento, guiando as nossas vidas, para que as possamos mudar, se desejarmos.

As mensagens de Bashar enfatizam nossa autocapacitação e habilidade para usarmos nosso livre arbítrio conscientemente, para criarmos a vida e o mundo que quisermos.

Bashar — As 4 Leis da Criação

Vídeo  muitíssimo interessante, na platéia um jovem pergunta sobre a possibilidade de Bashar, sendo de outra dimensão, viajar para outras “realidades”, o que ele prontamente responde “Sim, fui agora, fui de novo, fui agora,agora, agora, agora, agora…”

Todas as viagens instantâneas que Bashar demonstra realizar em segundos dirigem-se às realidades paralelas em seu total, ou seja, ele explica que somos arrastados para qualquer realidade paralela que seja representativa da vibração que desprendemos — o que oferecemos é o que recebemos – é a terceira Lei da Criação.

Existem apenas quatro Leis da Criação, e essa, explica Bashar, é a terceira Lei.

As Leis da Criação, de acordo com Bashar, são as seguintes:

  • Número 1: você existe; não pode fazer nada para mudar isso: você existe, e em alguma forma, sempre existirá;
  • Número 2: o Todo é o Um, o Um é o Todo; não pode mudar isso.
  • Número 3: o que você oferecer, é o que terá de volta; não pode mudar isso.
  • Número 4: a mudança é a única coisa que é constante, com exceção das prévias 3 Leis.

E é só isso. Cada realidade, cada experiência em cada dimensão em qualquer lugar em qualquer tempo é alguma forma de configuração daquelas 4 Leis.

Bashar procura  lembrar a cada um que nós somos a nossa própria razão pela qual escolhemos estar na Terra.

É uma aventura em que podemos nos permitir engrandecer cada aspecto de nosso ser quando estivermos acostumados com  esse esclarecimento.

Devemos nos lembrar que quando as coisas nos parecerem as mais escuras, quando as coisas parecerem em baixa, quando as coisas parecerem lá fora como sendo as mais pesadas para nós, se realmente desejarmos uma “iluminação” nessa hora, por favor, vamos nos iluminar!

Iluminem-se! É o que nos diz Bashar, para que iluminemo-nos dentro de nós! Deixemos para trás os julgamentos. Não precisamos da bagagem de mais ninguém nessa vida. Viemos com tudo o que necessitamos levar conosco. Qualquer outra bagagem que alguém pensar que teremos que carregar em nossa vida, não precisamos dela. Vamos largá-la, sacudir as mãos físicas e espirituais e começar a andar mais aprumados, mais altos e mais leves na Terra. Assim, podemos acelerar bastante, quando não temos o peso (que nos puxe para baixo) das coisas que não têm nada a ver conosco.

Quando somos mais nós mesmos,  somos mais capazes de ajudar qualquer pessoa que também escolha ser ela mesma, pois elas verão, pelo nosso exemplo, aquilo que também poderão ser — não que DEVAM escolher isso — mas pelo menos oferecemos a elas uma escolha, por escolhermos o amor, a alegria e o excitamento para nossa vida. E isso funciona. Não há nada na Criação que contradiga as escolhas que fazemos e nas quais acreditamos fortemente como sendo nossa preferência, não há mesmo NADA na Criação que contradiga as escolhas que fazemos.

Não há interrupção alguma em nossa vida. Todas as coisas que acontecem estão lá pela razão que cada um escolheu, para as usarmos como desejarmos, da forma como preferirmos, de modo que possam ser vistas, sentidas e experienciadas de maneira mais enriquecedora. E as sentiremos, ouviremos, veremos, provaremos, cheiraremos, tocaremos, todas as coisas irão se entrançando nesse estado de ser .

Sejamos este “estado de ser” porque podemos, não porque precisamos de outras razões para abraçarmos isso.

Vamos nos tornar quem somos, porque É O QUE SOMOS – e essa é a razão suficiente aos olhos da Criação. Não temos que justificar nossa existência  pois se não merecêssemos existir, acredite, não existiríamos.

Mas nós existimos. Então aos olhos da Criação é necessário, é importante que sejamos parte de tudo o que existe.

