O RESPLANDECER DA LUZ, A CAMINHO DO ENCONTRO DA VERDADE EM SI MESMO…

lotus-flower

Surge uma flor de lótus em meio ao pântano escuro

 

Mãe Maria

Canalizada por: Michele Martini e Thiago Strapasson

 .

Que as bênçãos do amor tragam paz aos seus corpos, mentes e corações.

Amados filhos

É chegada a hora de acolhê-los em meu manto de amor e proteção materno.

No seio do meu amor, vocês são bem vindos como doces crianças que estiveram perdidas a encontrar o seu verdadeiro caminho de paz.

Estiveram envolvidos em lutas internas intermináveis, que travaram contra vocês mesmos, e que causaram profundas feridas de dor. Essas feridas fizeram com que desacreditassem na própria capacidade de superação, na força do amor e na luz existente dentro de vocês.

Deixaram-se perder nas vestes da vida material a serem levados nas ondas da ilusão, nas distrações que a vida os traz, e que os distanciam do brilho da sua verdadeira luz, que os distanciam do estado de paz e mansuetude que mora dentro de cada um de vocês.

Vocês deixaram desabrochar todas as dores, expuseram aqueles aspectos inferiores que carregavam, para que a cura ocorresse, para que fossem a verdade manifestada, e então se perderam a ponto de pensarem que não mais seria possível se encontrarem em seus próprios corações em amor.

Apagou-se a luz que brilhava em seus olhos, que permanecia sempre radiante em meio aos obstáculos e aprendizados que se apresentavam, mas que, diante do enfrentamento das suas mais profundas superações, acabaram por perder a conexão com o divino dentro de vocês.

Caminharam por ruas desertas, levando luz àqueles que tanto necessitavam, mas apenas para que tivessem o contato com a luz, a busca-la novamente, pois não mais se sentiam sob a sua irradiação.

Vocês iluminaram, curaram, caminharam por vales de dor, auxiliando aqueles que necessitavam de mãos caridosas, de um olhar amoroso, de um coração terno e determinado em oferecer os seus dons em prol desses que não mais tinham onde recorrer.

Mas isso foi apenas uma fase, que se apresentou para que tomassem contato novamente com a sua luz interior. Aquela luz que estava ofuscada pelas sombras da sua caminhada de superação e da própria transformação.

Ah, meus filhos queridos. Foram sim longas estradas onde não mais querem olhar para traz, mas foram todas elas trilhadas com a coragem que coloquei em vocês, e guiados pelo meu amor. Foram os que levaram a verdade diante da ilusão, conseguiram fazer desabrochar a mais pura luz no mais escuro pântano de medo e temor daqueles irmãos que de vocês necessitavam.

Essas experiencias doces e belas, trouxeram a vocês mais sabedoria, mais nobreza em seus corações, trouxeram a oportunidade de mostrar que podem transformar a sombra em luz e curar os corações mais duros e flori-los em amor.

Vocês trouxeram esperança e paz àqueles que tomaram contato com vocês, meus filhos. E estou a estender sobre vocês o meu manto de gratidão, pois são meus filhos amados, filhos de um Pai/Mãe que os acolhe e abraça em seu amor, para que sintam que verdadeiramente são amados.

Estivemos com vocês a os observar, e acompanhar a escala evolutiva que trilharam, de um longo aprendizado em meio aos rochedos das suas maiores superações. Foram colocados diante de vocês os obstáculos que pensavam ser intransponíveis, mas que apenas dessa forma poderiam se curar para sempre em suas dores mais profundas.

Estiveram caminhando em direção a sua iluminação, a sua purificação, e hoje estão mais reluzentes e brilhantes de luz. Brilham como as mais lindas estrelas do céu, meus queridos filhos. E o meu manto a brilhar sobre vocês já é obscurecido por toda a luz que vocês também brilham.

É um caminho sem volta, aquele da sua iluminação, onde vocês levemente vão se aproximando do estado de plenitude, e se tornam mais leves, mais desprendidos de tudo o que os fazia sentirem inseguros em meio a experiencia material.

Vocês começam a alcançar o estado de paz daqueles que decidiram enfrentar os maiores obstáculos de seus corações, que guardavam profundos pesares em relação a vida, bloqueios, traumas e padrões. Todos esses são dissolvidos em sua luz, que brilha nesse momento a trazer mais paz aos seus dias, meus queridos filhos.

E hoje venho novamente os lembrar desse trajeto que percorreram com tanto afinco, que ao final se destinava justamente a os levar para onde estão, resplandecendo a sua luz, a caminho do encontro da verdade que por tanto tempo guardaram dentro de si mesmos.

Foram dias duros que os conduziram à estrela que agora irradia de seus corações. É uma nova estrela, inexplicável, inexorável, que não era prevista, que da escuridão que andaram surge radiante como um combustível a iluminar as suas vidas.

A vida ilusória de dor, de angústia, de ira, de provações, se esvai em meio aos dedos, como poeira, e o que resta é o vazio e o brilho dessa estrela, que ilumina o trajeto de tantos, que ao encontro de si mesmos veem em vocês um pouco de alento em seus dias, um pouco de luz a os guiar em sua própria trajetória.

E assim, suas trajetórias pessoais se transformam no caminho daqueles que, assim como vocês fizeram, saindo dos becos escuros da vida, procuram a luz a respirar. Essa luz acalenta os corações e, do lodo do pântano, surge a flor de lótus, como mágica, como um brilho de luz onde não era possível se imaginar.

Sim, filhos, é isso que fazem, plantam sementes de luz no pântano, que resplandece em um sutil pólen, que espalha novas flores em lugares também inimagináveis. E o lodo, o pântano, aos poucos se transforma em um jardim, cheio de brilho.

Não que o pântano não tenha sua beleza, ou a sua função, mas a beleza maior é justamente ver a flor de lótus a surgir da profundeza de sua escuridão, a surpreender aqueles que diziam que ali não havia beleza. Vocês são os transmissores do pólen, que se espalha ao vento, a dar luz a novas flores, que nascem em lugares inesperados.

Por isso venho hoje, somente a trazer o meu manto de gratidão pelo que fazem, por permitirem que as flores nasçam nos ambientes mais inesperados da criação e, dessa luz, os corações comecem a brilhar. E a luz que plantei em seus corações nos momentos de dificuldade que passaram, se ofusca. Essa luz, que deixei com todo meu amor para os sustentar na dúvida, na dificuldade, na dor e no sofrimento, fica tão diminuta diante do brilho que vocês irradiam, que se incorporam e somem na imensidão que hoje vocês são.

E assim, meus filhos, vocês se diluem em mim, e eu em vocês, e nos transformamos em um único corpo a sustentar a unidade de corações. São estrelas que se unificam a brilhar e iluminar, vazias, sem propósitos, mas que iluminam e se unificam a aguardar aqueles que no mesmo processo se encantarão por nossa luz, e, em amor, virão a nos encontrar em unificação.

E nessa unidade é que representamos o agasalho, sobre o meu humilde manto de luz, que é pequeno diante do que vocês representam para mim.

Sou sua Mãe, Maria.

 …………………………………………………………………………………………………………

.

Canais: Michele Martini e Thiago Strapasson – 25 de julho de 2017.

Congregação de Paz e Transformação

 


Via: Congregação de Paz e Transformação: Surge uma flor de lótus em meio ao pântano escuro – Mãe Maria

Anúncios

SOBRE A ASCENSÃO DE MÃE MARIA…

L'assomption de la vierge - Peter Paul Rubens_1615

Assunção da Virgem. 1616. Por Rubens, atualmente nos Museus Reais de Belas-Artes da Bélgica.