Bashar enfatiza muito isso: Sem você – sem cada um de nós , sem cada um dos seres da Criação– sem NÓS TODOS tudo o que existe não seria TUDO o que existe.

Façamos a nossa parte no TUDO que existe de todas as maneiras que desejarmos ser: esse é o nosso DIREITO INATO; esse é o DIREITO DE NOSSA ALMA.

Bashar estende a nós sua apreciação mais profunda por permitirmos essa transmissão e por compartilhá-la conosco, agradece profundamente o “presente” que lhe demos ao permitirmos que ele presencie a manifestação incomparável da Criação que escolhemos ser e por abrir os olhos dele para esses vários modos pelos quais a Criação tem  se manifestado.

Ele agradece efusivamente e deseja-nos o maior divertimento e excitação hoje!

Tradução e comentários meus (Flávia Criss), Jan/2010.

………………………………………………………………………………………………………….

Bashar – Livre  Arbítrio

A tradução abaixo é referente a um diálogo ocorrido em uma das sessões (workshops) com Bashar em que ele abordou o conceito de Livre Arbítrio, a pedido de um dos participantes. A partir da sessão transcrita em Inglês, fiz a tradução e agora compartilho-a com vocês.

O diálogo apresenta-se em Itálico logo abaixo, sendo que “Q” se refere às perguntas do indivíduo da platéia e “B”  às respostas de Bashar.

Então voilá…

Q: Você fala que podemos escolher como queremos que seja a nossa realidade…

B: Sim.

Q: … e que podemos ter o controle sobre ela, nesse sentido. Qual é a diferença entre esse tipo de controle e aquele “outro controle” o qual tenho que aprender a renunciar ou dele desistir pois me faz querer que as coisas sejam de uma determinada forma?

B: Ah, muito obrigado pela sua pergunta. Na verdade se trata de reconhecer que aquilo a que você costuma se referir em sua sociedade como sendo uma “submissão” ou “rendição” se trata, na verdade, da assunção do controle, propriamente dita. “Controlar” significa deixar-se fluir junto e em harmonia com a sincronia do Self Universal, em harmonia e sincronia com o infinito universal. Escolher fluir sincronicamente com essa ideia é ter o controle, é saber que você está no controle.

Como já dissemos, existem dois tipos de Livre Arbítrio, aquele proveniente da consciência fisiológica e o Livre Arbítrio que provém da Consciência Superior. Tudo o que vocês chamam de Livre Arbítrio e que é proveniente da consciência Superior, muitas vezes, é relegado pela consciência física àquilo a que se chama comumente de “destino” ou de “predeterminação”, porém isso só acontece quando se generaliza o uso desses termos. As especificidades reais concernentes ao modo como se desdobram os eventos generalizados e determinados pela consciência não-física superior são, na verdade, especificadas  pela personalidade fisiológica, pelos desejos fisiológicos, pelos pensamentos fisiológicos, pelas crenças fisiológicas que você cria para a sua vida fisiológica.

Assim, ter o controle, mais uma vez, expressa-se pelo seu desejo, pela expressão de sua vontade, pela expressão da convicção do que você acredita ser real pra si. É partir de um lugar de convicção, é a partir de uma presunção que o colocará diretamente em contato com o fluxo da energia universal o que vai fazer com que pareça que, uma vez no controle,  não precisará adotar uma direção. Isso lhe ajuda?

Q: Pode dizer a última frase mais uma vez?

B: Quando está no controle,  o paradoxo que se revela é que você não sente realmente que tem que fazer o governo ou tem que dar a direção. Este é o paradoxo de realidade física … quando você sabe que está criando a sua realidade e tem totalmente o controle sobre ela uma vez que tudo o que experiencia é o que criou, então você se abre para a ideia de que a vulnerabilidade é a verdadeira força infinita, não é uma fraqueza. E se você estiver disposto a estar completamente aberto, o que de fato é a vulnerabilidade, então saberá que estará completamente ligado ao Tudo-O-Que-Existe. Estar completamente ligado ao Tudo-O-Que-Existe quer dizer que estará sempre totalmente, completamente fortalecido. Você tem a força infinita e, portanto, simplesmente pode fluir a favor das linhas de energia universais.

Você tem o controle totalmente ao fluir a favor das linhas de menor resistência. Dessa forma, não ficará parecendo que terá que direcionar as coisas. O único momento em que parecerá que terá que dirigir algo  é quando lutar contra o seu próprio êxtase. Submeter-se ao seu próprio êxtase, “entregar-se” ao fluxo universal das coisas fará com que saiba que está no controle direto delas, pois então ficará fácil criar a realidade que preferir, uma vez que estará desenhando tudo numa realidade  paralela e não indo contra o fluxo.

Q: Muito obrigado.

Tradução minha, Flávia Criss, em Abr/2010 / O Meu Melhor Modo de Ser

 


Via: Anjo de Luz | Bashar um ser de origem extraterrestre

UM DIA ESPECIAL PARA SE COMEMORAR COM A CHAMA VIOLETA…

mata violeta

1 DE MAIO – ASCENSÃO DE SAINT GERMAIN

Por: Maria Stela Lecocq Müller

 

Este maravilhoso Ser que conhecemos como SAINT GERMAIN realizou a Sua ascensão no ano de 1684.

Muitas e muitas vezes Ele aceitou novas encarnações e esforçou-se muito em estimular nos homens de diversos povos, neste planeta, o desejo de Liberdade, pois que é a LIBERDADE o seu dom especial.

Foi confiada a Ele, na qualidade de Mestre Ascensionado, a custódia do já iniciado ciclo de dois mil anos da Era da Liberdade. Assim como Jesus possuía a custódia do anterior ciclo de Dispensação Crística, o Mestre Ascensionado Saint Germain usufrui a preferência, o privilégio e a responsabilidade de TRAZER A LIBERDADE no presente ciclo, a toda criatura – seja homem, ser elemental ou anjo prisioneiro. Chegará um tempo em que não mais haverá velhice, doença, pobreza ou males de qualquer natureza; nem mais haverá a chamada morte.

Os seus ensinamentos contêm a orientação e indicação dos Mestres Ascensionados para melhor compreensão e aplicação do Fogo Sagrado, a fim de que todos possam obter a Liberdade do espírito, da emoção, do corpo físico e libertação das recordações. Estando os quatro corpos inferiores, definitivamente, purificados e harmonizados, e com isto em verdade “Libertados”, o indivíduo estará, portanto, em condições de ser um Mestre Ascensionado ao final de sua encarnação; estará LIVRE PARA SEMPRE!

Todas as Ascensionadas Legiões Celestiais ofereceram a Saint Germain seu auxílio para a solução desta gigantesca obra e Ele aceita qualquer cooperação de cada corrente de vida que está à procura de mais Luz e Liberdade.

Desde a época de Sua Ascensão, no ano de 1684, Saint Germain prepara-se para ser o Chohan do Sétimo Raio. No ano de 1786, recebeu o cargo da Bem-Amada Mestra Ascensionada Kuan Yin e, desde então, até o dia 1º de maio de 1954, Ele se dedica à preparação da imensa responsabilidade de Diretor Cósmico para o iniciado ciclo.

Este abençoado Ascensionado Mestre pede, nesta Hora Cósmica, por preces, apelos, orações, dedicação e auxílio de todos os que O amem, Ele que sempre viveu para servir a Vida. Chegou agora o Grande e propício momento para trazer à Terra Seu presente de Liberdade.

VIDEO: EU SOU A CHAMA VIOLETA ATUANDO AGORA EM MIM

LINK YOUTUBE

EU SOU a Chama Violeta atuando agora em mim.

EU SOU a Chama Violeta, só me submeto à Luz.

EU SOU a Chama Violeta, magnífico Poder Cósmico.

EU SOU a Luz de Deus brilhando a toda a hora.

EU SOU a Chama Violeta, radiante como um sol.

EU SOU o sagrado poder de Deus que a todos vai libertando.

______________________________________

EU SOU UM SER DE FOGO VIOLETA.
EU SOU A PUREZA QUE DEUS DESEJA

I AM A BEING OF VIOLET FIRE.

I AM THE PURITY GOD DESIRES.