 

Texto compilado por: Cida Pereira

A Assunção da Virgem Maria, foi definida dogmaticamente pelo papa Pio XII em 1 de novembro de 1950 na constituição apostólica Munificentissimus Deus, incluindo no texto a seguitne frase “tendo completado o curso de sua vida terrestre, foi assumida, de corpo e alma, na glória celeste”.

Ainda que as Igrejas Católica e Ortodoxa acreditem na Dormição de Maria, que é o mesmo que a Assunção, a morte de Maria não foi definida dogmaticamente.

Embora a Assunção (em latim: assūmptiō – “elevado”) tenha sido definida em tempos relativamente recentes como um dogma pela Igreja Católica, relatos apócrifos sobre a assunção de Maria ao céu circulam desde pelo menos o século IV. Também muito primitivas são as diferentes traduções das “Narrativas da Dormição dos ‘Seis Livros'”. Apócrifos posteriores que se basearam nestes textos mais antigos incluem o “De Obitu S. Dominae”, o “De Transitu Virginis” e o “Transitus Mariae”.

A Igreja Católica, no entanto, jamais afirmou ou negou que esse dogma tenha se baseado em relatos apócrifos, não fazendo nenhuma menção nos documentos eclesiásticos sobre o assunto.

A doutrina da Assunção de Maria se tornou amplamente conhecida no mundo cristão, tendo sido celebrada já no início do século V e já estava consolidada no oriente na época do imperador bizantino Maurício por volta de 600.

Dessa mesma época, temos documentos da festa da Assunção no dia 15 de agosto, enumerada junto com as festas da Natividade, da Apresentação, da Anunciação e da Purificação de Maria.

Até os dias de hoje, a Assunção é geralmente celebrada em 15 de agosto.

VERSÃO APÓCRIFA

Das várias versões apócrifas sobre a Ascensão de Maria a narração que, segundo alguns, foi erroneamente atribuída a José de Arimatéia é a mais divulgada e conhecida.

Segue aqui um resumo por mim adaptado com os principais trechos dela:

Passagem da bem Aventurada Virgem Maria

Dentre as muitas coisas que a mãe perguntou ao seu filho durante aquele tempo que precedeu a paixão do Senhor, figura a referente à sua passagem, sobre a qual começou a perguntar-lhe nestes termos: “Ó caríssimo filho, rogo à tua Santidade que, quando chegue o momento que minha alma tenha de sair do corpo, me faças saber com três dias de antecedência; e então Tu, querido filho, encarrega-te dela na companhia de teus anjos.”

Ele, de sua parte, acolheu a súplica de sua querida mãe e disse-lhe: “Ó habitação e templo de Deus vivo, ó mãe bendita, ó rainha de todos os santos e bendita entre todas as mulheres, como sabes, antes de me carregares em teu seio guardei-te continuamente e te alimentei com meu manjar angélico. Como irei abandonar-te depois de me haveres gestado e alimentado, depois de me haveres levado na fuga ao Egito e haveres sofrido por mim tantas angústias? Fica sabendo, então, que meus anjos sempre te guardaram e te seguirão guardando até o momento da tua passagem. Mas, quando me vires vir ao teu encontro na companhia dos anjos e dos arcanjos, dos santos, das virgens e de meus discípulos, podes estar certa então de que chegou o momento em que tua alma será separada de teu corpo e transportada por mim ao céu, onde nunca experimentarás a mínima atribulação ou angústia”

Durante o segundo ano a partir da Ascensão de Nosso Senhor Jesus Cristo, Maria costumava entregar-se assídua e constantemente à oração de noite e de dia. Na antevéspera de sua morte recebeu a visita de um anjo do Senhor, o qual entregou-lhe uma palma dizendo-lhe ter sido enviada por Jesus e que em três dia ocorreria a sua Ascensão, ao que ela recebeu com grande alegria e gratidão.

Chamou então José de Arimatéia e os outros discípulos do Senhor. E quando eles estavam reunidos, assim como seus próprios conhecimentos e mais chegados, anunciou a todos a sua iminente passagem. Preparou-se então e ficou esperando a chegada do seu Filho, conforme Ele lhe havia prometido. Tinha ao seu lado três virgens: Séfora, Abigail e Zael. Mas os discípulos de Jesus  estavam já nessa época dispersos, em pregações, pelo mundo inteiro.

Naquele momento (era então a hora terceira), enquanto a rainha Maria estava em seus aposentos, produziram-se grandes trovões, chuvas, relâmpagos, perturbações e terremotos. O apóstolo e evangelista João foi transportado de Efeso; entrou no quarto onde se encontrava a Maria e saudou-a, que levantando-se, deu-lhe um beijo.

E, quando se dispunha a perguntar-lhe de onde vinha e por que razão se havia apresentado em Jerusalém, eis que (de repente) todos os discípulos do Senhor, exceto Tomé, o chamado Dídimo, foram levados numa nuvem até a porta dos aposentos onde estava Maria. Então, pararam e depois entraram e saudaram-na. Ela então levantou-se, solícita e, inclinando-se, foi beijando-os e deu graças a Deus.

Então Maria disse aos seus irmãos: “A que se deve terem todos vindo a Jerusalém?” Pedro respondeu: “Tu nos perguntas, sendo que era a ti que deveríamos perguntar? Por mim tenho certeza que nenhum de nós conhece a razão pela qual apresentamo-nos aqui tão velozmente. Estava em Antioquia e agora encontro-me aqui”.

E todos foram indicando o lugar onde haviam estado naquele dia, ficando surpreendidos e cheios de admiração por se verem ali presentes ao escutar tais relatos.

Então Maria disse-lhes: “Antes de meu filho sofrer a paixão, eu roguei que tanto Ele quanto vós todos assistísseis a minha morte, e essa graça foi-me outorgada. Por isso sabereis que amanhã terá lugar a minha passagem. Vigiai e orai comigo para que, quando o Senhor venha encarregar-se da minha alma, vos encontre velando”. Então empenharam sua palavra de que permaneceriam vigilantes. E passaram toda a noite em vigília e em adoração, entoando salmos e cantando hinos, acompanhados de grandes luzes.

Chegando o domingo, e a hora terceira, Cristo desceu acompanhado de uma multidão de anjos e recebeu a alma de sua querida mãe, E enquanto os anjos entoavam uma passagem do Cântico dos Cânticos, sobreveio tal resplendor e um perfume tão suave, que todos os presentes caíram sobre seus rostos, e durante hora e meia ninguém foi capaz de levantar-se.

Então os apóstolos, atraídos pela enorme claridade, levantaram-se e começaram a passagem do santo cadáver do monte de Sião até o vale de Josafá.

Lá chegando, os apóstolos depositaram o corpo no sepulcro com todas as honras e puseram-se a chorar e a cantar, devido ao imenso amor e doçura que sentiam. Imediatamente viram-se circundados por uma luz celestial e caíram prostrados, enquanto o santo cadáver era levado aos céus pelas mãos dos anjos, sem que o percebessem.

Então,Tomé sentiu-se repentinamente transportado até o monte das Oliveiras, e, ao ver que o bem-aventurado corpo dirigia-se aos céus, começou a gritar dizendo: “Ó santa mãe, mãe bendita, mãe imaculada, se aos teus olhos encontrei a graça, já que me é dado o privilégio de contemplar-te, alegra o teu servo, pois estás a caminho do céu” E no mesmo instante a faixa com que os apóstolos haviam cingido o corpo santíssimo foi arremessada do alto a Tomé, que, ao recebê-la entre suas mãos, beijou-a e, dando graças a Deus, retomou ao vale de Josafá.

Lá chegando encontrou todos os apóstolos e uma grande multidão. Ao se aproximar, cumprimentando-os, Tomé perguntou então: “Onde colocastes o seu corpo?” Eles apontaram o sepulcro. Mas ele replicou: “Não, ali não está esse corpo que é chamado santíssimo”. Suas palavras foram confrontadas por Pedro em função de sua já conhecida incredulidade, demonstrada quanto à ressurreição de Jesus, mas insistiu dizendo: “Não está aqui”. Então, encolerizados, aproximaram-se do sepulcro, que havia sido recém-escavado na rocha, e afastaram a pedra; mas não encontraram o cadáver, fato que os deixou sem saber o que dizer ao verem-se vencidos pelas palavras de Tomé.

Depois Tomé contou-lhes como se encontrava celebrando a missa na Índia. Estava ainda vestido com os paramentos sacerdotais, quando, sem entender porque, se viu  transportado ao monte das Oliveiras e teve a oportunidade de ver o corpo de Maria que subia ao céu; e rogou-lhe que lhe outorgasse uma bênção. Ela escutou sua prece e atirou-lhe a faixa com a qual estava cingida. Então ele mostrou a faixa a todos.

Os apóstolos, ao verem a faixa que eles mesmos haviam colocado, deram glória a Deus e pediram perdão a Tomé, comovidos pela bênção que lhe havia sido dada por Maria e pelo privilégio de ter contemplado seu santíssimo corpo subir aos céus. Então Tomé abençoou-os dizendo: “Sintais que bom e agradável é o fato de os irmãos poderem viver unidos entre si”.

E a mesma nuvem que os havia trazido levou cada um de volta ao seu respectivo lugar e os apóstolos foram rapidamente devolvidos ao lugar onde se encontravam antes para evangelizar o povo de Deus.


Fontes:
. Wikipédia, a enciclopédia livre | Assunção de Maria
. FRANCISCANOS | Imaculada Conceição de Maria| Elevada ao céu em corpo e alma
. ARTIGOS ESPÍRITAS – JORGE HESSEN | A.Clássicos|A BÍBLIA SAGRADA E OS EVANGELHOS APÓCRIFOS – GRÁTIS PARA DOWNLOAD | Passagem da Bem-Aventurada Virgem Maria (Narração Erroneamente Atribuída a José de Arimatéia)

MARIA EM SUA EXPERIÊNCIA COMO MÃE: “TUDO TEM O SEU PROPÓSITO.”…

Maria com Jesus Menino

UMA HISTÓRIA DE MARIA…

Canalizado por: Gabriel RL

Gabriel: Por favor, queridos, leiam na sintonia dessa música abaixo. Eu particularmente recomendo que coloquem a música em uma altura agradável e leiam em seguida a mensagem em voz alta. Poderão sentir maravilhosas vibrações de luz em seus corpos.

Franz Schubert – Ave Maria (Instrumental)

 

Amados Filhos,

Que as bênçãos do Amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações.

Filhos meus, é tempo de unificação e de perdão. Tempo de reconhecer as fraquezas passadas, tempo de sorrir para aquilo que chamais de deslizes comportamentais. Tempo de abrandar os corações. Tempo de vos olhar com ternura, em todas as fases de vossas vidas.

É hora de começar a curar os vossos corações das feridas dos acontecimentos, particularmente, as do passado, que ainda atormentam vossas almas. Situações onde entrastes em discussões e acabastes por guardar mágoas daqueles envolvidos. Olhai, amados, para os níveis de consciência dos momentos onde foram armazenadas em vós essas energias de dor, mágoas e revolta. Perdoai os envolvidos e a vós mesmos. É tempo de compreender que tudo é vos dado para o vosso crescimento. É tempo de passar a prestar mais atenção na criança que brinca na rua, na praça, na sala de casa… É tempo de prestar atenção na doçura e simplicidade delas e de observardes mais isso e incorporar a vós próprios, esses sentimentos.

Compreendei, pois, e incorporai esse sentimento de pureza e tranquilidade que as crianças manifestam. Elas, umas com as outras, se entendem. Ainda que algumas vezes se hostilizem, elas se entendem ali mesmo e, no minuto seguinte, estão novamente unidas, sem nenhum mal-estar guardado. Amados, é tempo de fazer isso em vossas vidas. Chegou a hora de aplicar isso ao vosso passado e de não mais vos torturar com situações passadas que já cumpriram o seu propósito, na maioria das vezes, o de dar a vós esse nível de consciência que tendes hoje. Tudo é experiência e aprendizado, amados. Tudo é expansão. Tudo tem o seu propósito.

Mas, se guardardes em vós as velhas mágoas, quando já sabeis da vossa responsabilidade diante do mundo e diante das pessoas que precisam ter-vos como espelhos, é o mesmo que um salva-vidas se afogando em meio ao mar revolto. Ainda que o mar revolto das vicissitudes tente vos arrastar para baixo, deveis confiar nas vossas habilidades para não vos afogar e, ainda assim, ajudar outros a não se afogarem. Mas, se mesmo sabendo das vossas habilidades, ainda assim achais, por bem, continuar a dar aprovação aos pensamentos do ego que tentam fermentar em vós discórdia e irritabilidade, certamente que vos afogareis dentro das próprias tormentas que criastes. Oh, amados! Cultivai a serenidade para que, até mesmo o mar, silencie em vossas presenças.

Não perpetueis mais os sentimentos tristes das velhas histórias, mas olhai para eles com um sorriso no rosto e agradecendo a oportunidade que tivestes. Olhai, pois, para “lá” e em seguida, para “cá”; observais a diferença? Não sois mais os mesmos, amados, nem mesmo aqueles que, por ventura, tenham sido vossos instrumentos de aprendizado.

Contar-vos-ei uma passagem da minha vida quando estive na Terra. Havia uma mulher que sempre atormentava a mim e a Jeshua. Sempre que o menino brincava em meio aos outros, ela vinha com gritos e fúria, tirando os seus filhos de perto do meu querido Jeshua. E vinha a mim em brados violentos reclamando, de tal maneira: “como deixas o teu feiticeiro junto dos meus pobres meninos? Seu filho é um demônio e movimentador!” Oh, meus queridos! Aquilo me partia o coração! Parecia-me uma faca perfurando meu peito. Eu ouvia vozes incitando-me a agredi-la. “Vai! Defenda seu filho! Você é a mãe dele! Defenda-o!”. Mas eu resistia à tentação e buscava a tranquilidade do meu coração, a tranquilidade do Gabriel (Arcanjo), a tranquilidade do Rafael (Arcanjo). Buscava a tranquilidade, no mais íntimo do meu ser.

Por muito tempo, ouvi esses gritos e insultos dirigidos a mim e a Jeshua e o tirei das outras mães revoltadas por ele estar em meio a seus filhos. Elas, atormentadas por seres de vibrações violentas, sequer conseguiam compreender a necessidade de o meu filho expressar a sua natureza divina em meio às outras crianças. Eu ouvi, por muitas vezes e defendi Jeshua de muitas mães e pais que não entendiam meu filho.