IO SONO UN ESSERE DI FUOCO VIOLETA.

IO SONO LA PUREZZA CHE DIO DESIDERA.

YO SOY UN SER DE FUEGO VIOLETA.

YO SOY LA PUREZA QUE DIOS DESEA.

VIDEO: MUSICA SAINT GERMAIN

LINK YOUTUBE

A Força da Música Seleta

Por Saint Germain
do Livro “Regras de Ouro de Saint Germain”

A pura e boa música, acalma o mundo dos sentimentos e o tipo das melodias determina a classe dos ajudantes invisíveis que são atraídos à tua atmosfera. Por estes ajudantes invisíveis são construídas belas formas de pensamento, energias mais fortes fluem ao teu corpo e preenchem todo o teu lar.

O espírito protetor da casa e todos os seres elementais são preenchidos com estes puros sons. Quando deixares soar melodias do Fogo Violeta, como, por exemplo, as valsas de Johann Strauss ou uma melodia que contém esta vibração, atrais os Anjos do Fogo Violeta ao teu redor. O seu entusiasmo em realizar um serviço em conjunto contigo e, além disto, ao mundo, é incrivelmente grande.

Vê-te como fonte de força para todo o bem do mundo. Em íntima união com teu EU SOU dirige as poderosas forças da Chama Violeta à escuridão. Vê como a irradiação parte de ti e se multiplica e como os amados Amigos Anjos reforçam as torrentes de Chamas purificadoras e as fazem fluir sobre toda a Terra no ritmo da música…

Imagina como todo o planeta Terra é transpassado por todas as nuances da irradiação violeta. Nela, existem muitas forças. Não só a da purificação, mas também a da graça, da misericórdia, liberdade e atividade construtiva para a Nova Era. Tudo isto está contido no Fogo Violeta – e estes variados matizes passam através e em volta da Terra, colocados em movimento pelo trabalho dos alunos e reforçados pelos Amigos Anjos e Poderes da Luz.

A escuridão está cedendo, mais e mais – e as bênçãos deste trabalho serão proveitosas para cada um em particular.”

Baixe o livro “Regras de Ouro de Saint Germain”- AQUI

 

Gratidão, Amado Saint Germain!! ♥

LUZ!
STELA

 


Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – https://lecocq.wordpress.com

Via ♥ De Coração a Coração ♥: 1 DE MAIO – ASCENSÃO DE SAINT GERMAIN

TIRANDO A VENDA DOS OLHOS…

blind-folded

O Despertar Global

post-01-04 (editado)

Por: Fausto Petrone

O maior despertar global da história está ocorrendo. A consciência sobre o nosso mundo está se reposicionando mais rapidamente do que nunca. Existe ainda mais informações iluminadas oferecidas às massas do que nunca. O ser humano comum está agora descobrindo as fórmulas para manifestar uma vida inacreditável e é capaz de absolutamente transformar sua vida em algo que realmente ama!Em cada nação que você fizer uma viagem, vai encontrar mais pessoas que exploram meios alternativos de trabalhar, todo mundo está aprendendo as melhores maneiras de explorar os estados de consciência superiores.

O mundo terreno está encerrando o ensino nos graus iniciais e estamos nos preparamos para dar um salto para os graus superiores! Este grande despertar não é algo “mau” ou uma coisa “excelente”, é apenas uma parte do nosso desenvolvimento. É como se cada pessoa estivesse recebendo as boas-vindas na sua própria festa de formatura. Estamos vendo em todos os lugares os sinais de que todos os velhos sistemas estão desmoronando à medida que a consciência está avançando em uma taxa exponencial. O planeta tem sido destruído com tantos desastres, exigindo uma mudança na forma como tratamos a nós mesmos e à natureza. Estamos na verdade, vivendo em constante preocupação, ansiedade e ganância por tempo suficiente.

O mundo esteve dividido por eras, mantendo a ilusão de que algumas pessoas são mais poderosas, mais ricas e mais capaz do que outras. Sim, na verdade a venda também tem sido colocada diante dos seus olhos! Você também é capaz, rico e proeminente no seu mundo interior, basta acreditar. Você nasceu exatamente com os mesmos poderes que existem em cada pessoa. Você é atualmente uma manifestação divina extremamente eficaz, que pode facilmente criar, trazer, e emergir qualquer coisa que você desejar!