Mas, meus queridos, a imagem da primeira vez que vi meu filho sofrendo a agressão daquela primeira mulher não saía da minha mente. Constantemente, lembrava-me daquele momento e não entendia o motivo, mas sempre permanecia com as imagens no pensamento e, junto, às vezes, vinha o sentimento e a pergunta: “por quê?” Oh, meus queridos! O tempo se passou e encontrava-me eu, em meio à multidão revolta, aos gritos: “Crucificai-o! Crucificai-o! Crucificai-o!” No momento de maior agonia em mim, em meu filho e em todos aqueles que o amavam, vi-me de joelhos, pois me faltavam forças nas pernas, ao ver tanto sofrimento e trevas, naquele momento. Agarrei-me com minhas duas mãos na terra e apertava com toda força que tinha para que, naquele gesto, eu conseguisse liberar a dor que drenava minha energia vital. Ali no meio daquela multidão energizada pelas mais pesadas vibrações, foi quando senti uma mão amorosa que tocou meu ombro e disse: “Venha. Erga-se. Eu a ajudo…”

Oh, meus queridos… Era ela… Era aquela primeira mãe que eu havia visto tentando agredir meu filho. Eu a vi, a abracei, chorei em seus ombros e ela me acalentou, enquanto meu filho desprendia-se da carne… Ela apenas sorriu e disse: “Você mudou a minha vida. Você me fez uma mãe amorosa, cuidadosa, gentil e doce. Você mostrou-me o caminho do Amor. O tanto que eu a agredi, a violentei verbalmente… você se manteve amorosa, serena e pacífica… o seu amor me tocou, Maria. E agora, estou aqui para o que você precisar. Eu estarei com você até o fim da sua vida”. Apenas chorei em seus ombros, enquanto aguardava a partida do meu filho do mundo físico.

Depois de muito tempo, quando já havia passado todas aquelas movimentações, perguntei ao Gabriel (Arcanjo) o porquê da redenção dela, de tal maneira, e ele me disse: “Maria… minha querida, Maria! Mãe dos Homens/Mulheres sobre a face da Terra e fora dela! A tua serenidade, Maria, levou-a às alturas. Ela conseguiu a redenção mediante tua serenidade. Se tu tivesses guardado algum rancor profundo, ele serviria de combustível, para ela continuar nas suas revoltas. Mas tu não alimentaste isso nela. Antes, deste a ela, a Paz e o teu amor transformador. Antes, deste a ela a chance de ser uma nova mulher. Tu, Maria, serás um exemplo para todas as mulheres na face da Terra. Tu, Maria, serás o exemplo para todos os homens na face da Terra. Nas palavras dos homens e mulheres na face da Terra, sempre tu serás mencionada. Quando eles estiverem em agonia, ou não, ouvirás ‘Ave Maria’ e serás lembrada a todo o momento!”

Amados, filhos, olhai, pois para a grandeza da vossa serenidade. Permiti, pois, serdes as inspirações de todas as almas às vossas voltas. Permiti, pois, que os vossos nomes sejam lembrados por todas as eras, amados. Deixai os ressentimentos e a necessidade de revide. Deixai que vosso coração vos guie e eu vos asseguro que sereis recompensados com a elevação daqueles que outrora vos tenham agredido.

Não permitais que a dor, a revolta, o inconformismo de outrem vos afetem a alma e que a vossa paz seja abalada. Mas, se fordes agredidos, permanecei em Paz, pois essa Paz será o combustível para redenção dessas almas. Se fordes agredidos e verdes que não estais a suportar, chamai-me, chamai-me e manifestar-me-ei ali. Chamai-me e eu farei descer sobre vós o meu manto de proteção, paz e serenidade infinitas. Lembrarei-vos quem sois.

Bem-amados, eu vos deixo agora, derramando sobre todos vós as minhas bênçãos e envolvendo a todos em meu manto de proteção, porque Eu Sou Maria, a Vossa Mãe.

Gabriel RL: Gratidão sempre, amada Mãe!


Revisão de texto: Luis Fernando Rostworowski e Solange Yabushita

Via: Sementes das Estrelas: MÃE MARIA – “UMA HISTÓRIA DE MARIA…” – 01.04.2017

ENCONTRANDO A LUZ DO AMOR ATRAVÉS DOS CONFLITOS FAMILIARES…

familia-tarsila-do-amaral-1925

Compreendendo as relações familiares

Mãe Maria-Chama Trina_Cláudio Gianfardoni

Mãe Maria

Canalizado por: Thiago Strapasson e Michelinha OM

 

Que as bênçãos do amor tragam paz aos seus corpos, mentes e corações.

Amados filhos, hoje trago a vocês a mensagem da humildade e da simplicidade como exemplo a ser observado nas manifestações de amor em volta de vocês diariamente.

Observem por breve instante em volta de vocês, todas as manifestações de entrega abnegada a serviço da sua paz e do seu equilíbrio.

Àqueles que são agraciados com a companhia de animais de estimação em seus lares, observem o amor que esses animais dedicam a vocês de forma a trazer o exemplo da simplicidade e da humildade, simplesmente estando presentes para os dedicarem o amor que vocês buscam dentro de vocês mesmos.

E aos filhos que possuem crianças em seus lares, que possuem outras pessoas em convívio, observem de forma atenta, meus filhos, o amor que esses também enviam a vocês diariamente, estando presentes em suas vidas, mostrando tantas lições para que vocês observem a si mesmos e sejam levados cada vez mais a se transformarem em pessoas melhores, mais compassivas e mais compreensivas.

Venho aqui lembrar a vocês de que estão rodeados de manifestações de amor e paz, de oportunidades de olhar para vocês mesmos através dessas relações, que trazem a vocês os exemplos de dedicação e inspiração para que possam ver em todas essas companhias, aquilo que falta em vocês, filhos.

A energia do amor está presente em todas as relações. Vocês não conseguem observar com os olhos físicos, amados, mas sentem os impulsos emocionais que são os avisos de que o coração está sendo tocado a despertar o chamado para o amor.

Nas relações que trazem aprendizados, lições e também lágrimas de superação de seus aspectos inferiores, todas estão presentes nas vidas de vocês para abrirem os seus corações à conexão com o amor.

É através das relações mais próximas que vocês são chamados a olhar para aquele Eu que vocês tentam esconder, dentro das aparências aceitas pela sociedade, filhos.

Eu, como mãe de Jesus, estive inserida nessa experiência, a observar a transformação de meu filho, que desde pequeno fora chamado pelas pessoas de nosso convívio de O Messias, daquele que veio para despertar a humanidade, para salvar a humanidade. Mas filhos, ele ainda estava fechado à essa realidade no coraçãozinho dele. Mas os chamados estavam presentes na vida dele, como repetições incessantes aos ouvidos dele já cansados de ouvir. Ele ainda não estava pronto para essa verdade, e assim saiu em busca de estabelecer outras relações, que acabaram por mostrá-lo o verdadeiro caminho a que veio a esse planeta.

Mas filhos, aquelas relações familiares mais próximas, dos irmãos, do pai e da mãe dentro do lar, estão sempre presentes para nos mostrar os aspectos que devemos superar, os quais muitas vezes ainda não estamos prontos a olhar. Mas que, depois da caminhada pela vida, retornamos para então podermos absorver aquele ensinamento, e então olharmos para dentro de nós a superar os últimos aspectos que nos prendem à vida de sofrimento.

Ao retornar ao lar, após a experiência no deserto, meu amado filho já era outro em personalidade, em atitudes e relacionamento com os irmãos no lar. A experiência que teve ao retornar de sua caminhada em busca do encontro com ele mesmo, foi transformadora na sua vida. Mas ainda era necessário algum período de convívio no lar, no berço da sua essência na vida material, e foi onde teve a oportunidade de ouvir essa mãe que tanto tentava falar-lhe ao coração. Foi quando ouviu os irmãos. Foi quando transmutou todas as relações familiares estabelecidas na matéria, para então seguir ao que foi destinado naquela encarnação. Foi onde encontrou forças e transmutou os aspectos que o mantinham preso ao velho Eu. E então saiu em sua jornada levando a palavra de Deus e a Verdade para todos em sua caminhada.