Ninguém deve se sentir pequeno, sem esperança e pobre por mais tempo. Você não está mais restrito por algum jogo baseado no medo que os outros estão jogando em qualquer tempo. O jogo de manipulação global “nós contra eles” está ultrapassado, é tempo de crescer, progredir e avançar para a nova era.

Você está disposto a ser uma pessoa mais consciente que vive 24 horas por dia em um estado de felicidade, amor e paz interior? Você é digno de experimentar isso o tempo todo e você pode! Basta começar por recuperar a sua conexão espiritual e entender que há uma Fonte do todo, inteligente, onisciente, disponível para você em cada novo minuto. É uma sensação fantástica se libertar da viagem com o ego e se conectar com a Fonte. Você é digno para apreciar esta experiência cotidiana e a medida que você se exercita, vai perceber que este mundo está realmente despertando para todos em torno de você!

Dê o passo inicial para se capacitar e incendiar esta conexão espiritual agora mesmo! Comece descobrindo suas respostas a estas perguntas, então exercite a meditação!

Exatamente para o que mais você precisa dizer “NÃO”, de maneira que você possa dizer “sim” a uma variação muito maior do verdadeiro você?

Exatamente o que você deve pensar, fazer ou liberar, para experimentar um enorme sentimento de liberdade em sua vida hoje, esta semana?

Apenas o que é de fato realmente crucial para você a nível mundial?

Exatamente o que você pode fazer hoje para criar um mundo mais iluminado amanhã?

© Fausto Petrone – THE DIVINE MATRIX


Fonte: In5DInd5D | The Global Awakening
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível

Via A Luz é Invencível | Despertar Global

A LUZ INTERIOR DE TODOS BRILHARÁ COMO UM LINDO AMANHECER…

 

minha luz

E QUANDO ESTIVEREM PRONTOS, A LUZ SURGIRÁ NO ALVORECER

 

Jesus

Jesus

Canalizado por: John Smallman

O crescimento ou evolução espiritual é o caminho da humanidade para o seu despertar, que foi estabelecida por seu Pai Celestial, no instante em que optaram por experimentar a irrealidade da separação d’Ele.

Tal estado como a separação não existe, é apenas uma invenção, uma ideia imaginária, louca que, brevemente, lhes ocorreu e com a qual escolheram concordar. Agora, parece intensamente real enquanto lutam para despertar do profundo sono em que caíram para que fossem capazes de sentir e viverem a ideia da separação.

Porque serem todos eternamente UM com Deus, é inevitável que não despertem para o estado de eterna alegria em que o Pai amoroso os criou. Mas, como já disse anteriormente, o Amor  não  impõe, Ele aceita e permite. Ele honra  suas escolhas, sejam elas quais forem e espera com infinita paciência pelo momento em que escolham recebê-Lo em seus corações.

E a chegada e o reconhecimento desse momento, é uma escolha individual que toda pessoal  fará, porque a experiência contínua da separação, embora irreal, é muito dolorosa para ser suportada indefinidamente.

Profundamente, em cada um de vocês está o saber de que a vida como ser humano é uma experiência muito temporária e irreal e que este saber  perturba seu repouso e exige uma atenção, investigação. Não existe nenhum ser humano que em algum momento não tenha profundamente considerado o significado da vida e essa ponderação leva à intensa e muito poderosa percepção de que tem que haver um significado muito mais profundo do que a simples sobrevivência como ser humano. E é claro que existe!

Frequentemente, considerando que a experiência humana parece ser tão real, quando uma pessoa descobre ou permite sentir intuitivamente o interior, sabendo que  deve  haver uma inteligência espiritual muito mais alta que sua própria inteligência humana em sua consciência, o ego, então, encoraja essa pessoa a reconhecê-la,  todavia,  a coloca de lado tal sentimento, até que esta pessoa tenham tempo para pensar sobre isso mais profundamente.