As relações dentro do lar, com os animais, com as pessoas, quando observadas com gratidão, com o sentimento de despertar do coração aberto a absorver todo esse amor, são simplesmente maravilhosas fontes de luz e aprendizado, que estão sempre presentes a nos dar o suporte necessário na nossa caminhada, mas que, para conseguirmos realmente absorver todo o amor contido nessas formas de energia presentes em nossas vidas, devemos abrir o chamado do coração, devemos estar despertos e com o sentimento de simplicidade, humildade e gratidão dentro de nós, a brotar para se tornar aquele novo ser que, com muita atenção, observará a absorverá a energia amorosa dessas relações.

É através das experiências que obtemos na caminhada pela vida, filhos, que estaremos preparados a observar, a sentir e a agradecer pelas nossas relações do lar, a sentir as energias benéficas que surgem desses aprendizados do lar e da transmutação dessas relações, do olhar às diferenças e do trabalho para que essas sejam aceitas com muito amor, transmutando aqueles aspectos que ainda restam dentro de nós após tantos aprendizados pela vida.

Eu os digo que de todas as relações que vivenciamos no berço familiar estão os indícios a nossa superação, aqueles aspectos que trouxemos com a missão de transmutar, de nos elevar em amor.

Pois o momento, filhos amados, é de transcender as relações familiares que por tanto tempo os mantiveram presos ao ciclo de encarnações. Relações essas que foram trazidas a vocês justamente para que pudessem aprender mutuamente como ter um olhar compassivo a partir de tudo aquilo que os restringia.

Eu sei meus filhos, que na família há muito amor, há muito carinho, mas há também muitos vínculos enérgicos que nos prendem a antigos hábitos, que nos colocam no círculo de restrição da matéria. Pois é no círculo familiar que estão os principais aspectos de nossa própria superação. Ali, apesar do amor que existe, estão os pontos que justamente nos prendem ao círculo de vidas.

O que necessitamos fazer é nos superar nesse círculo, transcender, para que possamos ao final nos encontrar livres de todo e qualquer aspecto que esteja vinculado a nossa memória cósmica e de vidas passadas. Superando as lições que nos impõe o círculo familiar estaremos a transcender os aspectos que nos vinculam à matéria e à antiga grade de sofrimento.

Cada encarnação, cada vida, é cuidadosamente planejada para que possa nos trazer um pouco mais de nossa própria restrição. Porque quando vieram a esse mundo vocês se estudaram, se analisaram, e concluíram justamente os pontos, os vínculos que necessitavam romper para se libertar da roda de vidas e vidas.

E na família, justamente, foi onde decidiram agregar um pouco mais dessa energia que necessitam superar em vocês mesmos, dos vícios interiores, para que justamente eles se sobressaiam, se ressaltem, e então todos possam conjuntamente se ajudar a superar aquilo que já era uma restrição interior, mas que agora necessita ser trabalhado para a liberação.

Atentem-se, filhos, aos costumes, as maiores restrições que afligem seu círculo familiar, pois ali terão um indício daquilo que precisam transcender dentro de vocês mesmos. Por isso, meus filhos, a compaixão, a paciência, o amor é tão exigido dentro da família de nascimento ou de criação, pois ali há espelhos a refletir seus próprios vícios interiores.

No âmbito familiar, amados, há, além do amor, tantas disputas entre os membros porque ali há justamente os irmãos que são capazes de tocar no nosso ponto mais profundo de dor, naquilo que nos recusamos a olhar dentro de nós mesmos. Há espelhos a nos apontar, são os mestres de nossa vida que, por isso, precisamos ancorar o entendimento, a compaixão, o olhar amoroso tão necessários, amados.

Foi, por isso, então, que meu filho Jesus voltou ao Lar após a peregrinação no deserto, pois ele veio se buscar, observar onde estava suas maiores dificuldades interiores. Mas teve humildade de o fazer com simplicidade, com compaixão, reconhecendo que as dores e dificuldade que vivenciava eram suas e não de seus irmãos. E nesse olhar ele se libertou para seguir seu caminho purificado, liberto de suas próprias restrições.

Ancorem esse exemplo, meus amados, e sempre que retornarem ao seu lar familiar, aproveitam a oportunidade de buscar suas aflições, seus medos, suas dores, mas, acima de tudo, busquem o amor, a compaixão, sempre conscientes que todo desafio, toda disputa, jamais é externa, mas sempre será interior no sentido de encontrarmos nossa própria libertação.

Estejam em paz, filhos, sou sua Mãe Maria e derramo sobre vós as minhas bênçãos de mãe amorosa estendendo o meu manto de proteção a iluminar os vossos caminhos.

Sou Maria sua Mãe

 


Canais: Thiago Strapasson e Michelinha OM – 18 de fevereiro de 2017
Fonte: http://coracaoavatar.blog.br/ e http://verdadetransmutadora.blogspot.com.br/

Via: Verdade Transmutadora: Compreendendo as relações familiares – Mãe Maria

INVOCAÇÃO À CHAMA VIOLETA SOLAR CRISTALINA DA 5ª DIMENSÃO

solar_violet_flame__51490-1352841955-1280-1280-1

ESTE É UM MÊS MUITO PODEROSO – NÃO PERCAM!

Por:  Patricia Diane Cota-Robles
2 de Maio de 2013

Maio é um mês do ano muito poderoso para todos nós que evoluímos neste Planeta. Estão nos sendo dadas algumas incríveis oportunidades em Maio de 2013, para contribuirmos com a Luz do Mundo.

Nossa Presença EU SOU, o Eu Divino dentro de cada um de nós, está intervindo em nossas vidas de maneiras novas e profundas.

Isto se deve às mudanças surpreendentes na energia, na vibração e na consciência que estiveram ocorrendo nos Corpos Terrestres de cada pessoa, desde o início deste ano.

Desde o nascimento da Nova Terra que ocorreu nos Reinos da Causa em 22 de Dezembro de 2012, a nossa Presença EU SOU esteve elevando a frequência de nossos corpos físico, etérico, mental e emocional exponencialmente.

Isto está acelerando muito a nossa transformação física de seres planetários à base do carbono para Seres Solares de Luz à base do Cristalino.

Agora, a nossa Presença EU SOU está mais acessível do que nunca a nossa consciência exterior.

Isto nos está permitindo a trabalharmos de forma mais tangível com as novas energias da 5ª Dimensão que estão banhando a Terra.

Gostaria de compartilhar algumas informações que estão sendo dadas à Humanidade pela Companhia do Céu em relação às oportunidades que estão nos sendo apresentadas neste momento.

A Intenção Divina destas informações é nos ajudar a aproveitar ao máximo as poderosas energias que irão banhar a Terra durante o Místico Mês de Maio, em 2013.

Maio foi sempre considerado um mês místico por causa das atividades muito poderosas da Luz que ocorrem durante esta época.

Estes eventos são orquestrados por Saint Germain e Mãe Maria. Eu começarei com a atividade de luz de Saint Germain.


O Dia da Ascensão de Saint Germain

O Dia 1º de Maio é conhecido como o Dia da Ascensão de Saint Germain. Neste ano, Saint Germain e as suas Legiões da Chama Violeta, irão abençoar a Terra com um influxo sem precedentes da Nova Chama Violeta Solar Cristalina da 5ª Dimensão.

Esta é uma frequência da Chama Violeta que reflete a Perfeição Infinita de nosso Deus Pai/Mãe.

Neste ano, nós iremos experienciar este Fogo Sagrado nas frequências além de qualquer coisa que já tenhamos sido capazes de receber.

O Mestre Ascensionado Saint Germain muito tem colaborado para trazer o conhecimento da Chama Violeta às mentes conscientes da Humanidade.