Logo em seguida, as questões diárias e distrações da vida humana reassumem sua posição “legítima” como o foco principal de suas atenções e a investigação da possibilidade de uma herança espiritual ou identidade é adiada ou esquecida,  até a próxima vez em que  uma faísca intuitiva lampejar.

Sempre  haverá uma próxima vez, simplesmente, porque esta é a Vontade de Deus e as suas, quando acordarem. Até que despertem, receberão cutucões regulares de todos nós nos reinos espirituais, sugerindo que é hora de fazê-lo. E, então,  terão  consciência de tais cutucões e responderão apropriadamente… Quando se sentirem prontos. O sentimento de prontidão é um aspecto essencial do processo de despertar de cada indivíduo, porque, tendo livre-arbítrio – um aspecto intrínseco do Amor – nunca serão empurrados ou forçados a despertar.

No entanto, você receberá uma série contínua de cutucadas, ou experimentar eventos ou lições concebidas exclusivamente com a finalidade de ajudá-los a se tornarem conscientes desses beliscões intuitivos que se destinam a orientá-los para despertar.

E quando estiverem prontos, a Luz surgirá no alvorecer. Finalmente perceberão que a única razão significativa para viver a vida como um ser humano é encontrar o caminho de volta para a Realidade, seu eterno Lar espiritual, onde permanece para sempre juntos com a Fonte, a Suprema Sabedoria e Inteligência Infinita que, para muitos de vocês é mais felizmente expressada, em termos humanos, como Mãe/Pai/Deus.

Lembre-se, porém, de que as palavras são conceitos de comunicação tão limitantes e inadequados que podem e, frequentemente, causam divisões em campos opostos de facções guerreiras que lhe trazem apenas conflito, dor e sofrimento.

E, quando  conversarem com os  outros, precisam fazer uma parada para  ouvir o que eles dizem, em vez de saltarem para a conclusão de que  já sabem  o que eles estarão lhes dizendo. Muitas vezes, intensos mal-entendidos acontecem simplesmente porque as pessoas não ouvem o que está sendo dito, ou ouvem e falham completamente em entender o que o outro deseja comunicar com suas palavras.

Para cada um de vocês, as mesmas palavras podem e muitas vezes terem significados muito diferentes, em parte devido à multiplicidade de sentimentos que estão tentando expressar através de um vocabulário severamente limitado e, em parte devido às variadas formas de linguagem corporal que sempre acompanham suas palavras.

Ao conversar com alguém, escutem com seus corações e não com seus intelectos, porque o primeiro fornece um intenso campo de energia que está em completo alinhamento com o que a outra pessoa deseja expressar, enquanto o intelecto está sempre tentando decifrar ou traduzir as palavras ouvidas num conceito lógico e racional, porque ele nunca pode compreender plenamente ou entender o significado sincero do que estiver, realmente, sendo expresso.

E é claro que o que também estou dizendo é que, diariamente, precisam  ir para dentro e visitar a Luz que é o Amor de Deus que queima constantemente em seus sagrados altares, para que possam se lembrar de viver mantendo a intenção de seres amorosos em todas as interações com outro, não importa que forma a interação seja.

São todos UM com a Fonte, todos vocês e, consequentemente, na verdade, cada interação com outro é mais uma interação com um aspecto do outro eu. Assim, amando os outros, amem e honrem-se a si mesmos e amando-se, amam e honram os outros.

Quando caírem em erro ao julgar ou culpar o seu ou outro eu, então, assim que reconhecerem que isso aconteceu, imediatamente ofereçam o perdão, pois verdadeiramente  todos os erros são apenas um outro aspecto da ilusão, e que, portanto, são totalmente  irreais!

E o perdão é apenas uma libertação da culpa que a ilusão tenta impô-los, numa tentativa inválida de envergonhar e desonrá-los, para que se esqueçam ou permaneçam inconscientes de que são valorosos seres divinos de valor infinito.

Seu amoroso irmão,
Jesus.

 


Fonte: Jesus through John | And when you are ready the Light will dawn.
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Via: Sementes das Estrelas: JESUS – “E QUANDO ESTIVEREM PRONTOS, A LUZ SURGIRÁ NO ALVORECER” – 20.04.2017