Nos Reinos Celestiais, ele é conhecido como o Filho da Liberdade e ele se ofereceu para sustentar a Chama Violeta na Terra em benefício de toda a Vida que evolui aqui.

Em seu serviço exaltado, no Coração de nosso onisciente, onipresente e onipotente Deus Pai/Mãe – o EU SOU Cósmico – Tudo O Que É – Saint Germain é o Guardião da Chama Violeta.

Nesta oitava do Serviço Divino, ele sustenta esta Dádiva de nosso Deus Pai/Mãe para todos os Filhos e Filhas de Deus em todo o universo. Durante este período crítico no Planeta Terra, Saint Germain está trabalhando com o apoio de toda a Companhia do Céu.

Cada Adepto, Avatar, Buda, Santo e Ser Crístico que já viveram na Terra, estão ajudando Saint Germain em seu esforço de ajudar a Humanidade e toda a Vida que aqui evolui, para integrar as frequências da 5ª Dimensão da Nova Terra.

Devido às incríveis mudanças que têm ocorrido com sucesso nos Corpos Terrestres da Humanidade neste ano, somos agora mais capazes do que nunca de assimilarmos frequências mais elevadas da Chama Violeta.

A partir de 1º de Maio, Saint Germain, em uníssono com as Legiões da Luz por todo o Infinito, que estão associadas à Chama Violeta, irão atrair a partir do Coração de nosso Deus Pai/Mãe, as frequências mais intensas da Chama Violeta Solar Cristalina da 5ª Dimensão que a Humanidade e a Mãe Terra são capazes de suportar.

Os Seres de Luz associados a este Fogo Sagrado irão inspirar esta insondável  Chama Violeta na Matriz Divina de nosso Deus Pai/Mãe.

A Inteligência Divina dentro deste Fogo Sagrado esteve esperando pela oportunidade de ajudar a Humanidade a transmutar as nossas criações humanas errôneas novamente para a Luz, desde o impulso inicial de nossa queda da Graça há éons.

Saint Germain e as Legiões da Luz associadas à Chama Violeta se ofereceram para sustentar estas intensas frequências da Chama Violeta Solar Cristalina da 5ª Dimensão pelo resto do ano.

Seu objetivo é ajudar a Humanidade a transmutar a negatividade máxima de nossas criações humanas errôneas, em um tão curto espaço de tempo quanto possível.

Esta purificação acelerada irá ajudar intensamente a preparar o caminho para os padrões da perfeição para a Nova Terra, a serem atraídos em nossas vidas diárias.

A fim de que esta maravilhosa faceta do Plano Divino seja realizada Divina e Vitoriosamente, no entanto, Saint Germain e as Legiões da Chama Violeta devem ter a nossa ajuda.

Em alinhamento com a Lei Universal, o pedido de ajuda deve vir do reino onde o auxílio é necessário.

A fim de que estas poderosas frequências da Chama Violeta se manifestem no plano físico da Terra, elas devem ser atraídas através das Chamas do Coração das pessoas que vivem no plano físico.

Ainda que Saint Germain e as suas Legiões da Chama Violeta estejam empenhados em ser a Porta Aberta para estas frequências incrivelmente poderosas da Chama Violeta, a menos que este Fogo Sagrado seja atraído ao plano físico através das Chamas do Coração dos Trabalhadores da Luz encarnados, nós não teremos acesso ao seu poder de transmutação na Terra.

Isto significa, novamente, que estamos sendo chamados a um serviço mais elevado. Estamos sendo solicitados pelo nosso Deus Pai/Mãe, Saint Germain e toda a Companhia do Céu, isto é, se estivermos dispostos a fazer o esforço necessário para sermos a Porta Aberta, através da qual esta magnífica Chama Violeta entrará no Plano Físico da Terra.

Esta não é uma tarefa monumental.

É simplesmente uma questão de invocar estas novas frequências da Chama Violeta através de nossa Presença EU SOU e decretá-las em ação através das Chamas de nossos Corações.

Na parte inferior deste e-mail eu incluí uma poderosa invocação que foi dada à Humanidade pela Companhia do Céu para nos ajudar a receber o benefício máximo que a Lei Cósmica permita, a partir desta incrível Chama Violeta Solar Cristalina da 5ª Dimensão.

Se esta oportunidade para transmutar as criações errôneas da Humanidade, ressoar em seus corações, por favor, unam-se aos Trabalhadores da Luz ao redor do mundo e invoquem esta Chama Violeta tão frequentemente quanto possível, no interesse da humanidade e de TODA a Vida que evolui neste Planeta.


O TEMPLO DE MÃE MARIA DO CORAÇÃO IMACULADO

Outra coisa muito importante e útil que ocorre durante o Místico Mês de Maio é que o Templo do Coração Imaculado de Mãe Maria, nos Reinos da Luz, está aberto a toda a Humanidade.

Durante o Mês de Maio de cada ano, a nossa Presença EU SOU tem a oportunidade de nos levar a este Templo em nossos corpos mais sutis, enquanto estamos dormindo à noite.

Este pode ser um conceito novo para vocês, mas não há tal coisa como a nossa alma ser inconsciente.

Quando deitamos o nosso corpo para rejuvenescê-lo através do sono, a nossa Presença EU SOU nos acompanha aos Reinos da Luz em nossos corpos mais sutis.

Uma vez que lá estejamos, temos a oportunidade de aprender novas coisas e nos beneficiarmos dos Dons da Luz que estão sendo administrados à Humanidade pela Companhia do Céu.

Se quando vocês forem dormir à noite, pedirem a sua Presença EU SOU para ajudá-los a recordar, quando despertarem, as experiências que tiveram nos Reinos Internos da Luz, gradualmente irão se tornar conscientes do que estão aprendendo durante as suas viagens noturnas.

Neste ano, Mãe Maria, em uníssono com o Aspecto Feminino de nosso Deus Mãe e com todos os Aspectos Femininos da Divindade em todo o Infinito, estão proporcionando à Humanidade uma Dádiva poderosa que irá nos ajudar a transcender os padrões distorcidos e dolorosos da Velha Terra.

Esta Dádiva do Alto nos permitirá integrar e assegurar de forma mais eficaz no plano físico, os padrões da Unidade e da Reverência pela Vida, associados à Nova Terra da 5ª Dimensão.

Mãe Maria disse que esta Intervenção Divina irá nos ajudar a manifestar o nosso recém-criado Renascimento do Amor Divino de forma concreta e profunda.

Durante todo o Mês Místico de Maio, em 2013, quando formos escoltados ao Templo do Coração Imaculado de Mãe Maria, ela irá nos investir com as  frequências de cura mais poderosas do Amor Divino Transfigurado que somos capazes de receber.

Mãe Maria disse que esta Dádiva sem precedentes do Amor Divino Transfigurado, irá curar os corações feridos da Humanidade de maneiras que permitam a cada um de nós, liberar e perdoar a dor e o sofrimento que criamos, seja deliberadamente ou inadvertidamente, ao longo de nossas inúmeras vidas.

A Atividade de Luz de Mãe Maria, que estará trabalhando em harmonia com a Dádiva de Saint Germain das intensas frequências da Chama Violeta Solar Cristalina da 5ª Dimensão, irão nos ajudar a transmutar e a transcender as transgressões passadas da humanidade, das leis do Amor e da Unidade, de maneiras milagrosas.

Um Eclipse Solar da Lua Nova irá abençoar a Terra em 10 de Maio de 2013.

O influxo adicional de Luz que iremos experienciar a partir deste poderoso alinhamento celestial, irá intensificar muito todas as atividades de Luz que ocorrerão durante o mês de Maio.

Este será um momento importante para que cada um de nós redobremos os nossos esforços e para  contribuirmos com a Luz do Mundo, com o aumento das invocações da Chama Violeta.

O Festival da Boa Vontade da Humanidade será celebrado em 25 de Maio de 2013.

O Terceiro Festival da Lua Cheia da Primavera é celebrado na Lua Cheia que ocorre no ciclo do Sol de Gêmeos.

Este Festival é conhecido como o Festival da Boa Vontade da Humanidade.

Durante esta Lua Cheia, o Amor Divino de Cristo e a Sabedoria Divina de Buda, que estiveram construindo a dinâmica desde os dois Festivais anteriores da Lua Cheia, são intensificados e expandidos através dos estratos Mentais e Emocionais da Terra.

Este influxo de Luz melhora a capacidade da Humanidade de unir os nossos corações e mentes com o Coração  e a Mente Divina de nosso Deus Pai/Mãe.

Enquanto este influxo de Luz se adiciona às Dádivas de Saint Germain e de Mãe Maria, a Luz de Deus irá aumentar exponencialmente na Terra.


INVOCAÇÃO DA CHAMA VIOLETA SOLAR CRISTALINA DA 5ª DIMENSÃO.

A CHAMA VIOLETA DE MIL SÓIS

Esta afirmação é afirmada na 1ª pessoa, de modo que vocês experienciem esta atividade de Luz pessoalmente e de forma tangível.

Mas, SAIBAM que vocês estão servindo como um representante no interesse de cada homem, mulher e criança na Terra.

Enquanto vocês invocam esta Dádiva da Chama Violeta para vocês, estão simultaneamente invocando este Fogo Sagrado no interesse de TODA a Humanidade.

Através da Presença EU SOU de cada pessoa, a Chama Violeta responderá em perfeito alinhamento com o Plano Divino de cada pessoa e para o bem mais elevado de todos os interessados. Comecemos…

EU SOU a Presença EU SOU e EU SOU Um com a Presença EU SOU de TODA a Humanidade.

EU SOU a Porta Aberta para as Novas frequências da 5ª Dimensão da Chama Violeta Solar Cristalina que são mais poderosas do que qualquer criação humana errônea.

EU SOU inspirando esta Chama Violeta Solar Cristalina na Chama do meu Coração e EU SOU expirando este Fogo Sagrado através da Chama do meu Coração para abençoar toda a Vida na Terra.

Enquanto eu inspiro a Chama Violeta no plano físico da Terra, através da Chama do meu Coração, Saint Germain e as Legiões da Luz, associadas à Chama Violeta, expandem mais e mais esta Dádiva de meu Deus Pai/Mãe, até que esteja pulsando com o poder e a força de Mil Sóis.

Eu decreto agora que esta extraordinária Chama Violeta transmute instantaneamente as criações humanas errôneas que afetam cada pessoa, lugar, condição ou coisa na Terra, sejam estas experiências dolorosas que foram criadas consciente ou inconscientemente, no passado ou no presente, através da escolha óbvia ou através da responsabilidade cármica.

Eu decreto que a Chama Violeta transmute cada elétron da energia Vital preciosa que esteja de alguma forma bloqueando ou impedindo a manifestação dos padrões de perfeição para a Nova Terra.

Agora, através das Chamas dos Corações de TODA a Humanidade, Saint Germain e as Legiões de Luz que estão associadas à Chama Violeta começam a resplandecer mais, mais e mais a Chama Violeta, com a intensidade e o poder de Mil Sóis, através das criações humanas errôneas da Humanidade, enquanto eu decreto…

Amadas Legiões da Luz associadas à Chama Violeta Solar Cristalina da 5ª Dimensão…

1 – Resplandeçam a Luz de Mil Sóis através dos pensamentos, palavras, ações e sentimentos de cada homem, mulher e criança que evolui na Terra, até que cada pessoa reconheça e aceite individualmente, a Unidade de Toda a Vida, e  que cada expressão seja uma bênção amorosa.

2 – Resplandeçam a Luz de Mil Sóis através de todos os recém-nascidos, filhos, seus pais e guardiões, até que TODA a juventude seja elevada na energia, vibração e consciência para realizar as diretrizes de sua Presença EU SOU.

3 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis através de todos os centros e atividades da juventude; todas as escolas, colégios e universidades; todos os líderes, professores, mestres e instrutores em cada linha de atuação, até que a Iluminação da Chama de Deus seja manifesta e eternamente sustentada.

4 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis através de todos os ensinamentos religiosos e espirituais, até que o Amor Divino, a Verdade, a Tolerância e a Irmandade e Fraternidade universal sejam manifestadas de forma concreta, e que um Renascimento do Amor Divino seja a Nova Ordem do Dia no Planeta Terra.

5 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis através de todos os médicos, enfermeiras, curadores, hospitais, companhias de seguros, conglomerados farmacêuticos, e cada instituição associada à cura de qualquer tipo, até que a Misericórdia Divina, a Compaixão e a Cura, sejam realidades tangíveis para cada pessoa.

6 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis através de todas as instituições bancárias, todos os sistemas econômicos, todo o dinheiro e às pessoas associadas às interações monetárias de qualquer tipo, até que cada pessoa na Terra esteja demonstrando abertamente, verdadeira integridade, honestidade, generosidade, justiça, abundância, e a oferta Divina de todas as coisas boas.

7 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis através de todos os lugares de reclusão e todos os empregados de lá, através de cada instituição correcional e de cada juiz, júri e de cada Tribunal de Justiça, até que a Justiça Divina seja manifestada e eternamente sustentada.

8 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis através de todas as atividades espaciais em todo o mundo, até que cada nação se una em serviço cooperativo, de modo que a Vontade Divina possa ser manifestada com os nossos irmãos e irmãs em todo o Universo.

9 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis através dos corpos físicos, etéricos, mentais e emocionais da Humanidade, até que toda a doença e criações errôneas humanas, a sua causa e essência, sejam dissolvidas e transmutadas em pureza, saúde vibrante e perfeição física.

10 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis através das indústrias de alimentos e de água e através do alimento e da água usados para consumo humano, até que cada partícula de alimento e cada molécula de água sejam repletas de Luz. Permitam que esta substância Elemental eleve a ação vibratória dos corpos físicos, etéricos, mentais e emocionais da Humanidade, até que a perfeição física se torne uma realidade manifesta para cada Ser Humano.

11 – Resplandeçam a Luz de mil Sóis dentro, através e ao redor de cada elétron restante da preciosa energia da Vida, associada ao Reino da Natureza, ao Reino animal, ao Reino Elemental, e ao meio ambiente da Terra, até que TUDO seja purificado e a perfeição da Nova Terra da 5ª Dimensão seja manifestada.

Eu aceito e sei que esta atividade da Chama Violeta foi protegida através da Chama do Coração de cada pessoa pela sua Presença EU SOU. 

Este Fogo Sagrado irá aumentar diariamente e a cada hora, a cada respiração que eu der, até que esta Terra e TODA a sua Vida estejam manifestando a perfeição da Nova Terra. 

E assim é.


A fim de nos ajudar a experienciar a surpreendente beleza e poder da Chama Violeta Solar Cristalina da 5ª Dimensão, Saint Germain inspirou um belo pôster desta extraordinária dádiva de nosso Deus Pai/Mãe.

Saint Germain nos deu uma visão da Chama Violeta Solar Cristalina pulsando com as brilhantes frequências da 5ª Dimensão.

Solar_Violet_Flame__51490.1352841955.1280.1280 (1)

Esta visão foi projetada dos Reinos da Verdade Iluminada e atraída para o plano físico por uma Trabalhadora da Luz chamada Dominique Claire Germain e por uma maravilhosa artista gráfica com quem ela trabalha na França.

Ao nos concentrarmos nesta imagem quando invocarmos a Chama Violeta e tendo a imagem em nossos lares e locais de trabalho, seremos lembrados ao longo do dia que somos a Porta Aberta para esta Dádiva de nosso Deus Pai/Mãe.

Enquanto o esplendor desta Imagem Divina ressoa através de nosso ambiente, experienciaremos uma mudança na energia, na vibração e na consciência que nos ajudará a transmutar rapidamente as nossas criações humanas errôneas.

Isto irá abrir o caminho para a manifestação dos padrões de perfeição para a Nova Terra e o nosso Renascimento do Amor Divino.

Dominique tem direitos autorais sobre o pôster, de modo que ele não seja alterado ou mudado de qualquer maneira.   Se quiserem ter uma cópia deste magnífico pôster da Chama Violeta para abençoar a sua casa ou escritório, ele está disponível em nosso site:

http://eop.mybigcommerce.com/the-new-5th-dimensional-solar-violet-flame-poster/


 

Fonte: Era of Peace | THIS IS A VERY POWERFUL TIME – DON’T MISS IT!
Traduzido por: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

Postado por Gisele Santos da Silva  –  Consciência ESTELAR em 03 de Maio de 2013

Via: Consciência Estelar: ESTE É UM MÊS MUITO PODEROSO – NÃO PERCAM!

NOSSA AMADA MARIA, MÃE DE TODOS NÓS…

mae-maria-chama-trina_claudio-gianfardoni

Mãe Maria – Chama Trina por Cláudio Gianfardoni

MÃE MARIA

Por: Summit Lighthouse do Brasil

Mãe Divina do Ocidente

Da mesma forma que Kuan Yin é reverenciada no Oriente, Mãe Maria é reverenciada como a Mãe Divina no Ocidente. Especialmente na tradição católica, Maria é considerada a mediadora divina. Ela abre a porta para nossa compreensão da encarnação da consciência crística. Como nutriu e cuidou do Cristo em seu filho Jesus, também pode nos ajudar a nos tornar a plenitude do nosso Cristo Pessoal. Assim como manteve o conceito imaculado por Ele, resolutamente ela o mantém por nós.

Podemos considerar Maria como uma verdadeira amiga e irmã mais velha na senda que pode nos guiar e abençoar. Mãe Maria pode ser uma presença tão real em nossas vidas, que podemos convidá-la para entrar em nossas casas, por assim dizer, tomar uma xícara de chá e conversar sobre os nossos problemas, sabendo que ela nos dará o benefício do seu imaculado coração. Podemos estabelecer um relacionamento pessoal com ela, como mãe, e confiar que sua graça e conselho seguramente nos guiarão, se estivermos dispostos a escutar e segui-los verdadeiramente. Algumas encarnações de Mãe Maria.

Nossa Senhora pertence ao Reino dos Anjos. Ela é a alma gêmea de Arcanjo Rafael do Quinto Raio. Maria foi selecionada por Alfa e Ômega para encarnar nos planos da matéria, a fim de dar à luz o Cristo, ou seja, o Verbo encarnado. Foram, portanto, Nossa Senhora e São José que estabeleceram o padrão arquetípico do Cristo para a Sexta Raça Raiz, isto, é para a Era de Peixes.

Ao manifestar dentro da sua alma a plenitude da presença de Deus, como Mãe, ela deu o exemplo da vitória da verdadeira Mulher e da Ascensão do princípio feminino na Era de Peixes. Ela presta serviço no Quinto Raio da Verdade, da concentração, da constância, da ciência, da cura e da precipitação.

Nos primeiros tempos da Atlântida, Maria serviu no Templo da Verdade, onde era uma sacerdotisa do Altíssimo, ali estudando as artes curativas e as leis que governam o fluxo da energia divina dos planos do Espírito para os planos da Matéria. Ela aprendeu que toda doença, degeneração e morte são causadas por impedimentos do fluxo de energia em algum ponto dos quatro corpos inferiores do ser humano, e que este bloqueio de energia resulta do abuso do Fogo Sagrado e do carma negativo. Tendo alcançado um estado de unidade com a Virgem Cósmica, Maria deixou na Atlântida um foco e uma Chama que poderá manifestar-se novamente em uma Era de Ouro, como um centro de cura.

No tempo do Profeta Samuel, Maria foi chamada pelo Senhor para ser a mulher de José e a mãe de seus oito filhos. No cumprimento da sua função de representante do Raio Materno, Maria deu à luz sete filhos, cada um deles representando um dos Sete Raios da Consciência Crística, enquanto o oitavo David representou o Oitavo Raio da Integração. David, o autor dos Salmos, foi uma das encarnações de Jesus Cristo.

Na sua encarnação final, Maria nasceu em Nazaré e foi educada no Templo em Jerusalém; seus pais, Ana e Joaquim, eram iniciados da Grande Fraternidade Branca e seguiam os ensinamentos da comunidade essênia, ensinamentos estes que lhes permitiram tornar-se como “cálices” aceitáveis para a encarnação da Consciência Virginal de Maria. Ana e Joaquim, assim, deram Maria à luz, porque anteriormente já haviam dedicado suas vidas ao cumprimento do Plano Divino. Um anjo do Senhor apareceu-lhes e anunciou o nascimento da Virgem, dizendo-lhes também que a filha daria à luz o Filho de Deus, o qual havia de provar perante as multidões da Judéia as Leis da Alquimia Divina e a possibilidade de o homem ou a mulher cristificados se tornarem Senhores sobre o pecado, a doença e a morte.

A Era de Aquário e a Ave Maria

Esta Era está destinada a ser uma era da expansão e elevação da Luz do Espírito Santo e da Mãe Divina nos indivíduos e na Terra. Podemos invocar a intercessão de Mãe Maria para acelerar esse processo, pela sua intercessão e patrocínio em cada um de nós. Ao adorarmos à Luz da Mãe que Mãe Maria personifica, começamos a absorver sua graça em nossos seres e a elevar a energia da Mãe Divina em nós, do chacra da base da espinha até a coroa.

Uma forma de elevação da Luz pela espinha é a recitação da Ave Maria, ditada por Mãe Maria à Elizabeth Clare Prophet. Podemos repetir a oração quantas vezes quisermos. Meditamos nas palavras, centrados em nosso coração e no coração da Mãe Maria, que nos ajudará a alcançar a plenitude da estatura do nosso Cristo Pessoal, como um filho ou filha de Deus, aqui e agora.

Ave Maria, cheia de graça,
O Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres,
E bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.

Santa Maria, Mãe de Deus,
Rogai por nós, filhos e filhas de Deus,
Agora e na hora da nossa vitória
Sobre o pecado, a doença e a morte
.

Mãe Maria nos instruiu sobre um método especial de nos dirigir a ela e a Kuan Yin, Mãe Divina do Oriente.

“Estou convosco na Ave Maria. Podeis recitá-la alternadamente com o Om Mani Padme Hum, e Kuan Yin e eu teremos uma guirlanda púrpura e esmeralda, uma corda que se torna uma corda salva-vidas, que desce nos abismos astrais. Pegue a corda. Pegue a corda. Agarre a corda da Mãe Divina. Ascenda das profundezas para as Alturas. Isso pode ser feito!”

© 2012 Summit Lighthouse do Brasil


Clique aqui e ouça a Ave Maria

Ave Maria – Artista: Chet Atkins – Álbum: lmost Alone.

 

Fonte: Fraternidade dos Guardiães da Chama | MÃE MARIA